Postagens

Mostrando postagens de Junho 29, 2014

Dominique

Imagem

Opinião

Mais energia para a inflação

O ESTADO DE S.PAULO
Mais um sinal de alerta para a inflação acaba de soar no mercado. Os consumidores, principalmente os de baixa renda, estão mais pessimistas que o pessoal do mercado financeiro e das consultorias quanto à evolução dos preços até o meio do próximo ano. Segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV), os consumidores projetam uma inflação de 7,4% para os 12 meses até junho de 2015. Para o mesmo período, a mediana das projeções do mercado ficou em 5,91% na pesquisa Focus do Banco Central (BC) divulgada na última segunda-feira. Essa pesquisa é realizada semanalmente com cerca de 100 economistas do mercado financeiro e de consultorias independentes. Os cálculos do BC para os 12 meses até o meio do próximo ano apontam uma alta de 5,9% para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), usado como referência para a política monetária. Como a expectativa é considerada um fator inflacionário pelos especialistas, o ministro da Fazenda e os dirigen…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 05 / 07 / 2014

Correio Braziliense
"A dor que calou nossa alegria"

Brasil celebrava a classificação às semifinais, após os 2 x 1 contra a Colômbia, quando explodiu como uma bomba a notícia de que Neymar havia fraturado uma vértebra. Atingido por uma joelhada nas costas pelo lateral-direito Zuniga, aos 4l minutos do 2° tempo, o maior atacante brasileiro da atualidade está fora da Copa. Uma onda de tristeza invadiu o país. Na terça-feira, será a primeira vez que, sob o comando de Felipão, a Seleção jogará sem o craque da camisa 10. E justamente diante do mais forte adversário neste Mundial: a Alemanha. Em 1962, o Brasil ficou desfalcado da genialidade de Pelé, também contundido. Mas conquistou o título. Está na hora de repetir a façanha.


Folha de S. Paulo
"Brasil vai à semifinal, mas Neymar está fora da Copa"

Equipe de Felipão bate a Colômbia por 2 a 1 com gols de zagueiros; atacante sofre fratura em vértebra

Na sua melhor partida nesta Copa do Mundo, o Brasil vence…

Libélula

Imagem

Coluna do Celsinho

Pós Copa

Celso de Almeida Jr.

Em poucos dias, terminará a Copa

Alegrias e tristezas, tudo passará.

Na lembrança, os melhores momentos.

Pois é...

Em campo, entrará a disputa eleitoral.

No pós Copa, até o início da propaganda eleitoral gratuita na tv e no rádio, em 19 de agosto, há um intervalo considerável.

Neste período, também, os governos não podem contar com propagandas institucionais e outras vantagens.

Eis a hora para testar a capacidade dos candidatos em ocupar espaço nas mídias.

Conferir a conduta.

Avaliar a criatividade.

Em tempo de redes sociais, muita coisa acontecerá por este caminho.

Mas, chamar a atenção da grande imprensa, com posturas diferenciadas, não será tarefa fácil.

Com a palavra, os candidatos e seus estrategistas.

Visite: www.letrasdocelso.blogspot.com

Twitter

Dominique

Imagem

Opinião

O abuso da maioria

O ESTADO DE S.PAULO
Incomodado, o Planalto usa de todos os meios para tentar conter a repercussão das denúncias envolvendo a Petrobrás e abusa de sua maioria no Congresso para barrar qualquer investigação mais séria sobre a estatal nas duas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) - a do Senado e a mista -, cujo desenrolar é um contínuo atropelo da transparência, como se viu nas sessões de quarta-feira.

A Constituição estabelece que, para a instauração de uma CPI, basta que a proposta tenha o apoio de um terço de uma Casa legislativa. É um mecanismo para evitar que a maioria bloqueie investigações de interesse público. Foi com base nesse dispositivo que, em abril, o Supremo Tribunal Federal (STF), por meio de decisão liminar, determinou que o campo de investigação da CPI da Petrobrás fosse "apenas" as denúncias relativas à estatal de 2005 a 2014, conforme proposta de senadores da oposição.

A decisão do STF parecia pôr fim a uma batalha política, na qual o P…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 04 / 07 / 2014

Correio Braziliense
"Chegou a hora de abater o condor"

No voo rumo ao hexa, a seleção canarinho enfrenta hoje uma surpreendente Colômbia, às 17h, em Fortaleza. Nunca, o adversário que tem um condor como símbolo no brasão nacional, chegou tão longe numa Copa do Mundo.


Folha de S. Paulo
"Obra inacabada da Copa desaba e mata 1 em BH"

Acidente em viaduto a 6 km do estádio Mineirão deixa 22 pessoas feridas

A queda de um viaduto em construção causou a morte de ao menos uma pessoa e feriu 22 em Belo Horizonte. A seis quilômetros do Mineirão, a obra na zona norte da cidade integra o pacote de mobilidade urbana da Copa e não ficou pronta a tempo para o Mundial. Quatro veículos foram atingidos. A motorista de um micro-ônibus que passava sob o viaduto morreu esmagada. Presume-se outra morte: a do condutor de um carro, não localizado até a conclusão desta edição. Dois caminhões da obra, desocupados, foram prensados. Responsável pela obra, a construtora Cow…

Dominique

Imagem

Opinião

Educação virou bandeira política

O ESTADO DE S.PAULO
Alertada por assessores de marketing político da necessidade de bandeiras fortes na área da educação na campanha, a presidente Dilma Rousseff anunciou a continuidade do programa Ciência sem Fronteiras, entre 2015 e 2018, determinou a ampliação do crédito educativo para a pós-graduação, por meio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), e lançou a segunda etapa do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

O programa Ciência sem Fronteiras foi criado há três anos para oferecer bolsas de estudo no exterior, com financiamento público e da iniciativa privada. Mas sua implementação foi feita sem planejamento, com a concessão de bolsas para estudantes que não falavam inglês e não tinham condições de acompanhar os cursos. Por isso, a iniciativa privada se desinteressou pelo projeto e Dilma anunciou que o governo bancará todas as bolsas.

Já a nova versão do Pronatec - batizada de Pronatec 2.0 e muito ambiciosa, pois …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 03 / 07 / 2014

Correio Braziliense
"A capital do Brasil não é Buenos Aires, mas..."

Mais de 100 mil argentinos devem invadir Brasília para apoiar Messi & Cia, sábado, às 13h, contra a Bélgica. A Polícia Federal vai reforçar a segurança e monitorar os barra-bravas, os temidos torcedores do país vizinho.


Folha de S. Paulo
"Copa melhora o humor do país, e Dilma cresce"

A Copa mudou o humor dos brasileiros e beneficiou a presidente Dilma (PT) na corrida presidencial, aponta pesquisa Datafolha realizada na terça (1) e na quarta (2) com 2.857 eleitores. Na pergunta estimulada, Dilma tem 38% das intenções de voto, ante 34% no levantamento anterior, de junho. Na espontânea, a petista cresceu de 19% para 25%. A margem de erro é de dois pontos percentuais. Em segundo lugar está o senador Aécio Neves (PSDB), que oscilou de 19% para 20%. O ex-governador Eduardo Campos (PSB) foi de 7% para 9%. Pastor Everaldo, candidato do PSC, manteve-se com 4%.


Twitter

Dominique

Imagem

Opinião

É só mais do mesmo

JOSÉ NEUMANNE - O ESTADO DE S.PAULO
Antes de se lançar candidato à Presidência da República, o então governador de Pernambuco e presidente nacional do Partido Socialista Brasileiro (PSB), Eduardo Campos, defendia em conversas com interlocutores políticos a teoria de que era preciso que os políticos de depois da redemocratização se unissem para fazer uma reforma de verdade na gestão pública. O exemplo mais próximo que encontrava para apontar como possível aliado era o do senador tucano mineiro Aécio Neves, já então tido como inevitável candidato do maior partido de oposição contra a reeleição da petista Dilma Rousseff. A hipótese de uma união entre os dois ainda parecia plausível quando Campos abriu fogo contra o governo de que fora aliado para tornar viável a própria candidatura. Hoje a proposta sumiu de cena e não está afastada a possibilidade de o socialista apoiar a petista num eventual segundo turno.

O simples fato de os dois candidatos à mudança radical no comando…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 02 / 07 / 2014

Correio Braziliense
"Presidente Hollande reafirma princípios após indiciamento de Sarkozy"

O ex-presidente conservador Nicolas Sarkozy foi indiciado na madrugada de quarta-feira (1°/7) por corrupção ativa

Paris - O presidente francês François Hollande recordou nesta quarta-feira (2/7) os princípios de "independência da justiça" e de "presunção de inocência", em referência ao indiciamento do antecessor Nicolas Sarkozy, afirmou o porta-voz do governo, Stéphane Le Foll. Ao fim da reunião semanal do conselho de ministros, François Hollande "recordou que, desde o início de seu mandato, as duas regras, os dois grandes princípios nos quais se apoia sua ação são a independência da justiça e a presunção de inocência", declarou o porta-voz.

Folha de S. Paulo
"FBI e PF investigam fraude em boletos de 34 bancos"

Quadrilha usa vírus para desviar dinheiro em pagamentos pela internet

A Polícia Federal e o FBI investigam quadrilha…

Dominique

Imagem

Opinião

Desastre nas contas públicas

O ESTADO DE S.PAULO
A situação desastrosa das contas públicas agravou-se em maio com um déficit primário de R$ 11,05 bilhões, o pior resultado para o mês e o segundo pior de toda a série oficial, superado somente pelo rombo de R$ 20 bilhões em dezembro de 2008, no começo da crise global. Só um otimismo extraordinário permite apostar, neste momento, no resultado prometido para o ano, um superávit primário de R$ 99 bilhões para todo o setor público - União, Estados, municípios e companhias estatais. O resultado de cinco meses ficou em R$ 31,48 bilhões, 32,62% menor que o de igual período de 2013. Será preciso multiplicar o acumulado de janeiro a maio por pouco mais que três para alcançar a meta fixada para 2014. O superávit primário é destinado ao pagamento de juros da dívida pública, mais precisamente, de uma parte dos juros, porque uma fatia dos compromissos é sempre rolada.

O resultado obtido em 12 meses, um saldo primário de R$ 76,06 bilhões, ficou em 1,52%…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 01 / 07 / 2014

Correio Braziliense
"Contas públicas têm pior maio da história"

O governo acelerou os gastos, para inaugurar obras antes das restrições eleitorais, e afrouxou o esforço fiscal para pagamento de juros da dívida. Com isso, as contas do setor público (União, estados, municípios e estatais) fecharam no vermelho em R$ 11 bilhões. Pior só em dezembro de 2008, no auge da crise mundial.

Folha de S. Paulo
"Câmara de SP aprova Plano Diretor"

Após pressão de sem-teto, vereadores dão aval às diretrizes para a cidade por 44 votos a 8; texto vai à sanção de Haddad

Por 44 votos a 8,a Câmara Municipal aprovou o Plano Diretor da cidade de São Paulo, que define as diretrizes urbanísticas de como a capital paulista deve crescer nos próximos 16 anos. A espinha dorsal do novo Plano Diretor é incentivar a construção dos maiores edifícios ao longo dos eixos de transporte público, como os corredores de ônibus e as estações de metrô e trem.

Twitter

Inseto

Imagem

Pitacos do Zé

O prazer é o fim

José Ronaldo dos Santos
Quem se desloca de sua casa para um local de festa é porque quer viver as emoções daquela festa. O inverso é tão verdadeiro quanto: quem se afasta de um local assim é porque deseja outra modalidade de prazer, uma paz para a alma.

A introdução acima é só para entender - repensar! - uma situação atual que tende a continuar: o excesso de barulho (som altíssimo) na Festa de São Pedro e outras realizadas na Praça de Eventos, na avenida da cidade (Ubatuba- SP).

Um amigo do Perequê-açu, bem distante dali, xingava muito por esses dias por não conseguir descansar devido ao barulho. A amiga Lúcia, moradora do centro da cidade, também se lamentou por ter dormido só depois de altas horas da madrugada. O Ivan, um italiano que adotou a nossa cidade há anos, desabafou assim: “De lá do Itaguá, onde moro, tinha-se a impressão que o barulho era no nosso quintal. Cadê a lei que rege a potência do som no município? Ela vale para quem?”.

Ontem, 29 de junho, mesmo estand…

Dominique

Imagem

Opinião

Um governo a serviço do PT

O ESTADO DE S.PAULO
É grave a informação segundo a qual um funcionário da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República pretendia elaborar uma lista de prefeitos do PMDB do Rio de Janeiro que aderiram à candidatura presidencial de Aécio Neves (PSDB). Não se pode aceitar que um servidor público trabalhe na coleta de informações com o óbvio objetivo de municiar a campanha da presidente Dilma Rousseff (PT), ainda mais quando se trata de dados sobre dissidentes da coligação governista. O espantoso caso constitui mais um exemplo de como os petistas confundem seu partido com o governo - além de revelar as táticas pouco republicanas do PT contra aqueles que ousam desafiá-lo.

Conforme informou o jornal O Globo (26/6), Cássio Parrode Pires, assessor da Secretaria de Relações Institucionais, enviou um e-mail à assessoria de imprensa do PMDB fluminense solicitando a lista de presença do almoço de lançamento da aliança entre o governador peemedebista Lu…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira, 30 / 06 / 2014

Correio Braziliense
"Material didático inadequado prejudica ensino de idiomas na rede pública"

A Copa do Mundo evidenciou o baixo nível de fluência da população

A Copa do Mundo levou setores como hotelaria, comércio e segurança a investir em aulas de inglês para os funcionários e trouxe a constatação de que a língua estrangeira é um problema para a maior parte da população brasileira. Na rede pública, o ensino do idioma enfrenta várias dificuldades. O verbo to be é repetido ano após ano durante a etapa fundamental. Na última série do ensino médio, escolas de algumas regiões preferem focar na leitura. Ainda assim, os estudantes que têm interesse em aprender efetivamente a língua precisam, em geral, procurar cursos especializados.

Folha de S. Paulo
"Após 1 ano e meio, gestão Haddad é aprovada por 17%, diz Datafolha"

Prestes a completar um ano e meio de mandato, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), continua mal avaliado pela população

P…

Dominique

Imagem

Opinião

Dunquerque e o aprendiz de feiticeiro

OLIVEIROS S. FERREIRA - O ESTADO DE S.PAULO
O quadro eleitoral de São Paulo é rico em lições. A trajetória política de Paulo Skaf evidencia que a indústria paulista não tem medo do futuro. Ou comprova a tese de Oliveira Vianna sobre a desorganização da sociedade brasileira. A aliança PSDB-PSB mostra o que é a política brasileira do ponto de vista ideológico: "Meu pirão primeiro". É o "pântano". E os mosqueteiros do rei se lançam contra o Decreto 8.243, enquanto Richelieu comanda o processo.

Não hesitei em formar com os que viram no D8243 a criação de um grande soviete. Haveria outra explicação? Talvez. Vejamos. No processo russo, os sovietes eram criação espontânea que bolchevistas, menchevistas e socialistas-revolucionários tentavam controlar. Se a ação dos nossos mosqueteiros segue isolada e o desinteresse político da indústria permite pensar que tudo vai bem, qual o projeto do PT que comove tantos liberais? Por que temê-lo, se …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Domingo, 29 / 06 / 2014

Correio Braziliense
"Com o coração na mão"

Foi sofrido. E a agonia durou até a última cobrança do Chile, que bateu na trave de Julio Cesar. Não apenas por esse golpe de sorte, mas também pelos dois pênaltis defendidos, saiu do Mineirão um goleiro aclamado e extremamente emocionado. Lágrimas de redenção para quem busca afastar o estigma de vilão do último Mundial. Diante do placar de 3x2, sobrou comemoração ao Brasil, mas, não há como negar, faltou futebol. 


Folha de S. Paulo
"Júlio César e trave salvam Brasil de vexame em casa"

Time de Felipão faz contra o Chile a sua pior partida, mas, nos pênaltis, avança às quartas de final graças ao goleiro

Após empate de 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação no Mineirão, a seleção venceu o Chile por 3 a 2 nos pênaltis e passou para as quartas de final da Copa. Destaque, o goleiro Júlio César, 34, defendeu duas cobranças. 0 chileno Jara chutou na trave o último pênalti. 0 travessão já havia salvado o Brasil na…