Postagens

Mostrando postagens de Novembro 1, 2009

Fábulas tupiniquins

Caetano, Lula, banqueiros e o escambáu...

Sidney Borges
Sai de casa para a tradicional caminhada matinal. Encontrei minha ex-faxineira. Mudou de profissão. É cabeleireira. Comprou uma moto com a ajuda do governo, abriu um salão de beleza e melhorou de vida. Fiquei feliz por ela, é empreendedora e tem sorte de ter nascido no Brasil, país capitalista que permite mobilidade social. Espero que enriqueça e convide o ex-patrão para festas regadas a champanhe de primeira. É bom ter amigos ricos. E generosos.

Continuei caminhado. Encontrei outro amigo, viver em cidade pequena é assim, tropeçamos em amigos. Fui convidado a visitar o Saco da Ribeira. Enquanto o amigo tratava de negócios fiquei perambulando pelo pier. Um iate dominava a visão, branco, enorme, majestoso. Ao me ver em contemplação extasiada um marinheiro, amigo de longa data, disse que o dono é banqueiro. Com jeitão de quem não quer nada cheguei perto. No deck duas louras com biquinis de onça passavam bronzeador nas costas do ricaço.…
Imagem

Brasil

Críticas de Caetano a Lula dividem artistas

Para alguns ele foi grosseiro e incoerente, mas há quem seja solidário às declarações e diga que o cantor conhece o 'peso das palavras' como poucos

Do Estadão (original aqui)
Atacado por líderes do PT por ter qualificado o presidente Luiz Inácio Lula da Silva como "analfabeto", o cantor Caetano Veloso recebeu, na classe artística, manifestações de solidariedade e de crítica."Por que nada de Lula pode ser criticado?", questionou Nelson Motta, produtor musical, escritor e colunista do Estado. "Achei realmente deselegante, para dizer o mínimo, o fato de o cantor ter chamado o presidente Lula de analfabeto, coisa que ele não é", afirmou o escritor Ricardo Lísias. "O leão está banguela, rugindo lugares comuns", opinou o ator Pascoal da Conceição.

Tente adivinhar os outros alvos do cantor no quiz "Na Mira do Caetano"

Para a documentarista e ensaísta Miriam Chnaiderman, não se deve interpretar as…
Imagem

Eleições 2010

Pesquisa Vox Populi dá Serra disparado na frente

De Lauro Jardim (original aqui)
Uma pesquisa nacional do Vox Populi concluída na segunda-feira passada confirmou a folgada liderança de José Serra na corrida presidencial. Ele tem 40% das intenções de voto. É mais do que o dobro dos 15% obtidos por Dilma Rousseff e mais do que o triplo dos 12% registrados por Ciro Gomes. Marina Silva ficou com 5%. Nesse quadro, Serra levaria no primeiro turno.

Quando Aécio Neves é apresentado como candidato tucano no lugar de Serra, constatou-se uma surpresa: Aécio superou Dilma Rousseff pela primeira vez numa pesquisa do Vox Populi. Ainda que seja por 1 ponto porcentual e, portanto, dentro da margem de erro.

Twitter
Imagem

Ubatuba Víbora de luto

Diretor e ator Anselmo Duarte morre aos 89 anos em SP, diz assessoria do HC

Do G1, em São Paulo (original aqui)
Morreu na madrugada deste sábado (7) o ator e diretor de cinema Anselmo Duarte, de 89 anos, informa a assessoria de imprensa do Hospital das Clínicas em São Paulo. Duarte estava internado no hospital após ter tido um acidente vascular. A assessoria informou que iria apurar o caso para dar mais detalhes sobre a morte do ator e diretor.

Twitter
Imagem

Opinião

Sem a dependência de Evo

Editorial do Estadão
Com a entrada em operação, no próximo ano, do Gasduc III - o gigantesco gasoduto da Petrobrás que ligará a Bacia de Santos aos principais centros consumidores, o País estará livre da incômoda dependência do gás boliviano. Recorde-se que em 2006, quando o governo Evo Morales nacionalizou o setor de petróleo e gás, o fornecimento às indústrias brasileiras foi ameaçado.

Com capacidade de transportar 40 milhões de m³/dia, o Gasduc III, construído ao custo de R$ 2 bilhões, ligará a Estação de Cabiúnas, em Macaé, a Duque de Caxias. Sua capacidade é maior que a do Gasoduto Bolívia-Brasil, que transporta até 30 milhões de m³/dia e não opera a plena carga.

A exploração do gás da plataforma continental altera a relação de forças com o governo boliviano. O embaixador em La Paz, Frederico Cezar de Araujo, por exemplo, precisou tranquilizar as autoridades bolivianas, declarando que as compras de gás não sofrerão corte depois do vencimento do contrato assi…
Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 07 / 11 / 2009

Folha de S. Paulo
"Cesta básica pesa menos no orçamento dos pobres"

Gasto de trabalhador que ganha salário mínimo é menor hoje que em 1995

A parcela do salário mínimo consumida pela cesta básica é uma das menores em mais de uma década. Segundo dados do Dieese, a compra desses itens consome atualmente 45% da renda líquida do trabalhador que recebe salário mínimo. No ano passado, eram necessários 50,25% da renda para realizar a mesma compra. Em 1995, os produtos básicos comprometiam quase 89% do salário mínimo. O aumento do poder de compra do mínimo é consequência dos reajustes acima da inflação concedidos ao salário nos últimos sete anos e de quedas nos preços dos alimentos – após dois anos de altas significativas. Com o peso menor da cesta básica, as famílias de renda mais baixa puderam ampliar o consumo e gastar em vestuário ou materiais de construção para reformas, segundo analistas.

O Estado de S. Paulo
"Militares aceitam poder de polícia, mas PF ata…
Imagem

Coluna do Celsinho

Viagem

Celso de Almeida Jr.
Eu gosto de conversar com o Celso Teixeira Leite.

Não há, no diálogo, apenas o respeito pelo o ex-prefeito.

Nem, somente, aquela consideração especial pelo sobrenome desta família que tanto admiro.

Com ele, transporto-me no tempo.

Minha infância e juventude em Ubatuba proporcionaram-me, no ambiente escolar, mestres que davam grande valor a história da cidade.

Orientado por bons professores, conheci, entrevistei, visitei Washington de Oliveira, Madre Glória, Virgínia Lefèvre entre tantos outros símbolos de nossa cultura, de nossa gente.

Os papos com o Celso Teixeira Leite, dado o seu conhecimento profundo de nossa terra, de nossos ícones, despertam em mim essas lembranças.

Toda vez que nos despedimos, após o café, vem o sentimento de que precisamos levar a nossa história para todas as escolas da cidade.

Só por ser turística, Ubatuba já mereceria isso.

Mas a questão não é só essa.

Estamos vivendo uma total descaracterização de nossa cultura.

Há um desrespeito evidente com…
Imagem

Artigo

O Fim da História

Murillo de Aragão (original aqui)
As eleições de 2014 devem apresentar um quadro de absoluta ausência de debate ideológico.

A razão é simples: não existe diferença significativa na forma dos candidatos olharem o mundo.

Dilma, Serra, Marina e Ciro são políticos de esquerda que apreciam o poder de intervenção na economia e defendem um estado forte e regulador, além de terem ambições protagonistas no âmbito da economia.

O que isso significa? A resposta é simples: a inexistência de um debate ideológico sobre o que queremos para o Brasil.

Todos, sem exceção, defendem uma coleção de posturas bem intencionadas, escondem qualquer vestígio de atitudes eventualmente liberais e acreditam que o estado é o grande propulsor da economia.

Ledo engano. Não é o estado que deve ser o propulsor da economia e sim o bom governo.

Uma prova da ausência de debate pode ser constatada na tramitação dos projetos do pré-sal no Congresso.

Governo e oposição não discutem o modelo. Debatem a destinação das …
Imagem

Frases

"Marina é Lula e é Obama ao mesmo tempo. Ela é meio preta, é cabocla, é inteligente como o Obama, não é analfabeta como o Lula, que não sabe falar, é cafona falando, grosseiro."

Caetano Veloso

Twitter

Mudança de rumo

Imagem
Original aqui

Twitter
Imagem

Opinião

Que pensam da sucessão seus protagonistas?

Washington Novaes
São cada vez mais recorrentes as discussões sobre motivos que expliquem os altos índices de aprovação do presidente da República e, em contrapartida, a incapacidade de as oposições a seu governo formularem propostas para a sucessão capazes de contrapor-se a ele. Mas não parece tão difícil assim explicar nem os índices, nem as dificuldades oposicionistas. Em síntese, parecem ser três os fatores em que se apoia a aprovação: a quase ausência de inflação, programas de renda e decisões que permitiram o aumento de consumo dos setores de menores rendimentos.

Começando pela inflação: durante décadas os segmentos de menor renda e renda média conviveram com o fantasma inflacionário, que lhes corroía todo o poder de compra em poucos dias após o recebimento dos salários - enquanto os de maior renda, com a possibilidade de correção monetária e juros em aplicações financeiras, até aumentavam seus rendimentos reais e sua participação na renda…
Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 06 / 11 / 2009

Folha de São Paulo
"ONU cobra do Brasil meta de emissão de gás-estufa"

Organização pede número antes da conferência sobre clima, em dezembro

A ONU cobrou do Brasil uma meta clara de corte das emissões dos gases causadores do efeito-estufa, informa Roberto Dias, de Barcelona. Também pediu que o número seja apresentado antes da conferência sobre o clima, marcada para dezembro, em Copenhague. O holandês Yvo de Boer, principal diplomata da ONU para questões climáticas, disse que o esforço de redução dos gases tem que "ser quantificado" e que há "uma estratégia nacional de mudança climática em andamento, e grande parte já pode ser quantificada".

O Estado de São Paulo
"Governo quer dar poder de polícia às Forças Armadas"

Projeto prevê que militares possam revistar pessoas e fazer prisões

Exército, Marinha e Aeronáutica poderão revistar pessoas, veículos e instalações, além de fazer prisões em flagrante, conforme novo texto da Lei…

Mickeymau

Imagem
O lado negro do Mickey

Por Cristiane Correa(No Portal Exame)
É possível que nenhum personagem de desenho seja tão conhecido no mundo quanto Mickey Mouse. Criado por Walt Disney várias décadas atrás, ele rende à empresa nada menos que 5 bilhões de dólares por ano. É muito? O pessoal da Disney acha que não -- e se prepara para fazer um "extreme makeover" no ratinho. Ok. Talvez não seja tão "extreme" assim, mas o jeito bonzinho e inocente do Mickey deve desaparecer em breve. A notícia está no The New York Times de hoje.

O primeiro passo dessa mudança poderá ser visto no jogo Epic Mickey, que será lançado ano que vem. Ali, o personagem vai mostrar seu lado "negro". Calma, ele não vai sair matando ninguém. Mas terá momentos de mau-humor e outros em que banca o espertalhão -- uma imagem muito diferente daquela que as crianças se acostumaram a ver desde que ele foi criado.
Leia mais

Twitter
Imagem

Eternamente Brasil...

História conhecida

Editorial de O Globo
Faz 24 anos da redemocratização e 21 da promulgação da Carta que restabeleceu o estado de direito democrático, e mesmo assim percebe-se que as instituições republicanas, base da democracia representativa, ainda padecem de investidas do autoritarismo e dão sinais de ainda não estar consolidadas.

Se assim não fosse, não estaria agora o Senado, em aberto desafio ao Supremo Tribunal Federal, recusando-se a executar uma decisão final sobre o mandato do senador tucano Expedito Júnior (RO), numa afronta capaz de nivelar o Brasil a uma dessas “repúblicas bananeiras” bolivarianas.

Com isso, parlamentares que já acusaram a Corte de “judicializar” a política — quando ela apenas cumpre a função legal de mediar, decidir conflitos com base na Constituição — agora pretendem, ao arrepio da sensatez e do estado de direito, “politizar” a Justiça, ao transformar o Senado numa instância de recurso ao STF, uma inversão aberrante de papéis.

Não fosse suficiente esta afron…
Imagem

Ubatuba

Hip Hop da paz abre o "Mês da Consciência Negra"

Rui Grilo
A partir de hoje, dia 05 até o dia 08, a partir das 13h30, na Praça de Skate estarão acontecendo várias atividades que fazem parte do IV HIP HOP DA PAZ, com a participação de artistas e grupos locais e de outras cidades, destacando-se a participação do DJ Marcello Gugu.

Hoje, às 19 horas, na Câmara Municipal, também haverá um debate sobre os rumos dessas manifestações culturais.

5ª Festa do Azul Marinho

De 13 a 15 de novembro de 2009, no quilombo da Fazenda, próximo a Praia da Fazenda, costa norte de Ubatuba.

Realização da Associação Comunitária dos Remanescentes do Quilombo Fazenda Picinguaba. Além do azul marinho e do tradicional bolinho de mandioca, aproveite para saborear o suco da jussara, semelhante ao açaí. Produção local que vem sendo desenvolvida pelo IPEMA – Instituto de Permacultura e Ecovilas da Mata Atlântica.
Rui Grilo
ragrilo@terra.com.br

Twitter
Imagem

Opinião

A produção industrial no fim do ano

Editorial do Estadão
A produção industrial apresentou um crescimento de 0,8% no mês de setembro. É o nono resultado mensal positivo consecutivo. Não se trata, porém, de um sinal de boa marcha, pois é 7,8% menor do que em setembro do ano passado e o acumulado dos nove primeiros meses do ano ficou 11,6% abaixo do que em igual período de 2008.

Calcula-se que 2009 apresentará produção industrial com queda entre 6% e 7%, como resultado da crise internacional sobre a atividade econômica. No entanto, quando se compara a evolução da produção física industrial com a do consumo interno, pode-se estranhar o rumo invertido de ambas. Uma parte dessa evolução paradoxal pode ser explicada pela queda das exportações de produtos manufaturados numa economia mundial em crise, enquanto a apreciação do real ante o dólar tornava os produtos brasileiros menos competitivos e o câmbio desvalorizado da China permitia a esse país substituir alguns itens brasileiros.

O impacto das…
Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 05 / 11 / 2009

Folha de São Paulo
"Novas medidas tentarão reduzir entrada de dólar"

Para conter queda da moeda, governo estuda dar mais opções a investidor

Depois de taxar o ingresso de dólares, o governo Lula estuda medidas que façam com que investidores externos não precisem trocar dólares por reais para aplicações no país, informam Leandra Peres e Valdo Cruz. O objetivo é conter a queda da moeda americana. Entre as medidas que devem ser adotadas pela equipe econômica estão a retomada, pelo Tesouro Nacional, das emissões no exterior de títulos da dívida pública em reais e a autorização para que investidores na Bolsa possam depositar suas garantias fora do país.

O Estado de São Paulo
"Entrada de dólares cai 75% com novo imposto"

Apesar disso, fluxo é forte e mercado indica já ter absorvido IOF

A entrada de investimentos externos para aplicações no Brasil caiu 75% desde 20 de outubro, quando entrou em vigor o IOF sobre as aplicações de estrangeiros em ações e…

Acontece em Ubatuba

Imagem
Andréia Dias no palco da Sala ArtAud Nas Nuvens, em Ubatuba / SP, no próximo dia 07 de novembro, as 21hs.

A cantora, compositora e intérprete Andréia Dias se apresentará no palco da Sala ArtAud Nas Nuvens, em Ubatuba/SP, no próximo dia 07 de novembro. Vinda da periferia do Grajaú, em SP, Andréia, que já morou em Ubatuba no início da década de 1990, iniciou-se em canto popular na Universidade Livre de Música Tom Jobim em 1994. Após algumas tentativas não valorizadas de ingressar na cena musical do Rio de Janeiro ao lado do grupo Farofa Carioca, a ex-garçonete hoje mostra sua competência à frente das bandas DonaZica e Glória, e desenvolve seu trabalho solo com muita personalidade, estilo e sem rótulos, que ela própria defini como“música popular contemporânea latino americana”.

Twitter

Comédias Ubatubenses

Imagem
Clube de Comédia, ou melhor, C.U.

Vai acontecer toda quinta-feira, a partir das 21h, na Taberna do Pirata (antigo Coyote Bar). O couvert artístico é de R$ 5,00 mas a gargalhada é gratuita.

No palco Fernando Moreno, comanda a parte da comédia em pé (stand-up comedy) e Heyttor Barsalini segue fazendo graça com seus personagens. Nesse espaço será aberta oportunidade para que outros comediantes da cidade ou de fora expressem a sua arte.

Twitter
Imagem
Clique sobre a imagem e saiba mais

Eleições 2010

Comentário
Serra pode ceder a vez a Aécio

Ricardo Noblat (original aqui)
Se Aécio Neves não topar em ser vice de José Serra ou se Serra se convencer de que Aécio não suará a camisa para elegê-lo presidente da República no próximo ano, o candidato do PSDB à vaga de Lula será Aécio.

Não haverá razão para Serra disputar uma eleição difícil sem contar com o apoio decisivo do segundo maior nome do seu partido. Nesse caso, ele será candidato à reeleição para o governo de São Paulo.

De uma certa forma, é nisso que aposta Aécio quando insiste em manter sua candidatura mesmo estando a dezenas de distância de pontos de Serra nas pesquisas de intenção de voto. Ou quando fala em sair candidato ao Senado.

Serra pode até perder a eleição para Dilma. Só não pode disputá-la sabendo de antemão que tem tudo para perder.

Aécio, não. Pode disputar para perder. Tem idade para ser candidato outra vez - Serra não tem. Mesmo perdendo, vira um nome nacional. Serra virou quando perdeu para Lula em 2002.

São Paulo e Mi…
Imagem

Opinião

O ''autoritarismo popular'' de Lula

Editorial do Estadão
O venezuelano Hugo Chávez é um tipo rudimentar. O brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva não é. Chávez, que impôs ao seu país a reeleição ilimitada, diz não entender por que um presidente "que governa bem e tem 80% de aprovação" não pode disputar um terceiro mandato consecutivo, como se as regras da ordem democrática devessem variar conforme o desempenho dos governantes e os seus índices de popularidade. Lula, que, em parte por convicção, em parte por um cálculo do custo-benefício da aventura reeleitoral, recusou a possibilidade, acredita que pode chegar aonde quer por outros meios, mais sofisticados do que é capaz de conceber a mentalidade tosca do coronel de Caracas. Trata-se da criação de um novo e presumivelmente duradouro bloco de controle da máquina estatal, da manipulação desabrida de um sistema político desvitalizado e da exploração incessante do culto à personalidade do líder, para que a adulação d…
Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 04 / 11 / 2009

Folha de São Paulo
"Expansão e dólar barato estimulam importação"

Compra externa supera US$ 12 bi em outubro; saldo é o menor em 9 meses

Com o dólar barato, as importações brasileiras bateram recorde mensal em outubro e somaram US$ 12,754 bilhões. Esse desempenho contribuiu para que o saldo comercial registrasse, no mês passado, o seu menor resultado mensal desde janeiro, US$ 1,328 bilhão. O aumento da compra de produtos estrangeiros, que reduziu o impacto da alta nas exportações, também pode ser explicado pela recuperação da economia. Com ela, a indústria passou a comprar mais no exterior para atender à demanda. Segundo a Secretaria de Comércio Exterior, as importações vêm crescendo desde agosto, devido à formação de estoques para o fim do ano e à alta na produção industrial. Metade das compras externas do pais é formada por matérias-primas e bens intermediários, como produtos químicos. O governo diz esperar que a queda na importação de bens de cons…

Tempo quente

Cabelo, cabeleira, cabeluda, descabelada...

Cabelo com orgulho é crina, cilindros de espessura fina, cabelo quer ficar pra cima, laquê, fixador, gomalina... (Arnaldo Antunes)

Sidney Borges
O calor chegou. Com ele os mosquitos. Com os mosquitos os repelentes. Hoje eu me encontrava ocupado passando um creme branco na pele quando me ocorreu que o cheiro e a consistência lembravam Brilcrem. Tenho forte lembrança desse fixador. Foi lançado na época em que eu não sabia o que fazer com os cabelos. Até um ou dois anos antes minha mãe combinava com o barbeiro:

- Americano curto.

Ele respondia eco - era italiano, no Brás todo mundo era italiano - e raspava tudo. Ou melhor, quase tudo. Deixava uma pastinha sobre a testa. Depois bezuntava com brilhantina e penteava em movimento circular. Nascia o topete. Eu não dava a mínima, saia do salão com cheiro enjoativo e ia jogar bola ou empinar papagaio. Logo o cheiro passava.

Não sei bem precisar o momento da virada em que descobri os cabelos. Certamente coi…
Imagem

Poder

Clinton diz que só sairia da Casa Branca de caixão se pudesse

Da Reuters, em Istambul (original aqui)
O ex-presidente dos Estados Unidos Bill Clinton (1993-2001) disse na segunda-feira que teria deixado a Casa Branca em um caixão se não houvesse limite de mandato, pois gostava muito do cargo. "É bom termos um limite [de mandato]. Ou eu teria ficado até sair em um caixão. Ou derrotado em uma eleição", disse Clinton em uma conferência em Istambul, na Turquia. "Eu adorava o trabalho".

Clinton ficou na Presidência dos EUA por dois mandatos, o máximo possível sob Constituição. Sua mulher, Hillary, é atualmente secretária de Estado no governo de Barack Obama, depois de perder para ele as primárias democratas, em 2008.

Clinton disse que gostava de sua atual posição como presidente da Clinton Global Initiative, que levanta fundos para questões que vão do sistema de saúde e da pobreza às mudanças climáticas.

Mas a visita surpresa do ex-presidente à Coreia do Norte em agosto, …
Imagem

Circo da Notícia

Justiça em versos

Por Carlos Brickmann no Observatório da Imprensa (original aqui)
Lázaro Piunti, uma figura interessantíssima da política paulista, com base eleitoral em Itu, onde foi várias vezes prefeito, teve apontado pelo Tribunal Regional Eleitoral um erro de R$ 86,00 – sim, oitenta e seis reais – na prestação de contas de sua última campanha para deputado federal. Certamente foi erro, jamais desonestidade: Piunti mantém-se ideologicamente no passado, adorando cubanos e norte-coreanos, mas é um homem honrado, correto, respeitável, cuja longa carreira política não se traduziu em enriquecimento.

Como advogado, apresentou sua própria defesa. Escolheu fazê-la em versos (e, apesar do pitoresco do caso, apesar do papel já desempenhado por Piunti na política paulista, os meios de comunicação não deram a menor importância à notícia). Segue a defesa de Lázaro Piunti:

Eminentes julgadores do egrégio tribunal:

Lázaro José Piunti, neste recurso informal

Enfermo, sem emprego, sem amparo social

Vem …
Imagem

Recordando Madoff

Boi Gordo. O pior investimento da história do futebol brasileiro...

Do Blog de Cosme Rímoli (original aqui)
Boi Gordo.

Esse nome provoca arrepios em muita gente importante do futebol brasileiro.

“Foi o pior investimento que apareceu nos últimos 50 anos.

Essa praga começou no Palmeiras e logo se espalhou pelos clubes.

Como perdemos dinheiro”, relembra Vampeta.

Jogador e treinador de futebol são alvos fáceis de aproveitadores.

Nas concentrações de hotéis há de tudo.

Vendedores de ouro, de carros importados, corretores de imóveis, políticos caçando canditaturas.

Apesar da pose, dos assessores de imprensa, dos contadores, muitos atletas são enganados.

Em São Paulo já houve atletas que compraram terrenos no litoral que ficavam em pleno alto mar.

Entraram de sócios em escolinhas de futebol que não existiam.

Treinadores importantes de futebol perderam fortunas na Bolsa de Valores.

Vários jogadores já caíram no conto do ouro e dos relógios falsificados.

Fora os que investiram em flats que não saíram da maqu…
Imagem

Vem chegando o verão

Fechar pacote antecipado no litoral pode trazer desconto e conforto na alta temporada

Aproximadamente 40% dos leitos já estão reservados para o verão

Do VNews
O feriado acabou e é hora de voltar ao trabalho, mas quem já pensa em passar o fim de ano na praia precisa se antecipar. Em Ubatuba, são muitas opções de preços e lugares pra ficar e quem fechar o negócio antes, pode ganhar um desconto.

O sol e o calor dos últimos dias deixaram as praias lotadas. Movimento que não intimidou o casal César e Daniela Bettin, de Taubaté. O feriado de finados, em Ubatuba, foi programado com antecedência. "A gente não fica sem quarto e compensa mais, porque fica mais barato também e ainda tem a garantia de uma melhor comodidade", conta Daniela.

Eles fizeram parte dos 150 mil turistas que escolheram a cidade como destino e ocuparam 70% dos 15 mil leitos da cidade.

E quem pretende passar as festas de fim de ano nas praias do litoral norte deve se apressar. Além do risco de não encontrar vagas em hot…

Os 7 pecados capitais

Imagem
Do arquivo de René Maltête (original aqui)

Twitter

Eleições 2010

O detalhe que falta conhecer

O Palácio do Planalto torce para que Serra e Aécio não se entendam, e que um deixe o outro ao relento. Não é uma aposta no vazio. Nas duas últimas eleições, o PSDB esteve fraturado. Será diferente desta vez?

Por Alon Feuerwerker (original aqui)
O otimismo exultante de Luiz Inácio Lula da Silva quanto a 2010 tem uma base real e um elemento de cálculo. O prestígio do presidente e a força política do governo são a base real. O elemento de cálculo é a necessidade de manter o pique e o clima até começar a “novela”, a programação eleitoral no rádio e na tevê.

A euforia em torno da candidatura de Dilma Rousseff é essencial para a travessia do deserto, para manter soldada a megacoalizão governista e assim evitar que pedaços venham a reforçar o outro lado. Se tudo correr bem para Lula, a oposição vai comer poeira no horário “gratuito”, numa proporção de 1 para 2. Terá metade do tempo dado ao governismo. Uma desvantagem e tanto.

Daí que nas últimas semanas Dilma tenha fe…
Imagem

Frases

"O Estado tem que ser competente. Não se pode trazer de volta a ideia de transformar empresas em repartições públicas. A governança tem que ser empresarial. Caso contrário, vira divisão entre partidos políticos."

Fernando Henrique Cardoso

Twitter
Imagem

Sol e chuva...

Previsão é de sol e calor nesta terça-feira no Estado de SP

Temperatura na capital pode chegar a 33º C.Chuva deve ocorrer a partir de quarta (4).

Do G1, com informações do Bom Dia São Paulo
A previsão do tempo para o Estado de São Paulo é de sol e calor nesta terça-feira (3). Chuva deve ocorrer a partir de quarta (4). A temperatura na capital paulista pode alcançar os 33º C -quase dois a mais que o registrado na segunda (2). A previsão é de 34º C no Guarujá e 35º C em Presidente Prudente.
Leia mais

Nota do Editor - Tive uma idéia sobre a incerteza da meteorologia e os feriados. Explico melhor. O feriado de ontem, por exemplo. Dependendo da previsão ficaria em suspensão. Que graça tem ir à praia com chuva? Quando fizesse tempo bom, ainda que demorasse meses, o feriado seria promulgado.
- Oi Zé, vai vijar nos finados?
- Não sei, abril está complicado, muito trabalho. Talvez eu viaje em agosto, no carnaval. O Natal em março atrapalhou minha programação. (Sidney Borges)

Twitter
Imagem

Opinião

Reestatizar o Estado

Editorial do Estadão
É preciso reestatizar o Estado brasileiro, hoje submetido a interesses partidários, sindicais e privados, disse o ex-presidente do Banco Central Armínio Fraga, hoje presidente do Conselho de Administração da Bolsa de Valores de São Paulo. Não se trata de jogo de palavras nem de frase de efeito. Numa entrevista ao jornal Valor de quinta-feira, Fraga expôs com clareza o perigo do uso da máquina estatal pelo grupo no poder e seus associados para nele permanecerem. De modo simples e direto, ele desmontou uma das grandes mistificações dos últimos tempos: a crise mostrou a importância da boa regulação e da supervisão eficiente, mas não de um setor público mais inchado e mais gastador. Não há nisso nenhuma novidade, observou sensatamente o entrevistado. Mas isso não é tudo. No caso do Brasil, a crise confirmou o acerto das políticas do governo anterior mantidas pelo atual. Ele não detalhou a resposta, mas o sentido é evidente: as políticas de metas de …
Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 03 / 11 / 2009

Folha de São Paulo
"Após queda, passagem de avião vai aumentar"

Recuperação do mercado provoca reajuste nas tarifas domésticas

O preço das passagens aéreas no mercado doméstico vai subir. Segundo levantamento da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), as tarifas atingiram em setembro o menor nível do ano. A competição entre TAM e Gol, e entre as duas líderes e as pequenas Azul, Oceanair e Webjet, foi a maior responsável pela guerra tarifária, segundo analistas. A crise econômica também contribuiu para a queda. Mas, com a recuperação da demanda nos últimos três meses, as empresas começaram a fazer reajustes.

O Estado de São Paulo
"Após mais de uma década, BC tem saída para bancos falidos"

Proposta para Bamerindus abre caminho para solucionar outros cinco casos

O Banco Central (BC) está perto de se livrar da massa falida de seis bancos liquidados extrajudicialmente há mais de uma década. São falências históricas, ocorridas nos anos 90, que resu…