Postagens

Mostrando postagens de Junho 23, 2013

nhuu

Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A aventura e o vespeiro

O Estado de S.Paulo
Bastou uma jornada de conversas com os líderes da base aliada e os presidentes da Câmara e do Senado - três sessões somando 11 horas - para a presidente Dilma Rousseff se deparar com a enrascada em que se enfiou ao propor a reforma política por plebiscito, a fim de se manter à tona depois do naufrágio da convocação, também por plebiscito, de uma Assembleia Constituinte para mudar, à revelia do Congresso, as regras do sistema eleitoral e da atividade política. Lançando às águas o Titanic saído dos estaleiros do Planalto, sem lastro político e muito menos jurídico, Dilma queria que se acreditasse que ela navegava no mesmo rumo da esquadra de protestos populares que percorre o País. A sua intenção primeira, na verdade, era efetuar uma manobra para desviar as atenções gerais do fracasso de seu governo em fazer o Estado servir ao povo - que é o que as manifestações exigem. A alternativa a que se agarrou, porém, é quase tão catastrófica quanto o dis…
Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 29 / 06 / 2013

O Globo
"Donadon se entrega e Brasil tem 1º deputado presidiário"

Parlamentar está em cela comum de 6m² e agora deve também perder mandato

Condenação é de 2010, mas julgamento do recurso definitivo só ocorreu em meio à onda de protestos no país; prisão pode abrir caminho para apressar punição de parlamentares acusados de desviar dinheiro público. Condenado desde 2010 a 13 anos de prisão, o deputado Natan Donadon (RO) se entregou à PF, após 36 horas foragido, e está numa cela comum, de 6m², do presídio da Papuda, em Brasília. É a primeira vez que o país tem um parlamentar preso no exercício do mandato. O caso se arrastava na Câmara e no STF. Com a onda de manifestações no país, o Supremo julgou último recurso e mandou prender Donadon, que foi expulso do PMDB. A Câmara promete acelerar o processo contra ele por quebra de decoro.


O Estado de São Paulo
"Donadon se entrega e é o 1º deputado preso desde 1974"

Detido em avenida de Brasília, parlamentar es…

Governar é abrir estradas

Imagem
Foto: Erik Johansson (mais aqui)

Coluna do Celsinho

Devagar com o andor

Celso de Almeida Jr.

A indignação generalizada que explodiu em forma de manifestações de rua talvez escolha novos caminhos.

A violência e a quebradeira representam a face irracional do processo e obviamente assustam aos mais sensatos.

A história da humanidade já mostrou, repetidas vezes, os desdobramentos de ações desta natureza.

O Brasil acordou.

Acordou?

Terei esta convicção quando avaliar os resultados das próximas eleições.

Quando analisar a qualidade dos políticos eleitos.

Quando perceber o grau de envolvimento da sociedade civil organizada nas campanhas eleitorais.

Quando constatar a firmeza das famílias no processo de educação de seus filhos.

Quando ver cumpridos os direitos e deveres descritos em nossa Constituição.

Por essas e outras, não acredito em salvadores da pátria e também não creio que a nossa evolução ocorra em saltos.

A explosão popular era prevista e teve vários aspectos positivos.

Entretanto, a realidade é dura e sinaliza que as conquistas que o povo brasile…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

As muitas pedras no meio do caminho

WASHINGTON NOVAES *
Durante caminhada por um parque público, o autor destas linhas ouviu trechos da conversa entre dois senhores com mais de 60 anos: "O problema é o aparelhamento do poder pelos partidos que estão no governo federal e até em outros; só interessa, só se faz o que é conveniente para manter no poder o pessoal desses partidos; sindicatos, associações, nada disso importa mais". Não é de estranhar, assim, que os movimentos de rua tenham sido mobilizados, via internet e telefones celulares, pelas redes sociais, que independem de partidos. Nem que 77% das pessoas mobilizadas por essas vias tenham diploma universitário (77%) e menos de 25 anos de idade (53%), segundo pesquisa recente (Folha de S.Paulo, 19/6).

As redes sociais abrangem 79 milhões de pessoas no País (Estado, 18/6). Setenta entidades já se mobilizam agora para reunir 1,5 milhão de assinaturas em favor de uma Assembleia exclusivamente Constituinte - embora não se saiba qu…
Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 28 / 06 / 2013

O Globo
"Deputado desafia ordem de prisão do STF e some"

Barbosa cobra de tribunais julgamento de processos contra crimes de corrupção

Condenado por desviar recursos da Assembleia de Rondônia e com ordem de prisão decretada pelo Supremo Tribunal Federal, o deputado federal Natan Donadon não se entregou à Polícia Federal e é considerado foragido. O PMDB de Rondônia expulsou-o do partido. É a primeira vez, desde a Constituição de 1988, que um parlamentar deverá ser preso no exercício do mandato.


O Estado de São Paulo
"Aliados apoiam plebiscito; oposição vê manobra de Dilma"

Na reforma política, base propõe fim da reeleição para 2018; PSDB, DEM e MD defendem referendo

Em reunião com a presidente Dilma Rousseff, presidentes de partidos da base aliada pediram a inclusão, no plebiscito sobre a reforma política, de perguntas relativas ao fim da reeleição a partir de 2018. Dilma fará nos próximos dias reunião ministerial para avaliar o quadro político …
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O Supremo e os cartórios

O Estado de S.Paulo
O ministro Gilmar Mendes cassou liminar que permitia aos administradores interinos de cartórios ganhar mais do que o teto do funcionalismo público (R$ 28 mil). A liminar foi concedida há três anos a pedido da Associação dos Notários e Registradores do Brasil, depois que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu que tabeliães não concursados não poderiam ganhar mais do que um ministro do Supremo Tribunal Federal e teriam de ser substituídos por profissionais concursados.

A atividade cartorial - um setor que movimenta mais de R$ 4 bilhões por ano - é delegada pelo poder público a particulares e a Constituição é taxativa ao exigir que sejam escolhidos por concurso público de provas e títulos. Apesar dessa determinação, dos 13,5 mil cartórios em funcionamento cerca de 4,7 mil continuam sendo dirigidos por tabeliães e registradores não concursados.

Vários deles são juízes e desembargadores aposentados que foram escolhidos nos círculos de amizade …
Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 27 / 06 / 2013

O Globo
"Sob pressão, Senado torna corrupção crime hediondo"

STF manda prender deputado e complica mensaleiros; CCJ da Câmara derruba voto secreto em cassações

O Senado aprovou ontem um projeto de lei que torna corrupção crime hediondo, equiparando-o, por exemplo, a estupro. A proposta tramitava desde 2011, mas, novamente em reação aos protestos que tomaram conta do país, foi aprovada em votação simbólica, com a concordância de todos os partidos. O texto ainda precisa passar pela Câmara, mas o presidente da Casa, Henrique Alves (PMDB-RN), disse que pretende votá-lo o mais rápido possível. A aprovação ocorreu no mesmo dia em que o Supremo Tribunal Federal (STF), numa decisão inédita desde a redemocratizaçàn do país, determinou a prisão de um parlamentar — o deputado Natan Donadon (PMDB-RO), condenado em 2010 por formação de quadrilha e peculato. O caso abre precedente contra parlamentares condenados no mensalão, que podem também ter a prisão decretada…

Pitacos do Zé

Imagem
E por falar em civilidade... (XXXVII)

José Ronaldo dos Santos
Pobre cavalo!
Eu já mostrei, faz um tempinho, este coitado tentando fazer o serviço que os nossos representantes (vereadores, prefeito, governador...) não fazem, ou seja, roçar a calçada da Rodovia Oswaldo Cruz (em Ubatuba, lógico!) para que os pedestres não precisem ocupar o espaço da ciclovia. Além do mais, não me parece lógico ver o mato pulando sobre o cimento. Que feio, né, senhor prefeito ?!?
Que tal contratar mais cavalos para a empreitada?

Twitter
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O despreparo confirmado

O Estado de S.Paulo
Custa crer que a presidente Dilma Rousseff tenha falado sério quando propôs um "plebiscito popular" - existe outro? - para a convocação de uma Assembleia Constituinte, sem a participação dos atuais legisladores, com a incumbência exclusiva de fazer a reforma política. Essa foi a principal enormidade que apresentou na reunião de emergência da segunda-feira com os 27 governadores e 26 prefeitos de capitais, convocada para a presidente mostrar serviço à rua. Ela também pediu pactos nacionais para, entre outras coisas, tipificar a "corrupção dolosa" - existe outra? - como crime hediondo e pela responsabilidade fiscal para conter a inflação. Eis um faz de conta: ninguém contribuiu tanto para desmoralizar esse princípio do que o atual governo com a "contabilidade criativa" a que recorre para tapar os seus desmandos fiscais.

A ideia da Constituinte exclusiva - que teria sido soprada para a presidente pelo ministro da Just…
Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 26 / 06 / 2013

O Globo
"Câmara derruba a PEC 37; Dilma recua de Constituinte"

Barbosa condena conchavos e defende recall de políticos

Renan encampa passe livre
Presidente do Senado quer agora votar em 15 dias uso de royalty em transporte gratuito de estudantes

Rio terá CPI dos ônibus
Prefeitura abre planilhas e revela que empresas lucraram RS 69,4 milhões em 2012

Médicos terão checagem
Estrangeiros que vierem para áreas carentes serão avaliados em três semanas por universidades

Câmara votará ‘cura gay’
Henrique Eduardo Alves espera derrubar polêmico projeto apoiado por Marco Feliciano

Em mais um dia marcado por reações dos Poderes às manifestações de rua, a Câmara dos Deputados rejeitou ontem, por 430 votos a nove, a Proposta de Emenda Constitucional 37, que limitava o poder de investigação do Ministério Público e era,urna das principais bandeiras dos atos que tomaram conta do país nas duas últimas semanas. A presidente Dilma, que anteontem defendeu uma Constituinte exclus…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Para a rua ver

O Estado de S.Paulo
A rua não só tem o direito de apontar o dedo para os governantes, como é bom que o faça: mil vezes melhor uma sociedade estridente do que uma sociedade apática - se essas forem as únicas alternativas. Mas a rua não tem a obrigação de oferecer aos poderes do Estado, mastigadas, as soluções para as mazelas que justificadamente denuncia. Quando essas se empilham e perduram, apesar das promessas que se ouvem a cada ciclo eleitoral e das reiteradas juras das autoridades de que se esfalfam para cumpri-las, é da ordem natural das coisas que a rua, esgotada a sua paciência e tendo redescoberto o seu poder de pressão, queira para já as mudanças que façam do Brasil, em síntese, um país sem corrupção e com serviços públicos equiparáveis em qualidade ao volume de impostos que se pagam por eles. Afinal, se duas semanas de manifestações levaram à anulação do aumento dos preços das passagens em dezenas de cidades e obrigaram a presidente Dilma Rousseff a legitimar a …
Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 25 / 06 / 2013

O Globo
"O Brasil nas ruas: Dilma propõe Constituinte e cria polêmica com Congresso e STF"

Presidente sugere plebiscito para reforma política profunda e punição da corrupção como crime hediondo

Juristas consideram medida inconstitucional, e até aliados questionam proposta; oposição divulga manifesto pedindo combate à corrupção. Com temas diversificados, como transporte e impunidade, novos protestos estão marcados para hoje em todo o país. Numa tentativa de responder aos protestos nas ruas do país, a presidente Dilma Rousseff reuniu ontem os 27 governadores e 26 prefeitos de capitais, no Palácio do Planalto, e propôs um pacto nacional em torno de cinco pontos: responsabilidade fiscal, reforma política, saúde, educação e transporte público. A proposta mais polêmica, que causou reações no Congresso e no STF, é a realização de um plebiscito para convocar uma Constituinte específica para fazer a reforma política. Dilma também cobrou punição mais dura contr…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A rebelião dos desprezados

FERNÃO LARA MESQUITA *
Pier Paolo Pasolini, cineasta italiano assassinado em 1975, época em que o mundo estava em convulsão e as manifestações violentas eram uma epidemia global, era um contestador radical e homossexual assumido quando essas duas coisas davam cadeia (hoje dão prêmio) e, como tal, um ídolo da esquerda revolucionária do seu tempo. Mas, para desgosto das facções do seu fã-clube que acreditavam que a santidade era um atributo exclusivo do proletariado do qual os manifestantes de então pretendiam ser "a vanguarda", dizia que, "quando a polícia e os estudantes se confrontam nas ruas, a polícia é que é o povo". Foi o que me veio à lembrança na quinta-feira, quando constatei, digamos, o "protagonismo" com que a polícia espancava manifestantes quase dentro de um hospital do Rio.

Eles não estavam seguindo ordens. Aquela fúria, que eu já tinha assinalado com arrepios de incômodo em vários outros episódios pelo Brasil afora no…
Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira, 24 / 06 / 2013

O Globo
"Dilma discute plano de ação com governadores"

Diante de onda de protestos, presidente deve anunciar medidas na área de saúde

Manifestações se repetiram em pelo menos 20 cidades brasileiras, inclusive o Rio; bandeiras se diversificam cada vez mais, e tema do combate à corrupção ganha força. Novos atos estão previstos para hoje e amanhã. Pressionada pela onda de protestos, a presidente Dilma Rousseff convocou para hoje uma reunião com governadores e prefeitos de capitais em busca de uma ação conjunta para melhorar os serviços públicos. O tema é mobilidade urbana, mas Dilma deve anunciar melhorias cm saúde e novas vagas em cursos de medicina. Também cobrará adesão à Lei de Acesso à Informação, para dar transparência aos atos públicos e combater a corrupção. Ontem houve manifestações em 20 cidades, mas menos intensas e com temas diversos, como a crítica à PEC 37, que reduz o poder de investigação do Ministério Publico.


O Estado de São Paulo
"…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A mais cara de todas as Copas

O Estado de S.Paulo
A Copa do Mundo de 2014 no Brasil será a mais cara de todas. O secretário executivo do Ministério dos Esportes, Luís Fernandes, anunciou que em julho seu custo total chegará a R$ 28 bilhões, um aumento de 10% em relação ao total calculado em abril, que era de R$ 25,3 bilhões. E supera em R$ 6 bilhões (mais 27%) o que em 2011 se previa que seria gasto.

Por enquanto, já se sabe que o contribuinte brasileiro arcará com o equivalente ao que gastaram japoneses e coreanos em 2002 (R$ 10,1 bilhões) mais o que pagaram os alemães em 2006 (R$ 10,7 bilhões) e africanos do sul em 2010 (R$ 7,3 bilhões).

O "privilégio" cantado em prosa e verso pelo ex-presidente Luiz Inácio da Silva, que se sentou sobre os louros da escolha em 2007, e entoado por sua sucessora, Dilma Rousseff, em cuja gestão se realizará o torneio promovido pela Fifa, custará quatro vezes os gastos dos anfitriões do último certame e três vezes os gastos dos dois anteriores.

O g…
Imagem

Manchetes do dia

Domingo, 23 / 06 / 2013

O Globo
"Juventude desiludida"

Proporção de eleitores de 16 a 18 anos caiu pela metade em duas décadas; semana de protestos deixa claro o desencanto com políticos e a cobrança por melhoria nos serviços públicos, mas vandalismo desafia futuro das manifestações

Os últimos 14 dias que abalaram o Brasil deixaram uma mensagem clara: o sentimento contra a política tradicional. A cada eleição, aumenta o número de brasileiros que não vão às umas ou, quando vão, votam em branco ou nulo. Há 21 anos, quando os caras-pintadas provocaram o impeachment do então presidente Fernando Collor, eleitores de 16 a 18 anos eram 3,6% do total. Hoje são 1,5%, informa JOSÉ CASADO. De cada 100 jovens que poderiam ser eleitores, só 35 se inscreveram para tirar o título. No Rio, só 19 em cada 100. Outro recado das ruas foi aos governantes, de quem os manifestantes cobraram melhorias nos serviços públicos. Representantes de diversos segmentos sociais ouvidos pelo GLOBO reforçam a nece…