Postagens

Mostrando postagens de Agosto 2, 2015

Dominique

Imagem

Opinião

Circunstância e essência

Estadão
Se alguém ainda as tinha, o programa político do PT levado ao ar na noite de quinta-feira acabou com quaisquer dúvidas: o governo debate-se em agonia e seu partido perdeu completamente a noção de realidade. A impressão que fica é a de que, perdido por perdido, truco. E foi ao ar uma reedição caprichada das peças de ficção marqueteira sem nenhum compromisso com a verdade que levaram Dilma Rousseff à vitória nas urnas de outubro. Permitiram-se ainda os desmoralizados e ressentidos salvadores da Pátria uma manifestação de indecoroso desrespeito à maciça maioria dos brasileiros que desaprovam o desempenho da presidente da República, com uma tentativa torpe de ridicularizar os panelaços eleitos por um segmento dessa maioria – a classe média – como meio de demonstrar insatisfação com a situação do País.

É inacreditável que, no fundo do poço de uma impopularidade inédita na história recente da República, Lula, Dilma e o PT tenham a desfaçatez de minimizar os est…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sábado 08 / 08 / 2015

O Globo
"Isolada, Dilma sofre pressão para reduzir espaço do PT"

Presidente diz que aguenta ameaças e que o voto é a fonte de sua legitimidade

Aliados pedem diminuição do número de petistas no Ministério, um dia após panelaço de protesto contra o governo e ao partido

Isolada, sem apoio parlamentar, a presidente Dilma Rousseff enfrenta agora a pressão dos partidos aliados para realizar uma reforma que reduza o espaço do PT no Ministério. Ao fim da mais conturbada semana de seu segundo mandato, Dilma reagiu. Em discurso enfático, na entrega de casas populares em Boa Vista (RR), disse que aguenta ameaças: "Ninguém vai tirar a legitimidade que o voto me deu." Já os petistas traçaram um quadro de desalento, em reunião com o ministro Ricardo Berzoini (Comunicações). "Estamos no fio da navalha", disse um parlamentar do partido. O vice-presidente Michel Temer, que defendera união para sair da crise, pediu para deixar a coordenação política do gov…

Electra

Imagem

Coluna do Celsinho

Segurança viária

Celso de Almeida Jr.

Ontem, em Indaiatuba-SP, conheci José Aurélio Ramalho, Diretor Presidente do Observatório Nacional de Segurança Viária - ONSV.

O OBSERVATÓRIO desenvolve um sério trabalho enfatizando que "o trânsito não é uma simples questão de mobilidade, mas sim de verdadeira cidadania".

Foi uma grata surpresa descobrir que o Brasil conta com uma entidade não governamental da área de segurança viária e veicular que produz subsídios técnicos de tão alta qualidade.

E, ainda, muito dedicada na mobilização dos brasileiros para o tema.

Afinal, a sociedade não pode ficar impassível com a terrível realidade: os acidentes de trânsito matam uma pessoa a cada 12 minutos em nosso país.

Atuando em estudos e pesquisas; dados e informação; educação e desenvolvimento de argumentos para influenciar no aprimoramento da legislação, o OBSERVATÓRIO merece o apoio de todos.

Visite o site www.onsv.org.br , confira os motivos de minha satisfação e cadastre-se para receber as novidad…

Dominique

Imagem

Opinião

O País à matroca

Estadão
A quarta-feira, 5 de agosto de 2015, selou o fim, de fato, do modelo de governo que Dilma Rousseff vinha tentando sustentar. Sobre o pano de fundo de uma crise econômica e social – além de moral – sem perspectiva de solução a curto prazo, configura-se agora o fator político aparentemente decisivo: a base de apoio ao Planalto no Congresso Nacional desintegrou-se, ao que tudo indica de modo irreversível, a ponto de o habitualmente cauteloso vice-presidente Michel Temer proclamar que “é preciso que alguém tenha a capacidade de reunificar” o País, deixando mais que óbvia a convicção de que a presidente da República não tem condições de fazê-lo. E como a convalidar o diagnóstico do crepúsculo do governo petista, no fim da tarde da quarta-feira pesquisa do Datafolha revelou que o índice da reprovação popular a Dilma Rousseff atingiu a marca recorde de 71%.

Michel Temer falou aos jornalistas depois de se ter reunido, na manhã daquele dia, com os líderes da base aliada n…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Sexta-feira 07 / 08 / 2015

O Globo
"Panelaço silencia PT; Dilma recorre a Renan"

Durante programa do partido, houve protestos em ao menos 21 capitais e no DF

Firjan e Fiesp divulgam nota de apoio ao pedido de união feito pelo vice-presidente Michel Temer: ‘O momento é de diálogo’

O programa político do PT insuflou ontem protestos em pelo menos 21 capitais e no Distrito Federal. Com ironias ao panelaço e críticas ao PSDB, o partido provocou reações país afora, num dia em que pesquisa Datafolha mostrou que a popularidade da presidente Dilma Rousseff chegou ao pior nível registrado pelos institutos de pesquisa no período democrático. Na TV, Dilma disse que “sabe suportar pressões e injustiças”. Ela passou o dia tentando contornar a crise política que se agravou nesta semana. Diante do clima bélico com a Câmara, apelou por um pacto com o Senado, em reunião com o presidente da Casa, Renan Calheiros. A Firjan e a Fiesp apoiaram em nota o pedido de união política feito na véspera pelo v…

Dominique

Imagem

Opinião

Os fatos se impõem

Estadão
Em sua coluna de ontem no Estado Dora Kramer colocou o dedo na chaga: “Vamos ao ponto: José Dirceu só fez o que os investigadores da Operação Lava Jato dizem que ele fez na Petrobrás e cercanias da máquina pública porque a instância superior a ele deixou que fizesse”. De fato, o conjunto de evidências e provas fartamente apresentadas pelo juiz Sergio Moro na decretação da prisão preventiva do ex-ministro e ex-presidente do PT estimula a suspeita – que perdura há 10 anos, desde o estouro do escândalo do mensalão – de que José Dirceu não agiu por conta própria ao arquitetar e executar a trama criminosa pela qual foi condenado. Com a cautela que se exige de um profissional de imprensa responsável, Kramer observa: “Resta saber – e comprovar – se a instância superior a José Dirceu, a Presidência da República, à época ocupada por Luiz Inácio da Silva, detinha o domínio daqueles fatos”.

Domínio do fato – este é o ponto crucial da questão. Essa teoria, que embasou vári…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quinta-feira 06 / 08 / 2015

O Globo
"Planalto faz apelo por união, mas até base começa a ruir"

Temer diz que alguém deve reunificar país
Mercadante elogia PSDB e pede pacto
PDT e PTB se rebelam; PMDB quer reforma

Em um dia que começou com apelos em série do Planalto à sociedade, à oposição e ao Congresso, dois partidos da base aliada, PDT e PTB, anunciaram rompimento com o governo na Câmara dos Deputados, enquanto PMDB e PCdoB subiram o tom e cobraram reforma ministerial. O vice-presidente da República, Michel Temer, pediu pela reunificação do país. A senadores, ele disse que, diante da crise política e econômica, é preciso ter o apoio da sociedade civil, dos movimentos sociais e do Congresso. Já o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, elogiou o PSDB e defendeu um “acordo suprapartidário ” para questões como o controle da inflação. O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, pediu “conversa, paciência e persistência” para encontrar soluções para a situação econômica.

Folha de S.Paul…

Dominique

Imagem

Opinião

Desfaz-se o mito do ‘guerreiro’

Estadão
O decreto da prisão de José Dirceu assinado pelo juiz Sergio Moro é devastador. Farto conjunto de provas documentais e testemunhais, coletadas também por meio do instituto da delação premiada, aponta aquele que é, ainda hoje, considerado um dos mais importantes líderes do PT como o principal artífice dos esquemas de corrupção dos governos petistas. Está mais do que claro que o mensalão foi o escândalo introdutório da pilhagem da Petrobrás, investigada pela Operação Lava Jato. Esse eloquente conjunto probatório desfaz definitivamente a aura de herói das causas populares, “guerreiro do povo brasileiro”, maquinada pelo ex-presidente do PT, principal articulador político da campanha presidencial de Lula em 2002 e poderoso ex-ministro-chefe da Casa Civil da Presidência da República. De acordo com as evidências que fundamentaram o decreto de sua prisão preventiva, depois de seu afastamento do governo, da cassação de seu mandato de deputado federal pela …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Quarta-feira 05 / 08 / 2015

O Globo
"Cunha arma novas ‘bombas’ para o governo"

Presidente da Câmara articula contra Planalto até com base aliada

O comando de comissões que preocupam o governo, como a que investigará os fundos de pensão, ficará nas mãos dos partidos oposicionistas; pauta de votações pode afetar ainda mais as contas federais

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, no primeiro dia da volta do recesso parlamentar, mostrou disposição para incomodar o governo. Numa articulação com líderes da base e da oposição, conseguiu excluir o PT do comando das CPIs do BNDES, dos Fundos de Pensão e dos Crimes Cibernéticos — as duas últimas ficaram nas mãos da oposição — e limpou a pauta para votar o quanto antes o projeto que corrige o FGTS pela poupança. Também na contramão do que queria o Planalto, ele manteve na fila de votações a proposta que aumenta o teto salarial de advogados públicos e procuradores. O governo, ainda sob o efeito da prisão do ex-ministro José Dirceu, ficou fr…

Dominique

Imagem

Opinião

FHC e a tormenta petista

Estadão
Há raros momentos, nos períodos de tormenta que ciclicamente afetam a vida de um país, em que um gesto de serenidade e de lucidez ilumina o cenário para expor, aos que têm olhos para ver, o melhor caminho para a bonança. Em artigo publicado domingo no Estado, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso rejeitou qualquer conversa com o PT que “cheire a conchavo ou, pior, que permita a suspeita de que se deseja evitar a continuidade nas investigações em marcha” sobre corrupção no governo. E acrescentou: “Para dialogar, não adianta se vestir em pele de cordeiro. Fica a impressão de que o lobo quer apenas salvar a própria pele”. “Será que chegou o tempo”, diz o texto, “de rezar pela sorte de alguns setores da vida empresarial e política? Talvez. Mas a hora para agir já não é mais, de imediato, do Congresso e dos partidos, mas, sim, da Justiça.” É o caminho.

Com esse artigo, o líder tucano desmonta a ardilosa tentativa lulopetista de envolver o maior partido da …

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Terça-feira 04 / 08 / 2015

O Globo
"Nova prisão de Dirceu une Lava-Jato e mensalão"

Petista teria recebido pelo menos R$ 90 milhões em propinas e imóvel para filha

Procuradores acusam o ex-ministro de sistematizar a corrupção na Petrobras já no primeiro governo Lula com o objetivo de financiar campanhas eleitorais e enriquecer; Ministério Público não descarta investigar ex-presidente

Nove meses depois de deixar a cadeia, o ex-ministro José Dirceu foi preso novamente ontem, agora acusado pela Operação Lava-Jato de receber propina de pelo menos R$ 90 milhões e idealizar o esquema que desviou recursos da Petrobras. O juiz Sérgio Moro disse que ele exibiu “profissionalismo na prática do crime”. Segundo o Ministério Público, o petista é responsável por sistematizar a corrupção na empresa já no primeiro governo Lula, quando chefiava a Casa Civil, nos moldes do mensalão, que se destinava à compra de apoio político no Congresso. Para os investigadores, na estatal os objetivos eram outros…

Dominique

Imagem

Opinião

Viúvas, pescadores e desempregados

Gabeira
O chamado ajuste fiscal foi um ajuste no cinto das viúvas, dos desempregados e dos pescadores. O governo reduziu brutalmente seu alcance, sob o argumento de que a realidade é pior do que imaginava. Ou o governo não tinha uma ideia precisa da realidade ou contou mais uma mentirinha para embalar o País. A tática de Dilma é esta. Ela não muda jamais. Apenas conta uma nova mentirinha para ganhar tempo. Foi assim nas eleições, foi assim com o ajuste fiscal.

Sempre que as coisas complicam, Dilma chama o marqueteiro João Santana para buscar uma saída. A próxima tese a ser desenvolvida no programa do PT, certamente ao som das caçarolas, é a de que o Brasil foi pior no passado. Essa brecha é excelente como orientação aos ministros. No caso do crescimento da dengue, poderiam fazer um programa mostrando que a gripe espanhola foi muito pior, ou a peste bubônica, por exemplo.

Uma das razões que condenam o ajuste fiscal de Dilma é o seu isolamento político. Qu…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Segunda-feira 03 / 08 / 2015

O Globo
"Traficantes controlam lixões clandestinos"

Bando cobra R$ 40 de cada caminhão que despeja resíduos em Gramacho.

Cinco aterros sanitários ilegais funcionam às margens da Baía de Guanabara, na mesma região que abrigou o maior depósito de lixo da América Latina, desativado em 2012.

Esquecida pelo poder público, a área do Jardim Gramacho, em Caxias, que recebia lixo de vários municípios fluminenses, inclusive do Rio, está sob poder de traficantes, revela Emanuel Alencar. Eles cobram R$ 40 para liberar a passagem de um caminhão com até dez toneladas de resíduos, que são despejados em cinco aterros clandestinos, onde trabalham cerca de 500 catadores. "É uma fortificação do crime nos fundos da Baía de Guanabara',' reconhece o tenente-coronel João Busnello, comandante do 15º BPM.

Folha de S.Paulo
"Programas para pedestre perdem força sob Haddad"

Orientação em cruzamento é extinta; prefeitura diz que reduziu velocidade.

Se por um la…

Dominique

Imagem

Opinião

Piração interna bruta

Petistas se sentem perseguidos, mas são incapazes de refletir profundamente sobre as causas

Gabeira
O início de agosto vai me colher numa viagem pelo interior do Tocantins. Precária conexão por telefone e internet. Em outros momentos, mergulhar no interior é mais fácil. Mas agora, surpresas acontecem com muita rapidez. Como será o Brasil quando voltar? Minha ligação emocional com o país não me abre alternativas. Plutão? Pequeno, redondinho, uma lua chamada Charon, mas um coração de planícies geladas. Kepler 452-B? Muito longe, e os endereços seriam complicados: Kepler 452-B, SQS, QI 4 casa 2.

Ouço entre os mais jovens e competentes que a alternativa é o aeroporto. Permitam-me lembrar que daqui a pouco os aeroportos podem estar tomados pela Polícia Federal. As concessões para sua exploração foram entregues às empresas do Lava-Jato. Imaginem o que aconteceu?

Agosto talvez coloque algumas coisas no eixo, com a volta das manifestações. Lula e Dilma estão pisando em brasas…

U.V.

Imagem

Manchetes do dia

Domingo 02 / 08 / 2015

O Globo
"Crise atinge até setor que nunca parou de crescer"

Operadoras de celular devem ter 1ª queda na receita desde o ano 2000

Empresas recorrem a promoções. Analistas preveem recuo inédito na venda de smartphones

Nem mesmo a telefonia celular, setor que quase quadruplicou suas receitas desde o ano 2000 com crescimento ininterrupto, ficou imune à crise econômica. Projeções indicam que, com inadimplência em alta e renda do consumidor mais apertada, as operadoras fecharão o ano com queda de 3,8% a 6% na receita, informa BRUNO ROSA. Analistas estimam que a venda de smartphones cairá no ano, o primeiro recuo na história.

Folha de S.Paulo
"Líderes da Câmara rejeitam o afastamento de Cunha"

Maiores bancadas defendem que presidente fique no cargo ainda que se torne réu

A maioria dos deputados federais que lideram as bancadas de seus partidos na Câmara declara ser contra o afastamento do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), mesmo que o STF abra proc…