Postagens

Mostrando postagens de Setembro 28, 2014

Dominique

Imagem

Opinião

A ameaça do crime organizado

O ESTADO DE S.PAULO
A onda de violência que tomou conta da região metropolitana de Florianópolis e de outras cidades do interior de Santa Catarina nos últimos dias é um problema que transcende o Estado. Ele mostra que a violência não poupa nenhum Estado, rico ou pobre, e que nem mesmo os presídios federais escapam de ser controlados por organizações criminosas. Construídos para serem de "segurança máxima" e garantir o isolamento de presos de alta periculosidade de vários Estados, impedindo que continuem a comandar o crime de trás das grades, eles estão se revelando igualmente vulneráveis.

Desde o dia 26, a Polícia Militar (PM) catarinense já registrou mais de 50 ocorrências em 21 cidades. A violência, que começou na capital, se espalhou pelo interior, depois que foi reforçada a segurança em Florianópolis e os ônibus deixaram de circular durante a madrugada. As ocorrências vão de incêndio de ônibus a atentados contra casas de policiais e bases da pol…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 04 / 09 / 2014

O Globo
"Marina ataca Aécio, que já aposta no confronto com Dilma"

Tucano conta com máquina partidária para buscar votos em Minas; adversária investe em campanha pela internet

Em disputa acirrada para chegar ao segundo turno contra Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Marina Silva (PSB) fazem apostas diferentes em busca de votos. Em queda nas pesquisas, Marina atacou o tucano e disse que o PSDB está acostumado a perder para o PT. Já Aécio disse que tem respeito por Marina e bateu forte em Dilma, voltando a apontar casos de corrupção no governo.

Folha de S. Paulo
"Racionamento de água atinge 2,8 milhões no Estado de SP"

O racionamento oficial de água no Estado de São Paulo atinge 2,77 milhões de habitantes em 25 municípios. O número de pessoas prejudicadas é 32% maior em relação a levantamento da Folha do começo de agosto.

Há corte no fornecimento em cidades com abastecimento a cargo de prefeituras, fora do sistema Sabesp. Em Valinhos, que fica…

Joaninha esquerdista

Imagem

Coluna do Celsinho

Líderes

Celso de Almeida Jr.

Não dá pra não lembrar...

Afinal, foi uma convivência que garantiu muitas lições.

Refiro-me a Nadim Kayat.

Sua candidatura a prefeito de Ubatuba, em 1988, contou com a minha participação.

Já escrevi bastante sobre ele.

Por isso, quem conhece esta história, compreende o motivo de - em tempo de eleição - eu recordar do saudoso amigo com mais intensidade.

Naquela época, dentre muitos ensinamentos, eu aprendi o motivo de não surgirem novas lideranças no cenário político.

Nadim, quase quatro décadas mais velho do que eu, narrava com entusiasmo as lembranças de sua juventude.

Aluno da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, nos anos 50, ele admirava os grandes mestres envolvidos na militância política.

Professores brilhantes, profissionais renomados, participavam dos partidos e preparavam novos quadros.

Preocupavam-se em colher nas universidades os jovens determinados, preparando-os para os embates políticos.

Nos partidos, era comum a existência de comitês de orienta…

Dominique

Imagem

Opinião

Dilma e a Polícia Federal

O ESTADO DE S.PAULO
Para tentar impedir que o escândalo do mensalão e as denúncias de corrupção contra o governo respinguem sobre sua campanha pela reeleição, a presidente Dilma Rousseff vem alegando que concedeu à Polícia Federal (PF) total liberdade para investigar as denúncias de corrupção na Petrobrás, inclusive orientando-a a instaurar inquéritos criminais e a adotar medidas para acabar com o uso de caixa 2 pelos partidos políticos e esquemas de lavagem de dinheiro para financiar campanhas eleitorais.

O argumento foi usado por ela em um dos últimos debates entre os presidenciáveis. "Eu dei autonomia à PF para prender o senhor Paulo Roberto e os doleiros todos", afirmou na ocasião. O mesmo argumento também foi repetido nos programas do PT durante o horário eleitoral, que deram a entender ter sido Dilma a primeira inquilina do Palácio do Planalto a ter colocado a PF a serviço do combate à corrupção e dos ilícitos cometidos em empresas estatais.

A pro…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 03 / 09 / 2014

O Globo
"Adversário de Dilma no 2º turno está indefinido"

Datafolha mostra empate técnico entre Marina e Aécio; Ibope registra diferença de 5 pontos

Presidente aparece na frente nos dois institutos com 40% das intenções de voto e venceria os adversários no segundo turno . Considerando apenas os votos válidos, a petista tem 45% no Datafolha e 47% no Ibope.

Novas pesquisas divulgadas ontem, a três dias da eleição, indicam que a distância entre Marina Silva (PSB) e Aécio Neves (PSDB) continua caindo. Nos dois levantamentos, Marina voltou a cair, dentro da margem de erro. No Datafolha, ela e Aécio estão tecnicamente empatados, já que a senadora aparece com 24% das intenções de voto e o tucano tem 21%. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos. No Ibope, essa vantagem a favor da candidata do PSB é um pouco maior : cinco pontos. Nas duas pesquisas, Dilma tem 40% das intenções de voto e venceria os adversários no segundo turno. Nas simulações …

Dominique

Imagem

Opinião

Detalhes, detalhes

Luis Fernando Veríssimo
Há momentos de grave introspecção em que um homem faz um inventario de si mesmo — seus sonhos, suas desilusões, suas possibilidades e onde, diabo, ele enfiou o chaveiro e o antiácido — e se faz perguntas. Valeu a pena? Devo continuar? Quem sou eu, e por que estou falando sozinho? Dessa espécie de promontório filosófico ele avista o caminho que já percorreu e o caminho que ainda precisa andar ou, se tiver sorte e aparecer um táxi, rodar.

O Brasil já teve várias oportunidades de, por assim dizer, afastar-se de si mesmo, examinar-se, decidir o que precisava ser feito, ajustar a gola da camisa e ir em frente. Falam que os nossos partidos políticos não significam nada como se isso fosse um grande defeito, e é uma das nossas vantagens sobre países mais ortodoxos e sem graça. Ou seria uma vantagem se fosse aproveitada. Nada está preestabelecido na nossa política, não temos compromisso com nenhuma forma de coerência, podemos ir inventando nosso destino …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 02 / 09 / 2014

O Globo
"Aeroportos elevarão tarifa sem ter de melhorar qualidade"

Reajuste da Infraero não exige como contrapartida melhora nos serviços

Nova regra prevê correção em novembro, após eleição, e mais outra em janeiro de 2015. Tarifas estavam congeladas desde 2012

Resolução que está prestes a ser aprovada pela Anac levará a um reajuste de 7,93%, em novembro, nas tarifas de embarque nos 60 aeroportos administrados pela Infraero, informa GERALDA DOCA. A taxa do Santos Dumont, no Rio, vai ser atingida. Em voos internacionais, a tarifa será de R$ 80,64. E haverá novo aumento em janeiro de 2015, já que os preços estavam congelados desde 2012. Porém, ao contrário do que ocorre nos terminais privatizados , os novos parâmetros para reajuste na Infraero não têm como contrapartida a exigência de melhoria no atendimento ao público.

Folha de S. Paulo
"Alckmin não cumpriu 4 de cada 10 promessas de 2010"

Metas do tucano em transportes e ambiente em SP tiveram…

Dominique

Imagem

Opinião

Tudo o que não sabemos

Fernando Gabeira
Queria compartilhar alguns momentos de minha semana. Compartilhar é muito comum nas redes sociais. Não sei se mereço a generosidade do verbo, porque recebo dinheiro por isso. Compartilhando textos e imagens sou um cara da classe média: fascista, violento e ignorante, segundo a definição da filósofa Marilena Chaui.

Fascista porque é o nome genérico de quem não vota no governo que a filósofa defende. Violento porque dou empurrões nos gatos, quando pulam na cama antes do amanhecer, ignorante porque passei a semana inteira às voltas com a enormidade do que não sei.

Fui a São Paulo entrevistar o norte-americano Brian Greene, autor da Teoria das Cordas, um dos mais brilhantes cientistas de sua geração. Além de teórico, dedica-se a traduzir a ciência em livros, séries de TV e dois cursos de física quântica em seu site.

Um dos grandes produtos da revolução científica foi a aparição desses escritores que tentam estabelecer uma ponte entre os complexos problem…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 01 / 09 / 2014

O Globo
"Marina volta a cair e já é ameaçada por Aécio"

Disputa pelo 2º lugar é acirrada, com Dilma isolada na liderança

Em um mês, vantagem da candidata do PSB sobre o tucano é reduzida de 20 para 5 pontos no Datafolha e de 18 para 6 no Ibope. Os dois institutos registram vitória da presidente no 2º turno, mas com pontuações diferentes

Pesquisas Ibope e Datafolha divulgadas ontem mostram que Marina Silva (PSB) continuou em queda e viu sua distância para Aécio Neves (PSDB), que chegou a ser de 20 pontos no início de setembro, cair para cinco ou seis, a depender do instituto. Dilma Rousseff (PT) se manteve em primeiro nos dois levantamentos. No segundo turno, a petista venceria Marina por oito pontos de vantagem, segundo o Datafolha, ou quatro, de acordo com o Ibope. A presidente hoje também venceria o tucano no segundo turno.

Folha de S. Paulo
"Aécio encosta em Marina; Dilma mantém vantagem"

A cinco dias do 1 º turno, diferença de Marina sobr…

Dominique

Imagem

Opinião

Dilma e a diplomacia petista

O ESTADO DE S.PAULO
O vexame que a presidente Dilma Rousseff fez o País passar perante uma audiência mundial, ao utilizar a tribuna da ONU para fazer campanha eleitoral, não resultou apenas de reles cálculo marqueteiro. É a consequência natural de uma visão distorcida do que vem a ser o interesse nacional, deliberadamente confundido com o interesse do partido ao qual Dilma pertence. Logo, ao defender na ONU as supostas realizações da era lulopetista, como se elas qualificassem o Brasil no cenário internacional, Dilma sacramentou a diplomacia partidária que vem carcomendo a credibilidade brasileira. Essa crença de que a política externa do País não pode ser "apenas uma política de Estado" foi reafirmada pela presidente, com essas exatas palavras, em entrevista à revista Política Externa, a propósito de seus planos para as relações exteriores, caso seja reeleita.

Na conversa, Dilma afirmou que "aprisionar a política externa em um só modelo" …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 30 / 09 / 2014

O Globo
"Bolsa tem maior queda em 3 anos e dólar sobe"

Mercado reage à alta de Dilma, mas economistas veem exagero

Ação da Petrobras cai 11%, e Bovespa recua 4,52%. Dólar vai a R$ 2,457. Para analistas, operadores usam eleição para especular

Com o avanço da petista Dilma Rousseff nas pesquisas, a Bolsa recuou 4,52%, na maior queda desde 2011. As ações da Petrobras caíram 11,17%, e o dólar subiu 1,69%, para R$ 2,457, a maior cotação em quase seis anos. Desde 2002 as eleições não provocavam tanta turbulência na Bolsa de Valores. Mas, para economistas, o movimento do mercado financeiro é exagerado, e há operadores aproveitando a incerteza eleitoral para especular. O ministro da Fazenda, Guido Mantega, atribuiu as perdas no mercado a incertezas no exterior.

Folha de S. Paulo
"Com Dilma em alta, Bolsa tem maior queda em 3 anos"

Ibovespa cai 4,52%, puxado por Petrobras; dólar vai a maior patamar desde 2008

A seis dias das eleições, o mercado financei…

Pitacos do Zé

Imagem
A água nossa de cada dia

José Ronaldo dos Santos
Para a saúde do nosso corpo existe uma infinidade de veias, artérias e vasos sanguíneos. Se por infelicidade um mínimo entupimento ocorrer, a nossa existência estará comprometida. No meio ambiente também é assim. Daí a necessidade de preservar e valorizar o mínimo olho d’água e os lugares a marejar que se encontram pelos caminhos do nosso município (Ubatuba- SP). Não convém se descuidar de que é urgente um desenvolvimento sustentável porque os recursos não são infinitos.

Na nossa realidade caiçara, as mudanças foram ao extremo. Quando eu nasci, há mais de meio século, todos se serviam dos rios para as muitas tarefas. Na casa dos meus avós paternos, na Praia do Sapê, o rio volumoso e piscoso ficava bem “próximo da porta da cozinha”. Foi lá que conheci marisco do rio (sururu), enguia (mussum), cágado, jundiá, mandi, cafula, camarão vadio, lagosta, piaba e tantos outros complementos da nossa alimentação. Já na Praia da Fortaleza, onde moravam…

Dominique

Imagem

Opinião

Velhos conhecidos

O ESTADO DE S.PAULO
A quadrilha que ora está sendo denunciada na Operação Lava Jato, da Polícia Federal (PF), é integrada por gente que participou dos mais importantes escândalos nacionais desde pelo menos 1997, conforme relatou reportagem do Estado. A reincidência desses veteranos mostra que a predação ao erário se tornou para muitos deles um meio de vida - e que eles agiram movidos pela certeza de que a Justiça nunca os puniria para valer.

O elo entre quase todos os casos é o doleiro Alberto Youssef, principal acusado na Lava Jato. Figura conhecida no mundo dos recentes episódios de corrupção e de desvio de dinheiro público, Youssef enriqueceu "sem nunca ter uma atividade lícita", conforme afirma o Ministério Público Federal. Ele é tido como o coordenador do esquema de lavagem de dinheiro para legalizar recursos obtidos por meio de fraudes e de pagamento de propinas na Petrobrás entre 2009 e 2014. Calcula-se que sua expertise tenha sido usada para branquear …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira, 29 / 09 / 2014

O Globo
"Serviços já são 65% do orçamento da classe C"

MUDANÇA DE HÁBITOS

Ganho de renda é consumido por saúde e educação privadas

Nova classe média inverteu perfil de gastos na última década. Produtos agora representam apenas 35% de suas despesas

Os gastos da classe C com serviços já são quase o dobro da parcela destinada aos produtos, segundo estudo exclusivo do instituto Data Popular. Há dez anos, a proporção era inversa: 63% do orçamento eram usados para despesas com alimentação e outros bens. Serviços básicos, como saúde e educação, consumiram a maior parte do ganho salarial dessas famílias nos últimos anos. O ministro Marcelo Neri, da Secretaria de Assuntos Estratégicos, reconhece que as pessoas estão em busca de mais qualidade. O efeito da mudança é visível na inflação de serviços, que tem ficado entre 8,5% e 9% ao ano.

Folha de S. Paulo
"Dilma não cumpriu 43% das promessas de 2010"

Compromissos nas áreas de ambiente e segurança tivera…

Dominique

Imagem

Opinião

Dilma Rousseff e a corrupção

O ESTADO DE S.PAULO
Nunca antes na história deste país se viu tanta corrupção no governo. O mensalão e o mais recente escândalo do desvio de dinheiro da Petrobrás para o bolso de políticos governistas, exemplos mais luzidios do mar de lama em que o Brasil oficial chafurda, dão a medida de até que ponto os 12 anos de governos do PT degradaram a moral pública. Enquanto isso, Dilma Rousseff proclama na ONU e na propaganda eleitoral os "valores" que transformaram o Brasil num mundo encantado, enfatizando "o combate sem tréguas à corrupção", mediante "o fim da impunidade com o fortalecimento das instituições que fiscalizam, investigam e punem atos de corrupção, lavagem de dinheiro e outros crimes financeiros".

Punir a corrupção? Recorde-se a tentativa do PT de desclassificar como "manipulação política" a condenação, pelo STF, dos dirigentes do partido que urdiram e executaram o até então maior escândalo de corrupção no gover…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Domingo, 28 / 09 / 2014

O Globo
"Indecisos e infiéis são os alvos na reta final"

Analistas avaliam que 28 milhões ainda devem decidir voto para presidente

Conquista dessa fatia do eleitorado será decisiva para Marina e Aécio, que buscam chegar ao 2º turno 

Na reta final da campanha presidencial, os candidatos investem nos indecisos e naqueles que admitem mudar o voto, informam Cleide Carvalho e Marco Grillo. Analistas estimam que esse segmento chegue, nesta semana, a 28 milhões de eleitores (20% do total) e seja decisivo, principalmente para Marina Silva (PSB) e Aécio Neves (PSDB). No Rio, candidatos apostam em estratégias distintas.

Folha de S. Paulo
"PF investiga ligação entre tesoureiro do PT e doleiro preso"

Vaccari é suspeito de negociar investimentos de fundos de pensão de estatais em empresas lgadas a Youssef; ele nega

A Polícia Federal investiga se investimentos de fundo de pensão de estatais em empresas ligadas ao doleiro preso Alberto Youssef foram intermediados…