Postagens

Mostrando postagens de Outubro 7, 2012
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A omissão do Congresso

O Estado de S.Paulo
Como os parlamentares não decidiram até agora, e não dispõem mais de condições práticas de decidir até o fim do ano, quando termina o prazo que lhes foi dado, a Mesa do Senado Federal fará o que parecia impensável: pedir, sem nenhum fundamento legal, que o Supremo Tribunal Federal (STF) modifique uma decisão tomada há mais de dois anos e meio, pela qual a Casa deveria adotar, por lei, até 31 de dezembro, novas regras de repartição dos recursos do Fundo de Participação dos Estados (FPE).

Só assim será possível evitar o congelamento, a partir de 1.º de janeiro de 2013, do dinheiro que compõe o FPE, formado por 21,5% da arrecadação do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e do Imposto de Renda (IR). É dinheiro essencial para manter em operação o serviço público em vários Estados. Neste ano, por exemplo, o FPE distribuirá R$ 55 bilhões aos Estados.

Ja é histórica a negligência com que o Congresso vem tratando da questão das regras para a divi…
Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 13 / 10 / 2012

Folha de São Paulo
"Em crise, União Européia leva Prêmio Nobel da Paz"

Esforços para reconciliar o bloco desde a 2ª Gerra motivaram a premiação

Vivendo grave crise econômica e crescente insatisfação social, a União Europeia recebeu ontem o Prêmio Nobel da Paz. 0 motivo da escolha foram os esforços realizados pelo bloco político para reconciliar a região nos últimos 60 anos. Duas ocasiões históricas foram mencionadas: a união obtida pela Europa após a Segunda Guerra Mundial e a sua reunificação nos anos que se seguiram à queda do Muro de Berlim (1989) e ao fim da União Soviética (1991). Analistas divergiram quanto ao momento da premiação. Para alguns, é um estímulo para garantir avanços já conquistados. Outros questionam se é adequado fazer tal escolha em meio à conturbada crise da dívida pública na zona do euro. Na declaração oficial, o comitê diz que focou no “bem-sucedido esforço para a paz e a reconciliação e para a democracia e os direitos humanos”.

O E…

Ubatuba em foco

Imagem
Recordar é viver

Sidney Borges
Em dezembro de 2004 o a rapaziada do PT comemorava a primeira chegada ao poder. Domingos dos Santos era vice-prefeito e seu irmão, Jairo do Santos, vereador e futuro presidente da Câmara. Nem todos da foto continuam petistas, mas Domingos, Gerson Florindo, Agnaldo e Maurício permanecem firmes. À esquerda no primeiro plano o prefeito eleito Maurício Moromizato. Essa foto foi tirada com uma câmera chinesa de 0,3 megapixels que não existe mais, derreteu literalmente com a maresia.

Twitter

Café

Imagem

Coluna do Celsinho

Luz

Celso de Almeida Jr.
O Eduardo Antonio de Souza Netto partiu há uma semana.

Quando a notícia me alcançou, veio à tona uma inesquecível passagem que tivemos.

Em 1997 eu saía de uma tremenda trombada política que acabou atingindo nossa escola.

Ironia do destino, a sinalização de auxílio veio justamente de um outro grupo político que, em campanha eleitoral de 1996, tanto combati.

O interlocutor deste, Eduardo de Souza Netto, costurou um possível socorro em dinheiro, nos moldes de investimento.

Eu redigi uma carta de intenções aos financiadores, apresentando uma saída engenhosa que, na prática, em alguns anos, representaria a transferência para eles da empresa mantenedora da nossa instituição de ensino.

Os desdobramentos?

Uma das mais belas conversas de minha vida...

Eduardo de Souza abriu o diálogo dizendo que eles não se interessaram pelo negócio.

Certamente, percebeu naquele instante o meu olhar sem rumo, já que eu estava numa situação limite, dificílima e inédita em minha vida profissional.

E…

Pitacos do Zé

Imagem
Alguém tem que fazer

José Ronaldo dos Santos
Vou apostar na fala de um amigo para descrever o que acontece na esquina da minha casa (bairro do Ipiranguinha, em Ubatuba). Esclareço: o Julinho afirma que as suas denúncias têm sido notadas e resolvidas pelas autoridades competentes. Espero que também a minha receba uma atenção ou sirva de exemplo para que situações similares sejam denunciadas. É mais uma questão de civilidade. Afinal, as leis existem e muitos as cumprem. Em decorrência disto, os que são taxados de “bobos” são na verdade os cidadãos. Os outros são “sem noção” que contribuem com o atraso da sociedade ubatubense. Certamente que os últimos revelam uma carência educacional que se arrasta há muito tempo. Só uma educação de qualidade pode implantar um estado avançado de civilidade.

Há pouco mais de meia dúzia de anos, um “sem noção” se instalou por ali. Impressionante o que é capaz de fazer alguém que parece viver com a cabeça mais voltada para o dinheiro, para o ter em detrimento…

Uma vez flamingo, flamingo até morrer...

Imagem

Colunistas

Cerra, Ruçomano & houtras hecatombes

“Fernando Haddad surge como uma opção verdadeira numa eleição controversa e plena de absurdos eleitorais”

Márcia Denser
Só por puro masoquismo o eleitor paulistano reelegeria Cerra no segundo turno.

Porquanto Ruçomano – a outra hecatombe alucinógena – foi afastada, graças possivelmente a alguma espécie de iluminação à beira do abismo que acometeu unanimemente todos os candidatos a prefeito em Sampa, fazendo de Ruçomano não só o alvo comum de todos os ataques, como rigorosamente de tiro ao alvo. Mas foi por pouco, dada a votação (tipo 22%) relativamente expressiva da abantesma em pauta.

Voltando ao Cerra, repito: só por puro masoquismo o eleitor paulista reelegeria o nosso vampirinho de plantão pro segundo turno, configurando algo como o Retorno do Ressentido, parafraseando malandramente Lacan, sem contar a Antecipação do Esquecimento (uma vez que já não se trata de Falta de Memória Política), tão comum ao homo otarius paulistano, classe média-médi…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Rotina macabra

O Estado de S.Paulo
O combate ao crime organizado no Estado de São Paulo com base no "mata-mata" já chegou a um ponto intolerável. Há meses, os paulistas estão assistindo a uma rotina macabra. O mais recente episódio ocorreu entre a noite de terça e a tarde de quarta-feira desta semana, quando pelo menos 12 pessoas foram mortas a tiros na Grande São Paulo, 7 das quais assassinadas pouco depois de um policial militar (PM) ter sido morto em Taboão da Serra. Policiais da região disseram ao Estado que a ação foi uma vingança pela morte do PM. Antes disso, na Baixada Santista, uma onda de violência deixou 13 mortos em cinco dias, também após o assassinato de dois policiais.

Esses números mostram que as autoridades de segurança pública não têm sido capazes de conduzir investigações que levem à captura dos responsáveis pelos atentados contra os policiais. Já são 79 soldados mortos neste ano, e os PMs, por medo de serem surpreendidos pelos criminosos, escondem a farda e …
Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 12 / 10 / 2012

Folha de São Paulo
"Supremo absolve ex-líder do governo Lula e mais 2"

Professor Luizinho é inocentado da acusação de lavagem; mais 3 devem se livrar

A divisão dos ministros do STF sobre a caracterização da lavagem de dinheiro deve levar à absolvição dos seis réus no capítulo do mensalão que trata de repasses de dinheiro a petistas e a um ex-ministro. Já há maioria para livrar três: o ex-deputado federal Professor Luizinho (PT), que foi líder do governo Lula na Câmara, e Anita Leocádia e José Luiz Alves —acusados de intermediar recebimento de recursos ilícitos. Os outros três —os ex-deputados petistas Paulo Rocha (PA) e João Magno (MG) e o ex-ministro dos Transportes Anderson Adauto— têm cinco votos favoráveis e precisam de só mais um para serem inocentados. Desta vez, a maioria dos ministros esteve com o revisor, Ricardo Lewandowski; Joaquim Barbosa ficou isolado. Restam três votos para encerrar o capítulo. Em caso de empate, os réus devem ser benefi…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O alcance de uma sentença

O Estado de S.Paulo
Conceda-se, apenas para argumentar, que os costumes políticos brasileiros permanecerão em geral os mesmos apesar da decisão sem precedentes do Supremo Tribunal Federal (STF) de condenar por corrupção ativa, entre outros, um dos mais importantes líderes de sua geração, o ex-ministro da Casa Civil da Presidência da República José Dirceu, homem forte do PT durante décadas e do governo Lula nos seus primeiros anos. Afinal, poderão dizer os céticos, invocando um exemplo de varejo, porém ainda assim revelador, na semana passada, em pleno julgamento do mensalão, a Polícia Federal apreendeu R$ 1,1 milhão que serviria para subornar eleitores em Paraopebas, no Pará, sem falar de R$ 1.280 que, como manda o figurino, estavam escondidos na cueca de um agente petista em Manaus.

Mas o prognóstico de que, passado o choque inicial das sentenças acachapantes da Suprema Corte, tudo continuará igual em matéria de conquista e ocupação do poder, equivale de alguma…
Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 11 / 10 / 2012

Folha de São Paulo
"Haddad começa 2º turno 10 pontos à frente de Serra"

Datafolha mostra petista com 47% dos votos, e tucano com 37%; Russomanno diz que não apoiará ninguém

O primeiro Datafolha para o segundo turno em São Paulo mostra Fernando Haddad (PT) com 47% dos votos, dez pontos à frente do tucano José Serra (37%). Os eleitores que dizem estar indecisos somam 8%. A margem de erro é de dois pontos percentuais. Se forem considerados só os votos válidos (excluídos brancos e nulos), Haddad vence Serra por 56% a 44%. Terceiro colocado no primeiro turno, com 21,6% dos votos válidos, Celso Russomanno (PRB) anunciou que ele e seu partido não vão apoiar nenhum candidato. Com problema para fechar acordo com o PT em Natal, o PMDB de Gabriel Chalita adiou para hoje o anúncio de apoio à campanha de Haddad.

O Estado de São Paulo "Condenado, Dirceu diz que prioridade é ganhar 2º turno"

Ex-ministro afirma no Diretório do PT que meta agora é superar o PS…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O convênio Petrobrás-CUT

O Estado de S.Paulo
Como outras empresas que necessitam de mão de obra qualificada não disponível no mercado, a Petrobrás tem realizado diretamente ou com a contratação de empresas especializadas cursos de formação e preparação de técnicos em vários níveis nas áreas de petróleo, gás e energia. A educação básica, porém, não tem nada a ver com a natureza da estatal e, para isso, já existem programas específicos do governo, sob a responsabilidade do Ministério da Educação (MEC). Não foram suas necessidades nem seus objetivos sociais que justificaram os convênios de R$ 26 milhões firmados em 2004 e 2007 com a Central Única dos Trabalhadores (CUT), braço sindical do PT, e à sua coligada Agência de Desenvolvimento Solidário (ADS), para alfabetização de 200 mil pessoas. Trata-se de área inteiramente estranha às atividades sindicais e aos objetivos definidos pelos estatutos da Petrobrás.

Se há algo surpreendente na decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) - tomada no…
Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 10 / 10 / 2012

Folha de São Paulo
"Mensalão o julgamento - Culpados"

Maioria do STF condena José Dirceu e cúpula do PT por corrupção; Tribunal conclui que homem forte de Lula comandou compra de votos ex-ministro afirma que foi ‘linchado’

Sete anos e quatro meses após o ex-deputado Roberto Jefferson (PTB) revelar à Folha a existência do mensalão, a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal concluiu que José Dirceu (PT), então ministro da Casa Civil e homem forte do governo Lula, comandou o esquema de compra de votos no Congresso. Chamado de “chefe da quadrilha” pela Procuradoria-Geral da República, Dirceu foi condenado por corrupção ativa por 6 dos 8 ministros que já votaram — faltam outros dois. Para eles, o petista foi o principal responsável por corromper congressistas com o uso de dinheiro público. Lewandowski e Dias Toffoli o absolveram. Também foram considerados culpados o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, o ex-presidente da sigla José Genoino e Marc…

Novidade!

Imagem
Thomas Edison examina um carro elétrico por volta de 1914

Eleições 2012

Excesso de cordialidade

Sidney Borges
Há perplexidade em minha cabeça de candidato derrotado. Como pode acontecer? Eu tinha certeza de que teria cinco vezes mais votos do que tive. Certeza que ganhou forma através dos contatos com o povo em minhas andanças por esse município comprido como o mapa do Chile. Foram mais de 5 mil casas visitadas. Fui bem recebido, tomei café, comi mandioca cozida e recebi a garantia de que tinha sido escolhido. Não foram poucas as vezes em que o dono da casa disse que ia conversar com parentes, cunhado, prima e tia para indicar o meu nome.

O resultado das urnas foi terrivel, meus sonhos rolaram por água abaixo. Onde foi que errei? Pensando bem não houve erro, houve má avaliação. Acreditei demais no povo da minha terra. O ubatubense é a prova viva de que Sérgio Buarque de Holanda estava certo quando escreveu Raízes do Brasil. O homem brasileiro é cordial, o ubatubense é, por tradição caiçara, um pouco mais. É hospitaleiro, recebe bem, ouve o que o visitante te…

Pitacos do Zé

Imagem
E por falar em cidadania... (XIV)

José Ronaldo dos Santos

Momento 1: No dia da eleição, assim que amanheceu, bem perto da escola “Aurelina”, no bairro da Estufa II, registrei a cena triste: muito “lixo democrático” pela rua se confundindo com a aparência desagradável e maltratada do estabelecimento de ensino.

Momento 2: Ao passar pelo local de votação, na Escola Objetivo, reparei num casal que ia adiante. Reconheci a mulher: é uma vice-diretora de escola pública municipal. Vasculhavam o entorno tranquilamente. Logo o homem, um perfeito cavalheiro, se abaixou para pegar, no “lixo democrático”, um papel. Entregou à sua companheira. Pareceu-me que ela ficou satisfeita com a escolha. Depois foi a vez dela fazer o mesmo. Tive a impressão que ele também aceitou de bom grado o achado dela. E lá se foram felizes em direção às urnas para o exercício da cidadania.

Depois desses momentos, pergunto:
- Que lição tirar dessa eleição, desses momentos?

Twitter
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A força dos grandes partidos

O Estado de S.Paulo
As urnas de domingo em âmbito nacional trouxeram resultados para quase todos os gostos. O PSB do governador pernambucano Eduardo Campos, por exemplo, tornou-se a quarta maior força eleitoral do País, tendo avançado duas casas (ou 51% em número de votos para prefeito) desde a primeira rodada da disputa municipal de 2008 - coroando as suas robustas vitórias no Recife e em Belo Horizonte. Já o PSD do prefeito paulistano Gilberto Kassab, na sua eleição de estreia, foi o que mais elegeu prefeitos em proporção ao total de candidatos apresentados, passando a ocupar o antigo lugar do PSB na configuração política das cidades brasileiras. Mas a relativa dispersão das preferências do eleitorado, acrescentando dois atores ao elenco principal e confirmando o rebaixamento do DEM a coadjuvante, não abalou a hierarquia partidária estabelecida.

O PMDB continua sendo a agremiação municipal hegemônica do Brasil. Embora tivesse perdido 280 das posições conqui…
Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 09 / 10 / 2012

Folha de São Paulo
"Petistas e tucanos dominam eleição em grandes cidades"

PT vence em 8 municípios com mais de 200 mil eleitores e disputa mais 22; PSDB obtém 6 vitórias e tem chance em 17

O resultado das eleições municipais mostra que o PT e o PSDB tiveram os melhores desempenhos no grupo das principais cidades do país, aquelas que possuem mais de 200 mil eleitores. Dos 83 municípios que se incluem nesse perfil, 8 foram conquistados no primeiro turno pelo PT, que disputará outros 22 agora. Por sua vez, o PSDB elegeu 6 prefeitos e tem 17 candidatos ainda no páreo. Apenas em municípios com mais de 200 mil eleitores é possível a realização de um segundo turno. As siglas vão duelar em seis dessas cidades no segundo turno, sendo três capitais: São Paulo, João Pessoa (PB) e Rio Branco (AC). O PT também está na disputa em Salvador (BA), Fortaleza (CE) e Cuiabá (MT), e o PSDB, em Belém (PA), Manaus (AM), São Luís (MA), Teresina (PI) e Vitória (ES). Contrari…

Raios...

Imagem

Eleições 2012 - Ubatuba

É a matemática estúpido...

Sidney Borges
A expressão "é a economia estúpido" foi criada por James Carville, assessor da campanha de Bill Clinton e serviu para derrotar George Bush, o pai. Faço uma adaptação aos dias que correm e a uso para fazer alguma considerações sobre a eleição de ontem, 7 de outubro de 2012.

Alguns meses atrás ainda não estava claro quem seria o candidato que Eduardo Cesar lançaria para ser seu sucessor. Falava-se em Sato e em Júnior, secretário de obras, que chegou a iniciar uma campanha com adesivos em carros, mas foi preterido na corrida ao trono. Para os que acompanham política era sabido que Maurício Moromizato seria o adversário da situação. Bem votado em 2008, Moromizato tinha a seu favor a popularidade em queda do prefeito e o trabalho incansável da militância petista.

Acabei de colocar dois parágrafos de obvidades, logo chego aonde pretendo. Na matemática. Escolhido o candidato a sucessor ficou claro que a parada seria difícil. Sato nunca emplacou.…

Eleições 2012

Imagem
Em Ubatuba tem um desses gargalhando...

Coluna do Mirisola

Sobre demolições

“Surgiu um novo tipo de preconceito na praça. Trata-se do preconceito contra apresentadores de televisão apadrinhados por bispos neo-evangélicos”

Marcelo Mirisola
Eu sempre digo que não atravesso uma rua,que não digo bom dia ao porteiro do meu prédio, sem antes consultar meus preconceitos. Na maioria das vezes eles – que são muitos e das mais variadas espécies e categorias – são bons conselheiros. Eu os assumo. Tenho preconceito contra borda de pizza recheada com catupiry, não tolero balconistas que perguntam se “é pra viagem” (se fosse eu pedia, ora!) e acredito que o mundo seria muito melhor se Carlinhos Brown e Regina Casé e as terceirizações de ambos não existissem. Até aqui nenhuma novidade.

A grande novidade é que surgiu um novo tipo de preconceito na praça. E, embora eu compartilhe 100% da nova modalidade, juro que não fui eu quem o inventou. Trata-se do preconceito contra apresentadores de televisão apadrinhados por bispos neo-evangélicos.

E se Russomano fosse macu…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Brasil, o pesadão da turma

O Estado de S.Paulo
Mais pesadão e, portanto, bem menos ágil que grande parte dos vizinhos, o Brasil deve chegar ao fim do ano com um crescimento econômico de apenas 1,6%, metade do projetado para a região, segundo projeções da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal). Confirmadas as previsões, a economia brasileira será um destaque negativo também sob outro aspecto. Será um dos poucos países do hemisfério com desempenho pior que o do ano passado, quando sua expansão, de 2,7%, já foi muito modesta e bem inferior à média regional, de 4,2%. Os resultados da economia latino-americana deverão ser bem melhores em 2013, com avanço geral de 4%. A atividade no Brasil deverá acompanhar esse ritmo, segundo as novas estimativas. Depois de dois anos de estagnação, será uma recuperação muito modesta.

A melhora do quadro no Brasil e na maior parte do hemisfério dependerá em boa parte do enfrentamento da crise no mundo rico. O cenário global de 2013 foi con…
Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira, 08 / 10 / 2012

Folha de São Paulo
"Serra e Haddad estão no 2º turno; Dilma cobra apoio de Russomanno"

Com queda livre do candidato do PRB, disputa tem reviravolta histórica; PT negocia acordo com Chalita, e PSDB, com Soninha e PTB; Abstenções, brancos e nulos somam 1/3 dos eleitores

Na maior reviravolta já registrada em São Paulo, José Serra (PSDB) e Fernando Haddad (PT) deixaram Celso Russomanno (PRB) para trás e disputarão o segundo turno, daqui a três semanas. Com 100% dos votos apurados na cidade, Serra obteve 30,75% e Haddad, 28,98%. Antes mesmo do início da apuração, os candidatos já se movimentavam em busca de apoio dos derrotados. Dilma cobrará a adesão de Russomanno e Gabriel Chalita (PMDB) à campanha petista. Já os tucanos tentarão fechar acordo com Soninha (PPS) e com o PTB. O resultado confirmou o derretimento da campanha de Russomanno, que liderava a disputa desde agosto e terminou em terceiro lugar, com 21,6% dos votos. Bombardeado pelos adversários,…

Pra comemorar a vitória!

Imagem

Colunistas

Tributo a Hobsbawn – por quem os sinos dobram

“Morto, este consumado mestre da pesquisa histórica vai fazer falta. Razão pela qual sua morte me diminui, diminui a todos”

Márcia Denser
Esta colunista não podia deixar de prestar sua homenagem a Eric Hobsbawm, morto aos 95 anos, esta semana, em Londres, tantas vezes me reportei e citei seus textos e idéias ao longo dos seis anos que escrevo no Congresso em Foco. E, no caso, nada mais oportuno que me inspirar na resenha escrita pelo jornalista Terry Eagleton na London Review of Books, sobre seu último livro, publicado em 2011, “How to Change the Word: Marx and Marxism 1840-2011”, uma espécie de suma, de resumo do pensamento deste historiador socialista e humanista – o que comprova a constância e a persistência de suas atividades e quanto foi prolífera sua obra mesmo em idade tão avançada.

Nessa coletânea de ensaios, Hobsbawm lembra que não foi o colapso do bloco soviético que levou os comunistas mais fiéis a relegar à lixeira os cartazes de G…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Desempenho constrangedor

O Estado de S.Paulo
Foi constrangedor - não há outra palavra - o desempenho do ministro Ricardo Lewandowski, revisor do processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), na sessão da quinta-feira do julgamento do escândalo. Na véspera, o relator Joaquim Barbosa havia condenado 8 dos 10 acusados de corrupção ativa pelo Ministério Público, a começar do ex-ministro da Casa Civil do governo Lula José Dirceu, do ex-presidente do PT José Genoino e do ex-tesoureiro da agremiação Delúbio Soares. Logo em seguida, o revisor corroborou a condenação de Delúbio, mas votou pela absolvição de Genoino. E anteontem, para surpresa de ninguém, livrou Dirceu da imputação de comandar a compra de apoio de deputados a projetos do Planalto.

O que constrangeu não foi nem sequer a sua conclusão, mas a falta de sutileza com que exerceu o papel de defensor do principal réu da mais importante ação da história da Corte. Pior. Ao longo de sua fala de duas horas, um aflito Lewandowski pro…