sábado, julho 15, 2006

Mostre o seu talento!

Você gosta de cantar?

É muito difícil encontrar alguém que não goste de cantar, ou de dançar, ou de tocar um instrumento, ou de dizer uma poesia, ou de contar um causo.
Você, que está esperando uma oportunidade para mostrar seu talento, venha ensaiar conosco para a apresentação no Projeto Serestas e Seresteiros!
O próximo ensaio geral será no dia 25 de julho, terça-feira, às 19:30 horas. Nosso violonista Galvão estará à disposição para acompanhar aqueles que não têm seu próprio acompanhamento e a Professora Vera Tango e outros componentes do Grupo Canoá estarão lá para ajudar com dicas e conselhos, para que sua apresentação fique muito boa.
Se você não canta, mas encanta com dança, poesia ou qualquer instrumento musical, venha também para o ensaio, que é um encontro muito gostoso de quem curte arte, quer fazer um programa diferente, ver gente interessante e bater papo com novos amigos!

Não se esqueça! É sempre às 20 horas, no Casarão da Fundart:

ENSAIO 25 DE JULHO – TERÇA-FEIRA,
APRESENTAÇÃO 29 DE JULHO - SÁBADO

Fonte: Vera Tango - Grupo Canoá

Vote em mim!

Deu na Folha, hoje;

"Na segunda parte de sua agenda de ontem pelo interior, o candidato do PT ao governo de São Paulo, Aloizio Mercadante, protagonizou um episódio engraçado durante a caminhada pelas ruas do centro de Atibaia.
O petista caminhava na calçada de uma rua dominada pelo comércio, onde cumprimentava pedestres e vendedores das lojas. Entrava e saía dos prédios.
Após terminar uma das visitas e se preparar para adentrar em outro comércio, Mercadante estendeu a mão para cumprimentar uma suposta vendedora plantada na porta da loja, quando percebeu estar de frente a um manequim.
Ele riu do equívoco, emendou com a brincadeira de segurar a mão do boneco e fez poses para fotos. "Candidato cumprimenta até manequim", brincou ele, ao continuar o passeio."

Aviação



Novo plano para a Varig prevê 8 mil demissões

Proposta da VarigLog é ficar com 2 mil empregados e 13 aviões

Alberto Komatsu, Mônica Ciarelli
O plano de reestruturação da Varig apresentado ontem aos credores prevê a demissão de cerca de 8.000 funcionários. Segundo o plano, a empresa vai a leilão na quarta-feira e, em seguida, passará por cortes. A chamada nova Varig terá 13 aviões e de 1.500 a 2.000 empregados. Hoje, a Varig tem 10.000 funcionários. Já a chamada Varig antiga, que permanecerá em recuperação judicial, com dívidas de R$ 7,9 bilhões, deverá ter apenas 50 empregados e um avião, com receita anual de até R$ 20 milhões. O drástico corte de pessoal reflete a urgência em enxugar custos. A dívida aumentou em R$ 1 bilhão durante um ano de recuperação judicial.

Leia mais

Opinião

“Avaliações e realidades”

Corsino Aliste Mezquita
Sempre desconfiei de pesquisas avaliadoras de autoridades públicas. Quando por essas autoridades encomendadas e divulgadas, a desconfiança passa a ser certeza de inverdade. Quem está bem qualificado pelo povo não precisa gastar dinheiro público para dizer ao povo o que ele já sabe e vive. Também não necessita convocar os comissionados para pressiona-los a apoiar a administração. Método, supostamente, importado de uma outra administração que teve epílogo pouco louvável. O auto-elogio mentiroso costuma ser indício de que as coisas caminham por caminhos tortuosos e a avaliação das ruas é negativa.
Nas situações em que a avaliação propalada indica uma certa unanimidade positiva costumo aplicar-lhe aquela afirmativa de Juan Domingos Perón. Bajulado, Perón, por um lisonjeador de plantão, que ele conhecia de longa data, lhe disse: “Amigo: Em um gobierno 10% són a favor y fieles al gobernante. Otros 10% són contra todo lo que haga. Los 80% restantes están al sol que más calienta”. O texto não necessita de tradução para entender que 80% dos cidadãos, menos politizados, se puderem, encostam-se, nos poderosos, para usufruir de seus favores. São bajuladores, apoiadores....de ocasião. Estão ao lado do governante enquanto dele podem tirar alguma vantagem.
Por sua vez, nossos governantes brasileiros, costumam seguir o conselho atribuído a Getúlio Vargas: “Quando não consigas convencer o inimigo, compra-o”. Hoje, alguns políticos vão mais longe e ampliam a frase de Getúlio Vargas, no sentido de: “Não conseguindo atrair, convencer, silenciar o inimigo, mata-o. Primeiro moral, econômica e socialmente. Não dando certo, fisicamente”. Sobram exemplos dessas políticas em nosso Brasil de mensalões, sanguessugas, correios, Celso Daniel, Toninho do PT, e outros peixes menores. Certamente, esses governantes, esquecem as conseqüências ocultas e silenciosas, dessa prática e da rejeição e censura que despertam em todos os cidadãos. Filósofos e psicólogos modernos teorizam que, todo cidadão, político ou não, que inflige um mal gravíssimo de calúnia, difamação, fraude, seqüestro, morte a alguém... a partir desse ato não é a mesma pessoa. Não é mais uma pessoa corrente. É alguém que cometeu um mal irreparável que os outros não cometeram. É um delinqüente. Na sua consciência instalar-se-á uma luta sem quartel entre o complexo de culpa e a vontade de esquecer o mal que praticou e as injustiças, roubalheiras e agressões cometidas. Nessa luta, seus malabarismos internos, podem leva-lo à psicopatia. Um psicopata dificilmente será um S. Francisco de Assis.
Esses políticos, na presunção de sua vaidade, esquecem a frase de Nelson Rodriguez: “Toda unanimidade é burra”, desconsideram a inteligência dos cidadãos atribuindo-lhes burrice que eles não possuem, já que, diuturnamente, vivem os problemas que os mandatários criam e comparam o discurso com a realidade. Nessa comparação, a realidade, tem mais espinhos que rosas e o governante recebe mais críticas que elogios.
Tendo, em Ubatuba, bastante água, concluiremos com o provérbio budista: “Até uma gota de água suja pode refletir a lua”.

Notícias da Prefeitura

Notícias do dia 15 / 07 / 2006

Plano Diretor Participativo tem sede e endereço eletrônico para uso do munícipe
Campanha de vacinação anti-rábica começa no próximo dia 22 em Ubatuba
Prefeito vai à Praia do Estaleiro para esclarecer comunidade sobre iniciativa do Ibama
Alunos de música da Fundart fazem apresentação de fim de semestre
Soccer do Brasil Cup 2006 começa neste domingo
Quatro atletas de Ubatuba seguem na disputa do SuperSurf em Itamambuca
Triatletas encaram mais um desafio em Ubatuba
Ubatuba recebe Top Tuning no próximo dia 23

Leia aqui

Manchetes do dia

Sábado, 15 / 07 / 2006

Folha de São Paulo: “Lembo aceita verba, mas recusa Exército”
O Globo: “SP terá R$ 100 milhões para combate ao crime”
O Estado de São Paulo: “Lula libera R$ 100 mi para presídios em SP”
Jornal do Brasil: “Bandidos miram em caminhões de lixo”

sexta-feira, julho 14, 2006

14 de julho


Representação da queda da Bastilha, marco da Revolução Francesa

Hospício Brasil...

Liberdade aos companheiros

Sob a retranca ”Guerra Urbana” a Folha de São Paulo abriu o seguinte título: “Seqüestrador de Olivetto ensinou táticas ao PCC”. Em seguida o olho esclarece: Preso desde 2001, Norambuena orientou facção a usar táticas de guerrilha em ataques. Para quem não está lembrado de fatos relacionados a seqüestros de empresários, vamos recordar.
Pouco antes da eleição que tornou Collor de Mello presidente, o empresário Abílio Diniz foi seqüestrado por uma quadrilha internacional. O fato foi usado politicamente. Ao serem presos os seqüestradores envergavam camisas do PT, que segundo eles foi imposição dos agentes policiais. O ato tinha como finalidade a construção do socialismo. Para tanto seqüestraram um capitalista. Faz sentido. O dinheiro tem de sair de algum lugar. Apesar da afronta às leis do país, os criminosos – ou revolucionários como preferem alguns - foram vigorosamente defendidos. Norambuena viu de longe e gostou do que viu. Ao ser preso declarou que no Brasil há muitos empresários seqüestráveis. E que a legislação é branda. Caso fosse apanhado haveria clamor popular pedindo a libertação do Robin Hood sul-americano. Ele não previu apenas uma coisa, o que acabou sendo a fonte de sua desgraça. A vitória do companheiro Lula. Com o PT no poder Norambuena vai apodrecer na cadeia. No entanto, caso Lula não seja reeleito, as coisas voltarão a ser como antes. Velhos lobos da esquerda sairão às ruas pedindo justiça. À frente Mogadon, seguido por uma multidão de companheiros cujos gritos ecoarão na Cordilheira dos Andes antes de se espalhar pelo universo.

Sidney Borges

Saindo da hibernação...

Guga viaja aos EUA para avaliação de recuperação

Tenista brasileiro está fora do circuito profissional e trabalha para se recuperar e voltar

Agência Estado
SÃO PAULO - O tenista brasileiro Gustavo Kuerten viaja no fim de semana para os Estados Unidos, onde será avaliado pelo cirurgião Marc Philippon, que o operou no quadril em 2004, para depois marcar a volta ao circuito profissional.
Há dois meses e meio no Rio, Guga treina e se dedica à preparação física com o técnico Hernan Gumy e o preparador Fernando Cao. Também trabalha duro com o fisioterapeuta Nilton Petrone, o Filé.
"Estou trabalhando duro, feliz com o meu progresso e com a maneira com que toda minha equipe está envolvida e comprometida nesse processo. Continuo motivado e também estou ansioso para voltar a competir, Vejo a minha evolução, mas preciso ser paciente, para só retornar ao circuito quando estiver 100%", disse o tenista, em seu site.

"Serestas e Seresteiros"

Essas crianças maravilhosas e seus professores criativos

No último sábado de junho aconteceu de novo a mágica: crianças do ensino fundamental se apresentando no Projeto Serestas e Seresteiros!
Desta vez foi a vez dos alunos da Escola Municipal Professora Maria Josefina Giglio Silva, que ofereceram um espetáculo a seus pais, professores e funcionários da escola e a todos os amigos do Serestas e Seresteiros que lá estavam.
A Professora Vera Tango apresentou seu trabalho de canto coral, com dois números, 'O Trenzinho do Caipira', de Heitor Villa-Lobos e Ferreira Gullar, e Mekô Merewá, um canto dos índios Suruí de Rondônia, enquanto Aguinaldo, com seu grupo de canto e percussão nos mostraram a interessantíssima Flor de Josefina, composição dele mesmo e de Washington, que fala da história do bairro Estufa II, da Professora Josefina e faz um resgate de parte da história ubatubense.
E assim vamos construindo o 'Serestas e Seresteiros': gente da terra cantando a nossa história.
Antes da escola apresentaram-se Sérgio e Regina; Cris Domingues; o Grupo Canoá: Paulo e Galvão. depois das crianças foi a vez dos convidados, momento em que o 'Serestas' vai garimpando artistas de Ubatuba como, por exemplo, Cecília e 'Seu' Júlio da Cooperativa, entre outros.
Helena Ottoni Tracchi e seus artesãos fizeram uma ambientação maravilhosa e ainda nosso amigo Cícero deu uma 'canja' e nos brindou com Vinícius de Moraes e Manuel Bandeira.
E tudo isso acontece no último sábado de cada mês. Então, no próximo dia 29 de julho teremos nossa próxima edição, das 20 às 22 horas, no Casarão da Fundart. Não perca, você vai se encantar!

Fonte: Vera Tango - Grupo Canoá

O jogo endurece...

Lula tem sua menor vantagem sobre Alckmin, diz Vox Populi

Nova pesquisa do Vox Populi mostrou que a vantagem do presidente Lula sobre o candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, caiu para 10 pontos percentuais, a menor diferença entre os dois, segundo o Jornal da Band. Lula aparece com 42% das intenções de voto contra 32% do tucano. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais. Em junho, a diferença era de 13 pontos. O Vox Populi ouviu 2.003 eleitores em 121 municípios entre os dias 8 e 10 de julho. A senadora Heloisa Helena (PSOL) aparece com 7% e o senador Cristovam Buarque (PDT) com 1%. Os votos brancos e nulos somaram 7% e não souberam ou não quiseram opinar, 11%. Levantamento do Vox Populi feito entre os dias 23 e 24 de junho mostrava o presidente com 45% e Alckmin com 32%. Heloisa Helena tinha 5% das intenções de voto e Cristovam o mesmo 1% por cento. O detalhamento da pesquisa ainda não foi divulgado. A diferença entre as intenções de voto de Lula (42%) e dos demais candidatos (40%) fica dentro da margem de erro, tornando possível a realização do segundo turno.
Fonte: Ex-Blog do César Maia

Guerra Civil

Quem transmitiu a ordem de atacar

De Alan Gripp em O Globo, hoje:
"Uma advogada levou a ordem da principal facção criminosa de São Paulo para assassinatos em série de agentes penitenciários no estado. Relatório reservado do Ministério Público estadual, ao qual O GLOBO teve acesso, revela que a ordem foi dada no dia 26 de junho, na cadeia de Getulina, quando a advogada se reuniu com um dos principais chefes da quadrilha.
Em depoimento à Polícia Civil, ela negou ter passado o recado adiante, mas dois dias depois do encontro agentes penitenciários começaram a ser atacados e mortos. Mais de 15 foram assassinados desde então, sem contar os atentados de ontem e anteontem". Leia mais
aqui

O presidente da ONG Nova Ordem, Ivan Raymondi Barbosa, disse ontem que enquanto as autoridades não resolverem problemas graves nas cadeias de São Paulo o estado continuará sofrendo ataques do crime organizado. A ONG é ligada a famílias de presos da facção criminosa de São Paulo que comanda os atentados no estado. Leia mais
aqui

Depois de mais um dia de violência, a Polícia Militar de São Paulo contabilizou ontem à noite 106 ações contra 121 alvos em todo o estado desde terça-feira. A capital paulista viveu um dia de caos depois que, com medo de novos atentados, as empresas de ônibus retiraram 85% dos coletivos de circulação e deixaram dois milhões de pessoas sem transporte durante todo o dia. Leia mais
aqui

Investir no serviço de inteligência, isolar os criminosos mais perigosos em prisões de segurança máxima, cortar as comunicações entre os bandidos, impedir a corrupção de agentes públicos nas penitenciárias. As soluções a curto, médio e longo prazos para o problema da violência estão na ponta da língua de especialistas na segurança pública. Leia mais
aqui

Guerra Civil

Ubatuba também é vítima de ataques

Cristiane Zarpelão
Na noite desta última quarta-feira, por volta das 22h00, ocorreram quatro crimes em Ubatuba. Criminosos atearam fogo em um ônibus da empresa Cidade de Ubatuba, atiraram na fachada do banco Caixa Econômica Federal e aconteceram dois homicídios.
No ataque ao ônibus, de acordo com o boletim de ocorrência, o motorista da companhia Cidade de Ubatuba já estava estacionando o coletivo no pátio da empresa quando de repente foi abordado por cinco homens encapuzados, que o mandaram descer e, em seguida, incendiaram o veículo. Segundo o motorista, os bandidos falaram que não iam machucá-lo, desde que ele não olhasse para trás, e o liberaram depois.
A vítima trabalhou normalmente no dia de ontem. Durante os próximos dias, a empresa de ônibus funcionará parcialmente até às 18h00, com algumas linhas estendendo até as 20h00.
Na Caixa Econômica Federal os criminosos atiraram na porta de entrada, estourando os vidros. Não houve nenhum ferido e nem sinal de arrombamento.
O gerente Arthur Borges da Silva se limitou a dizer que já comunicara o ocorrido à área de segurança, que tomará as devidas providências. “O banco irá funcionar normalmente e a nossa rotina será mantida. Apenas a segurança será reforçada”, apontou.
O secretário de Segurança Pública do município, Andrade Henrique dos Santos, acredita que esses ataques tenham relação com o PCC: “Acredito que tenha relação sim, pois os ataques aconteceram do mesmo modo e no mesmo horário nas outras três cidades do Litoral Norte”, afirmou.
Andrade informou ainda que o policiamento seria reforçado nas áreas de maior concentração de pessoas.
Durante a madrugada duas pessoas foram vítimas de homicídio: Rafael Alves, de 24 anos, morreu após ser atingido com pelo menos três tiros, na região central. Na rodovia SP 55 Evalmir Nogueira do Nascimento, de 19 anos, também faleceu após ser baleado.

Surfando em Ubatuba



Surfistas de Ubatuba brilham no segundo dia do SuperSurf

Os atletas de Ubatuba continuaram avançando rumo às boas posições na terceira etapa do SuperSurf 2006, que acontece na Praia de Itamambuca até o domingo, 16. No masculino, apenas Tadeu Pereira ficou fora da disputa, isso porque perdeu para outro atleta local, Edgard Bischof, na primeira bateria desta quinta-feira, 13.
Edgard, que está no torneio como convidado comenta a bateria: “Eu sempre me espelhei no Tadeu, ele é um exemplo eu sabia que ia ser uma bateria complicada. O mar deu uma virada para leste, que não é a melhor condição aqui para Itamambuca, mas a onda fica mais constante e mais cavada, melhor para competir”, analisou Edgar Bischof.
Os surfistas Hizunomê Bettero, Edgley Santos e Alexandre Costinha também estão entre os atletas que continuam nesta sexta-feira, entre os 32 melhores do evento. Nesta sexta-feira acontece a estréia de Renato Galvão e Odirlei Coutinho, atletas que figuram entre os Top 16 do Circuito.
Confira as próximas disputas dos atletas de Ubatuba: Edgard Bischof X Daison Pereira, Renato Galvão X Otávio Lima, Hizunomê Bettero X Dunga Neto, Odirlei Coutinho X Maicon Rosa, Edigley Santos X Wagner Pupo e Costinha X Beto Fernandes.

Feminino


Na chave feminina, a sexta-feira está reservada para a estréia das principais cabeças-de-chave do SuperSurf 2006: a defensora do título de campeã da etapa de Ubatuba, Suelen Naraisa e as líderes do ranking Taís de Almeida e Andréa Lopes. As atletas de Ubatuba continuam na disputa: Alice Santos disputa a segunda bateria, contra Alcione Silva, Juliana Guimarães e Tita Tavares; Luiza Romann vai para a água na terceira bateria, enfrentando a Andréa Lopes, Yries Pereira e Flavia Soares. As ubatubenses Suelen Naraísa e Francisca Pereira estréiam direto na segunda fase e disputam quarta bateria, contra Elisa Costa e Juliana Quint.
O SuperSurf 2006 é organizado pela Editora Abril e ABRASP, com patrocínio da Nova Schin, Tim e Volkswagen (Associação Brasileira de Surf Profissional), co-patrocínio da Nescau e apoio da Prefeitura Municipal de Ubatuba, das marcas Onbongo e Drop Dead, da surfshop Overboard, da Revista Fluir, Federação Paulista de Surf (FPS) e Associação Ubatuba de Surf (AUS).

Ubatuba tem seis semanas consecutivas de surfe


O SuperSurf abre em Ubatuba uma série de eventos que atrairá surfistas de todas as idades até o dia 27 de agosto. Após a passagem do Circuito Brasileiro, Ubatuba receberá a primeira etapa do Circuito Paulista Profissional entre os dias 21 e 23 de julho, na praia de Itamambuca; nos dias 29 e 30 acontece o “Maresia SP Contest” reunindo os principais surfistas da Grande São Paulo.
O mês de agosto começa com o Brasileiro Master que acontece entre os dias 4 e 6, em Itamambuca; o paulista Universitário acontece nos dias 19 e 20 e para fechar com chave de ouro teremos entre os dias 25 e 27 de agosto, a segunda etapa do Ubatuba Surf Challenge.
O Ubatuba Surf Challenge é o maior circuito municipal do país, com 212 atletas divididos em 16 categorias.
Todos os eventos contam com o apoio da Prefeitura Municipal de Ubatuba e da Associação Ubatuba de Surf (AUS). PMU

Manchetes do dia

Sexta-feira, 14 / 07 / 2006

Folha de São Paulo: “Ataques deixam 2 milhões a pé”
O Globo: “Ordem para ataques em SP passou por advogados”
O Estado de São Paulo: “Lembo: 'Lula está desequilibrado'”
Jornal do Brasil: “Bandidos lutam com governo pelo controle dos transportes”

quinta-feira, julho 13, 2006

Só para saber...

Sobre a declaração de renda de Lula ao TSE

Nao custa nada reproduzir mil vezes o Gaspari: Por que Paulo Okamotto quitou dívida de R$ 29.436 de Lula, se ele tinha R$ 150 mil no banco, rendendo juros?

Guerra Civil

Sem ônibus nem rodízio

Da Agência Estado:
"A onda de ataques contra ônibus, agências bancárias e prédios públicos continuou na noite de ontem e madrugada de hoje na capital paulista, Grande São Paulo, litoral e interior do Estado.
Foram pelo menos 36 ataques na madrugada, deixando três pessoas feridas e um bandido morto. Quatro pessoas foram detidas. Com temor de novos ataques, muitas companhias de ônibus retardaram a saída dos coletivos nas ruas.
Na capital, 14 viações não puseram os coletivos nas ruas, provocando transtornos para mais de 3 milhões de usuários. A cidade de São Paulo tem 16 companhias, para o atendimento somente da capital, sem contar as companhias que vêm de outros municípios vizinhos.
O rodízio de veículos foi suspenso em São Paulo. A CET adverte, no entanto, que a cobrança de estacionamento na zona azul está mantida. O tráfego pelos corredores exclusivos de ônibus não está autorizado."
Leia mais

Ninhada!


A mãe mostra os dois pares de meninos e meninas

Mãe tem quádruplos três anos após dar luz a trigêmeos

As chances de uma gravidez do tipo, sem o uso de drogas de fertilidade, é de uma em cada 800 mil casos

Agência Estado
LOS ANGELES, EUA - O marido de Angela Magdaleno sempre quis ter muitos filhos. Ela só não sabia que eles iam ter tantos assim.
Magdaleno, que teve trigêmeos três anos atrás, deu a luz a quádruplos no dia 6 de julho, pelo método de cesárea, no que foi considerado um caso raro de nascimentos múltiplos. Embora ela tivesse usado medicamentos de estímulo à fertilidade quando teve os trigêmeos, ela não usou qualquer artifício para ter os quadrigêmeos.
A nova adição à família - dois meninos e duas meninas - passam bem, enquanto sua mãe, descansando em casa, declarou: ´estou feliz porque eles são saudáveis, assim como eu.´

Leia mais

Trânsito

Prefeitura conscientiza ciclistas que andam na contramão

Cristiane Zarpelão
A Prefeitura de Ubatuba implantou as ciclofaixas na cidade com o intuito de oferecer condições de segurança e circulação aos ciclistas e pedestres.
Desde o dia 7 de março as ruas Thomas Galhardo e Conceição contam com as ciclofaixas e, desde então, a Prefeitura tem realizado inúmeros trabalhos para a conscientização dos ciclistas, com o objetivo de que respeitem as ciclofaixas e assim não andem na contramão ou fora do espaço reservado a eles.

Segundo Ronaldo Lopes, coordenador do Departamento de Trânsito da Prefeitura, a intenção é conscientizar de fato os ciclistas. “Não queremos de jeito nenhum prejudicá-los, apenas queremos sensibilizá-los, pois todo esse trabalho realizado foi feito também em beneficio deles para evitar acidentes. Não queremos ser obrigados a ter que tomar medidas de repreensão, como punição, apreensão das bicicletas ou multa”, apontou Lopes.
Lopes disse ainda que seu departamento fez uma consulta com o jurídico e que estão vendo as possibilidades de quais medidas devem ser tomadas caso esse descumprimento continue ocorrendo. “Percebemos que houve uma queda muito grande com acidentes envolvendo bicicletas e que a maioria está respeitando. Percebemos também, que os próprios ciclistas estão sendo multiplicadores desta causa chamando a atenção daqueles que estão errados”.
“Agora, se alguns ciclistas continuarem insistindo em andar na contramão, seremos obrigados a aplicar uma punição sim”, concluiu Lopes.
A reportagem abordou um ciclista que estava na contramão e questionou porque que ele estava desrespeitando as normas: “Esse caminho é mais fácil e olha que eu não sou o único errado não. Só hoje que andei na contramão”, afirmou.
“Agora se multarem todos que estiverem errados, acho que aí, ninguém desrespeita mais”, acrescentou, sem dizer seu nome.
A Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria de Saúde, realizou uma pesquisa junto ao sistema de informações da Santa Casa que apontou a diminuição de 40% no número de acidentes envolvendo bicicletas na região centro oeste do município desde a implantação das ciclofaixas.

Editorial

Um buraco para esconder a cabeça...

Sob a retranca “Guerra Civil” colocamos um rápido resumo da situação caótica da segurança pública. Ou seria mais apropriado dizer insegurança? O candidato José Serra abordou o cerne da questão. Drogas e armas. Sem vender drogas o crime não consegue recursos para adquirir armas, que embora proibidas são comercializadas livremente. Qualquer tipo de arma. Ainda veremos o PCC atacar com “Migs” usados. Serra falou bem, mas não vamos nos iludir. O governo Lula teve pouco êxito no combate ao contrabando. Nada diferente do que aconteceu no tempo de FHC. As drogas entram na quantidade que o mercado exige. Nesse quesito pesa a mentalidade hipócrita da classe média, que se diz contra a violência enquanto consome drogas ilícitas, alimentando a indústria do crime. Lembro-me de uma charge publicada no auge da fama de Fernandinho Beira-Mar. Mostrava empresários de comunicação comemorando a conquista de uma campanha antidrogas. Sobre a mesa de reuniões, esticadas com apuro geométrico, fileiras paralelas da mais pura cocaína. Enquanto isso a situação social continua se assemelhando a uma caldeira. O manômetro indica que a pressão está quase no limite da resistência das paredes de metal. Apesar da propaganda dizer que tudo vai bem, a realidade não é bem essa. Vai bem para gênios, como o filho de Lula, que em menos de quatro anos passou de desempregado a um dos maiores empresários do país. Nem todos têm essa possibilidade, fruto de herança genética privilegiada, marco da distinção entre escolhidos e simples mortais. Falar que é preciso fazer isso ou aquilo, no país da impunidade e do mensalão, é chover no molhado. O Brasil vai mal e tende a piorar. Quem sobreviver às balas perdidas verá.

Sidney Borges

Guerra Civil

O que levou o PCC a agir novamente

Da Folha de S. Paulo, hoje:
"A situação dos presídios de Araraquara (273 km de SP) e Itirapina (213 km de SP), onde os presos estão amontoados após rebeliões que destruíram o local, é uma das hipóteses para a nova onda de ações do PCC. Funcionários da Penitenciária 2 de Presidente Venceslau (620 km de SP) souberam, segunda-feira, que líderes do PCC que estão no local estabeleceram prazo até, no máximo, hoje para que o governo do Estado transfira os detentos confinados nesses dois locais.
Conversas interceptadas pela Secretaria da Administração Penitenciária apontam que os presos continuarão com os ataques caso os presos das duas cadeias não sejam removidos.
A provável transferência de 40 líderes do grupo criminoso para a penitenciária federal de Catanduvas (PR) também seria uma das motivações do PCC para os ataques. Junto a isso, os presos reivindicam que o regime "linha-dura" na prisão de Venceslau acabe. Lá, os presos ficam 23 horas trancados. Eles e seus parentes (que só podem ficar duas horas nos dias de visita) ficam o tempo todo sob a mira de armas".

Fonte: Noblat

Guerra Civil

"O governo federal deveria cuidar do contrabando de drogas e de armas, que são a base do crime organizado, e não tem feito isso. Tem feito demagogia, é trololó, é falar, mas fazer que é bom, não faz".

José Serra
Candidato do PSDB ao governo de São Paulo

Guerra Civil

Grampo flagrou a ordem para os ataques do PCC

ANDRÉ CARAMANT E KLEBER TOMAZ da Folha de S.Paulo
A polícia paulista soube, por volta das 22h de anteontem, da nova ordem da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) para retomar a onda de ataques no Estado de São Paulo. Mas não conseguiu evitar a ação dos criminosos: oito pessoas foram assassinadas, mais de 100 ônibus incendiados, 12 agências bancárias, dois supermercados, uma concessionária de carros e uma loja de eletrodomésticos atacados.
Leia mais

Feira da solidariedade

"O Brasil que queremos"

A Diocese de Caraguatatuba através da Cáritas Diocesana e Pastorais Sociais estara realizando no dia 12 de agosto a abertura da 2ª Semana Social Diocesana, uma extenção da 4ª Semana Social Brasileira, que tem como tema "O Brasil que queremos". No caso da Diocese, o tema será "A cidade que queremos",abrindo a possibilidade de avaliação sobre as diversas questões que afetam a área social e que precisam ser discutidas pela comunidade. A população das quatro cidades do Litoral Norte estará convidada a participar deste evento que é aberto e ecumênico.
Leia mais

Notícias da Prefeitura

Notícias do dia 13 / 07 / 2006

SuperSurf começa bem para atletas de Ubatuba
Atletas de Ubatuba sobem no pódio na prova 9 de Julho
Sociedade Amigos do Bairro Ipiranguinha completa 25 anos de existência
Prefeito e a Dirigente Regional de Ensino visitam escola no Ipiranguinha
Prefeito entrega fanfarra à Escola Capitão Deolindo
Defesa Civil monta apiário com enxames retirados de casas
Apae recebe doações arrecadadas no I Rali Pura Aventura
Eduardo Cesar anuncia obras na região de Itamambuca

Leia aqui

Manchetes do dia

Quinta-feira, 13 / 07 2006

Folha de São Paulo: “Novos ataques do PCC matam 8”
O Globo: “Crime organizado faz 71 ataques e mata 8 em SP”
O Estado de São Paulo: “72 ataques e 7 mortos em nova onda de terror em SP”
Jornal do Brasil: “Eleição - Lula promete abono a aposentado e compensação a domésticos”

quarta-feira, julho 12, 2006

Palestra Gratuita na ACIU

Lidando com a inadimplência

A palestra dará uma explanação geral sobre aspectos jurídicos e comerciais relacionados com a inadimplência.
O que é inadimplência; qual a situação atual das micros e pequenas empresas em relação ao tema; formas de prevenção; planejamento da empresa e procedimentos corretos na cobrança de dívidas são os tópicos que serão abordados na palestra.

Dia: 19 de julho (quarta-feira)
Horário: 19h00
Local: Associação Comercial de Ubatuba (Rua Dona Maria Alves, 587 - Centro)

Podem participar todas as pessoas acima de 16 anos interessadas no assunto e a palestra é gratuita.
Os interessados podem fazer a inscrição no balcão de atendimento da ACIU, ou entrar em contato com a Assessoria de Comunicação c/ Cristiane tel: 3832.1449.

Fonte: Cristiane Zarpelão - Comunicação ACIU

O crime ataca...

Criminosos promovem 38 ataques em 11 horas em São Paulo

da Folha Online
Criminosos promoveram, entre a noite de terça-feira (11) e a manhã desta quarta, ao menos 38 ataques em São Paulo, segundo balanço divulgado pelo governo Estadual. Os números se referem a ocorrências registradas das 20h às 7h e não incluem os ônibus queimados na capital, Grande São Paulo e litoral.
De acordo com o balanço, quatro pessoas foram mortas no período. De acordo com informações da polícia, o número pode chegar a cinco.
Na zona norte de São Paulo, homens armados balearam o soldado Odair José Lorenzi, 29, na frente de sua casa, na favela do Boi Malhado, na Vila Nova Cachoeirinha, por volta da 0h10. A irmã do policial, Rita de Cássia Lorenzi, 39, saiu à janela após ouvir os disparos e também foi baleada. Ambos morreram.
Leia mais

Reflexões atlânticas II

“Espelho, espelho meu! Existe”?

Ao ler uma matéria sobre uma pesquisa virtual do jornal Imprensa Livre, é possível perceber que um determinado político colocou todos os amigos do Rei para clicar no “ótimo” ou “bom”, apenas para satisfazer seu ego e falsear a real situação de decepção e descontentamento da população de seu município.
É uma situação de neurose muito grave, pois muitas vezes cruzamos com esse “herói”, apresentando no semblante um ar de desconforto, de insatisfação e de mal estar com sua administração, equipe e resultado obtido. É o que parece, justificar a sua fixação de buscar compensar estes sentimentos negativos em atividades frenéticas ou assumir posturas de superioridade e de poder em relação aos outros. Mais se este realmente é o caso, não se preocupe “herói”, não se sinta tão culpado, pois você segue a regra de todos os modelos de educação: “te quero se fores bonzinho, se escutares teus pais, se seguires bons conselhos, se ouvires a Deus... logo você será reconhecido se for imbatível, infalível e o melhor de sua espécie”.
Só que as pessoas que tem vocação para ser um Líder servidor tem que saber lidar com sentimentos negativos e positivos, ou seja, ter auto-estima que é atitude benévola que cada um deve ter por si mesmo, sobretudo em vista das qualidades positivas que tem e nem sempre recebem o devido valor. Segundo Skiner, pela teoria do condicionamento operante, as pessoas frente uma situação, desenvolvem um comportamento que podem causar efeitos como: atenção e elogio; alívio da aflição; punição; e indiferença.
O Líder deve estar preparado para comportar-se de forma a atender os seus liderados independente de conseguir com isto atenção, gratificações e elogios, demonstração de afeto, prêmios e futuros votos e a sua satisfação é a real melhoria de vida e a transformação que seu trabalho pode promover frente à comunidade.
O Líder não deve tomar atitudes que apenas aliviam a pressão momentânea, ação notória da falta de coragem de enfrentar a situação, um comportamento típico de quem prefere a fuga ou a evitação, sem resolver de fato o problema.
O Líder não deve entender que a punição aos seus desafetos irá moldá-los ao comportamento desejado, a punição não suprime o comportamento incorreto. E o falso líder ao burlar as punições prevista na lei atribuídas aos seus atos ilícitos acha-se o “dono do mundo”, ou seja, inatingível e impune pela sua superioridade, e o exemplo vem de cima, haja vista as absolvições dos envolvidos no Valérioduto, dólar na cueca e nas caixas de uísque, superfaturamentos, pagamento dos doadores de campanha através de obras superfaturadas, terceirização de serviços bem realizados pela administração pública, favorecimento as empresas coletoras de lixo e transportes urbanos, compra de veículos inadequados, e o nepotismo.
O Líder sabe que não deve esperar reconhecimento, pois seu comportamento adequado é obrigação e passa despercebido, mais nem por isso o líder deve deixar de trilhar o bom caminho, pois o enfrentamento a indiferença deve ser norteado pelos princípios e a satisfação de se dedicar ao próximo, ou seja, o Líder deve praticar o amor, palavra de quatro letras esquecida no meio político.
Quando um Líder falseia e tenta iludir a opinião pública esta demonstrando seu medo, fobia, dificuldades interpessoais, dependência de juízo alheio, depressão e falta de realização das próprias potencialidades, como diz as propagandas se os sintomas continuarem procure um psiquiatra.


Eng. Pedro Tuzino
Assessor da Sec. De Energia, Rec. Hídricos e Saneamento de SP, Eng. Civil, Seg. de trabalho e Sanitarista. Empresário e Consultor.

Vote em mim!

Campanha, cadê?

Ontem fui ao dentista no início da tarde e depois aproveitei para dar um giro pela cidade. Visitei o diretório do PTB para falar com o Tato e com a Nélinha, cuja ong se situa no mesmo prédio. Perguntei sobre a rádio Costa Azul, que está sendo disputada por gente do ramo. Nada de novo no front, foi a informação que colhi. A rádio ainda não foi vendida apesar das propostas tentadoras dos interessados. A Nélinha quer vender, mas não sabe da disposição dos outros sócios. Vou continuar indo perguntar, um dia o negócio acontece. Quero ser o primeiro a dar a notícia. Na seqüência caminhei até as imediações da Câmara para encontrar gente conhecida e falar de política. Encontrei o candidato Charles Medeiros. Entramos no Café 27, do Bob, para tomar chá e pôr a conversa em dia. Como todos os candidatos Charles está destrinchando o que pode e o que não pode ser feito na campanha. No meio de seus papéis uma cópia da matéria do Ubatuba Víbora que tratou do assunto. O panorama está nebuloso, pelo que conhecemos de eleições, não pode nada e o que pode vai ser rigorosamente fiscalizado. Pelo menos é o que dizem, depois da impunidade do mensalão fica difícil acreditar em palavras oficiais. Não podem ser colocados outdoors, não podem ser pichados muros e viadutos, não podem ser distribuídos santinhos, bonés e camisetas, não podem ser alugados artistas para showmícios. O que resta aos candidatos é praticar o tradicional corpo-a-corpo com os eleitores. Sem recursos eletrônicos e visuais a campanha adquire contornos inusitados. Na verdade quem anda pela cidade não percebe haver campanhas, embora em Ubatuba isso seja natural, na última eleição as ruas só foram tomadas nas semanas finais. No entanto, informações de São Paulo dão conta que lá também não há sinais de que estamos a três meses das eleições que irão escolher governadores, senadores, deputados e o presidente da República. Como a regra vale para todos, imagino que estão dando tratos à bola para encontrar uma forma de se adequar às novidades. Encontrarão, se há cidadãos capazes de dar nós em pingos d’água, seguramente são os políticos.

Sidney Borges

Análise

A política imita o futebol

Carlos Alberto Furtado de Melo
O final da Copa do Mundo traz consigo os ventos das evidências: não somos mais o país do futebol; apenas exportamos talentos que rapidamente se descolam de suas vidas passadas e de sua nacionalidade, como se fosse outra encarnação. O retorno para casa, a volta das derrotas, sempre tão doloroso no passado, agora nem acontece mais. Os jogadores se espalham pelo mundo que agora lhes pertence; são globalizados. No aeroporto, poucos se dispõem a dar a cara, sem sentirem exatamente a obrigação de justificar ou se desculpar por nada. Empáfia, soberba, nouveau-richisme, na imagem de um país e de um treinador desolados, sem criatividade, sem autoridade.
Neste momento, o futebol e a política compartilham do mesmo banzo. É dura a realidade de que o ano não acabou e que ainda teremos uma eleição pela frente: os mesmos discursos, as mesmas estratégias, “esquemas” que não funcionam, celebridades que não chamam a responsabilidade do jogo para si. Parreira e Zagalo, os correspondentes futebolísticos de Lula e Alencar; Alckmin e José Jorge. Assim como mensaleiros, sanguessugas e boleiros se equivalem no embaralhar de imagens que se sucedem. A política imita o futebol. A copa-carnaval acabou e, além de saudades e cinzas, o que restou foi um campeonato sem muita emoção, times sem muitos craques e candidatos sem muita graça e o que dizer. (Fonte: Noblat)
Leia mais

Manchetes do dia

Quarta-feira, 12 / 07 / 2006

Folha de São Paulo: “Bombas em trens matam 179 na Índia”
O Globo: “Advogada entregava clientes para facção do tráfico em SP”
O Estado de São Paulo: “Atentados matam 174 na Índia”
Jornal do Brasil: “Quadrilha controla quatro ministérios”

terça-feira, julho 11, 2006

Mutação da fé

Igreja mestiça

Em 1900, havia 459 milhões de católicos no mundo; destes, 392 milhões na Europa e América do Norte e 67 milhões no resto do mundo, principalmente América Latina.
Em 2000, havia
1,1 bilhão de católicos no mundo.
Eram 380 milhões na Europa e América do Norte e quase 800 milhões no resto.
Metade dos católicos são latino-americanos. Neste ritmo, em 2025 de cada cinco católicos, apenas um será europeu ou norte-americano.
Entre 1970 e 85, 4.300 pessoas deixavam igrejas cristãs a cada dia, na Europa e na América do Norte. Neste mesmo período, 16,500 se convertiam ao cristianismo todos os dias na África – um ritmo de 6 milhões de novos cristãos africanos por ano.

Fonte: Pedro Dória

E depois da eleição?

Ministro da Bolívia diz que Lula tem sido duro nas negociações do gás para não perder votos

EFE
O ministro de Hidrocarburos da Bolívia, Andrés Soliz Rada, disse nesta segunda-feira que o Brasil tem sido duro diante do pedido do governo de Evo Morales de aumentar o preço do gás porque o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não quer perder votos. Soliz disse que nas eleições de 1º de outubro "o candidato Luiz Inácio Lula da Silva não vai querer perder votos com a negociação nem querer que a direita o acuse de ter atuado de forma branda", como no caso da nacionalização dos hidrocarbonetos.

Reflexões atlânticas

O político e o ego I

Um certo político, chamado ficticiamente Diégo Maior, decidiu ir ao psiquiatra para ser psicanalisado, esperando que este pudesse amenizar um sentimento de culpa originado por seus atos de traição aos seus eleitores.
Chegando ao seu consultório o doutor o fez sentar em um divã para ver o que o nobre representante popular poderia descobrir sobre si mesmo. O que iremos ver a seguir é o que foi possível extrair de seu subconsciente:
Quando Diego nasceu seu pai gritou: Esse menino vai longe! Ninguém poderá segurar esse moleque! Vai ser um grande homem, um Super homem!
Portanto é natural que ele pratique superfaturamento, ou seja, grandes orçamentos para pequenas obras.
No seu aniversário de um ano, todos os presentes de Diego foram trancados num baú, logo é muito compreensível que prive as crianças de serviços básicos de saúde, de uma educação de qualidade, de uma merenda equilibrada com produtos naturais e de acesso à cultura e diversão.
Quando tinha dois anos viu seu pai cortejando sua funcionária, também não é difícil de entender a razão pela qual concede aumento de salário antes da eleição para cooptar votos mesmo que contrarie as Leis vigentes no país.
Quando tinha três anos presenciou sua mãe comprar pelo crediário um sapato, é natural que Diego seja cleptomaníaco, admita os dólares na cueca e nas caixas de uísque.
Quando tinha quatro anos assistiu o time do Brasil perder a Copa, com certeza nada mais justo do que vencer uma eleição comprando votos com o dinheiro do Valérioduto, aliciando pastores e lideres religiosos para induzir o seu rebanho, e caluniando e difamando seus oponentes, pois não tinha nada a oferecer, nem equipe e nem projeto de governo.
Aos cinco anos de idade comeu um prato de arroz e feijão com um leve gosto de queimado, nada mais justo que mesmo cometendo erros graves, persista no erro, sentindo uma enorme raiva e irritação com quem discorde ou tenha outro ponto de vista, mesmo que este seja seu melhor amigo, correligionário ou faça parte de sua equipe.
Ao completar seis anos entrou na escola pública, isto justifica plenamente a busca do poder pelo poder, empregar pessoas que trabalharam por quase dois longos meses em sua campanha e receberão apenas 48 gordos salários pagos pelo povo, e contratar sem concurso público adversários políticos apenas para tentar neutralizar uma possível oposição.
No curso primário nunca esteve entre os melhores alunos, e agora é justo tentar superar teu antecessor aumentando o percentual de propina na empresa coletora de lixo, aumentando a passagem de ônibus de forma abusiva, vendendo patrimônio como sucata, ameaçando comerciantes que não comungam com seu desmando e postura levando a população dizer: “depois de Diego seu antecessor passou a ser caso de Pequenas Causas”.
Após essa seção Diego, tão feliz por ter aprendido essas lições, sentiu-se muito confortável e concluiu:
Tudo que eu faço é culpa de alguém, e tenho vontade de gritar: Viva Sigmund Freud!*
*Lançou as sementes do determinismo, que significa que para cada efeito ou evento, físico ou mental, há uma causa, tendo dado imensa contribuição à psiquiatria, mais que a sociedade de forma equivocada tem utilizado para dar desculpas para os maus comportamentos, evitando assim assumir a responsabilidade adequada pelos seus atos.


Eng. Pedro Tuzino
Assessor da Sec. De Energia, Rec. Hídricos e Saneamento de SP, Eng. Civil, Seg. de trabalho e Sanitarista. Empresário e Consultor.

Manchetes do dia

Terça-feira 11 / 07 / 2006

Folha de São Paulo: “96% dos deputados disputarão as eleições”
O Globo: “Lula veta reajuste de 16,67% dos aposentados”
O Estado de São Paulo: “Lula manda e BNDES oferece dinheiro emprestado à Bolívia”
Jornal do Brasil: “Cinco mil imóveis vazios atraem invasores no Rio”

Notícias da Prefeitura

Notícias do dia 11 / 07 / 2006

Festa da Mandioca movimenta comunidade do Sertão do Ubatumirim
Prefeitura abre conferência sobre Meio Ambiente no Plano Diretor
Campeões do Municipal de Basquete de Ubatuba recebem premiação
Equipes de Ubatuba conhecem seus adversários nos 50º Jogos Regionais

Leia aqui

segunda-feira, julho 10, 2006

Aviação



Copa Airlines será primeira a usar Embraer 190 no Brasil

Serão cinco vôos semanais, unindo Manaus (AM) à Cidade do Panamá

Renata Stuani - Agência Estado
SÃO PAULO
- Após seis anos voando para o Brasil, a companhia aérea panamenha Copa Airlines amplia, a partir de 15 de julho, suas operações no País, com cinco vôos semanais unindo Manaus (AM) à Cidade do Panamá.
A rota será operada com os novos Embraer 190 AR, recebidos no final de 2005 e com capacidade para 94 passageiros, sendo 10 assentos na classe executiva.
Com isso, o jato construído pela fabricante brasileira voará em território nacional pela primeira vez, já que atualmente ele não faz parte da frota de nenhuma companhia de bandeira nacional. Com as operações na capital amazonense, a Copa Airlines chega a 19 freqüências semanais entre Panamá e Brasil. Em 2000, quando chegou ao País, eram três freqüências.

Editorial

Nada de novo...

Acabou a Copa do Mundo. Finalmente. É hora de começar a pensar nas eleições, que estão próximas, quase batendo à nossa porta. Ontem à noite recebi um telefonema de um amigo indignado com a falta de notícias. O que está havendo com a imprensa, perguntou ele. Não acontece nada nesta cidade? Fiquei pensando. De fato, de relevante não há o que assinalar. A falta de turistas preocupa o comércio. Nos cinco anos em que moro em Ubatuba sempre ouço a mesma coisa. Será que isso um dia vai mudar? Com os pacotes turísticos para o Nordeste a preço de banana, quem tem uns dias de folga prefere ir para lá. Garantia de sol e novidades. Além da sensação boa dos aeroportos, da espera pelos vôos, do clima de férias. Vem para Ubatuba preferencialmente o turista que gosta da dança da garrafa e de se entupir de cerveja à estupidez. São facilmente encontradiços em uma praia que um dia foi bonita. Depois da praia, da qual saem vermelhos qual camarões, costumam passear de carro. A família se aperta e sai pelos congestionamentos que ajuda a criar. Fazíamos isso nos anos da década de 1960, em Santos. A criançada gosta. Há exceções obviamente. A movimentação política é pequena, como não poderia deixar de ser. Ubatuba é uma cidade modelo. Não tem oposição. Na Câmara há vereadores a favor, muito a favor e terrivelmente a favor. Engana-se quem pensar que será sempre assim, parte deles morria por Paulo Ramos e tornará a morrer caso ele retorne ao poder. Perto da próxima eleição municipal alguns virarão oposição. De mentirinha. Eleito o novo senhor voltarão para onde sempre estiveram. "Apoiando a luta pelo bem da cidade". Talvez, nos próximos dias tenhamos alguma novidade em função das candidaturas locais. Eu disse talvez. Ubatuba é uma cidade peculiar, aqui tudo é diferente, até os ricos fogem ao padrão. Parece que têm ratoeiras nos bolsos. Jamais colocam a mão lá. Querem tudo, de isenção de impostos a escravos com abanico. No entanto, se você falar em gastar dinheiro, rugem qual leões enfurecidos. "Isso jamais. Contas devem ser pagas com dinheiro público". Reclamam do que há, mas se para mudar for preciso tirar um níquel da algibeira, saem de fininho. Voltando às eleições, na verdade ninguém está interessado em concorrer para valer. Vão fazer número para depois tentar atingir o nirvana ubatubense. A prefeitura. Paulo Ramos será candidato a deputado federal. Vai tirar votos do candidato de Barueri, que receberá apoio do Chefe. Charles Medeiros é o único postulante ubatubense à Assembléia Legislativa. Tem chance de sucesso, ainda que remota. O PSB o colocou como o candidato da região, o que vai resultar em destaque na mídia. É um bom começo, mas apenas isso. Daí à vitória é um longo caminho. Charles é trabalhador, vai lutar arduamente para chegar lá. Boa sorte Charles.

Sidney Borges

Aposentado? Vote nele!

Lula veta reajuste de 16,67% para aposentados

da Folha Online, em Brasília
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva vetou hoje o reajuste de 16,67% para aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que ganham mais de um salário mínimo, aprovado na semana passada pelo Congresso.
O veto foi publicado hoje no "Diário Oficial da União" junto com a sanção da lei que reajusta o salário mínimo de R$ 300 para R$ 350.
O governo, que já conseguiu o apoio de sindicalistas pelo aumento de 5%, tenta agora impedir que um índice maior seja aprovado em outra medida provisória, a 291, que trata dos benefícios dos aposentados e pensionistas.

Leia mais

Vinte filhos?!



Britânica deixa 20 filhos por amante que encontrou na internet

da France Presse, em Londres
Uma britânica abandonou o marido e seus 20 filhos e fugiu com um homem casado que conheceu na internet, publica nesta segunda-feira o tablóide "The Sun". Tudo transcorria bem na família de Nicola e Kevin Pridham e seus 20 filhos de idades compreendidas entre 7 e 25 anos, até que uma das filhas conseguiu um computador. Nicola começou a dedicar horas e horas às salas de discussão, diz o jornal. Em uma das salas, encontrou um soldado ruivo que utilizava como pseudônimo "Ginger Squaddy" (soldado raso ruivo). Seu marido, Kevin, contou ao "The Sun" ter comprovado que sua mulher era infiel há seis meses ao descobrir, debaixo de uma almofada, uma carta enviada de San Valentin e assinada "Ginger" (que em inglês significa gengibre e também ruivo) e alguns bilhetes de trem que Nicola tinha utilizado para ver seu amante.
"Ela sumia por duas ou três noites e me deixava sozinho com o trabalho e as crianças", contou Kevin, um carpinteiro de 46 anos. O casal estava junto há 26 anos. Segundo Kevin, sua mulher sempre queria ter mais filhos. "Queria sempre mais um", conta o The Sun. "Até o computador, éramos inseparáveis. Até então, não havíamos passado nenhum dia separados".

Estratégias

Lula e Alckmin seguem a mesma cartilha

De Gerson Camarotti em O Globo, hoje:
"Os dois candidatos que lideram as pesquisas de intenção de voto na corrida presidencial, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Geraldo Alckmin (PSDB), traçaram estratégias semelhantes para o primeiro mês de campanha: consolidar seu eleitorado até o início da propaganda gratuita em rádio e TV.
Para isso, o PT deve intensificar a campanha no Nordeste, onde Lula tem sua maior vantagem proporcional, e o PSDB deve priorizar as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Só este mês, Lula fará três grandes comícios em Fortaleza, Recife e Salvador."
Leia mais

Pensata

"Mosquitone"

João Pereira Coutinho - Folha Online
Adoro adolescentes. Há vários anos que defendo uma terra só para eles. Imaginem: os 12 anos chegavam, os pais podiam despedir-se dos filhos no cais da partida. E eles iriam, alegres e obviamente alienados, para esse reino exclusivo: uma espécie de ilha distante de onde regressariam aos 20 ou 21, já adultos e com hábitos de higiene plenamente assimilados. Infelizmente, as minhas utopias não se realizam. Mas existem sinais de esperança. Leio agora que adolescentes britânicos criaram um toque de celular para enganar os adultos. Como funciona? Simples: eles vão à internet, fazem download do toque - chamado "Mosquitone" - e podem receber chamadas sem ninguém notar. Sem ninguém notar? Touché: parece que aos 30 anos os adultos começam a perder capacidade auditiva. Crime perfeito: o "Mosquitone" emite sinal numa freqüência de 17 kilohertz - um ultra-som excessivamente agudo que só os adolescentes, e provavelmente os cães, são capazes de escutar. Claro que a ciência ainda não inventou um mecanismo qualquer que permita aos adolescentes falar, gritar e até existir sem que os adultos notem a presença. Mas, como diria o poeta, um começo é um começo é um começo.

Opinião

Cursos de Sabonetes e velas. Artesanais!

Outro dia, fiquei o período da manhã e, o da tarde, no salão do clube Tamoios ouvindo e discutindo considerações do casal de representantes do SPU (Serviço do Patrimônio da União) sobre o nosso Plano Diretor. Como sempre, a proposta é de mais interferências externas no nosso meio. Agora, também do auto denominado “governo popular” que vem cobrar seu quinhão na derrama dos aforamentos. A representante do tal governo, dito popular, no meio de algumas considerações iniciais “lascou”: “Ubatuba é o município que apresenta os maiores índices de degradação ambiental”. Puxa!!! Em outra oportunidade em que detinha a palavra sapecou: “ O Saco da Ribeira vai ter o maior TAC (Termo de Ajuste de Conduta) da história, uma vez que é preciso devolver aquela área, ocupada por marinas, a comunidade de pescadores daquele local”. Que idéia mais inteligente para o local e, para a atividade que mantém o maior número de empregos do município. Certo! E o que propõem, de compensação, para aqueles que perderão seus empregos nas tais marinas? Como sustentarão suas famílias? Irão pescar! De caniço, certamente! Durante os debates, ela insistiu veemente que o nosso plano diretor, contemplasse os parâmetros de ocupação e, uso, previstos no (ainda não regulamentado) Projeto Orla (que fez, ou idealizou esse tal projeto?). O Dr. Marcelo Mourão, na qualidade de diretor jurídico da Prefeitura, fez insistentes e contundentes intervenções pró autonomia de gestão, com argumentos baseados em preceitos constitucionais, que foram contestados e negados por aquela representante. Sem entrar no mérito das conclusões deste encontro (de desencontros) posso garantir que somos, cada vez mais, assediados por interferências externas, na determinação da ocupação e, do uso do nosso solo e, por conseguinte, nas formas (malabares) da nossa sobrevivência! Agora somos vitimas de propostas de mais um planalto: o Central. Definitivamente, devemos rechaçá-las. Chega! Seremos vistos com índios para tanta tutela? O que pretendem com mais um projeto, que chega sem dotação orçamentária? Sem verbas para sua efetiva aplicação e existência? Querem preservar o que, com quais recursos? Municipais? Pretendem transferir mais esta responsabilidade ao município? Imaginam, quem sabe, preservar o que resta do sertão do Perequê-Mirim ou do Ubatumirim? Da Barra do Rio Escuro? O pé da Serra? A favela do centro? As Sesmarias? As orlas das praias? Os rios, as cachoeiras, os mananciais? As degradadas praias-bairros Sununga, Lázaro, Enseada... ? Pretendem, com o projeto, alterar o resultado do abandono de Ubatuba pelo Estado? Que propostas mágicas de “desenvolvimento sustentável” terá a União para um município cujo modelo de receitas públicas é baseado na arrecadação de IPTU? Enquanto isso, e desde sempre, as ocupações clandestinas (de toda ordem) dominam os espaços. Multiplicam-se! “Onde tudo é proibido, tudo fica permitido” (com propriedade afirma o Renato Nunes). Viveremos no paraíso ou, em uma imensa favela de uma orla regulamentada? Finalmente, gostaria de lembrar que ainda é possível inscrever-se nos cursos de sabonetes e velas artesanais.

Ronaldo Dias

Manchetes do dia

Segunda-feira, 10 / 07 / 2006

Folha de São Paulo: “PT e PSDB dividem as alianças com mensaleiros”
O Globo: “Petrobras elevará em 153% produção de gás”
O Estado de São Paulo: “Desembargadores vão lutar pelos salários acima do teto”
Jornal do Brasil: “Eleições - Prática desmente o discurso dos candidatos”

domingo, julho 09, 2006

Acusação grave!

Fortuna de Pinochet veio da cocaína

Da EFE, agência espanhola de notícias, citada pela agência Estado:
"O ex-ditador chileno Augusto Pinochet ficou multimilionário através da fabricação e tráfico de cocaína, segundo o general reformado Manuel Contreras, ex-chefe da Polícia secreta de seu regime e um dos mais fiéis subordinados do Ex-ditador.
Segundo revela neste domingo o jornal La Nación, Contreras, ex-chefe da Direção de Inteligência Nacional (Dina), encaminhou suas acusações ao juiz Claudio Pavez, que investiga o assassinato, em 1992, do coronel Gerardo Huber.
Contreras afirma que a cocaína era fabricada em um complexo químico que o Exército possui na localidade de Talagante, cerca de 40 quilômetros ao sudoeste de Santiago, pelo químico Eugenio Berríos, que também pertencia à Dina, e foi assassinado no Uruguai nos anos 90.
O filho mais novo de Pinochet, Marco Antonio, e o empresário Edgardo Bathich também participavam do plano, segundo o general reformado, que cumpre pena por assassinato.
O encarregado de distribuir a droga nos EUA e outros países, e de depositar posteriormente os lucros nas contas que Pinochet possuía em diversos bancos internacionais era, sempre de acordo com Contreras, o sírio Monser Al Kassar.
Contreras afirma ainda que Pinochet utilizou em proveito próprio os fundos reservados do Exército, que eram depositados em sua conta pessoal, e dos quais ele ficava com os rendimentos".

A Itália é Tetra!

San Gennaro!

A Copa acabou. Na verdade acabou quando o Brasil perdeu da França. O Ubatuba Víbora cumprindo o dever de informar ficou atento, mas sem o coração, apenas a razão viu os jogos que culminaram com a Itália tetra-campeã. Itália versus França foi um jogo monótono, arrastado, típico do estilo italiano. Enfim, jogando dessa forma eles ganharam quatro copas, o que é um feito só igualado pelo Brasil, que ganhou cinco. O craque francês Zidane perdeu a cabeça e a usou de forma indevida, acabando expulso de campo. Com a atitude também perdeu a chance de ser o melhor da Copa e faturar mais um pouquinho. Em 2010 o Ubatuba Víbora despachará a canoa "Viboralonga" para a África do Sul, onde sem Parreira, Roberto Carlos, Zagalo, Ronaldo Gordo, Adriano e Cafu, quem sabe o scratch canarinho finalmente conquiste o hexa. Vamo que vamo, aleguá, guá, guá, Brasil!

Sidney Borges

Observação de pássaros

Ubatuba lança guia para observação de pássaros

A secretaria de Meio Ambiente de Ubatuba lança na próxima semana um novo guia para observação de pássaros no município. O guia terá 40 páginas com as 406 aves que podem ser avistadas na cidade. Segundo o observador de pássaros Carlos Rizzo, responsável pela elaboração do guia, serão inicialmente 500 exemplares e edição na Internet. Ubatuba tem 18 pontos de observação de pássaros. Em outubro, a cidade irá promover o encontro internacional Ubatuba Birds. Um total de 42 espécies de aves incluídas no guia são encontradas apenas em Ubatuba. A ave símbolo do município é o "Tangará-dançador", uma das espécies mais procuradas pelos observadores.
Fonte: ValeParaibano

Jogo de hoje: Final

15h
Itália x França
Berlim

Manchetes do dia

Domingo, 09 / 07 / 2006

Folha de São Paulo: “Aumento da renda tira 6 milhões da classe D/E”
O Globo: “Sete milhões de pessoas sobem para a classe média”
O Estado de São Paulo: “Investimento cresce, mas cria pouco emprego”
Jornal do Brasil: “Políticos animam invasão”
 
Free counter and web stats