Postagens

Mostrando postagens de Setembro 16, 2012

Altura! Quem tem medo?

Imagem
Trabalhadores no Rockefeller Center, 1932

Colunistas

Povo descartável e idiota

“A posição política dos dois partidos americanos é clara: se você não é o 1%, você é descartável. E idiota”

Márcia Denser
Um artigo de Paul Craig Roberts aborda as eleições americanas deste ano com uma ironia devastadora, a começar pela provocação do título. Diz ele que se as convenções de partidos nos EUA valessem nota de 1 a 10 por inteligência e sensibilidade, daria zero à republicana e 1 à dos democratas: cruzes, como os EUA podem ser “a única superpotência mundial”, se os dois principais partidos políticos ignoram completamente o que acontece em casa e no mundo?

Os republicanos esperam vencer impulsionados por quatro anos de propaganda anti-Obama e suas máquinas de votar eletronicamente programadas e jamais fiscalizadas. Ininterruptamente, durante quatro anos, agentes dos republicanos inundaram a internet com retratos de Obama em que ele foi representado como “‘cidadão estrangeiro”, não norte-americano; como muçulmano (apesar de Obama ter passado quatro anos…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O revisor revê sua posição

O Estado de S.Paulo
A tendência natural da imprensa é a de ressaltar como fica, a cada sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), a situação dos réus do mensalão, com as condenações que já possam ter-se acumulado nos pareceres do relator do processo, Joaquim Barbosa, do revisor, Ricardo Lewandowski, e nas ainda poucas decisões tomadas pelo pleno da Corte. A cobertura do 26.º dia dos seus trabalhos, na quinta-feira, por exemplo, destacou que Barbosa concluiu a leitura do seu voto sobre as condutas dos incluídos no "núcleo político-publicitário", condenando por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e, eventualmente, formação de quadrilha 10 dos 11 políticos e operadores partidários acusados de terem recebido vantagem indevida do esquema de Marcos Valério, a mando do então tesoureiro petista Delúbio Soares. Apenas um ex-assessor do PL (hoje PR) saiu livre das três imputações.

O noticiário também salientou o contraste entre a severidade do relator e a pro…
Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 22 / 09 / 2012

Folha de São Paulo
"Comitiva da Rio-16 furtou documentos de Londres-12"

Dez brasileiros foram demitidos após britânicos exigirem providências

Funcionários do comitê organizador da Rio-2016 foram demitidos por furtarem informações confidenciais do comitê de Londres-2012 durante a Olimpíada. O conteúdo dos arquivos subtraídos da área de tecnologia não foi divulgado. Em seu blog no UOL, onde revelou o furto, o colunista da Folha Juca Kfouri diz que foram acessados documentos sobre ações estratégicas e da área de segurança. Brasileiros e ingleses trabalhavam juntos no programa de troca de informações sobre os Jogos Olímpicos. Segundo o comitê da Rio-2016, os documentos não eram confidenciais, mas não poderiam ser copiados. Os ingleses exigiram providências do Comitê Olímpico Brasileiro e ameaçaram ir à Justiça. Dez funcionários foram demitidos (os nomes não foram revelados) e os arquivos, devolvidos.


O Estado de São Paulo "Dilma rebate relator do mensalão …

Gatos

Imagem

Coluna do Celsinho

Globo da Morte

Celso de Almeida Jr.
Semana passada fui ao circo.

Penúltima apresentação.

Eu, a esposa e a filha.

Muito bacana.

Equilibrista.

Mágico.

Trapézio.

Palhaço; genial, por sinal.

Globo da morte.

O mais bacana foi constatar a juventude dos integrantes.

Moços e moças tocando em frente esta arte admirável.

No final, um show da Galinha Pintadinha fez minha filha torcer o nariz.

Pré adolescente, considera que já superou esta fase mirim.

Eu procurei explicar que o bacana do circo é a diversidade.

Um pouco de tudo para todos os públicos.

E, claro, a garotadinha merece uma atração especial.

Não sei se convenci.

Mas foi muito divertido.

Inevitárvel pensar como seria interessante uma escolinha de circo na cidade.

Sob uma lona bonita, bons profissionais despertando essa paixão na juventude.

Quem sabe, um dia, né?

Com essa história, lembrei de um amigo, o Zamyrton, que resolveu aprender a pilotar motocicleta no globo da morte, após os 40 anos de idade.

Aprendeu, gostou, comprou um globo e chegou a criar uma esco…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Bases para crescer em 2013

O Estado de S.Paulo
Prometido pelo governo, o crescimento econômico de pelo menos 4% no próximo ano parece garantido, se depender do consumo. As famílias continuam com boa capacidade de compra, sustentada pelo emprego elevado e pelo aumento da renda média e da massa de rendimentos, como acaba de confirmar mais uma vez o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com o reforço do crédito ainda vigoroso, os brasileiros continuarão indo às compras neste semestre e, se outros fatores ajudarem, a economia poderá retomar um bom ritmo de expansão antes do fim do ano. Mas a boa disposição dos consumidores é apenas uma das condições necessárias para o aumento geral do nível de atividade. Falta ver se a indústria será capaz de atender à demanda interna e de retomar o espaço perdido, nos últimos anos, para os concorrentes de fora.

Do lado do consumo, os dados são claramente positivos, como têm sido quase invariavelmente há alguns anos. As condições do mercado…
Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 21 / 09 / 2012

Folha de São Paulo
"PT e aliados afirmam que explorar mensalão é golpe"

Em manifesto, partidos acusam oposição de tentar reverter conquistas de Lula

O PT e os principais partidos aliados divulgaram ontem manifesto em que acusam a oposição de golpismo por utilizar o julgamento do mensalão no STF durante a campanha eleitoral. O documento, apresentado como defesa da “honra e dignidade” de Lula, compara o atual ambiente político ao que antecedeu o golpe militar (1964) e o suicídio de Getúlio Vargas (1954). Com o aval de Dilma, o texto acusa PSDB, DEM e PPS de pressionar o STF para transformar o mensalão em um julgamento político e reverter as conquistas que marcaram a gestão Lula. Entre os que assinam, está Marcos Pereira (PRB), coordenador da campanha de Celso Russomanno em São Paulo. Em nota, a oposição disse que o manifesto é fruto de “desespero”.

O Estado de São Paulo "Lewandowski vê mensalão como dinheiro para campanha"

Em seu voto no STF, min…

Eleições 2012

Imagem
E por falar em civilidade... (XXI)

José Ronaldo do Santos
Impressionante um detalhe que observo nesta época eleitoral, mas que também já ocorreu em outras: os carros estacionados próximos de estabelecimentos públicos municipais ostentam os adesivos do candidato da situação. Mais feio ainda é notar a mesma coisa nos veículos de tantos professores e de outros profissionais que atuam nas escolas, no ensino de nossas crianças. Um detalhe: de vários deles, fora de período eleitoreiro, eu cansei de ouvir absurdos contra a administração municipal. Porém, conforme máxima antiga: “Farinha pouca? Meu pirão primeiro!”.

Comentam até de “últimas e desesperadoras convocações” por parte dos chefes. Será verdade? Coitados dos contratados!

Que não passem por virtuosos os egoístas prudentes (que pensam somente na sua própria salvação)!  

Triste é que assim vão se formando as futuras gerações!

Twitter
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Ainda A voz do Brasil

O Estado de S.Paulo
Um dos mais antigos "entulhos autoritários" do Brasil tornou a provar sua capacidade de resistência. No mês passado, o Supremo Tribunal Federal (STF) reafirmou a obrigatoriedade de transmissão do programa A Voz do Brasil pelas emissoras de rádio de todo o País, de segunda a sexta-feira, das 19 às 20 horas. O ministro Antonio Dias Toffoli, que aceitou recurso da União, julgou legal a determinação de formação de cadeia nacional de radiodifusão para o programa, que é porta-voz dos Três Poderes. Com isso, anulou decisão do Tribunal Regional Federal da 4.ª Região, que havia permitido a uma emissora de rádio do Paraná transmitir A Voz do Brasil em horário de sua escolha.

Além de tentar liberar o horário da transmissão, a emissora de rádio procurou demonstrar que sua obrigatoriedade é inconstitucional. Para isso, entrou com recurso no STF invocando o artigo 220 da Constituição, segundo o qual "a manifestação do pensamento, a criação, a ex…
Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 20 / 09 / 2012

Folha de São Paulo
"Serra se descola de Haddad no duelo por 2º lugar em SP"

Tucano oscila 1 ponto para cima no Datafolha e petista, 2 para baixo; Russomano volta aos 35% e se mantém líder

O candidato tucano José Serra se deslocou do petista Fernando Haddad e agora está isolado no segundo lugar na disputa pela Prefeitura de São Paulo, aponta pesquisa Datafolha. Serra oscilou um ponto para cima (tem 21% das intenções de voto), e Haddad, dois para baixo (19%). Celso Russomano (PRB) variou três pontos para cima, mantendo-se na liderança com 35% dos votos. A margem de erro é de dois pontos percentuais. Após ser atacado pelo PSDB, que associa a réus do mensalão, Haddad teve aumento de sua rejeição, de 19% para 23% - a de Serra é de 44%. Russomano lidera em 6 das 8 grandes regiões de SP e chega a 46% dos votos no extremo da zona leste. Nas simulações de segundo turno, ele vence tanto Serra (57% a 37%) como Haddad (55% a 30%).

O Estado de São Paulo "Relat…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Religião na política

O Estado de S.Paulo
A contaminação das campanhas eleitorais no País pela disputa religiosa é um fenômeno crescente e preocupante que conspira contra o fundamento constitucional do Estado laico. Em São Paulo e em outras importantes cidades brasileiras, como o Rio de Janeiro, esse lamentável fenômeno se agrava nos últimos tempos, e por aqui explode no atual pleito municipal, especialmente em função de uma questão que não tem nada a ver com eleições: o acirramento da disputa entre a Igreja Católica e as confissões evangélicas, à frente a Igreja Universal do Reino de Deus.

Dias atrás o conflito entre católicos e seguidores da igreja do bispo Edir Macedo reacendeu-se por causa da divulgação, pelas redes sociais, de texto publicado em maio de 2011 no blog do pastor da Universal Marcos Pereira, presidente do Partido Republicano Brasileiro (PRB) e atual coordenador da campanha de Celso Russomanno à Prefeitura da capital. O texto continha duras críticas à Igreja Católica por …
Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 19 / 09 / 2012

Folha de São Paulo
"Haddad diz que associá-lo a José Dirceu é degradante"

Petista tentou, sem sucesso, tirar do ar filme de Serra que o liga a réus do mensalão

Ao tentar proibir na Justiça Eleitoral um comercial de José Serra (PSDB), a campanha de Fernando Haddad (PT) afirma ser “degradante” a associação de sua imagem à de José Dirceu e de Delúbio Soares, seus colegas de partido, e à de Paulo Maluf, que integra a sua coligação, informa Daniela Lima. Dirceu e Delúbio são réus do mensalão, em julgamento no Supremo, e Maluf responde a ações por desvios. O filme exibido pela campanha tucana diz que a eleição de Haddad trará de volta os três personagens. O petista alega que não é réu do mensalão e que, por isso, é indevido associá-lo a envolvidos em processos. A Justiça negou o pedido alegando que eles são políticos do mesmo partido ou coligação. Procurado, o advogado que redigiu a petição diz que degradante é o comercial de Serra.

O Estado de São Paulo &qu…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A lógica férrea do relator

O Estado de S.Paulo
A etapa crucial do julgamento do mensalão - que focaliza os 23 acusados de integrar o "núcleo político" do esquema - começou ontem no Supremo Tribunal Federal (STF) sob o impacto das declarações atribuídas ao publicitário Marcos Valério pela revista Veja sobre o envolvimento do ex-presidente Lula com o escândalo e a multiplicação de indícios de que, a começar dele e do seu ex-ministro José Dirceu, o PT está perdendo as esperanças de sair com ferimentos suportáveis do ordálio que enfrenta. Quando Dirceu, o primeiro entre os réus do processo, diz que não vai "sofrer por antecipação" e, mais ainda, que não há hipótese de ele "fugir do Brasil", como afirmou à colunista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo, deixa claro que as suas manifestações sobre o que o aguarda na Corte finalmente se renderam ao realismo.

Isso guarda relação direta com os rumos tomados pelo julgamento, agora no seu 24.º dia, desde a decisão do re…
Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 18 / 09 / 2012

Folha de São Paulo
"Não há dúvida de que houve compra de votos, diz relator"

Segundo Joaquim Barbosa, aliados receberam dinheiro do PT para apoiar Lula no Congresso

O relator do julgamento do mensalão no STF, Joaquim Barbosa, confirmou a acusação da Procuradoria ao concluir que congressistas e partidos receberam dinheiro do PT para apoiar o governo Lula entre 2003 e 2005. Não há “dúvida de compra de votos”, disse Barbosa. Para o ministro, foram comprovadas transferências milionárias por réus ligados ao PT em proveito de vários políticos que compuseram a base aliada do governo.

O Estado de São Paulo "Relator do mensalão diz que governo Lula comprou votos"

Joaquim Barbosa concluiu que foi comprado o apoio de PP, PMDB, PTB e PL e condenou réus do PP

O relator do julgamento do mensalão no STF, Joaquim Barbosa, afirmou que o governo do ex-presidente Lula comprou votos de deputados e apoio de PP, PMDB, PTB e PL (hoje, PR) para aprovar leis na Câmara. …
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A retomada e o longo prazo

O Estado de S.Paulo
A economia brasileira saiu do fundo do poço e está de novo em crescimento, segundo vários indicadores importantes, mas falta saber se a indústria terá fôlego para sustentar, a médio prazo, um dinamismo bem maior que o dos últimos dois ou três anos. De junho para julho a atividade econômica aumentou 0,42%, em termos reais, segundo o indicador estimado mensalmente pelo Banco Central (BC) e considerado pelos especialistas uma prévia do Produto Interno Bruto (PIB) calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A recuperação ocorre depois de um primeiro semestre muito ruim. Por isso o Ministério da Fazenda deve baixar de 3% para cerca de 2% sua previsão de crescimento para este ano. Para o próximo, no entanto, a economia crescerá provavelmente mais que 4%, segundo o ministro Guido Mantega.

Essa previsão parece razoável, depois de dois anos em marcha muito lenta, com expansão de apenas 2,7% em 2011 e bem menos que isso em 2…
Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira, 17 / 09 / 2012

Folha de São Paulo
"‘Eu não vou fugir do Brasil’, afirma Dirceu"

Ex-ministro diz que está preparado para qualquer resultado no Supremo

O ex-ministro José Dirceu (PT) nega que tenha planos de fugir do país caso seja condenado pelo Supremo Tribunal Federal ao final do processo do mensalão. “Essa história que inventam de que vou sair do Brasil não combina comigo”, disse à Folha em seu apartamento. “Se tem algo que não conhecemos no PT é a palavra covardia. A chance de eu fugir do Brasil é zero.”

O Estado de São Paulo "Relator vai votar pela condenação de Dirceu"

Joaquim Barbosa deverá basear seu voto nas negociações políticas e com bancos do mensalão

O ministro Joaquim Barbosa começa a apresentar hoje seu voto sobre os réus políticos do julgamento do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF). Barbosa pedirá a condenação de parlamentares e ex-deputados que teriam recebido dinheiro para apoiar o governo Lula e do ex-ministro da Casa Civil José Dir…

Sociais

Imagem
Steve Jobs e Bill Gates

Coluna do Mirisola

Fábula rodoviária

“O que era ódio declarado de ambas as partes transforma-se em destino – o mesmo e improvável destino”

Marcelo Mirisola

1. Plataforma 36

2. Crianças de até cinco anos comem cheetos na área de embarque

3. Zoeira, furdunço,barafunda.

4. Pais adolescentes

5. Avó-urubu. Também jovem, porém visivelmente evangélica e arruinada.

6. Dedos engordurados de cheetos das crianças de até cinco anos.

7. Unhas micosadas da avó-urubu.

8. Nomes que desafiam a lei da gravidade:

9. Maicon puxa o cabelo de Katiene

10. Katiene abre o berreiro.

11. Dafne tatuada no antebraço de Uélinton.

12. Uélinton recrimina Maicon

13. Maicon e Katiene choram.

14. Malas e mochilas cor-de-rosa da mesma cor do esmalte que tenta cobrir a unha micosada da avó-urubu-evangélica. Eu me aproximo.

15. Conteúdo ameaçador das malas e mochilas

16. Véspera de feriado.

17. Babelão é a soma de zoeira, furdunço, barafunda, mais a quizumba tão ameaçadora quanto o conteúdo (cheetos) das mochilas-cor-rosa. O termo “Babelão” foi cunhado por Fu…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Armadilha lulista

O Estado de S.Paulo
Foi perfeita a armadilha montada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com a plena concordância da diretoria anterior da estatal, para tornar a Petrobrás refém dos interesses políticos e das irresponsabilidades administrativas do presidente venezuelano, Hugo Chávez, por meio da associação - por enquanto apenas no discurso político dos dois governos - da empresa brasileira com a estatal venezuelana de petróleo PDVSA.

Para alimentar seu delírio megalomaníaco de se transformar em grande líder político regional, o ex-presidente não hesitou em utilizar recursos do Estado brasileiro para auxiliar governantes que poderiam fazer parte do grupo que pretendia liderar, como os da Venezuela, Equador, Paraguai (na época governada por Fernando Lugo) e Bolívia. Do ponto de vista político, o projeto de liderança do ex-presidente pode ter- lhe rendido algumas vantagens. Do lado econômico, porém, além de perdas para empresas brasileiras prejudicadas por atos l…
Imagem

Manchetes do dia

Domingo, 16 / 09 / 2012

Folha de São Paulo
"Prefeitura paga aluguel para 100 mil em São Paulo"

Total de inscritos no principal programa para desalojados dobrou desde 2010

A Prefeitura de São Paulo paga até R$ 500 mensais a 27 mil famílias desalojadas de favelas. O total de beneficiados equivale a 100 mil pessoas - número superior à população de 88% dos 645 municípios do Estado. No principal programa, o Aluguel Social, estão inscritas 21 mil famílias —eram 11 mil em 2010. Outras 6.000 recebem a ajuda financeira por meio do Parceria Social.

O Estado de São Paulo "Mantega diz que juros do cartão de crédito são ‘escorchantes’"

Ministro avisa aos bancos que quer ver os cortes da Selic chegarem ao consumidor

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou que os bancos estão cobrando taxas “escorchantes” e injustificáveis no cartão de crédito. “Esses disparates têm que desaparecer”, disse em entrevista a Raquel Landim. Os spreads bancários se tornaram uma das principais brigas do …