quarta-feira, setembro 21, 2016

Manchetes do dia

Quarta-feira 21 / 09 / 2016

O Globo
"Lula vira réu pela 2ª vez e será julgado por Moro"

Ex-presidente agora responderá por corrupção e lavagem

Para o juiz, acusação terá de produzir provas ‘acima de qualquer dúvida’ para condenação do petista, da ex-primeira-dama e de outras seis pessoas também incluídas na ação

O juiz Sérgio Moro aceitou a denúncia do Ministério Público e tornou réus o ex-presidente Lula, a mulher dele, Marisa Letícia, e outras seis pessoas no caso do tríplex do Guarujá. Lula, que já é alvo de ação penal por obstrução de Justiça, agora responde por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Moro considerou as evidências suficientes para aceitar a denúncia, mas disse que a acusação terá de “produzir prova acima de qualquer dúvida” para condenação. A Lava-Jato tinha afirmado que Lula é o “comandante máximo” do esquema na Petrobras. O petista voltou a dizer que é alvo de farsa.                     
 
O Estado de S.Paulo
"Lula vira réu na Lava Jato e será julgado por Moro"

Ex-presidente é acusado de obter R$ 3,7 milhões em vantagens indevidas da empreiteira OAS

O juiz Sérgio Moro acolheu ontem denúncia da Procuradoria da República no Paraná e tornou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva réu em ação penal da Operação Lava Jato por corrupção e lavagem de dinheiro. O petista foi acusado formalmente de receber R$ 3,7 milhões da OAS entre 2006 e 2012. A empreiteira teria pago, entre outras coisas, reformas num triplex no Guarujá e armazenamento de bens do ex-presidente. Além de Lula, responderão como réus na ação penal de Curitiba a mulher dele, Marisa Letícia, o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, o ex-presidente da OAS, José Adelmário Pinheiro, o Léo Pinheiro, e mais quatro pessoas ligadas à empresa. É a primeira vez que Lula vira réu em processo aberto na 13.ª Vara Federal em Curitiba, sob a acusação de se beneficiar de desvios na Petrobrás. Em outro processo, ele é réu por tentar obstruir investigação da Justiça.       

Folha de S. Paulo
"Acusado de corrupção, Lula será julgado por Sergio Moro"

Ex-presidente se diz indignado e considera denúncia uma 'farsa' e uma 'grande mentira'

O juiz Sergio Moro aceitou nesta terça (20) a denúncia contra o ex-presidente Lula, na qual ele ê acusado de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex em Guarujá. Segundo a Lava Jato, desvios da Petrobras financiaram benesses ao petista. Em seu despacho, Moro diz ver “razoáveis indícios” de que Lula e a mulher, Marisa Letícia, são os proprietários ocultos do tríplex. A OAS também pagou pelo transporte e armazenamento de bens do petista de Brasília para São Paulo. Para o Ministério Público Federal, Lula é o “comandante máximo” do esquema do petrolão e se beneficiou diretamente de R$ 3,7 milhões de propina da empreiteira. A aceitação da denúncia não significa “juízo conclusivo”, afirmou Moro. Caso seja condenado pelo juiz federal e também em segunda instância, pelo Tribunal Regional Federal, Lula se tornará inelegível pela Lei da Ficha Limpa. O petista responde ainda, no Distrito Federal, a processo sob acusação de obstruir a Lava Jato. O ex-presidente se disse indignado com o recebimento da denúncia criminal e qualificou de “farsa” e “grande mentira” a acusação formal da força-tarefa da Lava Jato. Procurada, a OAS afirmou que não se manifestaria sobre as acusações. 
 

Nenhum comentário:

 
Free counter and web stats