Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 1, 2006

Do além...

Bomba, bomba.

Ibrahim Suedvia médium.
Litoral de São Paulo - E atenção, um vereador marreteiro foi apanhado com a boca na botija. Surpreendido vendendo óculos contrabandeados o “nobre edil” exclamou:
- Ninguém me avisou que hoje tinha fiscalização!
Heavenews

Ó aqui proceis...

Imagem
corrupto

Paraíso dos Borges

Imagem
Nada se compara ao ambiente de uma livraria, pelo menos para mim

Uma vez perguntaram a Jorge Luiz Borges como ele imaginava o Paraíso. Uma espécie de biblioteca, foi a resposta. Para quem gosta de livros, Ubatuba agora dispõe de uma filial da Nobel. Já era tempo...

Sidney Borges

Boas Festas

Imagem
Os verdadeiros amigos nunca nos esquecem. Acabaram de me enviar esse mimo de Boas Festas. Fico imaginando o que receberei dos inimigos.

Sidney Borges

Oportunidades Perdidas

São de dar pena as oportunidades perdidas de Ubatuba, e principalmente a diferença do nível de vida de nossa população frente a outros Municípios.
O Brasil não esta vivendo um mar de rosas, o próprio presidente Lula, esta perdendo uma grande oportunidade, enquanto China cresce 10% ao ano, Rússia 8%, Argentina 5% e Chile 4%, aqui no país do futuro 2%, Ubatuba não esta longe, não é necessário falar de Caraguatatuba, mas e os outros Municípios, até São Luiz do Paraitinga vai começar cobrar zona azul, de tantos veículos que o visitam no carnaval.
Ubatuba tinha um evento, JOGOS PARAOLÍMPICOS DE UBATUBA, esse evento tinha um apoio pequeno, mas existia da Prefeitura, resultado mais de 200 atletas, mais de 150 inserções na TV Globo, e Ubatuba sendo vista como cidade do bem, que cuida bem de seu povo, agora o Portador de Deficiência não tem mais seu evento principal quebrando 3 anos consecutivos, não tem mais a amendoeira, talvez perca a cruz, afinal diziam que a arvore não iria e foi, e sei lá…

Quiosques em revista

Justiça proíbe mesas em praias de Ubatuba

Uma decisão da Justiça proíbe desde anteontem que os quiosques de Ubatuba (224 km de SP), no litoral norte do Estado, mantenham mesas e cadeiras nas areias das praias para uso dos clientes.A proibição atende a um pedido do Ministério Público, que entrou com a ação após turistas denunciarem que quiosques na cidade estavam cobrando consumação mínima de até R$ 50 dos fregueses para que tivessem o direito a utilizar as mesas e cadeiras na areia.Segundo a promotora regional de Meio Ambiente, Elaine Taborda, o Ministério Público pediu a proibição na Justiça depois que turistas procuraram o Procon para reclamar da cobrança. "Trata-se de uma cobrança ilegal e abusiva. Por causa disso pedimos ao juiz essa punição", disse. Segundo ela, "as areias das praias, que estavam sendo ocupadas pelas mesas e cadeiras dos quiosques, são área pública. Ninguém pode ser obrigado a pagar para permanecer em área pública". A decisão foi do juiz Gerald…

Próxima parada:

Imagem

Pela finada

Miriam Tabarro
Ainda está em tempo de eu expressar meu veemente protesto pelo corte da amendoeira, na praia do Cruzeiro que, segundo um laudo apresentado pela Prefeitura, estava doente, ameaçando o enooooorme número de pessoas que se abrigavam sob ela.
Estranho é que, com as ruas esburacadas, o clima que não ajuda, os quiosqueiros em polvorosa e outros tantos problemas, a atual administração resolveu se dedicar à saúde de nosso verde.Tal iniciativa poderia ser louvável se: a pobre árvore não tivesse o azar de estar onde estava; se, em lugar de assassiná-la resolvessem tratá-la; se esse "exame clínico" tivesse sido feito em outra época, e um monte de outros “se”. Mas a pobre coitada deu o azar de se mostrar "doente" no lugar e momento errados.
O motivo do crime? O assentamento da feira de artesanato (que de artesanato não tem nada), também chamada de “feirinha ripe” que, acho eu, com o devido respeito ao bairro, deveria ser instalada no sertão do Ubatumirim.
A fras…

Não é dando, que se recebe.

Ronaldo Dias
Ubatuba é o que é, pelo que tem. O que tem, tem oferecido e, do melhor. Oferece sua paisagem, suas praias, sua orla, sua Mata, suas cachoeiras, seus rios, suas trilhas, seus mangues, sua fauna, sua flora, oferece enfim, sua natureza. Oferece também seus espaços públicos, suas calçadas, suas ruas, praças, logradouros, oferece e, coloca a disposição de todos seus visitantes, o melhor do seu meio ambiente. A cada ano, a cada final de semana, a cada feriado, a cada temporada, a cada período, nós, moradores, e demais apaixonados por Ubatuba, podemos ver, sentir, perceber e, concluir que, neste caso, não é dando, pela menos desta forma, que se recebe. Quando tudo é dado e oferecido de graça, quem da valor? me digam um exemplo! Quando tudo acabar, não haverá mais o que oferecer. Quem virá? Quem ficará?

E-mails à redação

Senhor Editor,

Venho manifestar minha solidariedade a esse órgão informativo e à sua pessoa, prestigioso jornalista, e indignação contra a atitude arbitrária do representante oficial da Prefeitura Municipal de Ubatuba, que mesmo contra todos os preceitos de preservação do meio ambiente, decidiu abater a amendoeira.
Como freqëentadora dessa cidade, usufruindo das delícias de suas praias, convivendo com moradores simples e amáveis, e indicando-a a diversos amigos que vivem no exterior, já tomei providências no sentido de informá-los sobre o acontecido, indicando outras localidades para passarem suas férias, onde há respeito à natureza e à imprensa.

Maria Aparecida Amalfi Meca Ferraz de Campos,
Assistente social do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

Notícias da Prefeitura

Audiência Pública

A prefeitura de Ubatuba convida a população para a Audiência Pública relativa à Urbanização da Praia Grande, que será realizada no próximo dia 18, na Câmara Municipal, a partir das 19:30h. O objetivo da audiência é mostrar o projeto e discuti-lo com a população.Toda a sociedade local está convidada a participar. PMU


Prefeitura consegue cancelamento de multa e autorização para retirada de rochas no Rio Grande

Obra para facilitar passagem de barcos deverá ser retomada em breve

A Prefeitura de Ubatuba recebeu na última quarta-feira, 4, um comunicado da Coordenadoria de Licenciamento Ambiental e Proteção de Recursos Naturais informando que foi cancelado o auto de infração elaborado em outubro passado por ocasião da tentativa, por parte da prefeitura, da retirada de algumas rochas que dificultam a passagem dos barcos na Foz do Rio Grande. Na ocasião, a Polícia Ambiental impediu a continuidade da obra, que teve início com a retirada de terra e aprofundamento do leito do rio, …

A ADMINISTRAÇÃO JÁ PENSADA

Ernesto F. Cardoso Jr.
Administrar é, em suma, como GERIR e GERAR. No âmbito do GERIR estão as responsabilidades de rotina que ao administrador cabe supervisionar, mas, cuja responsabilidade operacional ele incumbe aos seus diretos auxiliares. No âmbito do GERAR é que se situa a específica arena do administrador, na qual ele deve deixar sua marca pessoal, criativa, inovadora e tanto mais quanto ele se aproxime do topo da pirâmide.
Administrar é ciência seguida de prática e experiência. Este é o ordenamento moderno de todas as profissões técnicas. Em nosso meio, onde o ensino da ciência da administração é relativamente recente, aqueles que amealharam sucesso administrando a seu modo, tendem a valorizar a experiência e prática acima da ciência, invertendo e desorganizando o processo. Nos paises desenvolvidos, onde a pesquisa científica é o mote de seu progresso em todas as áreas, na administração, os cursos de MBA são condição necessária ao ingresso nos altos postos da carreira de Executi…

Absurdos acontecem...

Gerson Florindo
Lembro nestes últimos acontecimentos equivocados do Hotel Jangadeiro, que pelo meu amigo proprietário descaracterizou uma arquitetura antiga, que acredito ser melhor do que a que substituiu, do ponto de vista turístico e histórico. Hoje mais parece uma agência do Unibanco, ou qualquer banco, deste que não é novidade nenhuma e que também não tem nenhum vínculo bom com a historia do Brasil, nem do nosso povo. Depois fiquei sabendo pelos meus conterrâneos mais antigo, que ali também tinha um ranchão de canoa, onde os caiçaras todas as tardes se encontravam, contavam historias, mentiras de pescadores, causos dos seus ancestrais, coisas do nosso folclore, do palco que foi essas ondas verdes no passado, em fim, nesta Praia só existia mesmo era esse ranchão, o resto era só mato.
Acontece que aos poucos e desordenadamente vão acabando com a nossa cidade, não temos mais o caiçara que já esta em extinção, também o jundú, a história e a cultura.
A cidade vai se transformando numa ou…

Sangrando a natureza

Márcia de Pádua
Olá, sou bióloga e moro em Curitiba e em setembro e outubro (2005) estive em Ubatuba e conheci o segundo paraíso, o primeiro fica na baía de Guaraqueçaba - Superagüí, é claro tenho que prestigiar o Paraná, mas pretendo estar novamente aí ainda esse mês, mas, o que tenho a declarar é sobre a matéria que li "Um crime sim senhor": Lutar pelo que se acredita quando poucos respeitam o que acreditamos é uma tarefa árdua, espinhosa. Mas tem lá suas vantagens - quando alcançamos uma pequena vitória, ela se transforma num bálsamo no meio de tanto desequilíbrio. Infelizmente continuam as atrocidades com a natureza que ainda alguns são capazes de ignorar uma vida, pois, não doeu nem sangrou naqueles que não sabem o significado da vida dessa natureza. O que não podemos é desistir de insistir... salvar essas vidas. E continuamos em frente. Abraços.

Quando impera a bestialidade

Fiquei estarrecido ao saber que as amendoeiras da Praia do Cruzeiro foram arrancadas de forma vergonhosa pela municipalidade, tendo a frente da empreitada o fiel escudeiro do Prefeito, que num ato insano agrediu físicamente alguns cidadãos de bem de nossa cidade.
Fica meu repúdio e lamento a esta administração, que tem agido autoritariamente e em benefício de grupos ou apadrinhados que ocupam cargos de comissão, inclusive sendo um deles, sogro e cunhadas do citado cidadão acima.
Hoje um pouco de minhas lembranças morreram com estas amendoeiras; um pouco de nossa bela praia do Cruzeiro, se acabou; um pouco de nossos sonhos viraram pesadelos; um pouco de nossas esperanças, morreram; O nosso resgate, virou desastre e o nosso povo, mais uma vez ficou esquecido e abandonado.
Não precisamos mais de um Super-Homem, e sim de um Capitão Planeta.

Jairo dos Santos
Vereador

PREZADOS SENHORES

Li indignado (no Ubatuba Víbora) a matéria sobre o chapéu de sol da feira hippie.
É um absurdo que isso possa acontecer no início do século XXI.
Um coronelismo e oportunismo que só em terra de ninguém pode acontecer.
Um evento que imaginamos só pode acontecer nas favelas cariocas dos traficantes.
Pensarei duas vezes antes de ir à UBATUBA enquanto esse senhor, - como é mesmo o nome? - for prefeito.

ANTONIO CARLOS FERNANDES, PhD
Professor de Engenharia Naval
COPPE, UFRJ
Universidade Federal do Rio de Janeiro
acfernandes@peno.coppe.ufrj.br

Eduardo César: enganador ou enganado?

Imagem
A árvore abatida, no momento em que era removida. A noite caia...

Luiz Moura

Na quinta-feira, 5, pretendia escrever sobre a suspeita do Ministério Público (MP) no envolvimento de Eduardo César (PL), em um esquema para aprovar alterações na Lei de Uso do Solo beneficiando um empresário do setor imobiliário, em 1999, quando era vereador. O MP denunciou políticos por improbidade administrativa, pediu a perda dos direitos políticos e o ressarcimento do dinheiro recebido com juros e multas. Segundo o promotor Osvaldo de Oliveira Coelho a pena prevista para crime de corrupção passiva é de um a oito anos de reclusão.
Pretendia, mas no dia 4, às 17h46, recebi release em que a Prefeitura Municipal de Ubatuba afirmava ter Geraldo Fernandes Ribeiro do Vale, juiz substituto da 2ª Vara Cível de Ubatuba, concedido naquele dia, o pedido de reconsideração solicitado pela Prefeitura para a retirada de uma amendoeira, na praia de Iperoig (praia do Cruzeiro). Para conseguir esta "vitória" a prefe…

Editorial

Oportunidade perdida

A remoção da amendoeira, que tanta celeuma está despertando e que certamente arranhou o prestígio do senhor E. César, poderia ter sido diferente. Em lugar da batalha técnico-jurídica, aparentemente ganha pela prefeitura, vitória de Pirro, poderíamos ter contemplado uma pacífica e educativa festa ecológica. Preparar eventos dessa natureza demanda experiência. Eu tive o prazer, ou melhor, a honra de dirigir parte da campanha presidencial de Mário Covas, além de ter feito inúmeros trabalhos para políticos do mesmo quilate. Quis a vida que eu viesse passar um período sabático em Ubatuba onde acabei fazendo amigos, poucos é verdade, mas sinceros. Aqui resolvi morar e por esta cidade vou lutar com todas as forças que possuo. O que vou colocar agora será de graça, apenas para mostrar ao senhor E. César que sempre é possível colher dividendos políticos, desde que haja inteligência a serviço. Como diz o ditado, setas lançadas, palavras proferidas e oportunidades perdidas, s…

Sem Palavras

Imagem
Afonso Henriques

Um crime sim senhor

Imagem
Olhe bem para a amendoeira, parece doente? Para onde foi levada?

Herbert Marques
É muito estranho surgir um laudo técnico afirmando que uma árvore aparentemente sã, esteja irremediavelmente comprometida, pondo em risco as pessoas que se acercam dela sem que antes haja uma justificativa para isso. E a justificativa já existia. A construção de uma cobertura que fora deslocada em razão de exigência do Iphan - Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, responsável pelo Casarão do Porto. A árvore precisava sair dali, daí a conveniência de um laudo condenando-a a ser abatida sem piedade.
Este laudo é suspeito, vejamos por quê. Ele foi inserido em pedido de informação determinado pelo Juiz Substituto da 2ª Vara à Prefeitura, em liminar concedida para suspender o corte das árvores daquele local. Foi elaborado por um profissional que responde, como consultor, na Secretaria Municipal do Meio Ambiente da cidade. Não especificou quais razões a árvore estava condenada. E mais, a Prefeitu…

Amém...doeira

Imagem
Enviado por Clélio Coutinho

Sem palavras

Imagem
Enviado pelo arquiteto Gilmar Rocha.

Notícias da Prefeitura

Ubatuba amplia oferta de cursos para geração de renda

Com o sucesso dos cursos de geração de renda realizados em 2005 a Secretaria de Cidadania e Desenvolvimento Social de Ubatuba conseguiu, junto ao Governo do Estado, a ampliação do número de vagas para o município. Das 90 pessoas que eram atendidas no início de 2005, Ubatuba passa a atender este ano mais que o dobro de beneficiários, num total de 190 pessoas.
Neste ano a Secretaria irá implantar novos cursos como os de horta comunitária, corte e costura, tapeçaria, jardinagem e confecção de rede de pesca. “Com o trabalho incansável da equipe da Secretaria, pudemos ampliar o atendimento. Vamos agora oferecer novos cursos inclusive um deles voltado para a comunidade caiçara, como o de confecção de rede de pesca. Creio também que as hortas comunitárias deverão chamar muitos interessados”, disse Kátia Nunes, secretária de Cidadania e Desenvolvimento Social de Ubatuba.
O Programa Renda Cidadã promoveu em Ubatuba no ano de 2005 diversos curs…

Turismo

Ubatuba amplia atendimento ao turista

Shopping no bairro do Itaguá conta agora com Balcão de Informações ao turista

A Secretaria de Turismo da Prefeitura de Ubatuba (SETUR) instalou nesta semana um Balcão de Informações para atendimento ao turista no Shopping Porto Itaguá. O balcão, todo construído em bambu, está localizado ao lado da escada do Shopping. Um estagiário bilíngüe da Setur presta informações ao turista das 18 às 22 horas. Antes desse horário, o turista pode-se dirigir ao Centro de Informações Turísticas, na avenida Iperoig, que funciona das 8 às 18 horas.
Segundo o secretário de Turismo de Ubatuba, Luiz Felipe de Azevedo, o balcão recebe uma média de 150 a 180 visitas por dia. Lá o turista encontra um mapa digitalizado com a localização de todas as praias de Ubatuba, além de folders de hotéis, pousadas, restaurantes e outros tipo de serviço que a cidade oferece. PMU

“Estação Elektro”

“Estação Elektro” estará em Ubatuba neste mês

Em parceria com a Prefeitura de Ubatuba o projeto “Estação Elektro” estará no município de 18 a 21 de janeiro. Ubatuba será a primeira cidade do litoral paulista a receber o evento. O projeto tem como objetivo despertar nas crianças o interesse científico pela eletricidade e ensinar medidas de segurança.
Uma carreta estará estacionada ao lado do Centro de Informações Turísticas, na avenida Iperoig, das 8 às 20 horas, onde monitores estarão explicando a utilização correta da eletricidade. No dia 19, às 19h30, na Associação Comercial de Ubatuba, técnicos da Elektro estarão proferindo uma palestra enfocando questões de segurança com eletricidade. A palestra é voltada diretamente para pessoas que trabalham com atividades que envolvam eletricidade. PMU

Charles Medeiros em ação

Locais autorizados pelo DPRN não são atendidos pela Elektro no Programa Luz Para Todos.

Várias comunidades de Ubatuba encontram-se indignadas com a Elektro em relação a implantação do Programa Federal Luz Para Todos. Segundo moradores, os processos de eletrificação já estão aprovados no DPRN de Ubatuba e a Concessionária ainda não foi ao órgão para verificar os processos e dar andamento ao Programa.
O atual Secretário de Arquitetura e Planejamento da cidade, Rafael Irineu, esteve no DEPRN analisando os pareceres bem como as datas de validade para implantação, Irineu concluiu que alguns processos encontram-se em vias de perderem a validade.
No Ofício nº 106/05 – Equipe Técnica de Ubatuba, onde constam no relatório sintético referente às autorizações, doze bairros que poderiam ter a implantação efetivada. Os bairros autorizados são Sertão do Cambucá – processo 089275, Canto do Estaleiro –processo 089276, Estrada dos Sesmarias – processo 089277, Sertão do Ubatumirim – processo 089279, Sertã…

Governos e mídia. História antiga...

Governo vetou patrocínio a jornal de Casoy

"Insatisfeito com as críticas de Boris Casoy, o governo federal tanto pressionou a Record a intervir no "Jornal da Record" que, em agosto do ano passado, cancelou contrato de patrocínio do Banco do Brasil (BB) ao telejornal.
A informação foi confirmada por várias fontes da Folha na Record, mas a emissora nega, oficialmente, que tenha sofrido pressões. Diz que a justificativa do banco para suspender o patrocínio foi troca de agência de publicidade. A assessoria de imprensa do BB não comentou o assunto.
O Banco do Brasil era, desde 1999, patrocinador do "Jornal da Record". Apontado pelo telejornal como suspeito de ser provedor do esquema do "mensalão", trocou em agosto uma cota de patrocínio de R$ 1 milhão por mês por cerca de R$ 300 mil mensais em inserções avulsas. Como patrocinador, era o único banco a anunciar no "Jornal da Record".
As pressões começaram em 2004, quando o BB comprou ingressos de um s…

Fábula

Imagem
Uma árvore doente deve ser abatida. E todos devem calar.

Diz a lenda que Jesus Cristo andando pelo mundo parou um dia para contemplar o pôr-do-sol e agradecer ao Pai pelo espetáculo grandioso. Na colina que escolheu, um bando de carneiros de corte pastava. Jesus perguntou a um dos animais:
-Vocês se conformam com o destino que os espera?
-Sim, somos carneiros, nascemos assim e assim morreremos.
Antes de partir o Mestre refletiu sobre os homens.
- Há muitos que são como os carneiros, sempre obedecem, sempre se curvam. Triste é o destino deles. Não entrarão no meu reino. Para servir a Deus é preciso coragem. Coragem de dizer não à tirania.

Sidney Borges

“PACTO FEDERATIVO”

Corsino Aliste Mezquita
O Poder Legislativo – Congresso Nacional - está constituído, como todos sabem, por duas câmaras: Senado Federal e Câmara dos Deputados.
O Senado Federal representa os interesses das vinte e sete unidades federadas (26 estados e o Distrito Federal) e todos estão representados por três senadores, totalizando, oitenta e um senadores.
A Câmara dos Deputados é formada de representantes do povo e, os representantes, de cada estado, deveriam ser proporcionais ao número de habitantes. Cada cidadão um voto e, esse voto, com o mesmo valor, como exige o chamado “pacto federativo”. No Brasil esse princípio só é aplicado em parte e, as discrepâncias, entre as representações dos diversos estados são alarmantes e assustadoras. A título de exemplo podemos citar alguns exemplos extremos. A Câmara está formada por 513 (quinhentos e treze) deputados. Representam cento e oitenta milhões de habitantes ou, aproximadamente, trezentos e cinqüenta mil cidadãos cada um. Aplicando, esse cri…

DE “marinha” E DA “MARINHA”

Ernesto F. Cardoso Jr.*
Se há uma coisa geralmente mal definida no noticiário sobre as áreas de faixa de marinha, ou seja, sobre a orla marítima, a persistente confusão entre o termo “marinha” (com “m” minúsculo), ou “área de marinha”, que quer dizer junto ao mar, área limítrofe ao mar e “Marinha”, a Marinha de Guerra.
Ainda recentemente, em notícia sobre o Parque Trombini, em Ubatuba, que ocupa faixa de marinha, confundiam-se novamente as coisas e pelo que se lia, até o próprio proprietário desconhece a diferença, pois, segundo a notícia, o proprietário alegava que estava ali instalado com autorização da Marinha.
As áreas costeiras , ou da orla marítima, constitucionalmente, são propriedade exclusiva da União, ou seja do Governo Federal, sendo definidas, teoricamente, como a faixa da orla marítima de 33 metros compreendida entre a linha da preamar de 1830 e o início da área alodial, a área continental, ou a área interiorana. Podem estas áreas, todavia, passar ao domínio privado, media…

ENGANOS? ENGANADOS & ENGANADORES

Ronaldo Dias
Desdobrei o ESTADÃO de hoje em busca de boas e novas notícias. São as mesmas. O Falastrão, que foi apunhalado pelas costas, mesmo assim continua falando. Destramelado, não para de despejar em nosso olhos e ouvidos, uma quantidade imensa de bobagens. Elegeu-se, por uma somatória de coincidências e, por absoluta falta de opção para "mudar". Ele, é para mim , a encarnação, a prova viva de que tino e, vocação, para política (partidária), não são suficientes, nem mesmo para justificar uma vereança. As necessidades da população crescem em PG. Muito mais, do que a capacidade de compreensão lúdica destes "senhores" que habitam e, constroem esse nosso folclore político. Logo abaixo o atestado de (i) responsabilidade: Dos 93,7 milhões, destinados e previstos no Orçamento Federal para combate as cheias de São Paulo, apenas 2%, isso mesmo, apenas 2% chegaram. Por óbvio, insuficientes e, já são 6 os mortos pelas enchentes. Coisa pouca. A prefeitura de São Paulo a…

Notícias da Prefeitura

Imagem
Eduardo César ao lado de fiéis aliados, discursa na Santa Casa

Prefeitura entrega obras na área de saúde

A Prefeitura de Ubatuba inaugurou, nesta quarta-feira, 4, quatro centros de diferentes tipos de atendimentos à saúde. Entre elas, a entrega da reforma e adequação do Pronto Socorro e Pronto Atendimento da Santa Casa de Misericórdia da Irmandade do Senhor dos Passos de Ubatuba. Foram inaugurados também a Unidade Materno-Infantil e Pronto Atendimento Dr. Affonso de Faria Fraga, o Centro de Apoio Psicossocial e o Centro de Referências e
Especialidades.

Reestruturação na Sala de Urgência

Entre as diversas mudanças realizadas na Santa Casa, a Sala de Urgência passou por uma completa reestruturação. A sala, que antes tinha apenas um leito, uma bomba de fusão e um cardioversor, recebeu cinco novos conjuntos de equipamentos. Além disso, toda a área do Pronto Socorro foi azulejada. Trocou-se o telhado e o piso e melhorou-se a iluminação. As mesas dos consultórios foram substituídas por de granit…

Editorial

Um dia memorável

Ontem foi um dia do qual não esquecerei. Pela segunda vez em minha vida adentrei a uma delegacia como parte envolvida, nas outras dezenas ou centenas de vezes fui em busca de notícias. No primeiro caso reclamei do furto de meu carro. Para acionar o seguro havia a necessidade de lavrar um boletim de ocorrência. Como é do conhecimento dos leitores do Ubatuba Víbora, a Prefeitura está construindo uma cobertura para a Feira de Artesanato da Praia do Cruzeiro, também conhecida como “Feira Hippie”. A obra, que segundo a Prefeitura, foi locada erradamente no início, teria de derrubar uma amendoeira situada ao lado da amendoeira centenária e do Cruzeiro. Sempre me posicionei contra o corte da árvore. Nunca fui contra a cobertura. Abomino a tenda que será erguida e que vai cortar a vista do mar. Para o seguimento da obra a árvore precisava cair. Alguma desculpa para tirá-la haveria de ser dada. Bingo! Exatamente às 17:31h de ontem, recebi um e-mail da Assessoria de Comunicação …

Amendoeira doente

Imagem
Esta foi a última foto da execução. Está um tanto fora de foco, o ambiente estava quente, a árvore derrubada e nada mais havia para fazer. "Consumatus est". Tudo o que eu queria hoje era uma semente mágica, daquelas do Panoramix, o druida gaulês da irredutível aldeia de Astérix. Cada vez que uma árvore era abatida o druida jogava uma semente e nascia instantaneamente outra. Como não tenho esse poder, vou fazer como Idéafix, chorar. Minha vingança será consumada na hora de votar, daqui a três anos. Minha e da maioria dos moradores desta cidade que não estão nada satisfeitos.
Sidney Borges

Amendoeira doente

Imagem
Neste momento algumas autoridades já estavam saindo do controle. Se a árvore estava doente, se era preciso abatê-la, por que o medo da divulgação? Subconsciente culpado? Não é uma afirmação, é uma pergunta.

Sidney Borges

Amendoeira doente

Imagem
Eis o mal cortado pela raiz. Literalmente. Essa criatura nociva recebeu o que merecia. Pérfida, pareceu sã e saudável durante muitos anos, quando na verdade estava ameaçando as nossas pobres criancinhas e alguns velhinhos incautos. O que seria desta cidade se não fosse a vigilância de nossas competentes autoridades?

Sidney Borges

Amendoeira doente

Imagem
Autoridades da cidade estiveram presentes ao abate da criminosa árvore que poderia nos contaminar com o terrivel virus "incompetentes administrativus" de mórbida letalidade. Quem diria, sã até anteontem, de repente a folhuda virou ameaça. Vive-se e aprende-se. Alem da burrice, há outra característica humana que poderia definir o conceito de infinito. Hipocrisia.

Sidney Borges

Amendoeira doente

Imagem
Notem bem a copa desta árvore. Segundo o laudo de um engenheiro da cidade, acatado pela Justiça, ela está doente e deve ser abatida em prol do bem estar comum. As folhas verdes são mero disfarce. A árvore, que aparenta ser frondosa, é na verdade uma impostora. Morte aos impostores.

Sidney Borges

Amendoeira doente

Prefeitura consegue autorização judicial para retirada de amendoeira doente

Geraldo Fernandes Ribeiro do Vale, juiz substituto da 2ª Vara Cível de Ubatuba concedeu nesta quarta-feira, 4, o pedido de reconsideração solicitado pela Prefeitura de Ubatuba para a retirada de uma amendoeira, ou chapéu de sol, na praia do Cruzeiro. A Prefeitura entrou com pedido tendo em vista o laudo que aponta que a árvore está doente, oferecendo riscos à população que transita pelo local. O laudo foi elaborado pelo engenheiro Luciano Pradella, que assessora a Secretaria Municipal de Meio Ambiente.
Antes da reconsideração o juiz havia deferido a liminar impetrada pela Associação em Defesa do Povo Caiçara que solicitava que o corte de duas amendoeiras na praia do Cruzeiro fosse impedido. Com a nova decisão, apenas a amendoeira centenária permanece no local. PMU

“HUMILDADE PORTUGUESA”

Corsino Aliste Mezquita
J.M. Oliveira e Silva, português do Alentejo, viajava, na TAP, para Nova York, em classe executiva. Estava lendo um livro quando sentou, ao seu lado, um americano texano, chapéu e botas de cowboy, contando grandezas e vantagens.
Logo de cara perguntou para o português: O que você faz na vida?
JMOeS respondeu humildemente. Tenho um sitiozinho, lá no Alentejo, e consigo produzir um milhão de litros de azeite de oliva, quinhentos mil litros de vinho, castanhas, frutas e alguns legumes. Todo isso industrializado na propriedade. Nada que se possa comparar com os grandes proprietários americanos.
O texano respondeu. Você tem razão. Eu tenho uma propriedade, lá no Texas, maior que Portugal. Você entende? O português assentiu. Continuou o texano. Tenho um jipe daqueles possantes que faz de tudo. Tem mil e uma utilidades. Você entende? O português assentiu de novo. De manhã cedo pego meu jipe e começo a andar..., andar..., andar... e quando chega o meio dia no consegui cheg…

PRIMEIRA PESSOA

Herbert Marques
Dificilmente falo na primeira pessoa pois entendo que o leitor não tem nada com os aborrecimentos da minha vida. O que ele quer é uma informação, um ponto de vista, que sempre no meu entender deve ser apresentado sem a minha presença como interlocutor. Mas hoje não tem jeito. Fiquei afastado desta coluna há mais de um mês em razão de uma cirurgia que me pôs em repouso absoluto todo esse tempo e com isso, perdi a oportunidade da crítica aos acontecimentos mais marcantes de nossa cidade - arvores do Cruzeiro, a cruz da Exaltação, os quiosques e suas peripécias, a cobertura da feirinha, o corredor das bicicletas e tantas outras mais -, bem como as aberrações do chefe supremo Lula e seus asseclas. Ainda bem que meu editor se desvencilhou com esmero dessas causas, principalmente no corte das centenárias amendoeiras e na destruição do Cruzeiro.
Assim, como matéria requentada é escrita desagradável, vou procurar comentar as coisas novas que deverão acontecer, ou não acontecer,…

O montinho da virada

Imagem
Um montinho é um montinho é um montinho. Este é inodoro...

Luiz Moura
Ele continua lá, como se para provar que é muito grande a chance da administração "de meio expediente", digo, "do resgate", prosseguir no marasmo em que esteve durante o ano de 2005. Existente há mais de 5 (cinco) meses, o montinho de areia (foto acima), entra em 2006 como marco da administração Eduardo César (PL + PT).
Os boatos, como sempre, correm por Ubatuba:
"Os baba-ovos juram de pés juntos que em 2006 a população ubatubense será surpreendida com a quantidade de obras que a Prefeitura patrocinará. Outros afirmam que o PT (Partido dos Trabalhadores) atravancou o deslanche da administração municipal. Os sabujos falam que a estagnação da administração teve como causa principal o orçamento herdado (esquecem que Eduardo César era vereador e aprovou, sem contestação, o orçamento que assumiu em 2005). Correm rumores que Eduardo César está indo para o PFL (Partido da Frente Liberal). Para o parti…

Santa Casa

Imagem
Com os novos equipamentos o atendimento será mais eficaz

Secretaria de Saúde inaugura obras em Ubatuba

Inaugurações acontecem nesta quarta-feira, 4; a principal delas é a reforma e adequação do Pronto Socorro da Santa Casa

A Secretaria Municipal de Ubatuba inaugurará, no próximo dia 4, quarta-feira, quatro centros de diferentes tipos de atendimentos na cidade. Entre as obras maior relevância está a entrega da reforma e adequação do Pronto Socorro e Pronto Atendimento da Santa Casa de Misericórdia da Irmandade do Senhor dos Passos de Ubatuba, que acontecerá por volta das 9:30h. Serão inaugurados também: a Unidade Materno-Infantil e Pronto Atendimento Dr. Affonso de Faria Fraga, o Centro de Apoio Psicossocial e o Centro de Referências e Especialidades.

Santa Casa

Entre as diversas mudanças realizadas na Santa Casa, a Sala de Urgência passou por uma completa reestruturação. A sala, que antes tinha apenas um leito, uma bomba de fusão e um cardioversor, recebeu cinco novos conjuntos de equipame…

Skate em Ubatuba

Best Trick de Skate abre o Super Session Verão 2006 em Ubatuba

Os skatistas que passam o verão em Ubatuba terão no próximo sábado, 7, a oportunidade de participar do Best Trick de Skate, que faz parte do Super Session Verão 2006, que trará eventos para quem gosta de manobras radicais.
A competição no estilo Best Trick divide os skatistas em baterias e dentro de cada bateria todos andam juntos ao mesmo tempo, sendo avaliadas as melhores manobras. Disputado nas categorias feminino, mirim, iniciante, amador e profissional o Best Trick de Skate acontece na pista da praça Trópico de Capricórnio, à partir das 15 horas. Atletas profissionais da Red Nose Shoes farão demonstrações durante o Best Trick de Skate ao som do DJ Célio Lopes e o público concorrerá a diversos brindes. As inscrições para Best Trick devem ser feitas no dia do evento, mediante a doação de dois quilos de alimentos não perecíveis.

A pista

A pista de skate foi inaugurada em 9 de julho de 2002 e leva o nome dos caiçaras João Ser…

Posse na Câmara

Imagem
Romerson (Mico), Charles, Dr. Ricardo e Marquinhos "Tio Sam"

Presidência da Câmara de Ubatuba toma posse

A nova Mesa Diretora da Câmara de Ubatuba, para o exercício de 2006, tomou posse no último dia 1º. A Sessão Solene foi realizada no Plenário da Casa de Leis com a presença de um grande público e todos os vereadores.
Após a abertura da solenidade os membros da nova mesa diretora foram chamados para ocupar seus respectivos cargos. O vereador Dr. Ricardo Cortes (PV), que assumiu a presidência enfatizou que pretende dar continuidade ao trabalho com seriedade e muito empenho, “continuarei investindo esforços em prol da comunidade na criação de projetos que venham atender o interesse da coletividade”, afirmou.
Médico de profissão, o novo presidente está em seu segundo mandato no Legislativo de Ubatuba e já ocupou a cadeira de vice-prefeito de Ilhabela, o que demonstra sua vontade e preocupação em trabalhar pela população.
O vereador Marquinhos Tio Sam (PSC) assumiu o cargo de vice-p…

Paris...

Aos amigos do Ubatuba Víbora, uma pausa para sonhar. Ao entrar no site, não deixe de utilizar a barra de rolagem horizontal, na parte de baixo do navegador!
http://framboise781.free.fr/Paris.htm

Sidney Borges

Charles Medeiros em ação

Imagem
A ponte atende a um dos anseios básicos da comunidade

Ponte do Rio Escuro recebe melhorias

A comunidade do Sertão das Cotias está satisfeita. No último dia 03 seus moradores puderam contar com uma melhoria considerável na ponte de acesso entre os bairros do Rio Escuro e Sertão das Cotias. Desde 2005 as comunidades vinham solicitando ao vereador Charles Medeiros que intercedesse junto ao executivo solicitando a execução da obra.
Charles diz que a realização foi fruto da soma de esforços da Regional Sul e da Secretaria de Obras. A parceria materializou a tão sonhada ponte.
Segundo os moradores, havia preocupação constante com acidentes devido à precariedade em que se encontrava a ponte. Embora havendo uma melhoria significativa, a comunidade aguarda para um futuro próximo uma ponte de concreto. “Assumi um compromisso com a comunidade e hoje ela tem a obra efetivada, gosto de lembrar que as comunidades não pedem muito, apenas o necessário para suprir suas necessidades cotidianas de infra-est…

Cidade refúgio

Imagem
A comunicação visual do município é caótica e vai continuar assim

Luiz Moura
Atendendo a solicitação de Ana Pista, deixarei de nomear como puxa-sacos os aduladores da administração Eduardo César (PL + PT). Por enquanto, serão chamados de baba-ovos.
Ultimamente os baba-ovos vinham insistindo em que eu verificasse o que acontece nos bairros, que constatasse as "maravilhas" feitas pela administração "de meio-expediente", digo, "do resgate", na periferia da cidade. Ingenuamente, atendendo aos pedidos, fui confirmar o que está acontecendo.
Não sei como ainda fazem com que eu caia em estultices como essa! Pelo visto, sou mais lerdo do que penso!
Vi a insegurança dos moradores das áreas congeladas pela administração municipal, o desmazelo evidente encontrado nas vias de circulação, a esperança de mudança que não chega, o... É de cortar o coração...
A agressão ao patrimônio visual impregna o território de Ubatuba. A foto acima, do bairro da Maranduba, mostra o resultad…