Postagens

Mostrando postagens de Agosto 5, 2012
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

A volta do diploma de jornalista

O Estado de S.Paulo
Dois anos depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) ter revogado a obrigatoriedade de diploma de nível superior para o exercício do jornalismo, sentenciando que a exigência era um "atentado contra a liberdade de expressão e o direito à informação", o Senado aprovou, em segundo turno, Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que restabelece essa exigência. A iniciativa foi apoiada por várias entidades sindicais, das quais a mais conhecida é a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) - a mesma que propôs, há quase dez anos, a criação de um Conselho Federal de Jornalismo para "fiscalizar" a profissão.

Ao justificar a decisão do Senado, o senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) alegou que a finalidade da PEC é enquadrar as empresas de comunicação, impedindo-as de contratar profissionais não diplomados em jornalismo por baixos salários. "É preconceito colocar uma profissão à margem da lei", disse ele. "…
Imagem

Manchetes do dia

Sábado, 11 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Dilma diz a grevista que tem outras prioridades"

Ministro afirma que reitor que não cortar ponto deverá ser punido

O governo endureceu o tom contra os servidores federais em greve. Dilma Rousseff enfrentou protesto e vaia em Minas e disse que a prioridade é garantir emprego a quem não tem estabilidade. “Tem de olhar o que é mais importante no país, e aí atendê-lo. (...) O que o meu governo vai fazer é assegurar empregos para aquela parte da população que é a mais frágil, que não tem direito à estabilidade”.

O Estado de São Paulo "Dilma quer isolar CUT e abrir negociação direta com servidores"

Para a presidente, central radicaliza e deveria compreender momento econômico do País

Vaiada nas ruas e com manifestantes em frente ao Planalto, a presidente Dilma Rousseff quer isolar a CUT e outras centrais que comandam as greves em 30 setores do governo federal e negociar em separado com servidores, informa o repórter João Domingos. A pres…

Minha primeira Olimpíada...

Imagem
Em 2 de agosto de 1948 ganhei uma medalha. De São Sebastião...

Coluna do Celsinho

Dois centos

Celso de Almeida Jr.
Hoje, completo duzentas publicações, às sextas-feiras, no Ubatuba Víbora.

Lembro do convite do Sidney Borges, paciente editor, em outubro de 2008.

Com alegria, de lá para cá, dedico um tempinho da semana para expor meu pensamento.

Quase quatro anos...

Passa rápido, né?

Descobri, neste período, que muitos amigos me acompanham.

Discordam, concordam, enfim, honram-me com sua atenção.

Para eles e também aos leitores anônimos, meus agradecimentos.

É bom ter companhia.

Vamos juntos!

Rumo ao novo cento...

Visite: www.letrasdocelso.blogspot.com

Twitter
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O País refém dos grevistas

O Estado de S.Paulo
O Brasil é refém dos funcionários empenhados em arrancar do governo federal novos aumentos salariais e a continuação das benesses criadas pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Mais de 300 mil grevistas - 350 mil, segundo a confederação dos servidores - estão envolvidos numa indisfarçável tentativa de extorsão, praticada por meio de ameaças e de abusos contra os pagadores de impostos. Enormes congestionamentos já foram provocados em estradas de sete Estados e do Distrito Federal pela ação truculenta de policiais. O tráfego foi quase paralisado por nove horas na Ponte Rio-Niterói. O movimento de portos e aeroportos foi prejudicado e o movimento de exportação e importação de mercadorias, incluídos produtos com fins medicinais, vem sendo prejudicado há semanas. Em Brasília, policiais federais protestaram diante do Palácio do Planalto e só foram detidos antes da rampa pela intervenção da Polícia Civil.

Posto em xeque, o Executivo ameaça reag…
Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira, 10 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Greve trava estradas e gera caos em Cumbica"

Governo afirma que na próxima semana dará resposta sobre os reajustes

A greve dos servidores federais se agravou e resultou ontem no pior dia de transtornos à população. O movimento causou atraso e irritação nos principais aeroportos, rodovias, portos e grandes avenidas, como na Rio Branco, no Rio, e na Paulista, em São Paulo. No aeroporto de Guarulhos, a operação-padrão gerou filas na imigração, atrasou dezenas de voos e deixou passageiros para trás.

O Estado de São Paulo "Governo fala em atender parte de pedidos de servidor"

Segundo o Planejamento, reajustes teriam impacto de R$ 92 bi; ainda serão definidas as categorias beneficiadas

A greve dos servidores federais continua e o governo concluiu que, somadas, as reivindicações das diversas categorias terão impacto de R$ 92 bilhões, numa folha de pagamento de R$ 100 bilhões. O número é considerado inviável pela ministra Miriam Belc…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

O que as cotas mascaram

O Estado de São Paulo Câmara dos Deputados aprovou, o Senado acaba de endossar e a presidente Dilma Rousseff vai sancionar jubilosamente o projeto de lei que obriga as universidades e escolas técnicas federais a reservar 50% de suas vagas a candidatos que cursaram o ensino médio na rede pública. Metade dessa metade se destinará a alunos cuja renda familiar per capita não ultrapasse 1,5 salário mínimo. Menos ou mais pobres, sempre terão prioridade os estudantes autodeclarados negros, pardos e indígenas. A amplitude das cotas raciais variará conforme o peso de tais grupos na população dos respectivos Estados, aferido pelo censo. Quando for insuficiente o número de candidatos elegíveis pelo critério racial, as vagas restantes serão disputadas pelos demais egressos do sistema público. A norma valerá por 10 anos, quando então os seus resultados serão avaliados.

A adoção de cotas raciais na universidade é constitucional, conforme decisão unânime do Supremo Tribunal Fede…
Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira, 09 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Onda de greves se alastra e desafia governo Dilma"

Segundo sindicatos, 300 mil já aderiram; operação padrão de policiais causou transtornos em estradas de 8 Estados

A onda de greve dos servidores federais se alastra e é tida como o maior movimento desde o início da gestão Lula, em 2003. Com a adesão dos policiais rodoviários, há mais de 300 mil funcionários parados, de 27 órgãos, segundo os sindicatos. Também estão parados servidores e professores universitários, além de agentes da Polícia Federal. Funcionários do Banco Central podem aderir ao movimento.

O Estado de São Paulo "Pressão de servidores faz governo negociar reajuste"

Após série de protestos pelo País, ministra Míriam Belchior diz estar fazendo contas para atender às reivindicações

Pressionado por parte do funcionalismo federal em greve, o governo desencadeou operação para esvaziar o movimento, que ontem se espalhou por vários Estados e expôs o ministro Gilberto C…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

De acordo com o roteiro

O Estado de S.Paulo
Logo no primeiro dia da fase dedicada à defesa dos réus da Ação Penal 470 no Supremo Tribunal Federal (STF) - o processo do mensalão -, os advogados dos principais acusados colocaram as cartas na mesa e muito provavelmente nenhuma grande novidade surgirá daqui para a frente, até o momento crucial em que os 11 ministros anunciarão seus veredictos. Até lá, certamente todos os defensores que desfilarão pela tribuna, seguindo o exemplo dos primeiros a se manifestar, devem bater na mesma tecla, que é a palavra de ordem lançada pelo ex-presidente Lula - depois de ter pedido desculpas para o povo brasileiro pelo "malfeito" do PT: o mensalão é uma farsa, nunca existiu. O que pode ter acontecido, já admitiu Arnaldo Malheiros, advogado de Delúbio Soares, é apenas a prática do crime de caixa 2 destinada a possibilitar o pagamento dos débitos que o PT contraiu na campanha eleitoral de 2002.

De fato, diante da denúncia de um sofisticado e atrevido…
Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira, 08 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Senado aprova projeto que dobrará cotas nas federais"

Se sancionada por Dilma, lei dará 50% das vagas a quem veio do ensino público

O Senado aprovou ontem projeto que reserva, por dez anos, metade das vagas das universidades federais e das escolas técnicas a alunos que cursaram todo o ensino médio em colégios públicos. O texto segue agora para a sanção da presidente Dilma. O total de vagas destinadas às cotas nas federais vai mais que dobrar. Atualmente, são 52.190. Com o projeto, passarão para 122.131.

O Estado de São Paulo "'Quem aposta no desgaste se decepcionará’, diz Planalto"

Ministro Gilberto Carvalho sai a campo para tentar manter julgamento do mensalão longe do governo

Preocupada em blindar o Planalto contra eventuais efeitos negativos do julgamento do mensalão no STF, a presidente Dilma Rousseff escalou ontem o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria- Geral) para criticar os que fazem análises precipitadas. “Aqu…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

As perdas avassaladoras da Petrobrás

O Estado de S.Paulo
O surpreendente prejuízo de R$ 1,3 bilhão no terceiro trimestre é a síntese do custo que está sendo imposto à Petrobrás e, sobretudo, a seus acionistas e ao País por um modelo de gestão que a levou à estagnação em duas áreas essenciais - a de exploração e produção e a de refino e abastecimento. Esse modelo provocou a drástica redução de sua lucratividade, a ponto de a levar a registrar, de abril a junho, seu primeiro resultado negativo em 13 anos, mesmo com a receita líquida tendo alcançado R$ 68,05 bilhões, 11,5% mais do que a do segundo trimestre de 2011. Fatores conjunturais, como a valorização do dólar em relação ao real e a defasagem dos preços dos combustíveis no mercado interno, agravaram problemas que se acumularam ao longo da administração petista da empresa.

A área de exploração e produção registrou, no segundo trimestre, lucro líquido de R$ 10,67 bilhões, um resultado expressivo em valor, mas que, comparado com o de 2011…
Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira, 02 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Acusação é afronta à lei, diz defesa de José Dirceu"

Delúbio Soares assume caixa dois, mas nega compra de apoio político pelo PT

No terceiro dia de julgamento do mensalão, os advogados de alguns dos principais réus negaram a existência de um esquema de compra de apoio político. A defesa do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu disse que a condenação seria “o mais atrevido e escandaloso ataque à Constituição”, usando os termos aplicados pelo procurador-geral da República. Roberto Gurgel, no pedido de condenação.

O Estado de São Paulo "Defesa de Dirceu recorre a testemunhos de Dilma e Lula"

Depoimentos foram citados para tentar provar que ex-ministro não cometeu irregularidades no mensalão

Apontado pela acusação como autor intelectual do mensalão, o ex-ministro José Dirceu recorreu a testemunhos do ex-presidente Lula e da presidente Dilma Rousseff para tentar convencer os ministros do STF de que não é chefe de quadrilha. “Ele (…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

As mudanças do Enem

O Estado de S.Paulo
Depois de mudar os critérios de correção da redação do próximo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que será realizado nos dias 3 e 4 de novembro, o Ministério da Educação (MEC) lançou um guia destinado a orientar os alunos para essa prova. Com 48 páginas, o guia foi preparado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) e será distribuído em agosto e setembro aos alunos e professores de escolas públicas. Pelas estimativas do MEC, o número de candidatos inscritos do Enem de 2012 ficará entre 5,8 milhões e 6,1 milhões. Em 2011, foram 5,4 milhões de candidatos.

Os critérios de correção foram mudados por causa das reclamações dos estudantes que participaram das três últimas edições do Enem - todas elas marcadas por vazamento de provas e graves falhas de organização. Além de questionar as perguntas, muitas das quais foram consideradas mais políticas do que técnicas, muitos estudantes exigiram justificativas circunstanciadas para…
Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira, 06 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Cidade grande sofre mais com gargalo nos celulares"

Capitais têm mais que o dobro de linhas por antena que a média nacional

Regiões metropolitanas chegam ater mais que o dobro de clientes por antena de celular que a média nacional, que é de 4.618 linhas por torre. Essas áreas respondem por 64% das linhas. Nos EUA, a média é de mil clientes e no Japão, são 400.

O Estado de São Paulo "Gasto dos Estados com funcionários cresce R$ 55 bi"

Aumento foi registrado entre 2009 e 2011; por ano, a despesa com folha de pagamento chega a R$ 250 bilhões

Os Estados brasileiros aumentaram em R$ 55,3 bilhões os gastos com a folha de pagamento de 2009 a 2011, o que resultou em uma despesa anual de R$ 250 bilhões, informa o repórter Iuri Dantas. O crescimento supera a variação do salário mínimo (17,2%) e da inflação no período (17,66%). O Estado compilou os números com base no Relatório de Gestão Fiscal. O Maranhão foi o que mais elevou o gast…

Ubatubenses...

Imagem
Sempre é possível!

José Ronaldo do Santos
Revendo algumas fotografias encontrei de tudo um pouco: desde as antigas, lembrança do lambe-lambe (na época era a grande novidade tecnológica), em Aparecida, passando pelos monóculos, onde era obrigação fechar bem um olho para, contra o sol, enxergar os detalhes, e, até uma emocionante regata de canoas, com uma multidão de caiçaras às margens do rio Puruba. Isto já na era digital.

Não faz tempo isso! A primeira pessoa que me vem à lembrança é o saudoso Ney Martins, que conseguia mobilizar as comunidades e os grupos, tinha um mínimo de apoio logístico da prefeitura. E lá, na segunda semana de setembro de cada ano, se encontravam os caiçaras. Tinha uma peixada; um pirão de causar gula até hoje só de recordar.

As canoas eram parte de outro espetáculo: coloriam a margem de cima do rio. Remadores e remadoras se engalfinhavam nas diversas categorias de provas. Os melhores remadores caiçaras marcavam presença, suavam nas disputas, mas terminavam numa g…

Wassily Kandinsky - 1901

Imagem

Colunistas

A ofensiva neoconservadora e a Venezuela no Mercosul

A adesão da Venezuela como membro pleno do Mercosul consolida no coração da América Latina uma referência de recorte progressista sem precedentes na região

Márcia Denser
Na contraofensiva do conservadorismo abjeto que tem dado ultimamente seu show de horror ao próximo perante o mundo inteiro (vide o deputado conservador britânico que classificou a abertura dos Jogos Olímpicos como uma “cerimônia esquerdista e lixo multicultural”. Com uma Inglaterra orgulhosa do que viu na abertura, o primeiro-ministro David Cameron procurou se afastar de seu colega conservador. No plano político, bandeiras de Taiwan e da Coréia do Sul provocaram conflitos diplomáticos. A Olimpíada de 2012 e seus conflitos de bandeiras provaram mais uma vez, parafraseando Von Clausewitz, que o esporte é, como a guerra, a “política por outros meios”), a cúpula do Mercosul dá boas vindas à Venezuela de Hugo Chávez.

No exercício da presidência do Mercosul até dezembro deste…
Imagem
Acesse aqui o "Blog do Ninja"

Opinião

Apagão logístico

O Estado de S.Paulo
Congestionamento nas estradas, enormes filas de caminhões nos portos, navios parados ao largo à espera de espaço para atracar, falta de espaço nos armazéns e prejuízos assustadores - este cenário é bem conhecido, mas o quadro poderá ser pior no próximo ano, avisam produtores rurais e líderes do agronegócio. O apagão logístico há vários anos previsto por especialistas e empresários do setor poderá finalmente ocorrer, se a próxima colheita de grãos e oleaginosas for tão boa quanto se espera. Boa parte da segunda safra de milho deste ano ainda estará nos armazéns, no começo de 2013, quando os plantadores de soja precisarem de espaço para acomodar uma produção provavelmente recorde, por enquanto estimada em 80 milhões de toneladas. A "safrinha", nome tradicional da segunda safra de milho, deve totalizar 34,6 milhões de toneladas, estima a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Empresários, técnicos e dirigentes de associações de vários Es…
Imagem

Manchetes do dia

Domingo, 05 / 08 / 2012

Folha de São Paulo
"Advogados vão explorar contradições de Gurgel"

Defesa alegará que fatos foram descartados e até negados durante apuração

Advogados dos réus do mensalão pretendem desconstruir o trabalho da Procuradoria-Geral da República apontando diferenças de conteúdo entre a denúncia do caso, feita em 2007, e as alegações finais, entregues em 2011 por Roberto Gurgel. Nas defesas orais, que começam amanhã, eles devem atacar as contradições e as omissões da Procuradoria durante a investigação. Deverão alegar também que fatos da denúncia foram descartados ou até negados ao longo da apuração. Os depósitos para Duda Mendonça nas Bahamas, por exemplo, foram considerados na denúncia evasão de divisas, enquanto nas alegações finais o crime apontado é lavagem de dinheiro. Para a Procuradoria, é normal haver diferença.

O Estado de São Paulo "Mercosul é 'clube de amigos', diz presidente do Paraguai"

Federico Franco afirma não ser contra a entrad…