Manchetes do dia

Domingo, 11 / 01 / 2015

O Globo
"Escândalos em série - Petrobras gasta R$ 59 bi com empresas paralelas"

TCU critica estratégia que dificulta fiscalização de órgãos de controle

Estatal montou rede de 24 empresas para tocar obras; auditoria fala de 'expansão descontrolada'

A Petrobras montou uma rede de 24 empresas privadas para investir R$ 59 bilhões em gasodutos, refinarias e plataformas, sem precisar se submeter ao rigor de órgãos públicos de controle, como o Tribunal de Contas da União (TCU). O próprio tribunal, em auditoria, alertou que esse mecanismo adotado pela estatal pode levar a "uma expansão descontrolada” dessas empresas, constituídas por meio de sociedades de propósitos específicos (SPEs), revelam Vinícius Sassine e Eduardo Bresciani. Em pelo menos um caso, o do gasoduto Gasene, quem detém o controle da SPE é a Petrobras. 

Folha de S.Paulo
"Racionamento chega a Minas, ES e Nordeste"

Com seca fora de época, falta de água afeta 93 cidades e 3,9 milhões de pessoas

A escassez de água que preocupa São Paulo atinge também Minas Gerais, Espírito Santo e os nove Estados do Nordeste. São 93 cidades em racionamento e 3,9 milhões de pessoas afetadas. Tradicionalmente chuvoso, janeiro tem sido um mês árido em várias partes do país.

O racionamento prevê desabastecimento de água para os moradores três dias por semana em Olinda (PE). A seca nas torneiras, entretanto, tem ido além disso. “Já chegamos a ficar até cinco dias sem água”, afirma Diego Fernandes, gerente de uma pousada na cidade.

Em Campina Grande (PB), o fornecimento é interrompido aos fins de semana, e a previsão é que isso persista até novembro. Em Juiz de Fora (MG), falta água uma vez por semana. Até onde o racionamento não é oficial, caso de Guarapari (ES), a escassez de água é rotina.

Um poço na casa de um agricultor virou a salvação para lavradores da região de São Miguel (RN), que usam jumentos para levar a água. Segundo o governo federal, 907 municípios no país estão em situação de emergência ou calamidade pública devido à seca.

Twitter  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Manchetes do dia

Opinião