sábado, março 28, 2015

Manchetes do dia

Sábado 28 / 03 / 2015

O Globo
"PIB cresce 0,1%, e país adia recessão para 2015"

Levy admite ‘forte desaceleração’ na economia neste início do ano

Investimentos têm pior resultado desde 1999. Consumo das famílias registra 11ª alta seguida, mas analistas preveem queda nos próximos trimestres

A economia brasileira escapou por pouco de ficar no terreno negativo em 2014, quando o PIB subiu 0,1%, segundo o IBGE. Analistas, porém, estimam que já neste trimestre o país enfrentará uma recessão, com o PIB acumulado em 12 meses registrando queda de 0,7%. O ministro Joaquim Levy disse que o país está em “forte desaceleração”.

Folha de S.Paulo
"Sob Dilma, PIB é o pior desde Collor"

Economia do país cresce só 0,1% em 2014 e faz média do primeiro mandato da presidente petista cair para 2,1%

A economia brasileira ficou estagnada em 2014. O PIB, a medida da produção e da renda do país, avançou só 0,1% - o pior resultado desde a retração de 0,2% em 2009, em meio à crise global. 

Apesar da revisão para cima de dados anteriores, feita pelo IBGE, o crescimento médio anual no governo de Dilma Rousseff (PT) não passou de 2,1%, o mais baixo desde os anos Collor.

A derrocada dos investimentos, que caíram 4,4%, na maior queda em 15 anos, a retração de 1,2% da indústria e a desaceleração do consumo das famílias levaram ao fraco desempenho.

Os brasileiros ficaram, em média, mais pobres no ano passado. O avanço da economia não alcançou o crescimento populacional, o que levou o PIB por habitante a recuar 0,7%, para R$ 27.229.

O governo respirou aliviado por ter escapado de uma recessão, mas não comemorou .Segundo o ministro Joaquim Levy (Fazenda), o resultado trará uma forte desaceleração neste ano.

Twitter  

Nenhum comentário:

 
Free counter and web stats