Postagens

Mostrando postagens de Julho 19, 2015

Dominique

Imagem

Opinião

Uma Venezuela na Europa

João Pereira Coutinho
Querido leitor: você deseja tomar o poder e implementar uma política radical que o povo, em circunstâncias normais, jamais aceitaria? Fácil: aprenda com os grandes exemplos históricos e encontre "inimigos" expiatórios.

Para ficarmos nos casos mais extremos, Lênin e Hitler não converteram os respectivos países à revolução pelo "mérito" das suas "propostas". Antes disso foi preciso criar entre os russos e os alemães a sombra de um inimigo imaginário, capaz de justificar as ações mais extremas.

Lênin fez isso com a velha ordem czarista; e o seu sucessor, Stálin, apenas alargou o cardápio para incluir classes profissionais inteiras, tidas por "inimigas do povo". O campesinato russo (os "kulaks") foi o exemplo mais trágico da paranoia persecutória de Stálin.

Hitler agiu de igual forma com os judeus, a quem atribuiu todas as responsabilidades do mundo (um clássico). A própria derrota na Primeira Guerr…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sábado 25 / 07 / 2015

O Globo
"Lava-Jato liga Odebrecht a propina paga na Suíça"

MP denuncia presidentes das duas maiores empreiteiras do país

Marcelo Odebrecht Otávio Azevedo são acusados de corrupção, organização criminosa e lavagem. Documentos indicam que recursos movimentados por offshores foram parar em contas de ex-diretores da Petrobras; empresas negam

O Ministério Público Federal denunciou à Justiça os presidentes da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, e da Andrade Gutierrez, Otávio Azevedo, além de outras 20 pessoas, entre executivos das empresas, operadores e os ex-diretores da Petrobras Paulo Roberto Costa e Renato Duque. Os procuradores apresentaram documentos obtidos por meio de cooperação internacional com a Suíça que, segundo eles, ligam recursos da Odebrecht a pagamentos feitos a ex-funcionários da estatal por meio de empresas offshores e contas secretas naquele país.

Com base nessas evidências, o juiz Sérgio Moro decretou nova prisão preventiva de Marcelo Odebrecht, o q…

Avro - Varig

Imagem

Coluna do Celsinho

Carochinha

Celso de Almeida Jr.

As anotações cifradas extraídas pela Polícia Federal do celular de Marcelo Odebrecht estão dando o que falar.

Mais um triste capítulo destes últimos escândalos de corrupção.

O Juiz Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato em primeira instância, já definiu prazo para os esclarecimentos.

Estou curioso para as justificativas da defesa.

Vamos imaginar as respostas da carochinha?

Mensagem: Higienizar apetrechos de MF e RA

Dedução da Polícia: esvaziar arquivos/mensagens de celulares de colaboradores de Odebrecht.

Carochinha: Limpar penicos e lavar meias, cuecas e mochilas dos meninos.

Mensagem: Vacarezza e Zarattini 3% (aprox 27M)

Dedução da Polícia: 3% de algum contrato para a dupla distribuir, equivalentes a 27 milhões.

Carochinha: A chance deles ganharem a corrida de 27 metros é de 3%.

Mensagem:Risco cta Suíça chegar campanha dela?

Dedução da Polícia: Prova-se que o dinheiro na Suíça abasteceu a campanha feminina?

Carochinha: O contrato dos chocolat…

Dominique

Imagem

Crônica

In vino veritas

João Pereira Coutinho
Entro no restaurante, sento-me, consulto o cardápio. E então reparo que alguns dos presentes, nas mesas em volta, não comem. Fotografam. O prato está pronto e eles, antes de usarem os talheres, tiram fotos da refeição com os celulares –de todos os ângulos, como se tivessem uma Gisele Bündchen na frente.

Por momentos, penso que o problema é médico: pessoas com primeiros sintomas de demência que gostam de registrar o que comeram ao almoço para não repetirem ao jantar.

Depois sou informado que não: é moda fotografar os pratos e enviá-los para as "redes sociais". Se os "amigos" sabem onde estamos e o que fazemos 24 horas por dia, é inevitável saberem também o que comemos. Desconfio até que existem competições gastronômicas em que os pratos são usados como exibição de classe. Se as férias em família já servem para isso –esqui na Suíça, praia em Bali– por que não o almoço ou o jantar?

Mas o pasmo não termina com os fotógrafos. Continua co…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira 24 / 07 / 2015

O Globo
"Renda tem maior queda em 11 anos e desemprego sobe"

O rendimento real do brasileiro (já descontada a inflação) caiu 2,1% de janeiro a junho em relação ao mesmo período de 2014, no pior primeiro semestre desde 2004, mostram números do IBGE relativos às seis maiores regiões metropolitanas. 

Economistas já preveem piora, com a renda encerrando o ano em baixa de 4%. A queda está diretamente ligada ao aumento do desemprego. Com ganhos menores, mais gente nas famílias procura vagas. O desemprego subiu para 6,9% em junho. E a taxa entre a população de 18 a 24 anos deu um salto em um ano, de 12,3% para 17,1%. O número total de desocupados subiu 44,9%, para 1,7 milhão.

Folha de S.Paulo
"Governo tenta conter reação negativa após recuo no ajuste fiscal"

No primeiro dia de negócios após o governo admitir a possibilidade de deficit nas contas públicas em 2015, o dólar chegou a R$ 3,29, maior nível desde março.

A redução do superavit primário de 1,1% …

Dominique

Imagem

Opinião

A cabeça dos oligarcas

Elio Gaspari
Marcelo Odebrecht está preso e foi indiciado pela Polícia Federal. Em sua cela no Paraná, mantém um diário do cárcere. Os barões da Camargo Corrêa foram condenados e, na oligarquia política, fabrica-se uma crise institucional. Houvesse ou não uma Lava Jato, a desarticulação do Planalto envenenaria as relações com o Congresso. Ademais, essa crise tem um aspecto inédito. De um lado, estão servidores a respeito dos quais não há um fiapo de restrição moral ou mesmo política. São os magistrados e os procuradores. Do outro lado está o outro lado, para dizer pouco. Nunca aconteceu isso na vida pública brasileira.

O presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha, estaria retaliando o governo ao permitir a criação de uma CPI para investigar os empréstimos dos BNDES. Há uma armadilha nessa afirmação. Ela pressupõe uma briga de quadrilhas, com Cunha de um lado e o Planalto do outro. Ou há esqueletos no BNDES ou não os há. Se os há, a CPI, bem-vinda, já deveria ter …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira 23 / 07 / 2015

O Globo
"Preços sobem, e inflação já passa de 10% no Rio’"

Em 12 meses, IPCA-15 foi pressionado por energia e refeição fora de casa

No país, índice subiu 9,25% em um ano, a maior alta acumulada desde dezembro de 2003. Especialistas agora preveem que a taxa poderá encostar nos dois dígitos nacionalmente em agosto

Nas regiões metropolitanas do Rio e de Curitiba, a inflação alcançou a marca de dois dígitos nos últimos 12 meses. O IPCA-15, uma espécie de prévia da inflação oficial do país — que é medida pelo IPCA, subiu 10,04% no Rio e 10,73% em Curitiba. A energia elétrica respondeu por quase um quinto da inflação fluminense. Já o custo da refeição fora de casa subiu 13,77% em um ano. Outras fontes de pressão no Rio foram as tarifas de ônibus urbanos e o aluguel residencial. Especialistas já preveem que, no país, o IPCA vai se aproximar dos 10% anuais em agosto. Nos 12 meses acumulados até julho, a alta do IPCA-15 no país foi de 9,25%, a maior desde dezem…

Dominique

Imagem

Opinião

A vez de Lula

Estadão
A Procuradoria da República do Distrito Federal (DF) está investigando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo crime de “tráfico de influência em transação comercial internacional”. Lula teria intercedido pessoalmente em benefício da construtora Odebrecht, a partir de 2011, junto aos governos de Portugal e de Cuba, países nos quais esteve em viagens patrocinadas pela empresa, de acordo com documentos oficiais obtidos no Itamaraty pelo jornal O Globo. A investigação dos procuradores do DF é a primeira ação oficial a levantar uma ponta do véu que encobre a notória ligação de Lula com empreiteiros poderosos, principalmente contratantes de obras públicas, envolvidos até o pescoço no escândalo da Petrobrás.

A revelação do jornal carioca não chega a ser surpreendente porque entre os amigos do peito de Lula nos altos escalões empresariais está exatamente Marcelo Odebrecht, presidente da maior construtora do País, preso em Curitiba pela Operação Lava Jato. Lula não e…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira 22 / 07 / 2015

O Globo
"Dilma mobiliza governo para se defender de ‘pedaladas’"

Planalto vai alegar que Caixa acabou tendo resultado positivo

Defesa sobre suspeitas de maquiagem nas contas de 2014 será entregue hoje ao TCU pelo ministro da Advocacia-Geral da União, Luiz Inácio Adams, e não vai ser assinada pela presidente

Em mais de mil páginas, o Planalto vai negar formalmente hoje, no Tribunal de Contas da União (TCU), a prática das 'pedaladas fiscais'. O documento, montado por uma tropa de choque formada por ministros e presidentes de bancos públicos, apresenta respostas a 13 indícios de irregularidades nas contas de 2014 do governo Dilma. Um dos pontos centrais será a informação de que a Caixa teve saldo positivo em 2014, apesar de o Tesouro ter suspendido repasses ao banco para fechar as contas públicas.

Folha de S.Paulo
"Dilma decide reduzir meta fiscal e debate novos cortes"

A presidente Dilma Rousseff decidiu reduzir a meta fiscal prevista para…

Dominique

Imagem

Opinião

Triste fim de Lula, o garoto levado das empreiteiras

Ricardo Noblat
Na eleição presidencial do ano passado, a campanha da presidente Dilma Rousseff e o PT bateram duro, muito duro na candidata Marina Silva (PSB) porque uma de suas amigas e conselheiras, Neca Setúbal, era um dos herdeiros do Banco Itaú. E daí? Pois é...

Em alguns sites chapa branca, Neca foi apresentada como “a bilionária que comanda a campanha de Marina”. Em outros como “a fada madrinha de Marina”. O que se pretendeu foi atingir a imagem de Marina de candidata de origem pobre e independente.

Pouco importava que Neca, especialista em Educação, tivesse assessorado Fernando Haddad quando ele se candidatou e se elegeu pelo PT prefeito de São Paulo. Naquela ocasião, o PT fez que não viu a condição econômica de Neca. Como se a condição a condenasse.

O PT, a começar por sua filiada mais ilustre, Dilma, subiu nos tamancos revoltado com a ligação que se faz de Lula com a construtora Odebrecht. Ontem, por sinal, o presidente da Odeb…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira 21 / 07 / 2015

O Globo
"Dirigentes de empreiteira são condenados a 15 anos"

PF indicia Marcelo Odebrecht, dono da companhia, por cinco crimes

Na primeira sentença que atinge empreiteiros envolvidos no escândalo da Petrobras, três ex-executivos da Camargo Corrêa cumprirão pena por corrupção, organização criminosa e lavagem de dinheiro

Numa sentença emblemática, por ser a primeira a punir ex-dirigentes de empreiteiras pelo escândalo de corrupção na Petrobras, o juiz Sérgio Moro, da Justiça Federal em Curitiba, condenou o ex-presidente e o ex-vice presidente da Camargo Corrêa, além de outro ex-executivo da empresa, a 15 anos de prisão por corrupção, organização criminosa e lavagem de dinheiro. Dois deles, porém, terão a pena reduzida porque fizeram acordo de delação premiada. A PF indiciou o presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, por cinco crimes. Para o procurador Deltan Dallagnol, da Lava-Jato, a condenação mostra que "ninguém é intocável na República'.’

F…

Dominique

Imagem

Opinião

As meninas entram em cena

Gabeira
Você poderia chamá-las de petroputas ou prostipetro, mas não seria preciso. As meninas aparecem em quase todo grande escândalo em Brasília. Não são especializadas. Finalmente, deram as caras no escândalo do Petrolão. Documentos da PF indicam que houve gastos com garotas de programa, mencionadas em rubricas como Jô 132 e 3 Monik nas planilhas de Alberto Youssef, um dos grandes nomes do caso.

Lembro-me de que uma das grandes cafetinas de Brasília uma vez me perguntou no aeroporto o que pensava das garotas de programa nesses escândalos. Disse que não as incriminava. Os políticos e empresários gostam de Rolex, compram sapatos Labutin para suas mulheres. Não se podem culpar as marcas, muito menos os vendedores que não costumam perguntar sobre a origem do dinheiro.

Mas a presença das meninas dá um tom global ao escândalo. O ex-dirigente do FMI Dominique Strauss-Kahn foi preso em Nova York por assédio. Mas na França, onde a prostituição é criminalizada, teve de …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira 20 / 07 / 2015

O Globo
"A quem representam?: Dirigentes sindicais se eternizam no poder"

Cerca de 8.500 comandam categorias há mais de 10 anos.

Somente no ano passado, entidades arrecadaram R$ 3,18 bi com Contribuição Sindical. Há denúncias até de assassinatos.

Sindicatos que deveriam olhar por suas categorias se tornaram feudos de dirigentes que cumprem mandatos de até 12 anos e são usados para fins particulares. Dados oficiais mostram que, em 2014, havia 8.518 sindicalistas com mais de dez anos de mandato. Alguns estão no poder há 25. Eles administram orçamentos inflados pela Contribuição Sindical, que, ano passado, arrecadou R$ 3,18 bilhões. Sobram denúncias de desvio de verbas, falta de transparência e até assassinatos, conta série que O GLOBO começa a publicar hoje.

Folha de S.Paulo
"Sabesp, em crise, decide vender bens e cobrar dívidas"

Após perdas com a escassez hídrica, empresa tenta arrecadar a curto prazo.

O prejuízo financeiro causado pela crise híd…

Dominique

Imagem

Opinião

Para sair dessa maré

Gabeira
A BR-020 é uma estrada radial de longas retas que liga Brasília ao Piauí. Aproveitei o percurso para refletir sobre o rumo dos meus artigos. Vale a pena insistir nos erros de Dilma e do PT, ambos no volume morto? A maioria do povo brasileiro já tem uma visão sobre o tema.

Num hotel do oeste baiano, abri uma revista na mochila e me deparei com uma frase do escritor argelino Kamel Daoud: “Se já não há vida antes da morte, por que se preocupar com a vida após a morte?”. Ele se referia à sorte do septuagenário presidente argelino Abdelaziz Bouteflika, internado num hospital de Paris. Mas sua frase é uma pista para buscar outro rumo.

Visitei a cidade de Luís Eduardo Magalhães (BA), um polo do agronegócio. Ali se tornaram campeões mundiais da produtividade nas culturas do milho e da soja. Construíram um aeroporto com uma pista de 2 mil metros, quase o dobro da pista do Aeroporto Santos Dumont. Numa só fazenda, vi uma lagoa artificial maior que a Lagoa Rodrigo de Fre…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Domingo 19 / 07 / 2015

O Globo
"Documentos mostram que Lula fez lobby no exterior"

Telegramas diplomáticos relatam atuação a favor da Odebrecht

Em viagens a Portugal e Cuba, ex-presidente tratou de privatização e negócios em energia 

Em pelo menos duas ocasiões, o ex-presidente Lula atuou como lobista da construtora Odebrecht no exterior, mostram telegramas diplomáticos trocados entre 2011 e 2014. Lula pediu ao primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho, atenção aos interesses da empresa num processo de privatização, revelam Chico de Gois, Eduardo Bresciani e Francisco Leall. Em Cuba, onde se encontrou com o presidente da empreiteira, Marcelo Odebrecht, preso na Lava-Jato, tratou de negócios no setor energético. Lula sempre alegou que apenas fazia palestras. Ele nega lobby ou tráfico de influência, pelo qual já é investigado.

Folha de S.Paulo
"Reduzir a meta fiscal irá agravar arrocho, diz Levy"

Para ministro da Fazenda, prolongar ajuste é ‘ilusão’ que trará mais dan…