sábado, setembro 24, 2005

Apolonio de Carvalho, herói da esquerda

Apolonio de Carvalho, militante de esquerda, guerrilheiro e revolucionário, morreu ontem às 18h30m, no Rio, aos 93 anos, de insuficiência respiratória provocada por uma pneumonia. Apolonio lutou na Guerra Civil Espanhola e na Resistência à ocupação nazista na França, país que lhe deu a mais alta condecoração de combate e a patente de coronel. No Brasil, enfrentou duas ditaduras: o Estado Novo de Getúlio Vargas (1937-1945) e o regime militar iniciado em 1964. Preso e enviado ao exílio em 1970, em troca da libertação do embaixador alemão, seqüestrado por guerrilheiros, voltou com a Anistia, em 1979, e ajudou a fundar o Partido dos Trabalhadores.
Leia mais

Romerson de Oliveira (Mico) em ação

Vereador Mico presente nos Bairros da Enseada e do Sertão do Perequê-Mirim

No último dia 17 de setembro, o vereador Romerson de Oliveira – PFL, esteve no Morro do Ceará no Bairro da Enseada, onde ouviu da comunidade alguns pedidos para melhorar as condições estruturais do bairro.
Mico pode ver o início da manutenção na caixa d’água coletiva que serve à comunidade e informou que vai procurar junto ao Poder Executivo formas para realizar parcerias com os moradores e buscar as melhorias.Outra conquista do vereador foi atender a uma antiga solicitação dos moradores da Rua Poço Fundo no Sertão do Perequê-Mirim, que, no dia 22, foi beneficiada com os trabalhos da Secretaria de Obras da Prefeitura através de uma retro-escavadeira que substituiu a tubulação da rua, que vivia entupida e não comportava o escoamento das águas pluviais, causando assim, o transbordamento e sérios danos aos moradores.
“Vivenciar os problemas e procurar soluções para eles, tem sido uma constante em minha legislatura e a maior realização é ter das comunidades o respaldo e apoio em parcerias para solucionar os problemas e suas necessidades”, comenta Mico.
A comunidade é grata ao poder público e o vereador salienta a presteza dos trabalhos da Secretaria de Obras e parabeniza o Prefeito Eduardo César pela atenção dada aos problemas e pelas soluções levadas a cada comunidade.
Fonte: ASCOM

Edilson Félix em ação

Esgoto vaza de escola no Perequê-Mirim, corre a céu aberto e a Prefeitura não toma nenhuma providência.

Direção da escola enviou memorandos para a Secretaria de Educação, mas situação não foi resolvida.

Um vazamento de esgoto da Escola Municipal Professora Maria da Cruz Oliveira, no bairro do Perequê-Mirim, está formando uma vala negra, que corre a céu aberto, contaminando ainda mais as águas fluviais do bairro e colocando em risco a saúde das crianças que brincam nas proximidades daquela escola. A Diretoria da escola enviou memorando no início do ano à Secretaria de Educação da Prefeitura, solicitando manutenção e reparos no local. Os reparos foram feitos, mas o vazamento continuou. Em junho, outro memorando foi enviado pela direção da escola, mas até o momento nada foi providenciado.
O Vereador Edílson Félix estará enviando nesta semana uma indicação ao Senhor Prefeito para que dê atenção necessária àquela comunidade, no sentido de resolver a situação.
É necessário que a Prefeitura faça uma vistoria urgente naquela unidade de ensino, visando reparar o vazamento do esgoto e solucionar o problema pela raiz, disse o Vereador, indignado com o descaso ocorrido.


Animais em situação de abandono

O Centro de Controle de Zoonoses do município necessita de atenção imediata por parte do Executivo local. Animais abandonados são levados para lá e deixados em condições de total desrespeito às regras mínimas de higiene e manejo.
Há relato, passado pelos representantes da APAUBA ao vereador Edílson Félix, inclusive documentado por fotos, de filhotes que foram deixados em gaiolas empilhadas, sem condições de asseio, porque os animais que estavam nas gaiolas do alto defecavam e urinavam nos que estavam nas gaiolas abaixo.
Animais, apesar de não serem sujeitos de direito, pelo Código Civil brasileiro, devem ser tratados com respeito, existindo inclusive, uma Declaração Universal dos Direitos dos Animais, proclamada em assembléia pela UNESCO, em Bruxelas, em 1978.
Segundo esta Declaração, que deve ser levada a sério por todos, “todos os animais nascem iguais diante da vida, e têm direito à existência”, cada animal tem direito ao respeito, não podendo o homem, como espécie animal, exterminar ou explorar outras espécies. O homem deve colocar a sua consciência a serviço dos outros animais. Sendo assim, nenhum animal - em nenhuma hipótese - deve ser submetido a maus tratos e a atos cruéis.

Foto Ezequias Bento
Fonte: Assessoria de Gabinete do Vereador Edílson Felix

Enviado por: ASCOM

Notícias da Prefeitura

Campanha de vacinação anti-rábica continua em Ubatuba até o dia 8

A campanha de vacinação contra a raiva entra em sua segunda semana em Ubatuba. A imunização está acontecendo em toda a extensão do município, em postos fixos e volantes e segue até o Dia Municipal de Combate à Raiva, que acontece no próximo dia 8. As instruções para os donos é que não permitam que as crianças acompanhem os animais. No caso de cães bravos, pede-se que os donos levem consigo uma focinheira. De acordo com a Vigilância Sanitária, já foram vacinados, do dia 17 ao dia 22, um total de 3.557 cães e 348 gatos.
“A raiva é uma doença séria, sua evolução é aguda e leva a óbito 100% das pessoas e animais contaminados”, adverte a veterinária Cláudia Ferraz, do Centro de Controle de Zoonoses. Ela é transmitida através da saliva, ou seja, da mordida de um animal infectado. Muitas vezes, no caso dos cachorros e gatos, o transmissor é o morcego hematófago. A doença é causada pelo Lyssa vírus, que penetra no sistema nervoso de qualquer mamífero, provocando diversas reações dolorosas. Entre os sintomas, destacam-se o mal-estar, anorexia, náusea, delírios, contrações musculares involuntárias, irritação e delírios.
No estado de São Paulo, a campanha tem atingido bons níveis, devido à boa divulgação e esclarecimentos das pessoas. Não existe contra-indicação para a vacina e todos os cães e gatos devem ser vacinados. A Dra. Cláudia ressalta que os animais de estimação são nossos companheiros e, por isso, merecem uma atenção especial. “Vaciná-los significa proteger a família como um todo”, finaliza. PMU



Prefeitura convida população para Audiência Pública

A Prefeitura Municipal de Ubatuba convida a toda a população para participar de uma audiência pública no próximo dia 29 (quinta-feira), a partir das 19 horas, na Câmara Municipal. Na audiência, técnicos da Prefeitura estarão apresentando os demonstrativos da receita e da despesa do município no segundo quadrimestre deste ano. A audiência pública é uma determinação da lei federal de Responsabilidade Fiscal. PMU


Notícias Esportivas


Vôlei de Ubatuba estréia novo uniforme

As equipes de vôlei de Ubatuba entram em quadra neste final de semana de cara nova. Nas partidas da Livovali que serão disputadas sábado e domingo (24 e 25) no Ginásio de Esportes Tubão, acontece a estréia do novo uniforme das equipes masculina e feminina de vôlei.
Nos dois uniformes há a predominância da cor azul, porém o do masculino tem mescla com o amarelo, e o feminino com o vermelho. A equipe feminina disputará as competições estampando na camisa os nomes de Biodance, Nipak Honda e Auto Elétrica e Mecânica Marquinhos. O time masculino será patrocinado por Kall Som, Assai Distribuidora de Água e Cristal Turismo.
No sábado, 24, o time mirim masculino entra em quadra para enfrentar a equipe de Pindamonhangaba, à partir das 10h30. As meninas do mirim feminino vão a quadra no domingo às 11h, para enfrentar a equipe de Jambeiro. PMU



Atletas do Dentinho querem matar saudades da bola

Última rodada aconteceu em 27 de agosto

Após uma longa pausa as partidas do campeonato da Escolinha Municipal de Futebol Rubens Salles devem acontecer neste sábado, dia 24. O campeonato esteve paralisado por 27 dias, primeiro em virtude da realização dos Jogos da Semana da Pátria e na semana passada, devido as chuvas que impossibilitaram as partidas. A garotada está com fome de bola e não vê a hora de voltar aos gramados. Os jogos da quinta rodada do grupo A serão realizados no Estádio Municipal Ciccilo Matarazzo, enquanto o grupo B joga no campo do Horto.

Confira os jogos da quinta rodada:

Grupo A – Ismael Comida Caseira X Quiosque Pica Pau; Porto Marina X Pousada Ubatuba Paradise; Chaveiro Ligeirinho X Casa Globo e Ubadesklimp X Kutelak.

Grupo B – Calçados Fernandes X Smidi Calçados; Restaurante Baleia Branca X Papelaria do Estudante e Auto Posto Jija X O Madeireiro

Classificação após quatro rodadas:

Grupo A – Chaveiro Ligeirinho, 12 pts; Quiosque Pica-Pau, 9 pts; Ubadesklimp, 5pts; Ismael Comida Caseira e Casa Globo, 4 pts.; Kutelak e Pousada Ubatuba Paradise e Porto Marina, 3 pts.

Grupo B – Calçados Fernandes, 10 pts; Smidi Calçados, 9 pts; Auto Posto Jija, 7 pts; Restaurante Baleia Branca e Mercado 24 Horas, 3 pts; Papelaria do Estudante, 2 pts; O Madeireiro 0 pt. PMU



Tancredo lidera classificação dos Jogos Escolares em Ubatuba

A Escola Municipal Tancredo Neves mantêm a liderança parcial dos “23º Jogos Escolares da Semana da Pátria” (JESP). Somando 132 pontos após a realização de sete modalidades, a escola tem uma boa vantagem sobre as concorrentes diretas ao título de campeã deste ano. A segunda posição na classificação geral é do Colégio Dominique que obteve 118 pontos; em terceiro lugar está a escola Dr. Esteves da Silva com 112 pontos.
A competição de atletismo, que seria disputada no dia 7, foi mais uma vez adiada devido ao mau tempo. A organização estuda a marcação de uma nova data para as realizações das provas.
Vôlei e Basquete – Em uma reunião realizada entre a organização do JESP e os responsáveis pelas escolas participantes dos Jogos, ficou definido que as competições de vôlei e basquete devem acontecer a partir do dia 8 de outubro. Os jogos de basquete serão realizados no Ginásio de Esportes Tubão e o vôlei terá suas partidas disputadas nas quadras das escolas José Simeão e Taba. PMU




Praia da Maranduba pronta para 2ª etapa do Circuito de Águas Abertas de Ubatuba

A Praia da Maranduba recebe neste sábado, 24, a 2ª etapa do 9º Circuito Municipal de Águas Abertas, promovido pela Secretaria de Esporte e Lazer de Ubatuba. São 30 categorias, envolvendo atletas de aproximadamente 18 equipes do Litoral Norte, Vale do Paraíba e Grande São Paulo. As provas são divididas em quatro percursos: 250, 500, mil e 3 mil metros, para atletas dos sete aos setenta anos.
A primeira etapa do Circuito foi realizada em junho, na Praia da Almada. A equipe da Secretaria de Esporte e Lazer de Ubatuba ficou com o título por equipes, tendo a Winner/Swim América em segundo e o Atleta Cidadão, de São José dos Campos em terceiro.
A organização premiará as três melhores equipes com troféus e os oito melhores classificados em cada categoria. Ao final do circuito, serão premiados os três melhores atletas do ranking. As inscrições para a prova da Maranduba podem ser feitas no dia da prova, até as 9h30 e são gratuitas. A largada está prevista para as 10h. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3833-3818. Os atletas terão um ônibus à disposição que sairá as 8h em frente ao Ginásio de Esportes Tubão.
A 2ª etapa do 9º Circuito Municipal de Águas Abertas conta com o apoio da Quitanda Maranduba, Varejão Santa Rita, Associação Amigos do Bairro da Maranduba e Quiosques da Praia da Maranduba. PMU

sexta-feira, setembro 23, 2005

Ponto e Contraponto

As raízes do ódio

Paul Singer*
A onda de agressões contra o PT, veiculada por toda grande imprensa, é espantosa em sua violência, em sua unilateralidade e em sua cegueira. Toda culpa pela presumida corrupção na política brasileira é jogada sobre o partido e seu governo, sem qualquer contemplação do fato de que os indícios de corrupção atingem membros de quase todos os partidos, muitos indícios sendo referentes a fatos que se deram em governos anteriores.
Um exemplo parece-me que basta para apontar a parcialidade com que esse linchamento moral do PT está sendo conduzido. Quando se apresentou o relatório das duas CPIs apontando 18 nomes de parlamentares a serem eventualmente cassados, ficou clara a ausência do senador Eduardo Azeredo, nada menos que o presidente do principal partido da oposição, o PSDB. Note-se que, contra o senador, há provas materiais irrefutáveis de que, em 1998, ele se beneficiou de esquema de Marcos Valério, igual ao que foi usado por dirigentes e parlamentares do PT. Em compensação, o relatório incluiu o deputado José Dirceu, contra o qual há apenas acusações orais, e de figuras suspeitas.
Na ocasião, a imprensa anotou o fato e reproduziu as explicações dadas pelos relatores. Desde então, a imprensa tem martelado os nomes, em geral com fotografias, dos 18 como réus comprovadamente culpados e que estão à espera da cassação certa e praticamente esqueceu que falta um réu na lista. Se a situação fosse outra e José Dirceu fosse o ausente da lista, é muito duvidoso que a falta fosse tão prontamente olvidada. O leitor precisa fazer um esforço de abstração dos vitupérios para poder perceber que se trata duma crise que envolve quase todo o mundo político, do qual o PT faz parte, mas não é o todo.
Mas de onde vem esse ódio? Possivelmente, de duas fontes diferentes. Há os que amavam o PT ou no mínimo o respeitavam, pelo que parecia ser a sua coerência, sua honestidade, sua transparência. A crise revelou que a aparência engana, que dirigentes do partido, em todos os níveis, se envolveram nas práticas que o PT combateu durante a maior parte de sua existência. Daí o pasmo, a frustração e o ódio, sobretudo de simpatizantes e de militantes que deixaram o PT ou foram expulsos dele. É o ódio dos que se percebem traídos e que estendem o seu desejo de vingança ao partido como um todo, embora seja evidente que muitos dirigentes e a maioria dos militantes não estavam envolvidos e nem cientes do esquema.
A outra fonte do ódio é ideológica, ela atinge os que sempre detestaram e temeram o PT pelo simples fato de ele ser de esquerda. São os que querem preservar a sociedade brasileira do jeito que ela é. Ou, no mínimo, repelem as mudanças que a esquerda sempre preconizou: redistribuição de renda, reforma agrária, renda mínima ou renda cidadã, impostos diretos redistributivos, orçamento participativo e assim por diante. São os cidadãos que querem acabar com "essa raça pelos próximos 30 anos". Por outro lado, há muita gente no PT e ao redor do partido que não odeia o PT, que acha que a maioria dos petistas não se acumpliciou e nem tolera práticas políticas e financeiras francamente delinqüentes, o que torna viável e indispensável "refundá-lo". É natural que essas pessoas, entre as quais me incluo, reajam ao ódio dos que nos atacam indiscriminadamente. E que escolham como adversários não os ex-companheiros desiludidos e feridos, mas os direitistas, os que se identificariam como "anticomunistas" se estivéssemos ainda nos tempos da Guerra Fria.
É a eles que Marilena Chaui se referiu quando disse, no ato público do dia 12 passado: "Odeiam-nos porque o PT foi o principal construtor da democracia no Brasil". A frase tocou num ponto sensível dos que diariamente nos lincham pela imprensa, pois vários jornais chegaram a responder a Marilena em editorial. Discutir, como vários fizeram, se o PT foi ou não foi o principal construtor da democracia é completamente ocioso. Basta que inimigos da democracia ou desta democracia que hoje temos acreditem que o PT é o principal responsável por ela para que odeiem o partido e aproveitem o ensejo para dar livre curso a sua sanha. Para evitar mal-entendidos: não estou dizendo que o linchamento do PT seja uma conspiração das elites. O partido mudou, adotou práticas inconfessáveis e por isso tem de ser refundado. Mas, entre os linchadores, há os que querem ajustar contas com o maior partido da esquerda para eliminá-lo do cenário político pelo menos por décadas. E há gente que responde a estes: "No pasarán!". E eu, modestamente, concordo. Se depender dos petistas que se reuniram para iniciar a refundação do PT, os desígnios deles não passarão mesmo.
* Paul Singer, 73 anos, é economista, professor titular da Faculdade de Economia e Administração da USP (Universidade de São Paulo) e pesquisador do Cebrap (Centro Brasileiro de Análise e Planejamento).

Ameaça à "Liberdade de Imprensa"

Luiz Moura
Hoje recebi um telefonema do senhor Eduardo Cury Russo, empresário de comunicações, ameaçando minha integridade física. "Passarei com um rolo compressor sobre você", afirmou ele em tom sério. A razão real do nervosismo é um pedido que enviei à Câmara.
Como cidadão quero saber detalhes do contrato entre a TV Iperoig e a Câmara Municipal de Ubatuba. O pedido foi protocolado há uma semana, o prazo esgota-se na próxima. Caso não receba satisfação, buscarei obter as informações através da Justiça. É um direito constitucional e farei uso dele.
A coação da imprensa nunca rendeu bons frutos, pelo contrário, costuma dar dissabores. De qualquer forma, foi lavrado um "Boletim de Ocorrência" na Delegacia de Polícia relatando o fato. A verdade prevalecerá. Lutarei por ela e publicarei tudo o que for apurado. Doa a quem doer. Quem não deve não teme. E não ameaça.
P.S. Este texto foi enviado para: Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, Vale Paraibano, Imprensa Livre, A Cidade, Litoral Virtual (site), Ubatuba Víbora (blog), Ubatuba News (blog). Também foi feita uma comunicação à ABI e ao Sindicato dos Jornalistas.

Charles Medeiros em ação


Charles ao lado da professora e das crianças

Vereador entrega Moção na escola Maria Josefina

Nesta última quarta-feira, o vereador Charles Medeiros entregou à diretora Flávia Cômitte uma Moção de Congratulações pelos excelentes resultados relacionados ao 1º Encontro Cultural Maria Josefina, realizado nas dependências da Escola Maria Josefina Giglio Silva, no bairro da Estufa II. O evento ocorreu entre os dias 24 a 26 deste mês e contou com a colaboração de várias escolas e entidades. Segundo a direção da escola a idéia é atrair cada vez mais os moradores para o ambiente escolar, através das manifestações culturais existentes, melhorando assim as relações entre alunos, escolas e comunidades. A escola também realiza um trabalho de plantios de verduras e legumes, parte da merenda escolar vem da horta que é cultivada pelos alunos da escola.
Segundo Charles Medeiros, “a escola tem um papel fundamental na vida dos moradores em seu entorno e é de extrema importância que ela mantenha um compromisso sério de cooperação e desenvolvimento relacionados às comunidades que representa”.
Fonte: Assessoria Charles Medeiros

Editorial

Xaxarte

Severino começou a se destacar em João Alfredo (PE) como presidente de uma fundação destinada a promover a arte do xaxado. Xaxarte. Nessa época o ex-deputado pertencia às fileiras da UDN, partido de perfil liberal-conservador, cujos membros se opunham ao nacionalismo getulista e pregavam uma política econômica menos restritiva ao capital internacional. Mais ou menos nos moldes das práticas de Malan em passado recente e Palocci nos dias atuais. Severino vociferava contra o nepotismo. Era autêntico, queria mudar o país. Pelo menos afirmava isso. A palavra nepotismo tem origem no costume dos papas d’antanho. Ao empregar davam preferência a sobrinhos. Nepote quer dizer sobrinho do papa. Sempre em nome da notória competência. Os favoritos (as) não costumavam cumprir seus horários. Isso é coisa para mortais inferiores, diziam zombeteiramente. Gozavam de proteção, ungidos pela infalibilidade papal. Imitar Severino, praticar nepotismo e fazer discursos afirmando exatamente o contrário é parte de uma dialética que jamais entenderei. Esquizofrenia define bem.

Sidney Borges

Notícias da Prefeitura

Bairro Sumidouro irá receber obras de infra-estrutura

Convênio assinado com a Caixa Econômica Federal irá repassar ao município verba federal de R$ 200 mil

O prefeito Eduardo César assinou na manhã de ontem, 22, um convênio com a Caixa Econômica Federal no valor de R$ 200 mil destinado a construção de guias e sarjetas do bairro Sumidouro. A verba vem do Orçamento Geral da União e irá permitir a construção de 4.400 metros lineares de guias e sarjetas e 80 metros de canais para condução de águas pluviais. “É um sonho antigo de todo o bairro e que graças ao empenho da Sociedade Amigos do Bairro e do vereador Claudinho Gulli, estamos conseguindo viabilizar”, afirmou o prefeito Eduardo César.
A obra de infra-estrutura no bairro Sumidouro, segundo o prefeito, é o primeiro de uma programação que deverá acontecer nos próximos anos. “Começamos pelo Sumidouro, que é um bairro pequeno e que irá servir de piloto para as obras subseqüentes”, lembrou Eduardo César. “Ao mesmo tempo que estamos congelando núcleos habitacionais irregulares estamos iniciando um trabalho de infra estrutura nos regularizados”, disse o prefeito.
A colocação de guias e sarjetas é a primeira obra do bairro que deverá ganhar também um projeto de urbanização na sua entrada e um túnel, para 2007, que irá ligar o Sumidouro ao bairro do Perequê-Açu. “Desde o início da nossa gestão, fomos cobrados pelos moradores do bairro, através da Sociedade Amigos do Bairro do Sumidouro e do vereador Claudinho, para que fizéssemos essas obras tão necessárias nesse bairro que foi ao longo de muitos anos abandonado pela administração municipal”, finalizou. PMU

Na foto: Eduardo César assinando o convênio
Empossados novos conselheiros do CMDCA

Aconteceu na última terça-feira, 20, a posse dos representantes da sociedade civil no CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da criança e do Adolescente). A cerimônia de posse dos membros de seis entidades, escolhidos em votação ocorrida em agosto foi realizada no salão da Associação Comercial e Empresarial de Ubatuba.
Foram empossadas pelo prefeito Eduardo César as seguintes entidades: Guarda Mirim de Ubatuba, Associação Esportiva de Ubatuba, Projeto Namaskar/Amurt, OAB Ubatuba, GAIATO, e Fundação Alavanca. As entidades suplentes Associação de Defesa do Povo Caiçara, Grupo Escoteiro Iperoig, Igreja Evangélica Ágape, e Movimento em Defesa de Ubatuba, também foram empossdas.
Em seu pronunciamento o prefeito Eduardo César fez questão de enfatizar o apoio da administração às ações do Conselho. “Quero deixar claro que a Prefeitura de Ubatuba é um dos dentes que faz essa engrenagem funcionar. Estaremos ao lado do Conselho em todos os momentos”, disse.
Estiveram presentes na cerimônia de posse, Domingos dos Santos, vice-prefeito, Percy José, Promotor de Justiça, Sônia Bonfim, presidente do CMDCA, Josiane Grunwald, presidente da FUNDAC, Silvana Niel, chefe de gabinete da Prefeitura Municipal de Ubatuba e Rute Ribeiro, representando o Conselho Tutelar. PMU
Prefeitura no Bairro leva cidadania ao Ipiranguinha

O evento que tem levado serviços da Prefeitura para perto da população estará esta semana no Bairro Ipiranguinha

A 5ª edição do “Prefeitura no Bairro” acontecerá na Escola Municipal Mário Covas, nos dias 1 e 2 de outubro, atendendo à comunidade de toda a região, incluindo Parque dos Ministérios, Jardim Ipiranga, Vale do Sol, Alto do Ipiranguinha e Comunidade Emaús. Além das diversas atividades de saúde, esportes, lazer e cultura, diversos novos serviços serão iniciados nesta edição. Entre as novidades, estão: a terapia comunitária, que acontecerá no sábado, o serviço de orientação ao consumidor, realizado pelo Procon e atendimento jurídico.
Durante toda a semana que antecede o evento, a Secretaria de Obras estará realizando mutirão de limpeza, operação tapa-buraco e pintura de guias e postes nas principais ruas do bairro. Na escola, acontecerão palestras de utilidade pública para a comunidade. Para os adultos, os temas abordados serão: Alimentos Funcionais e Hortas Suspensas. A Vigilância Sanitária programou uma apresentação sobre manipulação de alimentos com ênfase para os comerciantes do bairro. No período de aula, os estudantes assistirão palestras sobre preservação de ecossistemas, ecoturismo e qualidade de vida.
Na sexta, a comunidade poderá se emocionar com o filme brasileiro “Olga” e no sábado, a criançada se divertirá na escola, a partir das 18 horas, com uma sessão de cinema realizada pela Fundart, em parceria com a secretaria de Educação, com direito a pipoca. O filme a ser apresentado é a divertida animação chamada “Os incríveis”.
No domingo, a comunidade do Ipiranguinha poderá obter informações sobre questões de execução fiscal, tratando de assuntos tais como: cadastro de imóveis, mediante exibição dos títulos, informações sobre legalização de construções, averbações, acordos fiscais, entre outros temas. Na área da saúde, destaque para a saúde bucal e saúde da família.
O coordenador do evento, Claudinei Salgado ressalta que cada vez mais setores da prefeitura estão sendo mobilizados. “A cada edição, nós estamos inserindo novidades, para atender a diferentes necessidades da população. O “Prefeitura no Bairro” do Ipiranguinha e região promete ser um sucesso, devido à extensa programação durante toda a semana”.



Terapia Comunitária: um espaço para ouvir, falar e trocar experiências

“Quando a boca cala, o corpo fala. Quando a boca fala, o corpo sara”

Uma grande novidade que promete trazer bons resultados para a vida das pessoas é a terapia comunitária. Liderada pelo Dr. Érico Vasconcelos, essa é uma experiência que tem como objetivo trazer à tona discussões sobre problemas que afligem as pessoas em seu dia-a-dia.
Através de dinâmicas, conversas, músicas e contatos, os participantes trocam experiências, fazem perguntas, refletem sobre o assunto discutido e propõem soluções. Dr. Érico conta que ouvir as outras pessoas e reconhecer nelas o próprio problema é uma vivência muito interessante. “Juntos, nós elegemos assuntos e problemas em comum e trabalhamos em cima disso. O resultado é que as pessoas se ajudam e saem fortalecidas. O objetivo não é dar conselhos, nem invadir o espaço alheio e sim, trocar experiências e aproximar as pessoas”.

Confira a programação e compareça com toda a família!

Terça-feira - 27 de setembro
19:00 h - Palestra sobre alimentos funcionais e hortas suspensas

Quarta-feira - 28 de setembro
10:00 h - Palestra para crianças, sobre Preservação de Ecossistemas

Quinta-feira - 29 de setembro
10:00 h - Palestra para crianças, sobre Ecoturismo e Qualidade de Vida
19:00 h - Palestra sobre manipulação de alimentos

Sexta-feira – 30 de setembro
19:00 h – Exibição do Filme “Olga”

Sábado - 1 de outubro
9:30 h - Terapia Comunitária. Um espaço para falar, ouvir e trocar experiências
18:00 h - Exibição do filme infantil “Os Incríveis”

Domingo - 2 de outubro - a partir das 9:00h
- Cadastramento e informações técnicas para pescadores e maricultores
- Saúde bucal
- Execução Fiscal - cadastro de imóveis, legalização de construções, averbação e consulta sobre acordos fiscais, etc.
- “É brincando que se aprende” - Educação no trânsito
- Malabarismo, teatro, palhaço Pebolim, artes plásticas, com exposição de obras e artistas pintando no local
- Apresentação da Banda Lira Padre Anchieta
- Casa do Brinquedo com atividades de desenho e sala de jogos
- Aferição de pressão arterial, avaliação de Índice de Massa Corpórea (IMC), testes de glicemia
- Orientação médica e de enfermagem, exposição de ações desenvolvidas pelo PSF
- Orientação sobre o Código de Defesa do Consumidor
- Segunda via de documentos, como RG, Certidão de Nascimento e Antecedentes Criminais
- Corte de cabelo gratuito
- Atividades esportivas e recreativas PMU

Interesse público

Diabéticos de Ubatuba receberão aparelho para controle da doença

Verba do governo federal já chegou a Prefeitura para compra de 180 aparelhos para medir a glicemia de pacientes que tomam insulina

A Prefeitura de Ubatuba recebeu nesta semana uma verba federal de R$ 106 mil para a compra de equipamentos para medir a dosagem de glicemia. Os aparelhos, conhecidos como glicosímetros, irão beneficiar 180 diabéticos do município, que diariamente tinham que se dirigir até uma unidade de saúde para fazer o exame. Além do aparelho, os pacientes que usam insulina, irão receber fitas suficientes para um ano de uso. Os beneficiados são diabéticos que já estão cadastrados no PSF, Programa de Saúde da Família, da Prefeitura de Ubatuba.
Segundo o secretário de Saúde, Dr. Marcos da Silveira Franco, o pedido para a compra dos equipamentos já foi encaminhado pela Prefeitura de Ubatuba, como determina o programa governamental. O prazo é de aproximadamente 30 dias para a chegada dos aparelhos. “É a primeira vez na história de Ubatuba que diabéticos vão receber um auxílio como esse”, conta Dr. Marcos lembrando do sacrifício dessas pessoas em ter que buscar, todos os dias, uma unidade de saúde para controlar suas doenças. Agora, elas terão o equipamento em casa, com todo conforto que merecem”, afirma.


Professor Adido

Além da boa notícia da verba para Ubatuba, o secretário de Saúde do município recebeu também nesta semana o convite da USP - Universidade de São Paulo para integrar o quadro de professores adidos da instituição. Segundo Dr. Marcos, que é formado, entre outros cursos, em Saúde Pública pela USP, o convite é para que ele faça parte do Departamento de Práticas de Saúde Pública, com a missão de desenvolver pesquisas e formatar cursos de especialização oferecidos pela instituição. PMU
Na foto: Dr. Marcos da Silveira Franco

quinta-feira, setembro 22, 2005

Maluf e filho

Paulo Maluf, ex-prefeito de São Paulo, e seu filho Flávio Maluf vão continuar presos na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF) da capital paulista, por tempo indeterminado. Ontem, ambos foram derrotados em mais uma tentativa de conseguir a liberdade. O ministro Gilson Dipp, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou os pedidos de hábeas-corpus feitos pelos advogados dos dois.
Dipp explicou, em seu despacho, que o STJ não pode conceder um benefício que ainda não teve o mérito julgado pela instância inferior, no caso o Tribunal Regional Federal (TRF) em São Paulo. O TRF negou um pedido de liminar, mas ainda não examinou o mérito do hábeas-corpus.

Leia mais

Seguros

Diz o ditado popular que o seguro morreu de velho. Confesso aos meus leitores, que dariam para lotar um fusca, que nunca entendi direito o que isso queria dizer. Seguro é uma pessoa? Tambem passei anos para decifrar que o pé de cachimbo era pede cachimbo. Nada disso importa, o que eu quero dizer é que o Toninho mudou de endereço. Toninho, Antonio Carlos Fernandes. Ele agora está na outra esquina. Rua Conceição, 780, loja 3. O telefone é 3832 7411. Os milhões de dólares que recebi por este anúncio serão enviados para um paraíso fiscal. Se alguém descobrir doarei para a Santa Casa de Misericórdia. Nunca tive contas no exterior, nem em Caraguatatuba.

Sidney Borges

CONVITE

AMAC – ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES E AMIGOS DO CORCOVADO

Temos a honra de convidá-lo para participar da eleição da nova diretoria desta Associação, que se realizará no dia 24 de setembro de 2005 na Escola Municipal do Corcovado.
Sua presença é muito valiosa.

Ezequias Zanette Libório
Presidente

Editorial

Conhecimento e coronelismo

Jesus Cristo disse um dia que o conhecimento liberta. Jung afirmou a mesma coisa. Há uma controvérsia sobre onde teria estado Jesus antes de iniciar a pregação. Alguns estudiosos acreditam que tenha sido na Índia, onde teria vivido e estudado com mestres Sufis. Há de fato muito dos ensinamentos dessa filosofia nas palavras do “Mestre”. De qualquer forma, o assunto não é teologia, mas conhecimento, que Jesus tanto prezava e que o Brasil tanto despreza. A propósito de recentes migrações partidárias em Ubatuba e discussões decorrentes, sinto que há falta de substância e excesso de arrogância envolvidos. Muitos entendem que as tais migrações foram corretas. É questionável. Aconteceram em função de um sistema eleitoral anacrônico, que permite sobrevida a coronéis de província. Para entender o que estou falando e, antes da resposta irada que inevitavelmente virá, recomendo leitura. Não causa dor de cabeça nem tem contra-indicações e melhora o desempenho nos palanques eleitorais. Começaremos pela trilogia básica e fundamental para quem pretende entender o Brasil. Nelson Werneck Sodré, Caio Prado Júnior e Celso Furtado. Depois seria interessante passar por Gilberto Freyre e Sergio Buarque de Hollanda, este mais difícil. Para uma visão global é importante saber como foram produzidas as riquezas e as divisões de classes. Recomendo um autor marxista muito bom, claro e simples. Ótimo para principiantes. Leo Huberman. Depois da cartilha estudada, darei outras indicações. Antes disso, falar em coronelismo é perda de tempo. Coronéis de província nem sequer sabem que são coronéis. Pensam que são modernos, mas vivem no século XVIII.

Sidney Borges

Carta ao Prefeito de Ubatuba

Ilustríssimo Prefeito Eduardo César,

Venho a público responder a sua carta esclarecendo e lamentando quaisquer erros de interpretação que meu texto em resposta ao Sr. Luiz Augusto Mendes de Almeida (intitulado “ PSDB DE LETRAS MAIÚSCULAS”) possa ter causado.
Nele, Sr. Prefeito, argumento que o PSDB é o partido da vez e que lideranças políticas de outros partidos como o PT, PTB e PL (partidos envolvidos nos escândalos nacionais) cogitavam trocas de legenda, tendo o PSDB como a primeira das opções.
Ilustrei (embasado em notas veiculadas pela imprensa local e para ser mais didático com os leitores) meu argumento, com o fato de que até o Sr. ( liderança política local do PL), estudava a possibilidade de vir para o PSDB.
Como o Sr. mesmo afirma em sua carta, recebeu convites de membros locais e até do estado para ingressar no PSDB e portanto em meu texto não fiz nenhuma afirmação falsa quando me referi ao fato de que até o Sr. analisava a possibilidade de vir para o partido.
Em nenhum momento fiz qualquer alusão a irregularidades na prestação de contas de sua campanha ou sobre sua administração acerca das quais não tenho qualquer notícia, da mesma forma que desconheço os números da campanha do PSDB do ano passado da qual não participei.
Gostaria também de salientar que eu estou sim a serviço dos meus candidatos do PSDB às eleições de 2006 e que são o governador Geraldo Alckmin e do Deputado Ricardo Trípoli .
Afora os citados acima, não estou a serviço de ninguém a não ser de minha família e de Deus, em quem eu tenho a mais plena, convicta e inabalável fé.
Desconheço sua alegação de que o PSDB de Ubatuba tenha nome de candidato à prefeito para 2008 e gostaria de salientar que caso o Sr. queira reavaliar sua filiação, muito nos honraria discutir a mesma.
Reitero aqui, Sr. Prefeito , conforme conversado na minha sala em Abril deste ano na sua presença e dos Srs. Paulo Pinotti e Guilherme Assis que deveríamos sim, unir esforços e arregaçar as mangas para construir um futuro melhor para esta nossa cidade tão combalida e desgastada por sucessivas gestões inoperantes, sectárias e carentes de visão.
Acredito tanto nesta união, Sr. Prefeito, que tenho sido um incansável defensor ( e chato que cobra) dos Conselhos Deliberativos de Turismo e Meio Ambiente, espaços que quando constituídos colocarão lado a lado governo, empresariado e comunidade para discutirem em pé de igualdade o futuro de nossa cidade.
Desta forma, coloco-me a disposição de sua administração como sempre o fiz, para trabalhar sinérgicamente pelo desenvolvimento sustentável de nossa UBATUBA de letras maiúsculas.

Atenciosamente,


Hugo Gallo
Vice-Presidente do PSDB de Ubatuba
Vice-Presidente da Associação Brasileira de Oceanografia/SP
Diretor do Aquário de Ubatuba

ADUBA - Acessibilidade

Bom dia!
Estamos diante de um momento muito importante, precisamos defender o direito das minorias, pois somos parte de uma grande comunidade mundial, mas também somos indivíduos e respeitar o proximo é respeitar a nós mesmos. Anexo envio algumas questões referente aos debates em São Sebastião sobre acessibilidade, gostaria que vocês colaborassem divulgando e retornando opiniões, fatos e contribuições intelectuais, abraços...

André!


Acessibilidade, solução ou problema?

A ADUBA associação dos deficientes de Ubatuba, que tem na pessoa do seu presidente André Luiz dos Santos, este que também é coordenador da Federação do Litoral Norte para assuntos da Pessoa Portadora de Deficiência, Federação que une as Entidades do Litoral Norte, vem acompanhando através da imprensa a situação encontrada hoje, quando da publicação do Decreto Federal /2004 que regulamenta a Lei 10.098 do ano de 2.000 e deixa claro, os objetivos da Lei, como e quais meios as Autoridades constituídas devem agir diante de tal situação.

O que acontece?

A Lei Federal 10.098 de 2000 dizia que os estabelecimentos de atendimento ao público, públicos ou privados deveriam ser adequados ao recebimento de todos, pois acessibilidade não se da apenas a Pessoa Portadora de Deficiência, mas também ao idoso, gestante, obeso e crianças, mas a Lei não especificava como o Poder Público viria a executar esta norma assim geralmente todas as divergências terminavam, ou em processo de indenização ou ajustamento de conduta junto a Promotoria para Assuntos da Pessoa Portadora de Deficiência.


O que mudou da Lei para o Decreto?


A Lei é mais abrangente, ela trata de linhas gerais que a população deva seguir, e o Decreto refinou este entendimento, assim foi colocado em seu artigo que o Poder Executivo não deveria expedir alvará aos estabelecimentos de uso público que não estiverem dentro da Legislação vigente.
Por que tantas discussões entre Câmara, Comercio, Entidades e Executivo, em São Sebastião?
É que a Lei, no ano de sua publicação em 2000 deu 2 anos de prazo para que os estabelecimentos se regularizassem, assim o prazo venceu como é costumeiro no Brasil das pessoas acharem que Leis não pegam, a não ser se tratarem de impostos, não prepararam seus estabelecimentos, os representantes públicos não vem exigindo o cumprimento da Lei, assim hoje estão comprometidos os comércios que legalmente não sendo adaptados, não poderiam renovar seus alvarás e sem eles não podem funcionar, daí a discussão aberta, ao se mexer no bolso todos se mobilizam.


Pode ser editada uma Lei Municipal para regulamentar a situação?

Parte dos Vereadores de São Sebastião, ao tentar fazer loobe político com comerciantes, devido à pressão e também esquecendo de suas atribuições legais, de legislar e fiscalizar, estão tentando burlar a Lei Federal, que é fruto da luta das minorias descriminadas neste País, luta esta que levam a, direito constitucionais, garantidos em 1988 e que ao assumir os mandatos, nossos representantes juram respeitar e cumprir, sob pena de estarem respondendo por seus atos. Ao legislativo caberia a cobrança do cumprimento das Leis, em todos os níveis de Poder, assim querem sobrepor uma Lei Federal com uma Municipal é no mínimo não estar preparado para o mandato.


A Prefeitura pode reter os alvarás de funcionamento?

Pode não, a obrigatoriedade da Lei é clara, deve, e o prefeito de São Sebastião esta correto, e aqueles que não estiverem contentes com a situação podem recorrer judicialmente, mas não caberá ao prefeito qualquer culpabilidade, pois esta cumprindo a Lei vigente, assim a liberação de alvarás por outros prefeitos, leva-me a crer, em um desrespeito a Constituição Federal já regulamentada com Leis e Decretos, e em muitos Municípios como Ubatuba e São Sebastião, já há Leis Municipais desde a década de 90.


Quanto à Responsabilidade das Autoridades constituídas?

Bem cabe ao Executivo, executar as Leis aprovadas pelo Legislativo, assim como ao Legislativo a fiscalização desta execução, na hipótese do Prefeito, Governador e Presidente, não cumpram Leis, eles estarão sujeitos à cassação como também sanções legais. O Legislativo ao furtar-se através da omissão de exigir tais posicionamentos, Ele Legislador passa a ser solidário a esta situação, devendo assim também ser incluso no processo de omissão e ao judiciário, após não resolvida a situação e restabelecida a ordem legal, dos alicerces sociais democráticos de nosso País, deve recebendo denúncia intervir e aplicar as penalidades previstas em Lei.


Qual solução para a questão?

A solução é a verdade, simples mas como remédio amargo, os proprietários de Estabelecimentos privados de atendimento ao público, recebem retorno através do lucro pelo atendimento de necessidades de sobrevivência, desenvolvimento e lazer da sociedade, assim para ter direito a este funcionamento regulamentado, deve cumprir a LEI, e estarem a salvo de ser incomodados por fiscalizações, ou responder processos de indenização por cidadãos que achem-se prejudicados ou discriminados, por seus direitos terem sidos violados. Em outro foco, grande parte da população, certamente mais de 30%, tem dificuldades de locomoção e àqueles que investirem rapidamente para destacar-se, num futuro onde todos estarão adequados a acessibilidade, receberão os lucros deste mercado desprezado pela ignorância de empresar.

“PARA BRASILEIRO VER”

Corsino Aliste Mezquita - Professor*
Uma singela comparação entre os parlamentos Britânico e Brasileiro pode explicar as violentas diferenças entre os dois países e levar-nos a tomar consciência da origem e das causas de nossas múltiplas desgraças.

PARLAMENTO BRITÂNICO: MÃE DOS PARLAMENTOS.


Parlamentares não tem lugar reservado ou certo para sentar, na Câmara dos Comuns.
Não possuem escritórios, secretárias e automóveis oficiais.
Não recebem residência oficial, em Londres ou nas províncias.
Não recebem passagens aéreas, ou por outro meio de transporte, para ir e voltar de suas bases, nas províncias.
Salários de chefes de seção como qualquer funcionário público de carreira.
Há notícias do salário ser equivalente a US 10.000 (dez mil dólares) mensais ou, hoje, aproximadamente, R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil reais). Mais nada.
São considerados sérios servidores do povo. Não parasitas da nação.
O país possui Índice de Desenvolvimento Humano Elevado ou 0,939 pontos e ocupa o 15° lugar entre os cento e setenta países pesquisados.Está também entre os países que tem melhor distribuição de renda.
Não há notícias de mensalão, mensalinho, compras de votos, mudança de partidos, etc. Pisadas na bola são exemplarmente punidas.
Com algumas variáveis, os parlamentos europeus, seguem o modelo britânico. O parlamento da União Européia também.

PARLAMENTO BRASILEIRO

Salário mensal dos parlamentares (quatorze meses) - R$ 12.000,00
Moradia oficial com tudo pago pelos cofres públicos ou ajuda moradia de R$. 3.000,00
Despesas comprovadas - R$ 7.000,00
Verba para assessores - R$ 3.800,00
Verba de Gabinete - R$ 35.000,00
Direito a contratar 20 (vinte) assessores por gabinete.
Direito a engraxate, barbeiro e cabeleireiro.
Quatro passagens aéreas de ida e volta, por mês, para os estados de origem.
Carro oficial, correspondência, telefone, internet, gráfica etc.
Aposentadoria especial proporcional aos mandatos que teve no parlamento.
Quando convocados para trabalharem, no recesso, R$ 25.000,00.
A relação de vantagens não está completa. Entretanto é suficiente para que o leitor sinta a pujança de nosso país e o alto padrão econômico de deputados e senadores. Os lords ingleses ficaram nanicos.
Índice de Desenvolvimento Humano Médio, 0,792 ou N° 63°.
Salário mínimo R$ 300,00.
Só quatro países, no mundo, possuem pior distribuição de renda que o Brasil. O BIRD vê “armadilha de desigualdade”, por parte dos governantes, para perpetuar essa situação.
O modelo brasileiro é repetido em outros países da América Latina gerando corrupção, miséria, injustiças, crises e fome.Reflitamos e solicitemos justiça dos nossos governantes.
* Ex-secretário da Educação de Ubatuba

Palestra

Sr Sidney, bom dia:

Gostaria que publicasse esta matéria sobre desenvolvimento urbano, proposta pelo Dr Renato Amary foi que foi Deputado Federal e ex-Prefeito de Sorocaba, hoje Presidente da Fundação Prefeito Faria Lima, também é paraninfo da minha diplomação como corretor de imóveis quando conheci.
É deste tipo de ação que a cidade precisa, nossos Vereadores e nosso Prefeito já que não conseguem desenvolver nenhum projeto em grande escala que pelo menos copiem de onde deu certo e se interessem em buscar soluções.
No endereço
www.creci.org.br/quarta_nobre/index.asp tem a integra da palestra, seria interessante que nossos governantes investissem seu tempo em assisti-la pois é quase tudo o que nossa cidade precisa.
Aos que se interessarem em entrar em contato com Dr. Renato Amary tenho email dele e de sua assessoria e estarei tentando convidá-lo para uma palestra em Ubatuba, esta marcada uma em novembro em Pindamonhangaba a pedido do governador.
Quem sabe se eu pedir eu consiga traze-lo aqui...

César Prates
César.prates@creci.org.br

Charles Medeiros em ação


Vereador ao lado de bailarinas e professora que brilharam no festival

Charles Medeiros homenageia equipe de dança da Fundart

Aprovada por unanimidade nesta última sessão, uma Moção de Congratulações de autoria do Vereador Charles Medeiros à equipe da Oficina de Dança da Fundart. A equipe representou Ubatuba no "XI New Fest Dance" em Campos do Jordão, uma das mais expressivas competições de dança do Brasil. Aconteceu entre os dias 12 e 28 de agosto último. No evento dançaram 48 alunas, sendo que das 11 coreografias apresentadas, oito alcançaram pontuações e cinco receberam troféus. Segundo a responsável, professora Alessandra Penha, foi muito grande a importância dos apoiadores. Foram eles que viabilizaram a participação do grupo no evento. “È necessário investir cada vez mais nestes talentos, é necessário que a cidade também reconheça e colabore no que for necessário para que resultados positivos como o apresentado pela equipe da professora Alessandra possam continuar acontecendo,” comentou Medeiros.

Fonte: Assessoria Charles Medeiros

Claudinho Gulli em ação


Claudinho Gulli ao lado de Eduardo César na reunião com moradores

Casanga e Sertão de Itamambuca recebem o vereador Claudinho Gulli e o prefeito Eduardo César

A reunião, marcada pelo presidente da Associação de Amigos e Moradores da Casanga – SAMOCA- Mário Luiz Leite, contou com a presença de aproximadamente 120 pessoas, no dia 12 de setembro. O vereador Claudinho Gulli, PMDB, e o prefeito Eduardo César ouviram os moradores que pediram, principalmente, melhoria nas estradas do bairro. De acordo com o vereador, a recuperação da via principal e das demais já ficou acertada com o administrador da Regional Norte, José Roberto Júnior, que garantiu agendar as obras para os próximos dias. O prefeito deixou claro o interesse no desenvolvimento da região que, segundo ele, poderá ser a Rota do Artesanato. Eduardo César também, tirou as dúvidas e falou à comunidade sobre os benefícios do congelamento das áreas do bairro. O prefeito e o vereador parabenizaram os representantes da SAMOCA pela organização do encontro que reuniu tanta gente interessada nas benfeitorias tanto para a Casanga como para o Sertão de Itamambuca.


Moradores do bairro das Toninhas pedem o apoio do vereador Claudinho Gulli

Preocupados com a proximidade do verão e das conseqüentes chuvas, os moradores do bairro das Toninhas pediram o apoio do vereador Claudinho Gulli, PMDB, para solucionar os inúmeros problemas que afetam a região. Alem dos alagamentos, por causa das valas entupidas, do mato que toma conta de tudo, das ruas de difícil acesso, a comunidade é obrigada a conviver com ratos, baratas, carrapatos e cobras. Há, inclusive, segundo os moradores, casos de mordidas e picadas dos bichos. A reunião com o vereador aconteceu no dia 16 de setembro, na residência de um morador, conhecido por Nego, na Rua América. E, como já houve um encontro anterior, no mês de março deste ano, com representantes da Prefeitura, sem grandes resultados, eles agora esperam que, com o apoio de Claudinho, todas as questões sejam resolvidas. A comunidade aguarda a visita do prefeito Eduardo César em uma próxima reunião, porque acredita que a parceria entre moradores, Executivo e Legislativo pode dar certo.
Fonte: ASCOM

Moção de Congratulações


Romerson de Oliveira (Mico) entregou a Moção de Congratulações

A professora Valéria Ferreira de Carvalho recebeu do vereador Romerson de Oliveira, Mico, Moção de Congratulações pelo trabalho que realiza com idosos, há mais de cinco anos, na Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. Para Mico, a importância da professora Valéria com o projeto esportivo para a Melhor Idade, vai além do aspecto fundamental que é a saúde. Permite a integração social, maior dinamismo, resgata a cidadania e respeito ao próximo. O trabalho atende cerca de 800 pessoas entre homens e mulheres acima de 40 anos, que até já participam de campeonatos através do JORI – Jogos Regionais do Idoso. Portanto, segundo o vereador, é uma grande oportunidade de crescimento social e desenvolvimento físico para esta faixa etária.
Fonte: ASCOM

Notícias da Prefeitura

Prefeitura interdita área ocupada por Cooperativa de Reciclagem de lixo

A Prefeitura de Ubatuba interditou ontem, 21, a área e instalações da Catatudo - Cooperativa de Trabalhadores da Coleta e Reciclagem de Resíduos Urbanos e Domésticos, por apresentar situação de insalubridade ambiental. De acordo com o auto de interdição da Vigilância Sanitária, a insalubridade é decorrente da quantidade excessiva de lixo orgânico provocado pelo seu não recolhimento e destinação adequada. Ainda segundo o auto, o problema foi resultado da diminuição de mais de 50 por cento da mão de obra que realiza a separação de resíduos recicláveis o que tem provocado a presença de animais domésticos, aves e insetos sobre os resíduos orgânicos, além da presença de grande número de recipientes com água limpa e parada, propícias à procriação de mosquitos.
Além de interditar a área e instalações da cooperativa que fica junto ao aterro sanitário, a Prefeitura fará, através da Secretaria de Obras, a limpeza e saneamento do local, já que a área ocupada pela cooperativa pertence a municipalidade. A Prefeitura fará a remoção de todo e qualquer acúmulo indevido de lixo orgânico ou reciclado. Após a limpeza, a Prefeitura fará nova vistoria no local e irá aguardar, no prazo de cinco dias, a defesa da Cooperativa, mediante a qual será definida a conveniência do interesse público na continuidade ou no cancelamento da permissão. PMU



Secretaria de Agricultura de Ubatuba participa de Fórum sobre alimentos orgânicos

Ubatuba foi a única cidade do Litoral Norte e Vale do Paraíba a comparecer no Fórum da Secretarias Municipais de Agricultura Orgânica, que ocorreu no último dia 10, durante a Semana Nacional do Alimento Orgânico, em São Paulo. O objetivo do Fórum foi proporcionar uma troca de experiências obtidas no desenvolvimento de programas internos, bem como discutir problemas comuns e coordenar o encaminhamento das demandas às instituições competentes.
O Fórum propôs representantes das Secretarias Municipais para a Comissão da Produção Orgânica em São Paulo. Os participantes de Ubatuba ficaram então responsáveis por representar toda a região. Christian Bacci disse que esses encontros significam grandes avanços para o município, uma vez que as pessoas envolvidas acabam se inteirando de todos os avanços da área. “Nós estamos entrando em contato com autoridades no assunto. A agricultura é algo que tem sido muito discutido e Ubatuba tem a possibilidade de produzir alimentos com esse diferencial”.
PMU



Secretaria de Educação promove conscientização ambiental

Evento reuniu 1500 alunos do município em torno da questão ambiental

A Secretaria de Educação de Ubatuba promoveu a “1ª Semana dos 5 Rs”, evento de educação ambiental destinado a alunos do ensino fundamental da cidade. Os “Rs” representavam as iniciais de Reutilizar, Reduzir, Reciclar, Recusar e Repensar. Aproximadamente 1500 alunos que visitaram a exposição, montada na escola Pe. José de Anchieta, puderam aprender sobre o tema resíduos sólidos e reciclagem, principalmente na região costeira.
A exposição foi composta por instalações informativas, artísticas e interativas criadas pelas entidades participantes do evento, que apresentaram também propostas alternativas de consumo e disposição de resíduos sólidos, auxiliando a implantação da coleta seletiva no município. A exposição também serviu para despertar a consciência dos alunos sobre novas formas de aproveitamento dos resíduos sólidos.
Participaram do evento como expositores as seguintes entidades: Sanepav (Coleta Seletiva), CEMPRE (vídeo sobre reciclagem), Plastivida (vídeo sobre reciclagem de plástico), Mulheres do Pé da Serra (bolsas feitas com sacolas de supermercados), AIKÁS (artesanato com bandejas de isopor) , Lavanderia SOMA (reciclagem de água na lavagem de roupas), Instituto Argonautas / Aquário de Ubatuba (lixo nas rede de pesca), Instituto Costa Brasilis (corredor de sensibilização sobre lixo no mar), Projeto Tamar (reciclagem de papel), Associação Cunhambebe (tampas de vaso sanitário com mensagens sobre problemas ambientais causados pelo homem).
A “1ª Semana dos 5 Rs” foi uma realização da Secretaria de Educação, Secretaria do Meio Ambiente e Organizações Não Governamentais e Entidades Ambientalistas de Ubatuba e aconteceu no período de 12 a 16 de setembro.
Limpeza na Ilha - A Ilha Anchieta recebe nesta sexta-feira, 180 alunos de escolas da rede estadual de ensino. Eles participarão de atividades referentes ao Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias, comemorado em 17 de setembro.
PMU



Ubatuba recebe doação de vieiras

No último sábado, dia 17, a secretária municipal de Abastecimento, Pesca e Agricultura, Valéria Gelli, acompanhada de comitiva, participou da solenidade de entrega de doação de 10 mil sementes de vieiras, que aconteceu no terminal da Petrobrás, em Angra dos Reis.
As sementes serão distribuídas entre grupos de produtores já cadastrados, que realizarão um experimento de adaptação dos moluscos às águas do município. Caso as vieiras se desenvolvam satisfatoriamente nas fazendas aqüícolas de Ubatuba, elas serão utilizadas como mais uma alternativa para os produtores ubatubenses. Além da doação das sementes de vieiras, os produtores receberão as estruturas de cultivo, denominadas lanternas japonesas e cursos de capacitação para cuidar das vieiras.
No final do mês de agosto, cerca de 43 produtores marinhos de Ubatuba visitaram o laboratório de cultivo de vieiras do IEDBIG (Instituto de Eco-Desenvolvimento da Baía da Ilha Grande), em Angra dos Reis, com o objetivo de fazer os primeiros contatos e obter informações sobre o cultivo desse molusco.A demarcação das fazendas marinhas em Ubatuba já começou. Ao todo, serão 39 parques, divididos em 14 praias, abrangendo toda a extensão da cidade. PMU

quarta-feira, setembro 21, 2005

Severino Cavalcanti finalmente renunciou

O presidente da Câmara, Severino Cavalcanti (PP-PE), renunciou nesta quarta-feira à presidência e ao mandato parlamentar. No final de seu discurso, ele disse que voltará e que será absolvido pelo povo. "Todos seremos, muito breve, julgados pelo povo. Para quem dedicou sua vida à política, esse é o julgamento que conta, a sentença que importa. Voltarei. O povo me absolverá", disse.
Fonte: Folha Online

Reminiscências

Muito antes de explodirem os escândalos que envolvem o país, escrevi a matéria que republico abaixo. Os leitores que me acusam de parcialidade têm memória curta. Eu acreditava no governo do PT, tanto que saí na defesa de Lula quando este foi atacado na honra pelo jornalista Larry Rohter, do NYT. Vamos lá:

Drink

Por Sidney Borges
Se não ficasse estranho eu abriria este artigo com a frase: Oh! Céus, meus sais! Será que deu a louca na troupe de Brasília? E o presidente Lula, que história é essa de dar bola para um artigo de jornal e reagir exatamente de acordo com o manual do "jamais faça que é tiro no pé". Lula bebe, é claro que bebe, todos bebemos, salvo alguns que não bebem e ficam enchendo o saco dizendo pra todo mundo que não bebem. E apontando os que bebem. Lula bebeu acima da conta em alguma recepção? Faz parte do jogo, todos já tomamos nossos pileques, principalmente em fases de grande tensão. Eu bebo, não há problema algum em beber. Pior do que beber é ser um ex-alcoólatra como Bush e armar aquele barraco no Iraque e depois não conseguir desarmar. O problema do álcool começa quando passa a dominar a vida das pessoas. Que eu saiba o presidente bebe em reuniões sociais. Se estivesse bebendo de manhã, logo após o café, o sinal de alerta deveria ser aceso, tomar um drink no almoço e alguns na happy hour é saudável. Aliás, para quem está próximo dos sessenta essa coisa de saudável ou não saudável não deve contar tanto. Dos sessenta para frente, salvo exceções, a regra é começar a descida da serra rumo não se sabe para onde. Lula tem um estilo pessoal. Foi com esse estilo que acabou na Presidência da República. Lula gosta de churrascos, de futebol, de cerveja, Lula gosta de tudo o que a maioria dos brasileiros gosta. Lula é o presidente do Brasil, em certas horas parece que ele mesmo duvida disso. Senão, deveria ter ligado para o jornalista do New York Times, que tomaria um enorme susto, e dito: "Olhe aqui seu gringo banana, eu sou o presidente desta grande nação e mereço respeito. Ou melhor, exijo respeito". E ponto final. Mandar o cara embora, foi uma grande, enorme, gigantesca besteira, além de promovê-lo a estrela do jornalismo internacional. O Brasil é uma nação plena de hipocrisia, diz-se uma coisa, faz-se outra. Lula nesse quesito foge à regra. Ele é o Lula, autêntico, goste-se ou não. Lula está em visível desconforto por não conseguir fazer o que gostaria, ele percebeu que governar é mais difícil do que parece. É o desconforto de alguém que mostra real preocupação com o cargo que ocupa. Lula errou ao mandar o gringo embora, se for possível reverter o erro, deve fazê-lo. Lula deveria cogitar de ter melhores assessores, mais comprometidos com a verdade do que com a preservação do cargo. Faltou alguém para dizer: Lula, o que esse gringo escreveu, amanhã estará esquecido. O artigo passaria batido, ninguém notaria. Com a overrreaction, entrou para o folclore político da nação. O mal está feito.

Fonte: Partido dos Trabalhadores

Ubatuba - Carta do Prefeito

Venho a público lamentar a ligação que o senhor Hugo Gallo tentou fazer do meu nome com o escândalo nacional que o partido em que estou filiado, o PL, está mergulhado. Gostaria de lembrar que vários políticos locais que estavam nos partidos PT, PL e PTB, hoje fazem parte do PSDB. Nesse sentido, é, no mínimo, antiética a insinuação do senhor Hugo Gallo ao tentar ligar meu nome aos escândalos nacionais que não só o PL, mas a maioria dos partidos está envolvida.
Ao prestarmos contas de nossa campanha eleitoral, relacionamos centavo por centavo do que gastamos. Do PL e do PT, recebemos apenas brindes e materiais de campanha, tudo devidamente declarado junto a Justiça Eleitoral. Fizemos uma campanha modesta e declaramos um valor muito superior ao que o PSDB registrou junto ao Cartório Eleitoral. Quem acompanhou o período eleitoral de 2004 sabe do que estou falando e pode tirar suas próprias conclusões.
Também gostaria de esclarecer ao senhor Hugo Galo que foram vários os convites que recebi, tanto na esfera municipal como na estadual, para ingressar no PSDB. Isso se deu em virtude da afinidade administrativa e da similaridade da linha de conduta que tenho com o Governador Geraldo Alckmin, que nos prestigiou com sua presença por três vezes nestes 10 meses de meu mandato. Porém, não senti a necessidade de deixar meu partido, até porque se alguns políticos do PL estão envolvidos em escândalos, isto, de maneira alguma, pode ser entendido como regra para todos os filiados do partido. Até porque, acredito que o senhor Hugo Gallo também nada tenha a ver com os escândalos do PSDB em Minas Gerais. Da mesma forma, acredito que meu amigo Rogério Frediani também não tenha participação alguma nos escândalos que envolvem o PTB.
Que o senhor Hugo Gallo esteja a serviço do candidato do seu partido à prefeitura em 2008, nós entendemos. O que as pessoas de bem da cidade não conseguem entender é que o momento já passou e as próximas eleições ainda estão longe. O momento agora é de unirmos forças para que o município alcance desenvolvimento econômico e melhores condições de vida aos nossos munícipes. Caso o senhor Hugo Gallo, ou qualquer outro cidadão, tenha qualquer denúncia sobre a campanha de 2004 ou sobre a atual administração, que a encaminhe ao Poder Judiciário, ao Ministério Público ou a qualquer outra autoridade competente. Nós primamos pela seriedade administrativa e pela transparência, independente do tamanho das letras. Aliás, são muitas as palavras que podem ser escritas com letras maiúsculas.

Eduardo César
Prefeito Municipal

Erramos

Em resposta ao e-mail de um leitor, eu, Sidney Borges, editor do Ubatuba Víbora afirmei que a revista “Caros Amigos” depende de verbas do PT. Foi uma opinião emitida em conversa particular, nem sequer pensei no assunto, que de resto não me interessa. Foi papo de botequim. Acontece que o leitor, que diz não concordar com as minhas posições políticas, enviou o e-mail para a revista. O editor, que conheço de muitos carnavais cobrou uma posição de minha parte. Evidentemente há uma grande distância entre conversas coloquiais e textos publicados. Como jornalista jamais colocaria uma opinião pessoal passível de questionamentos sobre o que não é da minha alçada. Na verdade, errei ao dar satisfação ao leitor, respondido ao e-mail. Não o faria se soubesse do seu caráter. Ou melhor, da falta deste. A revista "Caros Amigos" faz parte do mercado, tem assinantes e vendagem expressiva. A publicação deste reparo é uma satisafação ao editor da revista, Sérgio de Souza, que é meu amigo há mais de vinte anos e um cavalheiro, além de profissional reconhecido. Eu não precisaria fazê-lo, não publiquei uma linha que justificasse este texto. Sobre o cidadão que enviou o e-mail para o Ubatuba Víbora e a resposta para a revista, deixo que os leitores façam suas avaliações. Nem vou publicar o seu nome, meu computador não merece. Ficaria cheirando mal.

Sidney Borges

Dra. Luciana

Li, surpreendido, 'notícias' de entrevero no Posto de Maranduba, com médica que chamavam Dra. Luciana, sem sobrenome. Fiquei aguardando para saber de que Dra. Luciana se tratava.
Hoje, com grande surpresa e consternação, ví tratar-se de Dra. Luciana Satie Hikichi, médica que conheço há muitos anos, desde quando meu casal fazia parte do COMUS e referida médica era, sem demérito para os demais facultativos, a melhor profissional que militava no PSF.
Competente, morando em Itamambuca e atendendo o posto norte, estava, como sempre foi público e notório, à disposição dos necessitados e aflitos, com a meiguice e competência que a caracterizam, 24 horas por dia. Atendia de madrugada, se batessem à sua porta, mesmo para que fizesse uma simples aplicação de injeção. Sua competência na profissão, até por sua excelente formação acadêmica, sempre a credenciou ao melhor atendimento de medicina pública.
Por acaso, quando do falecimento de minha filha Miriam, há uma semana, fui atendido por ela, na SCasa, minha filha já em óbito. Tenho certeza que com sua competência, sensibilidade, delicadeza e humanidade habituais, neste atendimento, em muito ajudou minorar as nossas dores pela perda de um ente querido.
Não estava presente no dia dos 'acontecimentos' da Maranduba.
Contudo, sinto que a Dra. Luciana Satie Hikichi que conhecemos jamais poderia protagonizar a 'estória', como escrita por terceiros.
Sua carta publicada hoje merece nossa prévia crença do que tenha ocorrido, de fato.


Atenciosamente.

Roberto de Mamede Costa Leite
r-mamede@uol.com.br

terça-feira, setembro 20, 2005

Duda pede socorro aos orixás

Desde às 15 horas de ontem (dia 20) que o publicitário Duda Mendonça está no terreiro do Gantois, em Salvador, trancado em um quarto na companhia da ialorixá Mãe Carmem, sucessora da célebre Mãe Menininha. Deve estar se submetendo a uma sessão de descarrego.
O terreiro está fechado para o resto do mundo. Do lado de fora, o motorista espera pelo patrão à porta do carro. Está há horas sem sair do lugar. Descansa sob a proteção de Euá, a árvore sagrada que protege o terreiro.

Fonte: Blog do Noblat

Nota do editor - Pura perda de tempo. Se os orixás resolvessem alguma coisa os dois principais times da Bahia não teriam caído para a terceira divisão.

Renúncias

Uma notícia na Internet me lembrou que vivo na terra dos avessos. O deputado José Mentor (PT–SP) está esperando sinal verde para renunciar. Ele quer ter certeza de que o partido vai lhe dar legenda em 2006. Se for eleito continuará usando o mandato para esconder sujeira embaixo do tapete, como fez quando da CPI do Banestado. O que é de estranhar é que durante muito tempo a atuação de Mentor passou em branco, ninguém viu nada irregular. Isto é, eu vi, mas quando tentei escrever fui calado pelos editores. Nunca esquecerei de uma entrevista que a ministra Marina Silva deu para a revista "Caros Amigos", onde afirmou que tudo ia bem na CPI. A ministra, que nunca disse se é contra ou a favor dos transgênicos, ousou falar em CPI. O PT foi contra os transgênicos enquanto esteve na oposição. Virou casaca no poder, como em quase tudo. O povo brasileiro merece o governo que tem. Se o PT der a legenda, Mentor corre o risco de ser deputado mais uma vez. Perde o Brasil. Alguém escreveu que o governo do PT é esquizofrênico. Conservador em economia, anarquista na ação e iludido quanto a se imaginar socialista. Asilo político na Suécia, uma idéia que não me sai da cabeça.

Sidney Borges

“Tucanos em Marcha”

Ernesto F. Cardoso Jr.
Permita-me, meu caro Sidney Borges, que há dias fez, sob o título acima, um relato crítico da eleição do Diretório do PSDB de Ubatuba, fazer uma digressão sobre se, de fato, marcham os tucanos de Ubatuba.
Marcha sempre dá a entender um andar firme, vigoroso, em demanda de um destino. Marcha quase sempre engloba um conjunto de indivíduos imbuídos de um propósito, pois, isoladamente, apenas por prazer, diríamos dar-se uma caminhada.
A marcha é processo de disciplinamento do grupo em companheirismo, participação, unidade, conformidade. Marcha-se com propósito, o mais comum o de atingir-se um destino, um lugar além, que demanda o percurso de uma distância geralmente longa, pois, para curtas distâncias, anda-se, corre-se, caminha-se.
A marcha identifica os membros do grupo, solidifica o objetivo visado, enrijece o esforço coletivo para alcançá-lo, une os componentes do grupo, igualando e equilibrando individualmente os esforços; agrega-os em torno de um comandante, pois, não há marcha sem comando, que deve ser firme, seguro, altaneiro, que não titubeie, nem perca-se em rumos escusos, não tergiverse sobre a sorte de seus comandados.
Não é sem propósito que a marcha é o exercício fundamental do adestramento dos recrutas à disciplina dos exércitos, das polícias, dos agrupamentos paramilitares. Por meio dela a disciplina individual deve conformar-se à disciplina do todo, à obediência ao comando, à união e à sincronia de objetivos.
É por encerrar toda esta filosofia que as forças militares e agrupamentos afins adotam-na e quanto mais imbuídos de propósito, de orgulho, de destino grandioso, tanto mais marcial se torna a marcha. É só comparar o marchar de exércitos cujas vitórias modelaram nações, granjearam o respeito de seus compatriotas, mudaram o destino da humanidade encetando novos rumos, com o daqueles outros desprovidos de passado glorioso, de presente inseguro e de futuro incerto.
Pois bem, caro Sidney, será que a marcha dos tucanos de Ubatuba encerra todo este significado, este amplo senso de objetivo comum, este anseio por alcançar um destino, não apenas de mera glória, mas, antes, de proveitoso serviço à nossa comunidade? Que comando este partido aqui se atribui? Firme, forte, íntegro, digno do acatamento dos comandados, respeitoso consigo próprio, com o partido e com a sociedade?
A história do PSDB nacional, em seu cerne duro, em seu campo majoritário, termos tão em moda, é uma afirmação de antagonismo aos corruptos, de repúdio aos velhos costumes e hábitos de nossa política, à ausência de idealismo, de civismo e de altos propósitos para a coletividade. “Longe das benesses oficiais, mas perto do pulsar das ruas, nasce o novo partido” – lema que norteia seu Programa e baliza seus propósitos. Este lema original, perdura no coração dos verdadeiros tucanos, pois, ainda no intróito desse Programa lê-se: “Partidos de verdade não se criam a qualquer momento, ou por qualquer pretexto”. Da mesma forma, complementaria, partidários genuínos não se estabelecem de repente, por mera filiação burocrática, muito menos se imbuídos de fins personalistas. Não se convertem, instantaneamente, antípodas de outro espectro político. A um partido como este não se deveriam agregar os que buscam uma estratégia pessoal, como você bem observou e acrescentaria, mais oportunistas do que estrategistas. Um partido que assim se formou, desligando-se do maior partido do País à época em que o governava, daí o significado do “longe das benesses do poder”, não deveria abrir suas portas, simplesmente, para dar guarida a pretensões individualistas cujos personagens, em alguns casos, mostraram-se historicamente desprovidos de intrínseca afinidade com seus princípios, quando não em absoluto contraste com eles.
A história deste digno partido, fora de nossos limites municipais, como você muito bem observou, Sidney, tem sido a história de uma elite política de homens bem formados. Aqui, miseravelmente, sofremos uma história de matreirices e espertezas provincianas, de fracassos, de vexames e de conluios os mais espúrios, que culminaram com as derrotas em 2000 e em 2004. As razões e causas destas derrotas são bem conhecidas de toda a nossa sociedade afinada com a política, porém, parece-me, ainda não deglutidos e menos ainda digeridos pelo cerne duro e o campo majoritário local.
Lá fora, em marcante contraste, na quase totalidade dos Municípios e Estados que tem administrado, vem deixando um rastro de dignidade, de civismo, de alto senso de responsabilidade, uma escola para a sociedade, um paradigma irrefutável a ser imitado.
Lamentável, pois, que aqui este núcleo partidário, ainda, em nada tenha contribuído, para o soerguimento de nossos costumes políticos locais.
Haveria, pois, caro Sidney, alguma identidade entre a marcha firme dos que buscam um objetivo grandioso, sob respeitoso e respeitado comando, com esse caminhar de rumo divergente que não estampa semelhança com a beleza dos ideais das origens?
Sim, caro Sidney, marcham os fieis por fé e pela fé. Marcham os exércitos pelo orgulho de seus povos e para a glória de seus Estados. Marcham as hostes por ideais nutridos para a conquista de seus anseios. Marcham os tucanos de Ubatuba? Pelo que e para o que? Que o diga a sociedade.
A esse partido, ao qual servi com dedicação por mais de 13 anos, desempenhando, inclusive, cargo de confiança no Porto de São Sebastião, imprimindo ali marca de eficiência e de realizações registradas na história desse porto, apresento minhas despedidas.
Há de se ter respeito a si próprio para poder contar com o respeito da sociedade.
efcardosojr@uol.com.br

Notícias do Legislativo

Lei das escolinhas de surf começa a ser discutida

O projeto de Lei que vai regulamentar as escolinhas de Surf de Ubatuba começou a ser discutido durante reunião na sede provisória da Associação Ubatuba de Surf, na terça-feira, dia 13 de setembro. Com a presença do vereador Claudinho Gulli, PMDB, dos diretores da A.U.S. e do presidente da entidade, Tadeu Pereira, ficou decidido que as exigências da Confederação Brasileira de Surf, órgão subordinado ao Comitê Olímpico Brasileiro e as do CREF – Conselho Regional de Educação Física, deverão nortear as discussões sobre o futuro das escolinhas.
Devido ao grande número de interessados e dos diversos pontos a serem debatidos, os representantes da A.U.S. decidiram realizar reuniões periódicas para discutir mais o projeto de Lei. Segundo eles, o bom senso, o respeito à qualidade das escolas e dos instrutores, bem como as limitações por praias, além de outros pontos, deverão ser levados em consideração. “Devido ao título de Capital do Surf, o município de Ubatuba necessita de uma regulamentação amplamente discutida e acredito que este projeto de Lei deverá se tornar o instrumento para que possamos atender os alunos e atletas com maior profissionalismo e segurança”, disse o diretor de marketing da A.U.S. Alvinho Corrêa. A próxima reunião deverá ser marcada para os próximos dias na Câmara Municipal de Ubatuba.

Fonte: ASCOM

Notícias da Prefeitura

Assistência Social de Ubatuba implantará Projeto Ação Jovem

A Secretaria de Assistência Social de Ubatuba assinou termo de adesão para implantar o Projeto Ação Jovem, um projeto de inclusão social de jovens pela educação formal.
Os jovens de Ubatuba, que abandonaram a escola ou estão em risco de abandoná-la, se encontram em situação de vulnerabilidade social ou não concluíram o ensino básico terão chance de retomar os estudos.
A secretária Kátia Nunes fala do valor da conquista para o município. “Essa conquista da Secretaria é muito importante para Ubatuba. Estaremos, nesse primeiro momento, atendendo a cem jovens que receberão por um ano esse auxílio para retomar os estudos”, disse a secretária. Kátia disse ainda que os primeiros escolhidos devem começar a receber o beneficio ainda este ano. “Chegando a autorização do Governo Estadual, iniciaremos o cadastramento, que deve durar no máximo 60 dias”, completou.
Os jovens, uma vez selecionados para participar do projeto, terão suas famílias incluídas no Cadastro Pró-Social e deverão comprovar, para receber o benefício, a freqüência escolar.


O projeto


O Projeto Ação Jovem promove o retorno à escola de jovens de 15 a 24 anos para completar a escolaridade básica. É um auxílio para criar estímulos para aqueles que não puderam freqüentar a escola na idade apropriada completarem seus estudos. O objetivo é proporcionar meios para que adolescentes e jovens na faixa etária de 15 a 24 anos, que moram em áreas de alta concentração de pobreza e abandonaram a escola, possam retomar os estudos e concluir o ensino básico (até à 8ª série), e/ou o ensino médio (até à 3ª série), na modalidade de ensino regular, ou de educação de jovens e adultos (antigo supletivo).A ação inclui uma bolsa-auxílio mensal no valor de R$ 60,00, paga por meio de cartão magnético, e a garantia de vaga nas escolas da Rede Estadual de Ensino Público, ou em Escolas Municipais. PMU

segunda-feira, setembro 19, 2005

Praianas

O espectro partidário ubatubense vibra com novas freqüências. O PT fez uma mudança radical. Deverá perder militantes. Um deles, descontente com os rumos da votação de ontem, disse alto e em bom som para quem quisesse ouvir que irá para o PSDB. “O PT é um partido corrupto”, afirmou. Estranhamente ele só percebeu o detalhe quando a sua chapa começou rolar escada abaixo. No PSDB sobram farpas entre recém-chegados e recém-saídos. Logo a coisa vai esfriar. Difícil vai ser acomodar tantos caciques em tenda tão exígua. De qualquer forma o presidente do partido tem sido visto conversando com o presidente da Câmara. Como é sabido, em outubro haverá eleição para definir quem será o novo comandante da Casa das Leis. Conversar faz parte do jogo democrático. Sempre em nome do amor desinteressado pela cidade. Para os que já se vêem no Paço Municipal, convém lembrar a frase do filósofo Neném Prancha: “treino é treino, jogo é jogo”. Por enquanto, vivemos a fase dos treinos. O jogo vai acontecer daqui a três anos. Até lá muita coisa vai acontecer, inclusive a entrada de novos atores no palco. Um novo partido está chegando. O PRONA do folclórico Enéas. Era exatamente o que estava faltando na cidade. Quando tiver detalhes o Ubatuba Víbora contará. Uma pergunta. Quem vai ficar com o PRTB? Ubatuba precisa do Aerotrem. Vamos lá minha gente, coragem!

Sidney Borges

Ricardo Cortes em ação

Vereador Ricardo Cortes fala sobre o Desenvolvimento com Ética

A administração pública determina órgãos, pessoas jurídicas e agentes para exercerem funções voltadas para a prestação de serviços e ao atendimento da população em geral, designando a natureza das atividades exercidas pelos referidos, que é a função administrativa. O Poder Executivo, o Poder Judiciário e o Poder Legislativo devem desenvolver suas atividades dentro dos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade e publicidade, assumindo compromisso formal no combate à corrupção, ao recebimento de propina e ao enriquecimento ilícito. Atuar com transparência e tenacidade, para que as atividades públicas sejam desenvolvidas dentro desse código é responsabilidade de todos os cidadãos e cidadãs de nosso município. A atuação baseada em princípios éticos e com responsabilidade social deve ser desenvolvida por todos os envolvidos nesse processo, desde o funcionário da Prefeitura que irá emitir as guias de arrecadação para emissão do alvará de funcionamento de um comércio, passando pelo dono do comércio que irá recolher a taxa na instituição determinada, à instituição bancária que efetuará o recolhimento para os cofres públicos e que irá aplicar no município parte do seu lucro, retornando à prefeitura que irá promover de maneira ordenada e transparente a gestão dessas receitas e ao comerciante que manterá sua empresa dentro da legalidade, registrando os seus funcionários e recolhendo todos os impostos e taxas devidos, não aceitando e nem oferecendo vantagens para burlar a lei ou manter-se fora dela. Relações de ética e qualidade se constroem a partir de valores e condutas capazes de gerar a responsabilidade que vai além da obrigação de respeitar as leis, pagarem impostos e desenvolverem atividades adequadas para a manutenção de uma empresa. A responsabilidade social revela-se internamente na constituição de um ambiente de trabalho saudável e seguro que permita a realização profissional e pessoal dos trabalhadores envolvidos, acreditando que dessa maneira estarão contribuindo para a construção de uma sociedade mais justa. A empresa socialmente responsável buscará participação em associações, sindicatos e fóruns empresariais, elaborando propostas de ações conjuntas que tenham caráter público e social, voltadas para o futuro da sociedade e no seu compromisso formal no combate à corrupção e ao pagamento de propina, assumindo seu papel na construção da cidadania.

Vereador Ricardo Cortes
Cidadão

Presidente do Partido Verde de Ubatuba

Notícias da Prefeitura

Ubatuba presente na Vale Expo Business

Ubatuba participou nos dias 13, 14 e 15 de setembro da Vale Expo Business 2005, realizada em São José dos Campos, um evento empresarial com feira, exposição, palestras e seminário internacional de negócios multisetoriais e contou com a presença de 42 municípios do Codivap, que mostraram seus produtos, serviços e turismo. O município de Ubatuba foi representado pela Secretaria de Turismo, dentro do estande do Circuito Litoral Norte.
O Secretário de Turismo de Ubatuba, Luiz Felipe de Azevedo, avaliou a participação de Ubatuba como mais um grande salto para o turismo da cidade. “Oferecemos o nosso produto turismo dentro do conceito “A melhor temporada é agora”, com várias opções de pacotes em diversos segmentos da cidade”, afirmou Azevedo.
A feira também promoveu o “I Congresso de Recursos Humanos do Cone Leste Paulista”, com palestrantes de nível internacional, além de várias palestras ministradas por profissionais de empresas de referência, como a Embraer e a Cognis. “Os setores de recursos humanos foram segmentos que também tentamos atingir, onde procuramos oferecer para as empresas pacotes promocionais para a baixa temporada em Ubatuba”, explicou o Secretário de Turismo. PMU

“PERDIDA NO TEMPO”

Corsino Aliste Mezquita - Professor*
Li, na Folha, parte do pronunciamento da petista Sra. Dra. Marilena Chauí, Catedrática de Filosofia da Universidade de São Paulo, afirmando que:...”tanto ódio ao PT. Eu sei hoje por quê: é porque nós fomos o principal construtor da democracia neste país”.A frase parece-me injusta e indicativa de que a Senhora Filósofa perdeu-se no tempo. O PT pode ser criado porque os valorosos patriarcas do MDB, OAB, ABI, Comissão de Justiça e Paz da Igreja Católica, Conselho Mundial das Igrejas, autores do “BRASIL: NUNCA MAIS” e tantos outros, criaram as condições para a democratização, a anistia e o pluripartidarismo. Este criando a dispersão de forças contra a qual alertava sabiamente o Dr. Diretas, Ulisses Guimarães.”Não nos dispersemos”.
Resposta às impropriedades da Dra. Marilena Chauí foi dada pelo Dr. Tito Costa, em correspondência encaminhada à Folha de São Paulo e publica no caderno A3 de 15 de setembro de 2005 e que transcrevemos a seguir: “PRETENSÃO E EQUIVOCO” - “O PT ainda não existia quando eclodiram as históricas greves dos metalúrgicos em São Bernardo (1978-1981). Como Prefeito daquela cidade à época (MDB-l977/1982), fiz da prefeitura o quartel geral da resistência contra a perseguição aos grevistas e contra os desmandos do regime militar. Ali, estiveram comigo, em vigília constante, Theotônio Vilella, Fernando Henrique, José Carlos Dias, Orestes Quércia, Mário Covas, Almino Afonso, Fernando Moraes, Montoro e tantos outros para apoiar Lula e os grevistas, enfrentando todos os riscos.
Samuel Wainer, o grande jornalista, escreveu nesta mesma FOLHA que São Bernardo era a capital social do Brasil, a “República de São Bernardo”. Foi nessa época, antes de existir o PT, que houve a luta pela democratização do Brasil, pela abertura política, pelos direitos fundamentais inscritos depois na Carta de l988. Não venha agora dona Marilena Chauí dizer que o PT é odiado por ser o construtor da democracia neste país. É pretensão demasiada, além de equívoco histórico”. (Tito Costa. Ex-prefeito de S. Bernardo e ex-deputado constituinte).
É lamentável que, as paixões políticas, levem nossos intelectuais a perderem o senso de avaliação dos fatos históricos.
Já a citação do grito “NO PASARÁN” de Dolores Ibárruri Gomes - La Pasionária - (1895-1989) parece confirmar que, a filósofa da USP, perdeu a noção do tempo, dos mores ibéricos e nunca ouviu um espanhol castiço cantar: “Carrascas, carrascas que bonita serenata”, com o lugar que lá cabia à La Pasionária. Infelizmente esse lugar não pode ser colocado neste texto, sem ser indelicado.
Felizmente as idéias e as pessoas que La Pasionária afirmava: “NO PASARÁN”, passaram e estão florescentes na atual Espanha democrática, próspera que, depois das agruras criadas pelos encontros ideológicos, soube desenvolver o diálogo intercultural, criar dois partidos sólidos, e permitir alternância no poder sem traumas e conflitos.
Partidários que sempre fomos do diálogo entre culturas, idéias e interesses para conseguir a paz e do respeito ao pluralismo e às diferenças, interpretamos que os supostos radicalismos, da Doutora Marilena Chauí, são desabafos nervosos neste momento de humilhação e tristeza que vive o PT. Entretanto não deve perder-se de vista que a ordem, o progresso, o desenvolvimento, a distribuição de riquezas só serão conseguidos com a união de todas as forças vivas da nação, em clima de honestidade, igualdade, justiça e paz. Nesse sentido e na nossa avaliação, partidos políticos e governantes tem uma grande dívida com a NAÇÃO.
* Ex-secretário da Educação de Ubatuba*
 
Free counter and web stats