Postagens

Mostrando postagens de Julho 6, 2008
Imagem

E por falar de Dantas, mais umas tantas...

Diogo Mainardi: "Nassif, o banana" - Ou: por que ele foi demitido da Folha

Eu sou lobista de Daniel Dantas. É o que diz o blogueiro Luis Nassif. Como foi que eu ajudei Daniel Dantas? Acusando-o de ter financiado Lula. E também acusando Naji Nahas de ter financiado Lula. O fato de eu ter publicado uma série de documentos judiciais sobre Naji Nahas e a Telecom Italia me incrimina, segundo Luis Nassif. Entende-se: em meu lugar, ele teria picotado e obedientemente engolido esses documentos, que denunciam as ilegalidades cometidas pela empresa e pelo governo. Quem patrocina o site de Luis Nassif? A Telecom Italia. Quem impediu que ele falisse e perdesse até as cuecas? O BNDES.
Eu já ridicularizei Luis Nassif três anos atrás, demonstrando que ele reproduziu integralmente em sua coluna a nota de um lobista ligado a Luiz Gushiken. Ele foi demitido da Folha de S.Paulo pouco tempo depois, por causa de um fato ainda mais nauseabundo: a suspeita de ter usado seus artigos no jornal para ac…

Jacques Brel-Ne me quitte pas

Imagem

Meio Ambiente

Falta energia ou falta visão?

Washington Novaes
O tema das barragens e usinas hidrelétricas volta a ocupar espaço abundante no noticiário, por muitas razões:
1) Por ser essa uma fonte renovável e menos poluente de energia, num momento de crise, e que abre a possibilidade de reduzir, com seu uso, as emissões de gases que intensificam o efeito estufa e acentuam mudanças climáticas;
2) pelo ângulo oposto, por estar o Brasil levando adiante vários projetos nessa área, quando alguns estudos mostram a possibilidade de, com conservação e eficiência energética, até reduzir consideravelmente nosso consumo de energia, além de poder recorrer muito mais do que o faz a outras fontes menos problemáticas (eólica, solar, de marés, biocombustíveis, principalmente);
3) porque a construção de hidrelétricas sem preocupação de implantar eclusas que permitam a navegação dificulta depois o aproveitamento desse meio de transporte (onde seja viável e sem custos excessivos);
4) porque grande parte da energia ger…
Imagem

Opinião

Uma lei para a internet

Editorial do Estadão
Embora contenha pontos controversos ou insuficientemente claros, o projeto que tipifica delitos praticados na internet, aprovado na última quarta-feira pelo Senado, merece o aplauso de todos aqueles que consideram inaceitável que a ampla liberdade de expressão característica da comunicação virtual sirva para a prática de crimes repulsivos, como a disseminação de pedofilia - material pornográfico envolvendo crianças ou adolescentes. A proliferação dessas imagens abjetas preocupa governos no mundo inteiro e mobiliza em toda parte as organizações de proteção à infância. Ninguém tem a pretensão de erradicar esse lixo da rede global de computadores. O que se busca é conter, tanto quanto possível, a sua propagação, criando mecanismos cada vez mais efetivos de identificação dos perpetradores e estabelecendo sanções penais não só para a produção ou o comércio do material, mas também para o seu armazenamento.
Para se ter idéia das dimensões do problem…

Manchetes do dia

Sábado, 12 / 07 / 2008

Folha de S. Paulo
"Supremo se diz desrespeitado e manda soltar Dantas de novo"
O presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, mandou soltar pela segunda vez em menos de 48 horas o banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity, preso na Operação Satiagraha. Dantas deixou à noite a sede da PF em São Paulo e viajou de jatinho para o Rio. Mendes chamou de "absurda" e "inaceitável" a primeira prisão preventiva ordenada anteontem pelo juiz Fausto de Sanctis, da 6ª Vara Criminal Federal de SP. Para ele, o juiz "não indicou elementos concretos" para justificar a prisão e quis "desrespeitar" a decisão anterior do STF.
O ministro quer a investigação de possíveis abusos na determinação das prisões.
Entidades de classe defenderam De Sanctis e criticaram a intenção de Mendes. Manifesto assinado por 121 juízes federais da 3ª Região (SP e MS) diz que "não se vislumbra motivação plausível para que um juiz seja investigado po…
Imagem
Clique sobre a imagem e saiba mais

Saia Justa

Mendes afrontou as instituições, acusam procuradores

(O documento abaixo reune as assinaturas de 45 Procuradores da República de vários Estados e foi divulgado pouco antes da decisão tomada por Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal, de mandar soltar pela segunda vez o banqueiro Daniel Dantas.)

Carta aberta à sociedade brasileira sobre a recente decisão do Presidente do Supremo Tribunal Federal no habeas corpus nº 95.009-4.

Dia de luto para as instituições democráticas brasileiras

1.Os Procuradores da República subscritos vêm manifestar seu pesar com a recente decisão do Presidente do Supremo Tribunal Federal no habeas corpus nº 95.009-4, em que são pacientes Daniel Valente Dantas e outros. As instituições democráticas brasileiras foram frontalmente atingidas pela decisão liminar que, em tempo recorde, sob o pífio argumento de falta de fundamentação, desconsiderou todo um trabalho criteriosamente tratado nas 175 (cento e setenta e cinco) páginas do decreto de prisão provisó…

Vai e vem

Imagem
Presidente do STF determina, novamente, liberdade para Daniel Dantas

da Folha Online
O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Gilmar Mendes, acatou nesta sexta-feira a petição apresentada pelos advogados de Daniel Dantas, dono do banco Opportunity, e concedeu liminar para suspender a decisão da prisão preventiva do banqueiro. Dantas está preso preventivamente desde ontem à tarde por decisão da Justiça Federal em São Paulo.
Ele já havia sido preso na terça-feira (8), durante a Operação Satiagraha da Polícia Federal, mas foi solto ontem de madrugada depois que o presidente do STF aceitou o primeiro pedido de liberdade por considerar sua prisão "desnecessária".
A petição acatada por Mendes nesta sexta-feira foi protocolada no mesmo habeas corpus pedido pela defesa anteriormente.
A prisão preventiva de Dantas foi expedida pela 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo a pedido da PF e do Ministério Público Federal com base em documentos encontrados na casa dele na terça-feira. O d…

Brasil

Imagem
Dantas: "Vou contar tudo! Detonar!"

Preso, o banqueiro Daniel Dantas ameaça contar tudo o que sabe sobre a corrupção no Brasil

Bob Fernandes

Os intestinos do Brasil.

Daniel Dantas está numa sala da Superintendência da Polícia Federal em São Paulo. Seu advogado, Nélio Machado, está próximo.
Diante do banqueiro, o delegado que coordenou a operação Satiagraha, o homem que o prendeu por duas vezes em 48 horas. São 8 da noite da quinta-feira, 10 de julho.
» Opine aqui sobre a prisão de Daniel Dantas
Outros dois dos presos na operação acabam de ser libertados, habeas corpus do presidente do Supremo, Gilmar Mendes, concedidos ao megainvestidor Naji Nahas e ao ex-prefeito Celso Pitta.
Daniel Dantas parece exausto, rendido, mas não deixou de ser quem é. Obcecado por tudo que foca e toca, brilhante, genial, dizem mesmo os mais empedernidos adversários.
O tempo, pouco tempo, dirá o quanto há de cálculo, quanto há de desabafo no que começa a despejar sobre o delegado Protógenes Queiróz. Primeiro…

Laura Fygi - Don't It Make My Brown Eyes Blue

Fatos da vida

Misteriosos mistérios

Sidney Borges
Comecei a desconfiar do destino quando vi o comentário estranho em meu blog. Não tinha nada a ver com o texto onde fora postado e se bem me lembro não tinha nada a ver com nada. Lembrava filme de espionagem. Obviamente não publiquei. “Doutor Clementino trinta. Venha na sexta-feira 13”. Olhei o calendário, não havia sexta-feira 13 no mês. Dias depois lá estava a mensagem novamente. Tornei a apagar, mas fiquei curioso, um código talvez. Na terceira oportunidade compreendi que o comentário não era para ser publicado, fora endereçado a mim. Quando começou junho a mensagem surgiu com detalhes. “Sexta-feira 13 às 14:30h. Doutor Clementino trinta. É de seu interesse, não deixe de ir.” O endereço me remeteu a um edifício de quatro andares em uma rua do Belenzinho, bairro antigo de São Paulo. Por precaução fui verificar o local no dia 12. Confesso que me senti ansioso. O que seria, ou melhor, o que alguém iria querer comigo, pacato escritor de província quase …
Imagem

Opinião

Mais rigor no crédito

Editorial do Estadão
Está mais difícil obter empréstimos. Os analistas de crédito acompanham com cuidado a evolução dos pagamentos em atraso e já constataram que, embora o crescimento dos índices gerais de inadimplência não chegue a preocupar, no segmento de financiamento de automóveis eles vêm subindo contínua e rapidamente desde dezembro. Por precaução, as instituições financeiras aumentaram as exigências para conceder financiamentos.
Entre os critérios mais rigorosos utilizados na análise do cadastro dos candidatos a empréstimos está a fatia da renda que pode ser comprometida com as prestações, que foi reduzida em até cinco pontos porcentuais. Instituições que aceitavam o comprometimento de até 35% agora limitam a prestação a, no máximo, 30% da renda.
O índice de inadimplência detectado em maio pelo Relatório de Crédito do Banco Central, de 7,3%, é pouco superior ao de abril, de 7,1%. No caso dos automóveis, os pagamentos com mais de três meses de atraso passaram …

Manchetes do dia

Sexta-feira, 11 / 07 / 2008

Folha de S. Paulo
"Dantas volta à prisão após 11 horas"
Pouco mais de 11 horas após deixar a carceragem da Polícia Federal em São Paulo, beneficiado por hábeas corpus do Supremo Tribunal Federal, o banqueiro Daniel Dantas voltou a prisão. Segundo a Procuradoria, os fundamentos da nova detenção são diferentes. A primeira, decretada pelo juiz Fausto de Sanctis na terça era temporária e incluía Dantas e outros acusados. O motivo da prisão de ontem, que é preventiva e só atingiu o banqueiro, é a acusação de oferecer dinheiro a um delegado da PF. Planilha encontrada no apartamento de Dantas no Rio registra o pagamento de R$1,5 milhão descrito como “contribuição” para evitar o indiciamento de “companheiros”. O presidente do STF, Gilmar Mendes, mandou soltar o ex-prefeito Celso Pitta e o investidor Naji Nahas, que estavam presos na PF. Mendes enviou sua decisão ao Conselho de Justiça Federal e a outros órgãos, para que a atuação do juiz Fausto de Sanctis se…

Crônica

A alegria do ladrão de galinha

Luis Fernando Veríssimo
Quem deve estar festejando a prisão do Daniel Dantas é o Ladrão de Galinha. Mesmo que o banqueiro já esteja solto, só o fato de vê-lo sendo levado pela polícia certamente encheu de alegria o coração do Ladrão de Galinha e o levou a gritar coisas como “Até que enfim!” dentro da sua cela superlotada, em algum lugar do território nacional. O Ladrão de Galinha é aquela figura sempre citada do folclore brasileiro quando se fala das desigualdades da nossa justiça, o cara que vai preso por um crime menor, sem apelos e recursos, enquanto crimes maiores ficam impunes, ou suspeitos de roubos maiores escapam da prisão.
O Ladrão de Galinha já tinha tido outros motivos para festejar, é verdade, desde que começou o novo ativismo da Polícia Federal, que de uns anos para cá tem prendido muita gente que ninguém esperava. Mas o Daniel Dantas é diferente. Nem interessa ao Ladrão de Galinha saber se o Daniel Dantas é culpado ou inocente do que é acusado…

Vai e vem

Imagem
Daniel Dantas é preso novamente em São Paulo

MSN
Poucas horas após ser libertado, o banqueiro Daniel Dantas voltou a ser preso na tarde desta quinta-feira pela Polícia Federal em São Paulo. Na noite de quarta-feira, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, havia concedido o habeas corpus.
Dantas, a irmã Verônica e outros nove funcionários do banco Opportunity foram presos pela PF na Operação Satiagraha, deflagrada na terça-feira para desbaratar um suposto esquema de desvio de verbas públicas, corrupção e lavagem de dinheiro. Eles haviam entrado com pedido de habeas-corpus preventivo em junho, com receio de que fossem alvos de uma ação da Polícia Federal (PF). (Informações da Agência Estado)
Imagem

Brasil, o mesmo de sempre

Decisão da Justiça se discute, sim

Ricardo Noblat no Blog do Noblat
Há um lugar comum a que os políticos profissionais costumam recorrer quando provocados a respeito de decisões polêmicas tomadas pela Justiça. Eles repetem como meio de se esquivar de comentá-las:
- Decisão da Justiça não se discute. Cumpre-se.
Como não sou político e muito menos profissional, discuto aqui a decisão tomada pelo ministro Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal, de soltar o banqueiro Daniel Dantas e mais nove pessoas ligadas ao Grupo Oportunitty e que haviam sido presas, anteontem, pela Polícia Federal.
Qual o principal motivo da prisão de Dantas? A tentativa feita por ele, e amplamente documentada, de subornar um delegado da Polícia Federal para escapar de ser investigado. E para que sua irmã também escapasse.
Emissários de Dantas ofereceram um milhão de dólares ao delegado. Parte do dinheiro em reais acabou entregue. A Justiça autorizara o delegado a receber o dinheiro para que se materializass…

Redondas

Imagem
É hoje

Sidney Borges
Hoje é um dia importante. Dia da pizza, uma das maiores criações do gênero humano, como as pirâmides e Giselle Bündchen. Margarita ou mussarela, calabresa ou castelões, aliche ou portuguêsa, alho, atum, tanto faz, importante é a pizza. E os pizzaiolos. Hoje vou fazer um brinde ao gênio que inventou a iguaria, que teve a brilhante idéia de esticar a massa, cobrir com queijo, manjericão e azeite e colocar no forno. Merecia o Premio Nobel.

Joao Gilberto vivo sonhando

Imagem

Opinião

O mérito é da CPI dos Correios

Editorial do Estadão
A Operação Satiagraha pode surpreender pelo nome, ou melhor, pela estranha predileção da Polícia Federal (PF) por termos exóticos para batizar as suas investigações de grande ressonância - este, do sânscrito, significando "firmeza na verdade", era um dos conceitos costumeiros das pregações do Mahatma Gandhi. Mas é de duvidar que alguém, ao menos entre os brasileiros habituados a ler jornal, tenha se surpreendido com os nomes dos três principais alvos da operação, dos 24 cuja prisão foi decretada por um juiz criminal de São Paulo, Fausto de Sanctis. Afinal, não é de hoje que, por uma penca de motivos, o banqueiro Daniel Dantas, o especulador Naji Nahas e o ex-prefeito paulistano Celso Pitta freqüentam a crônica policial, e todos têm "fichas sujas". Tampouco surpreende a promiscuidade do dinheiro fraudulento com a política, ou vice-versa, para a qual a contribuição do trio não pode ser subestimada, variando apenas as …

Manchetes do dia

Quinta-feira, 10 / 07 / 2008

Folha de S. Paulo
"Presidente do STF manda libertar Dantas e mais 10"
O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, mandou soltar ontem a noite o banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity, e sua irmã Verônica, que estavam presos na sede da Polícia Federal em São Paulo, acusados de diversos crimes. A decisão foi entendida para outros nove funcionários do banco. A prisão dos 11 fora decretada anteontem na Operação Satiagraha, deflagrada pela Polícia Federal. O ex-prefeito Celso Pitta e o investidor Naji Nahas continuam detidos, há outros seus presos e cinco foragidos. De acordo com Mendes, a principal razão para a prisão temporária, a coleta de provas, já havia sido cumprida. O presidente do STF rejeitou o argumento da justiça Federal de que a reclusão será necessária para garantir o interrogatório. Sua decisão seria enviada à PF por fax na madrugada de hoje. No início da semana a Procuradoria Geral da República havia encaminhado ao …
Imagem

Ubatuba

I Seminário sobre a Criação do Programa Lixo Zero, Arquitetura Sustentável, Energia Renovável, no âmbito do Município de Ubatuba

"O Programa Lixo Zero, Arquitetura Sustentável, Energia Renovável trabalha com o reaproveitamento de todos os resíduos descartados pós-consumo e estruturas de terra crua (taipa de pilão) em novas construções limpas, educando a população para a sustentabilidade total. Um sistema que visa promover novas políticas públicas, principalmente no que tange ao reuso de todo o lixo transformado em novos elementos construtivos".

Palestrantes: arquitetos Márcia Macul e Sérgio Prado
Local: Câmara Municipal de Ubatuba
Data: 14 / 07 / 08 - segunda-feira, das 17:00 às 19:00 horas
Imagem
Clique sobre a imagem e saiba mais

Política

Oposição é isso

Sidney Borges
Um candidato a vereador da oposição está começando a campanha corpo-a-corpo pelas ruas. De esquina em esquina cumprimenta as pessoas, troca figurinhas, fala mal do prefeito e diz que vai mudar tudo quando estiver na Câmara. É o que costumam dizer os candidatos enquanto distribuem santinhos. Querem mudar a Câmara. Quem sabe para o Alto da Serra! Mas esse opositor renitente é tão convicto do "ser do contra" que é contra santinhos. Vai distribuir "diabinhos".
Imagem

Sol quadrado

Nota do MPF acusa Dantas de suborno

Quadrilha montada no Grupo Opportunity associou-se ao grupo do megainvestidor Naji Nahas para faturar alto no mercado de ações com informação privilegiada. Doleiros criaram sofisticado esquema de lavagem de dinheiro, também utilizado por Celso Pitta.
O juiz Fausto Martin de Sanctis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, especializada em crimes financeiros e lavagem de dinheiro, acolheu parcialmente manifestação do Ministério Público Federal em São Paulo (MPF/SP) e decretou a prisão temporária de 22 pessoas e mais duas prisões preventivas que integram dois grupos criminosos que, associados, faturaram alto no mercado de ações mediante informações privilegiadas.
Além das prisões, a Justiça Federal determinou também a realização de 56 mandados de busca e apreensão, que estão sendo cumpridos hoje, 8 de julho. As 24 ordens de prisão estão sendo cumpridas desde as 6h de hoje. As ordens judiciais foram cumpridas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e B…
Imagem

Deu em "O Globo"

José Dirceu também está sob investigação da PF

Relatório da inteligência da PF cita Mangabeira; Justiça nega pedido de prisão do ex-deputado petista Greenhalgh

De Ricardo Galhardo:
O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu e o atual ministro do Planejamento de Longo Prazo, Roberto Mangabeira Unger, são citados em relatório da inteligência da Polícia Federal enviado à Justiça como supostos colaboradores do banqueiro Daniel Dantas. O ex-deputado federal petista Luiz Eduardo Greenhalgh teve o pedido de prisão pedido pela PF e pelo Ministério Público Federal, por supostamente agir em favor do grupo junto a parlamentares e ao governo federal. O pedido foi negado pela Justiça.
"Tal grupo (Opportunity) estaria infiltrado em diversos setores econômicos do país, especialmente nos de privatizações, empresas de telefonia, fundos de pensão, portos, mercados de capitais, mercado bancário, agropecuário e de mineração, utilizando-se de pessoas influentes no meio político como: Naji Nahas, José Dirceu…

Lighthouse Family - Forever you and me - Official video [HQ]

Imagem

Opinião

Tempos novos no Continente

Editorial do Estadão
O encontro do presidente colombiano, Álvaro Uribe, com Hugo Chávez, marcado para esta sexta-feira em Caracas, é uma robusta evidência - mas não necessariamente a única - da nova topografia política que começa a se descortinar na América do Sul. Passados sete meses do fiasco do referendo golpista do venezuelano, o formidável triunfo do governo de Bogotá, ao libertar, sem um único tiro, a ex-senadora Ingrid Betancourt e 14 outros reféns da organização narcoterrorista que ainda se faz chamar, pateticamente, Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), tirou o gás das bravatas bolivarianas com que o caudilho imaginava se impor aos vizinhos. A estrela que nasce na região é a de Uribe - em tudo e por tudo o oposto do espalhafatoso coronel que não faz muito o cobria de impropérios, como "cínico" e "mentiroso", e agora o chama hermano.
Mas a ascensão do dirigente colombiano não significa que ele, pessoalmente, esteja em v…

Manchetes do dia

Quarta-feira, 09 / 07 / 2008

Folha de S. Paulo
"Operação da PF prende Daniel Dantas, Naji Nahas e Celso Pitta"
O banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity, o megainvestidor Naji Nahas e o ex-prefeito paulistano Celso Pitta foram presos pela PF, acusados de crimes como formação de quadrilha, evasão e lavagem de dinheiro. Dantas é acusado na Operação Satiagraha (firmeza na verdade, em sânscrito) de utilizar empresas para cometer fraudes, remessas ilegais e lavar dinheiro. Nahas é apontado como o operador de Dantas que cuidava da lavagem no exterior. Pitta, segundo a denúncia do Ministério Público, recorria a Nahas para repatriar recursos. Dantas e Nahas teriam se associado para lucrar especulando com ações a partir de informações privilegiadas. O banqueiro, segundo o Ministério Público cometia evasão de divisas por meio do Opportunity Fund, offshore no paraíso fiscal das Ilhas Cayman que teria movimentado quase US$ 2 bilhões entre 1992 e 2004. Nahas ainda teria obtido acesso a info…
Imagem

Relação estreita?

Ex-mulher relata ao MP 'estreita relação' entre Pitta e Nahas

Segundo Nicéa, um filho do investidor, Fernando Nahas, 'entregava envelopes para seu ex-marido'

Fausto Macedo e Rodrigo Pereira, de O Estado de S. Paulo
José Luis da Conceição/ AE
Celso Pitta chega ao IML conduzido pela PF SÃO PAULO - O ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta chegou por volta de 11 horas desta terça-feira, 8, na sede da Superintendência Regional da Polícia Federal, preso sob acusação de envolvimento em esquema de corrupção e lavagem de dinheiro. O cerco a Pitta foi fechado a partir de denúncias que sua ex-mulher, Nicéa, fez ao Ministério Público de São Paulo. Ela revelou, em depoimento formal, que Pitta mantinha "estreita relação" com Nahas.
Leia mais

Nota do Editor - O que será que a doce Nicéa quis dizer com "estreita relação"? Boa coisa não foi, pois os federais prenderam o ex-prefeito Pitta. De pijama. Curioso, tem gente que usa pijama. De qualquer forma se há uma coisa a tem…
Imagem

Erro médico

Alma feminina

Sidney Borges
Dona Ermelinda lia a sorte e benzia com cinzas do fogão à lenha. Os desenhos abstratos formados na água da latinha de manteiga Aviação eram interpretados com detalhes depois dela se concentrar e rezar baixinho. Dona Ermelinda era gorda, redonda, tinha poucos dentes e usava um lenço na cabeça. Filas se formavam na porta da casa. Moças querendo notícias de namorados, homens de negócios preocupados com a inflação, velhas com reumatismo, enfim gente curiosa como somos todos. Um dia a catarata turvou de vez a visão da velha senhora, já não era possível ler as cinzas.
Internada para operar um dos olhos acabou vítima de uma incrível confusão e teve removido um olho-de-peixe do pé esquerdo. A família ficou furiosa. Foi marcada uma reunião com a presença de filhos, netos, bisnetos e o retrato do falecido. Enquanto deliberavam contra médicos e hospital dona Ermelinda sorria satisfeita imaginando-se de salto alto.
Imagem

Cadeia!

O inferno de Dantas

Bob Fernandes e Samuel Possebon*
Para se tentar entender quem é Daniel Dantas, preso hoje junto com Verônica Dantas, Dório Ferman, Carlos Rodenburg, Naji Nahas, Celso Pitta e outras duas dezenas de menos ilustres, é preciso antes entender seu fortim e sua obra principal: o grupo Opportunity.
Em tempo: "Sua" obra principal, o Opportunity, mas sem que se deixe de levar em conta a suspeita do delegado Protógenes Queiroz, da Polícia Federal: Daniel Dantas et caterva soam, por vezes, não serem os "donos", ou, os únicos donos do megaconglomerado.
Leia mais

Nota do Editor - Sempre ouvi dizer que cadeia no Brasil foi feita para três pes. Pobre, Preto e Puta. A matéria acima mostra alguns ricaços em clima de sol quadrado. No entanto, para não fugir à regra prenderam o Pitta. Tradição é tradição. (Sidney Borges)
Imagem

Energia

Construção de Angra 3 deve ser retomada em setembro, diz Lobão

Sabrina Craide
Repórter daAgência Brasil
Brasília - A construção da usina nuclear Angra 3 deve ser retomada no dia 1º de setembro e a obra deverá estar pronta em quatro anos, segundo informou hoje (7) o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão.
Segundo ele, a licença de instalação da usina, que irá gerar 1,3 mil megawatts, será concedida em 15 dias pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Nos planos do governo também estão a construção de mais três usinas térmicas movidas a energia nuclear. “Daí por diante, teremos uma térmica nuclear por ano até chegarmos a um total de 60 mil megawatts daqui a 50 anos”, disse o ministro.
Para alcançar essa meta, o governo está formando o Comitê de Desenvolvimento do Programa Nuclear Brasileiro, que será coordenado pela Casa Civil da Presidência da República. O papel do comitê será o de fixar diretrizes e metas para o desenvolvimento do Programa N…

Ubatuba em foco

Imagem
Rostrhamus sociabilis - Carlos Rizzo

Ubatuba 500 aves

Carlos Rizzo
Desde o primeiro checklist das aves de Ubatuba feito em 1996 o numero de 186 espécies registradas em Ubatuba só aumentou. Em 2002 registrávamos 380 espécies em 2006 saltamos para 476 com a inclusão das aves marinhas.
Quanto mais próximos vamos chegando do numero real de espécies mais difícil o aparecimento de um novo registro. Dia desses Rick Simpson me convidou para ver um gavião e lá fomos para a Praia Grande onde pude registrar este da foto. É um gavião caramujeiro, Rostrhamus sociabilis, esta fácil saber o porquê do sociabilis, basta olhar onde está empoleirado. Aquele bico fino serve para retirar por inteiro a parte comestível do caramujo. Foi a primeira vez que o vi e quando fui anotar na minha lista descobri que ele não constava da lista de Ubatuba.
Há tempos estamos precisando de uma nova consolidação da nossa lista de aves, o Dimitri do Itamambuca no ano passado adiantou o trabalho consolidando a nossa lista com a …

Aconteceu em Ubatuba

Imagem
René Nakaya

Encontro aéreo movimentou aeroporto de Ubatuba

Cerca de 50 ultraleves coloriram o céu de Ubatuba durante o final de semana

Sidney Borges
O 1º Encontro Regional de Ultraleves – Ubatuba Voa 2008 movimentou o Aeroporto Gastão Madeira, no centro de Ubatuba, no último final de semana. Aproximadamente 50 ultraleves dos aeroclubes de Atibaia, São José dos Campos, Taubaté, Rio de Janeiro e Curitiba estiveram presentes no evento.
Infelizmente não estive presente, afazeres em Sampa me tiraram da cidade. Aproveito o parágrafo da matéria enviada pela Prefeitura para abrir meu comentário. Eu gostaria de ter ido, tenho o hábito de passear pelos campos de aviação. Gosto do espaço generoso, amplo, que me permite contemplar o horizonte, gosto de lembrar do DC-3 que me levou a Paranaguá em companhia de minha mãe. Eu com pouco mais de três anos, ela com 23, bonita. Enquanto esperávamos meu avô, que veio de Antonina nos buscar de lancha, contemplei extasiado o pássaro metálico decolar e diminuir d…
Imagem

Opinião

A liberdade maior em xeque

Editorial do Estadão
Assim como eliminou das normas para a campanha deste ano, estabelecidas na resolução 22.718, um artigo que feria a liberdade de imprensa, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) precisa novamente cair em si e expurgar do mesmo texto as passagens que ferem o princípio maior da liberdade de expressão, da qual aquela deriva. O artigo em boa hora revogado proibia os então pré-candidatos de expor as suas propostas antes do início oficial da campanha, anteontem. Foi com base nesse dispositivo que um juiz eleitoral multou o jornal Folha de S.Paulo e a revista Veja São Paulo por terem publicado "propaganda extemporânea" em entrevistas com a ainda pré-candidata Marta Suplicy.
Para todos os efeitos práticos, o artigo em questão equiparava a mídia impressa às emissoras de rádio e televisão. Estas, por serem concessões públicas, estão sujeitas, entre diversas outras, às regras do calendário eleitoral que valem para os políticos. Devem, por exemp…

Manchetes do dia

Terça-feira, 08 / 07 / 2008

Folha de S. Paulo
"Fome ameaça 100 milhões a mais, diz Banco Mundial"
O presidente do banco Mundial, Robert Zoellick, cobrou que os líderes do G8 (os sete países mais ricos do mundo mais a Rússia) evitem o que chamou de “desastre”: a crise alimentícia global que, de acordo com cálculos do banco, pode levar à fome um contigente adicional de 100 milhões de pessoas. “Não temos o direito de falhar”, disse Zoellick em entrevista à margem do encontro de cúpula do G8, iniciado ontem em Hokkaido, no Japão. Segundo a FAO (órgão das Nações Unidas para agricultura e alimentação), há 854 milhões de pessoas subnutridas no mundo. Para o banco, as providências imediatas que precisam ser tomadas são o atendimento às necessidades urgentes dos países muito pobres, a ajuda a pequenos produtores e eliminação de restrições à exportação de alimentos em 26 países. Ban ki-moon, secretário-geral da ONU, disse que o alto preço dos alimentos faz retroceder o “relógio do desenv…

Editorial

Mordaça indecente

Sidney Borges
Nada pode na internet, nem mesmo o que é permitido em jornais impressos, rádio e televisão. Não podemos falar bem ou mal, na verdade devemos nos calar, é o que eles querem, é deles o poder, a nós cabe obedecer ou enfrentar a força. Os blogs são especialmente visados. São os principais alvos da sanha repressiva que assola a alma brasileira. Apesar de anos de democracia ainda há corações que amam a censura e rezam para seu santo preferido, Torquemada, o inquisidor. Eles nos temem, nos calam, mas é temporário. A verdade prevalecerá e os obscurantistas um dia terão consciência do quão inútil foi a tentativa. Quando estiverem ardendo nos quintos dos infernos.
Imagem

Espaço do leitor

Ubatuba, concursos públicos e seus milagres

Antônio Carlos da Silva
Há muito e com bastante freqüência temos visto e ouvido nas rádios, telejornais, periódicos e revistas, inúmeros comentários e denúncias sobre “improbidade” e “falcatruas” na realização de concursos públicos pelo Brasil a fora. Como tudo que é moda pega por aqui, a cidade de Ubatuba não ficou atrás e resolveu entrar, e pela porta da frente, para o “seleto” rol das cidades fraudulentas na realização de concursos públicos. Com medo de Ubatuba ficar excluída da “moda”, alguns agentes públicos e políticos do município “arregaçaram as mangas”, “puseram a mão na massa” e resolveram a questão. E como isso foi feito? Realizando o concurso público para o preenchimento de vagas na Câmara Municipal. O resultado do concurso publicado no jornal “A Cidade”, de 28 de junho de 2008, deixou muitos candidatos do certame estupefatos. Já para outros, foi mero cotidiano. É o famoso “eu já sabia”. No resultado do concurso veiculado pela imp…