Ubatubices

Doce vida de tio

Sidney Borges
Domingo ensolarado, ótimo dia para passear com a sobrinha de 7 anos e aprender coisas da vida.

- Como vai a escola?

- Vai bem. Aprendi como as pessoas dizem para alguém que está bravo ficar calmo.

- Isso é fácil, basta dizer fique calmo. Ou então, calma aí. Se for mano, manera meu.

- Nada disso tio, gíria é proibido. Esqueci de dizer que foi na aula de Inglês.

- Como é?

- Don't lose your temper.

- Chique.

- Rssssss...

- Não pode ser: don't lose your head?

- Acho que sim, vou perguntar para a professora.

Seguiu-se um longo silêncio enquanto contemplávamos os reflexos solares nas ondulações do mar. Percebi que ela ensaiou bastante até murmurar quando entrávamos na Rua Guarani.

- She lost her head.

Do que você está falando? Quem perdeu a cabeça?

A baleia tio. A professora disse que a vida é assim. Com altos e baixos.

- Você acredita em mula sem cabeça tio?

- Não querida, não acredito, mas os gringos sim, para eles é headless mule.

Headless mule não existe, whale headless sim. Vamos tomar sorvete?

- Boa, o meu de creme e o teu?

- Pássaros ao rum. Rsssss...

Twitter

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Manchetes do dia

Opinião