Postagens

Mostrando postagens de Agosto 12, 2012

Chuvisco

Imagem
Glasgow, Montana, EUA.

Colunistas

É o sistema, estúpido!
(Da série Capitalismo de Esgoto)

Márcia Denser
Em 1992, James Carville, estrategista da campanha do candidato Bill Clinton à Presidência dos EUA, saiu-se com um dito que ficou famoso: “É a economia, estúpido”. O cientista político Immanuel Wallerstein, em artigo recente publicado pela Esquerda.Net, comenta que, em julho, disseminou-se através dos grandes jornais, dirigentes de bancos centrais e autoridades judiciais que havia um “escândalo” chamado “Libor”. E observa: “Chamar a manipulação da Libor de escândalo é desviar as atenções do fato de que se trata de mais uma forma ‘normal de acumular capital’”. Ora, diante de tais escândalos, deveríamos dizer: “É o sistema, estúpido!”.

Antes disso, poucas pessoas, para além dos iniciados no mundo financeiro, tinham ouvido falar da Libor. Subitamente, ouviu-se que os maiores bancos da Inglaterra, EUA, Suíça, Alemanha, França, e muitos outros países, estavam envolvidos em ações supostamente “fraudulentas”. E não se tratava d…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Disparates de Gabrielli

O Estado de S.Paulo
Revisão, para baixo, dos programas de investimentos; redução das metas de produção; definição mais racional das prioridades; reconhecimento do fracasso de diversos poços, o que implicou o aumento contábil dos gastos; o registro do primeiro prejuízo trimestral em 13 anos. Embora esses fatos decorram do que aconteceu na Petrobrás por vários anos, o público - acionistas e também contribuintes interessados nos resultados da empresa, pois ela é controlada pelo governo - só ficou sabendo deles nos últimos meses.

Sua revelação se deve à atual direção da empresa, presidida por Maria das Graças Foster, no cargo desde fevereiro. No entanto, para seu antecessor imediato, José Sergio Gabrielli, nada mudou na empresa depois da troca de sua direção. O que houve foram apenas adaptações nos projetos de investimentos, em razão de sua "maturação".

É a ideia de continuidade da gestão da Petrobrás que seu ex-presidente tenta defender na entrevista a Thiag…
Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 18 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"PIB avança, mas deverá fechar o ano abaixo de 2%"

Apesar de retomada, governo admite que alta não basta para salvar 2012

A atividade econômica do país cresceu 0,75% em junho em relação a maio, segundo o índice do BC, considerado uma prévia do PIB. O indicador, que teve a maior alta mensal desde março de 2011, sinaliza uma recuperação significativa da economia. O resultado foi comemorado. “Passamos o cabo da Boa Esperança”, afirmou Mantega (Fazenda). Dilma disse que o país começa a reagir aos estímulos. 

O Estado de São Paulo "Governo oferece 15,8% a servidores em greve"

Proposta atende metade das categorias paradas; reunião hoje, decidirá como reajuste será aplicado

O governo apresentou pacote de aumento de 15,8% para 18 categorias de servidores públicos e as paralisações começaram a ser esvaziadas. Após uma semana com negociações em ritmo lento, a nova proposta atende 50% das 36 categorias paradas. Uma nova reunião, hoje, vai dec…

Vida...

Imagem

Coluna do Celsinho

Avanços

Celso de Almeida Jr.
Na semana que vem começa o horário eleitoral gratuito.

Nós, ubatubenses, poderemos acompanhar o tiroteio via rádio.

Ainda não dispomos de televisão para visualizar a performance dos candidatos do município.

Mesmo assim, não escaparemos de assistir, no horário nobre, os recados dos postulantes das maiores cidades vizinhas.

Oportunidade para avaliar quem tem plano de governo.

Quem se expressa bem.

Quem resiste a ataques com serenidade; equilíbrio.

Outros aspectos merecem destaque.

A Justiça Eleitoral tem avançado na gestão.

As regras exigem cada vez mais disciplina e organização dos postulantes.

Isto torna mais evidente quem tem maior preparo para a liderança de um município.

A prestação de contas da campanha também demanda mais rigor.

Há, realmente, o risco de um candidato ganhar mas não levar em função de falhas neste item.

Sem falar na Lei da Ficha Limpa que deixará muito político fora do páreo.

Enfim, a jovem democracia brasileira, aos poucos, vai se firmando.

O aprimora…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O Brasil pisoteado

O Estado de S.Paulo
Não serão tolerados abusos de policiais federais em greve, disse ontem de manhã o ministro da Justiça, José Eduardo Martins Cardozo. Ele prometeu tomar medidas para reprimir as "situações de ilegalidade", mas o País continuou sujeito, durante todo o dia, à truculência dos grevistas em estradas, portos e aeroportos. Pode-se chamar de operação-padrão ou de qualquer outro nome, "mas usar a competência legal para criar obstáculos caracteriza abuso de poder e ilegalidade", argumentou o ministro. Portanto, ele conhece muito bem a situação e, com sua experiência de promotor, está preparado para identificar tecnicamente as violações cometidas pelos participantes do movimento. Com ideias tão claras sobre a questão, poderia ter agido há muito mais tempo para combater os desmandos, mas continua devendo a intervenção e a demonstração de autoridade. O fato é que o governo hesitou, deixou alastrar-se a greve - cerca de 30 categorias estão env…
Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 17 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Relator declara culpados por corrupção Valério e João Paulo"

Para ministro do STF, deputado petista recebeu dinheiro do valerioduto em troca de contrato público

Primeiro ministro a se pronunciar na fase final do julgamento do mensalão, o relator, Joaquim Barbosa, votou pela condenação do deputado João Paulo Cunha (PT-SP), do publicitário Marcos Valério e de dois sócios dele à época. Para o ministro, João Paulo cometeu os crimes de peculato, corrupção passiva (pena de 2 a 12 anos de reclusão para cada um) e lavagem de dinheiro (2 a 10 anos) ao favorecer à agência de publicidade de Valério.

O Estado de São Paulo "Relator vota pela condenação de João Paulo e Marcos Valério"

Primeiro a votar, Barbosa diz que há provas suficientes por corrupção e peculato

O ministro Joaquim Barbosa, relator da ação do mensalão no STF, votou ontem pela condenação dos primeiros réus do processo, o deputado João Paulo Cunha (PT), o empresário Marcos …
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Desatolando o governo

O Estado de S.Paulo
O governo decidiu, afinal, chamar o setor privado para desemperrar os projetos de rodovias e ferrovias previstos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), um sucesso em financiamento habitacional e um fiasco em obras de infraestrutura. Estão previstos investimentos de R$ 133 bilhões, financiados na maior parte pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A mesma solução será tentada, em seguida, para desencantar os investimentos necessários à modernização e à ampliação de portos, aeroportos e hidrovias. Com muito atraso, a presidente Dilma Rousseff pôs de lado alguns preconceitos e decidiu, afinal, recorrer não só a concessões, mas também às Parcerias Público-Privadas (PPPs), já usadas com sucesso em projetos estaduais. Para passar da intenção à prática, no entanto, o governo ainda terá de cuidar das licitações e dos modelos de contratos, pontos fracos da gestão petista.

Para isso, a administração terá de enfrentar mai…
Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 16 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Privatizações de Dilma prometem R$ 80 bi em 5 anos"

Pacote de concessões para dobrar ferrovias e estradas duplicadas divide empresários e é ironizado por oposição

O governo Dilma anunciou pacote de privatizações que pretende, em cinco anos, dobrar a extensão das rodovias duplicadas e das ferrovias em operação. Na primeira etapa, serão duplicados 5.700 km de estradas e construídos 10.000 km de ferrovias, com investimento privado de R$ 80 bilhões. Em 30 anos, a meta é atingir R$ 133 bilhões.

O Estado de São Paulo "Governo muda de rota com plano bilionário de privatização"

Pacote prevê investimentos de R$ 133 bi pela iniciativa privada; efeito será a longo prazo

O governo anunciou ontem o maior pacote de concessões em rodovias e ferrovias já feito no País, no valor de R$ 133 bilhões. A expectativa é de dar impulso à economia a partir de 2013, mas, segundo analistas, os efeitos só deverão ser sentidos a partir de 2014. O BNDES f…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

'O povo não é bobo', lembra-se, Lula?

José Nêumanne
O ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, que é homem de confiança do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o mais próximo auxiliar da presidente Dilma Rousseff, já pontificou que o "mensalão" não terá influências maléficas sobre os candidatos do Partido dos Trabalhadores (PT) nas eleições municipais deste ano. Depois dele, o presidente nacional do partido do governo, Rui Falcão, também menosprezou eventuais prejuízos a seus militantes, porque o brasileiro comum estaria mais interessado na Olimpíada e no arrasa-quarteirão das 9 da noite na Globo, a telenovela Avenida Brasil. Um pode ter razão; o outro, não.

De qualquer maneira, se ambos raciocinam de forma correta, perde qualquer sentido a cruzada de Lula tentando convencer ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) a adiar o julgamento a pretexto de não "contaminar" o processo eleitoral. Ainda que se acredite na versão do e…
Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 15 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Novos dados ruins fazem MEC mudar ensino médio"

Ministério quer reduzir número de matérias para tentar melhorar aprendizado

O governo federal quer reduzir o número de disciplinas no ensino médio público após a divulgação dos resultados de 2011 do Ideb, o índice que mede o desempenho da educação básica. Segundo os dados, o aprendizado continua em patamar baixo e a pequena melhora verificada nos últimos anos estagnou.

O Estado de São Paulo "Educação avança no País, mas aluno aprende pouco"

Índice do MEC aponta que nota melhora com menos repetência; ensino médio piorou em alguns Estados

O índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) divulgado pelo MEC mostra que o Brasil obteve avanços nos primeiros anos do ensino fundamental, mas o ensino médio apresentou piora em oito Estados e no Distrito Federal, apesar de a meta nacional ter sido atingida. Em outros 12 Estados, a meta não foi alcançada. Com o aumento na progressão d…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O difícil resgate da Petrobrás

O Estado de S.Paulo
A presidente da Petrobrás, Graça Foster, deu mais um passo, nesta segunda-feira, para racionalizar a administração da empresa, reconduzi-la a seus objetivos originais e resgatá-la da condição de instrumento a serviço dos objetivos político-partidários do grupo governante. A companhia, disse a executiva, continuará empenhada em elevar a participação da indústria local em seus projetos, mas "com excelência, competitividade e melhores prazos". Se essa atitude for para valer, a consequência será a prioridade à eficiência, com abandono do voluntarismo, da demagogia e do irrealismo adotados como cartilha pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Mas essa é apenas a hipótese mais otimista. O discurso da racionalidade, ouvido a partir da troca de comando na estatal, poderá ser desmentido pelos fatos, se fraquejar o apoio do Palácio do Planalto ou se a execução do programa preservar os padrões seguidos até agora na impropriamente cham…
Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 14 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Lula ordenou esquema, diz defesa de Jefferson"

Contrariando cliente, advogado afirma que petista seria ‘pateta’ se não soubesse

A defesa do ex-deputado e presidente do PTB, Roberto Jefferson, delator do mensalão, afirmou aos ministros do Supremo que o ex-presidente Lula não só sabia como foi o “mandante” do esquema. Lula não comentou. O advogado Luiz Corrêa Barbosa disse que Lula teria de ser “pateta” para não saber do mensalão e que ele não é um dos investigados porque o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, “não fez o seu trabalho”.

O Estado de São Paulo "Advogado de Jefferson diz que Lula ordenou mensalão"

Segundo Corrêa Barbosa, ex-ministros indiciados seriam apenas auxiliares do então presidente

O advogado Francisco Corrêa Barbosa, que defende o presidente do PTB, Roberto Jefferson, sustentou ontem ao Supremo que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva “ordenou” o mensalão. O advogado do ex-deputado, pivô do e…

Pitacos do Zé Ronaldo

Imagem
Tem gente se empenhando!

José Ronaldo dos Santos
O final de semana foi muito bom: começou com a V Mini Olimpíada, na escola Maria Salete, passou pela Festa do Folclore, na escola Semíramis (Saco da Ribeira) e pelo Baile do Cachorro Louco, na Associação dos Aposentados. Coroando tudo, terminamos num Dia dedicado aos Pais. (Bem cedo eu estava tomando café com o meu).

Na escola Salete, do Perequê-açu, eu pude ver uma iniciativa que deveria ser projeto contínuo em todas as escolas. Ou seja, a geração presente e as futuras devem, desde a mais tenra idade, receber estímulos para terem corpos sadios e uma autoestima elevada. Agradeço à diretora Carmen e aos demais participantes do projeto pelo convite à Academia Nunes de Karatê.

Na escola do Saco da Ribeira, foi gratificante presenciar o empenho dos professores nas diversas oficinas folclóricas e nas apresentações. Há um bom tempo eu não assistia os mais jovens representando a Puxada de Rede. Parabéns ao professor Nerci e a todos que batalharam …

Arte

Imagem
Barcelona - Paseo de Gracia

Colunistas

JP Morgan & Canalhas Associados: detonando valores humanos

“Enquanto na Europa e nos Estados Unidos a economia real se afunda numa profunda recessão, os bancos subverteram a vontade popular através do lobby”

Márcia Denser
Mesmo após a tremenda crise de 2008 e de ter virado até piada de desenho animado hollywoodiano (em Meu Malvado Favorito, o JP Morgan é o banco que empresta dinheiro para os bandidos e no qual se entra sugestivamente pelo banheiro),

o capitalismo financeiro de esgoto continua a mil, detonando o dinheiro do contribuinte – que o “salvou” do dilúvio há cinco anos – e tome mais ajustes estruturais e mais “austeridade” (para quem,cara pálida?), mais desregulação, mais cortes de programas sociais e mais desemprego ou subemprego ou exclusão de mão-de-obra excedente ou os três. E novamente só pra favorecer o sistema financeiro. (Cruzes! Parece piada. E daquelas que mordem o rabo).

A economia mundial enfrenta o risco de uma nova queda e a crise atual poderá ser apenas o preâmbu…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Prioridades equivocadas

O Estado de S.Paulo
Em resposta a um dossiê preparado por professores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), propondo a transferência da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH) da periferia de Guarulhos para São Paulo, o Conselho de Assuntos Estudantis da instituição aprovou moção favorável à permanência da unidade no local onde está instalada - o Bairro dos Pimentas, uma região pobre, violenta e com problemas de acesso por transporte público.

No dossiê, os professores afirmam que o câmpus da EFLCH é geográfica e culturalmente isolado, não trazendo perspectiva de progresso para a região. Além disso, dizem eles, a má localização prejudica a integração dos cursos de graduação e é um dos fatores responsáveis pela alta evasão de alunos, o que compromete os esforços da Unifesp para atingir as metas de produtividade e os padrões de excelência estabelecidos por seus órgãos colegiados. Ao refutar esses argumentos, o Conselho de Assuntos Estudantis …
Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira, 13 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Verba para esporte cresceu; resultado, não"

País aumenta investimento em R$ 100 mi e obtém 1 prata e 1 bronze a mais

Após investir R$ 100 milhões a mais, o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) teve como retorno só duas medalhas a mais do que em Pequim: 17. O governo esperava entre 18 e 23.0 país ficou em 22° lugar, e os EUA voltaram a liderar o ranking.

O Estado de São Paulo "Crise leva empresas a adiar investimentos de US$ 95 bilhões"

Só na Petrobras revisão foi de US$ 50 bi; retomada deve começar no final do ano

A desaceleração da economia brasileira e a crise externa fizeram com que, nos últimos dois meses, tenham sido suspensos ou adiados US$ 95 bilhões em investimentos. Somente a Petrobras revisou projetos com orçamento de mais de US$ 50 bilhões. Para Fernando Puga, do BNDES, os adiamentos refletem a oscilação do cenário mundial mas, até o final do ano, voltará a haver crescimento acima do PIB. “O primeiro trimestre vai fa…

Arte

Imagem
Bacco
Caravaggio
Michelangelo Merisi nasceu em 29 de Setembro de 1571 na pequena aldeia lombarda de Caravaggio, cujo nome depois adotou e morreu em Porto Ercole, comuna de Monte Argentario no dia 18 de Julho de 1610. Aos 12 anos, seu pai, mestre de obras, o inscreveu no ateliê de Simone Peterzano, um modesto pintor que se intitulava "discípulo de Ticiano". Por volta dos 15 anos, Caravaggio foge para Roma, onde passa de um ateliê a outro e troca inúmeras vezes de protetor. Suas primeiras obras conhecidas mostram independência em relação à representação católica tradicional e causaram escândalo, gerando conflito com os cânones artísticos da época e dividindo o público entre admiradores e inimigos.
Narciso
Considerado tanto fascinante quanto turbulento, o artista estava sempre envolvido em duelos e discussões. "Não sou um pintor valentão, como me chamam, mas sim um pintor valente, isto é, que sabe pintar bem e imitar bem as coisas naturais", disse Caravaggio perante o tri…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O Brasil e a seca nos EUA

O Estado de S.Paulo
A seca nos Estados Unidos prenuncia mais uma fase de preços altos para os alimentos, com perspectivas de bons ganhos para os exportadores e de graves dificuldades para as economias pobres e dependentes da importação de comida. Um dia depois de anunciada no Brasil a maior safra de grãos e oleaginosas de todos os tempos, o governo americano confirmou grandes perdas nas lavouras de soja e milho. A longa estiagem, excepcionalmente severa, afeta mais de 60% do país e a maior parte das regiões agrícolas. O mercado reagiu imediatamente às novas estimativas, divulgadas na sexta-feira pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, com indicações de redução dos estoques na temporada 2012-2013. A piora das condições de oferta de soja e milho poderá afetar também os mercados de outros produtos, porque será preciso recorrer a substitutos principalmente para a produção de rações e de etanol.

O Brasil será um dos países em condições de aproveitar as o…
Imagem