sábado, julho 02, 2016

Manchetes do dia

Sábado 2 / 07 / 2016

O Globo
"Cavendish ficará preso em casa"

A Justiça do Rio permitiu que Fernando Cavendish e Carlinhos Cachoeira cumpram prisão em casa. 

Folha de S.Paulo
"Indústria dá sinais de retomada após 2 anos"

A produção da indústria ficou estável em maio e deu sinais de que o período de perdas mais intensas pode ter ficado para trás, mostram dados do IBGE. A crise no setor já dura ao menos dois anos; nos últimos 12 meses, 1,4 milhão de postos de trabalho foram fechados.

Foi a primeira vez desde 2012 que o setor teve três meses consecutivos sem baixa na produção.

Outros indicadores reforçam a tese. A confiança da indústria e os estoques de produtos também apontam para essa recuperação.

A produção de veículos automotores, que vinha sendo fortemente atingida pela crise, teve expansão de 4,8% em maio. Outros segmentos relevantes como perfumaria, limpeza e higiene pessoal, indústria extra-tiva e metalurgia também registraram expansão.

Apesar dos sinais positivos, alguns economistas dizem ser prematuro falar em retomada e afirmam que a recuperação, quando vier, será lenta, já que a indústria pode demorar de quatro a cinco anos para voltar aos níveis de 2013.     
 
O Estado de S.Paulo
"Operador de Cunha é preso na Lava Jato e estuda delação"

A Operação Lava Jato apertou ontem o cerco ao presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Em nova fase da investigação, batizada de Sépsis e autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), a Polícia Federal prendeu Lúcio Bolonha Funaro, apontado como operador do peemedebista. Os dois são suspeitos de cobrar propina de grandes empresas para favorecê-las no Congresso e liberar aportes milionários do Fundo de Investimento do FGTS e outras carteiras do fundo gerido pela Caixa. Desconfiado de que seria preso, Funaro informou a um advogado que procuraria especialista em delação premiada.

As delações do ex-vice-presidente da Caixa Fábio Cleto e do ex-diretor do Grupo Hypermarcas Nelson Mello embasaram a operação, que cumpriu mandados de busca e apreensão na sede da Eldorado (empresa do Grupo J&F, controlador da JBS, dona da Friboi) e na casa de Joesley Batista, acionista do grupo. Imóveis de Henrique Constantino, um dos donos da Gol, também foram alvo.            
           

Nenhum comentário:

 
Free counter and web stats