sábado, agosto 06, 2005

A insustentável leveza do ser

arquivo

Notícias da Prefeitura

Festa do Bom Jesus na Ilha Anchieta

A Paróquia Exaltação à Santa Cruz e a Comissão Pró-Resgate Histórico da Ilha Anchieta realizam no próximo domindo, dia 7 de agosto, a Festa do Bom Jesus, na Ilha Anchieta. Na programação está prevista a saída às 8 horas da Paróquia com destino ao Píer do Saco da Ribeira, onde a imagem de Bom Jesus é levada novamente até a capela da Ilha. Ás 10 horas, já na Ilha Anchieta, haverá a missa de celebração de Ação de Graças do Senhor Bom Jesus, lembrando o confronto ocorrido entre presos e policiais durante um motim. Após a missa haverá uma confraternização. O evento tem o apoio da Prefeitura de Ubatuba. PMU

Delúbio Soares pede afastamento

O ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares envia ainda hoje à direção do partido uma carta pedindo afastamento por 90 dias. O pedido de afastamento resolveu um impasse dentro da reunião do diretório nacional do PT. Havia duas propostas em discussão: uma pedia a expulsão pura e simples de Delúbio, e a outra queria que o ex-tesoureiro fosse suspenso preventivamente.
A carta de Delúbio afastando-se do partido temporariamente não encerra e não suspende o processo na comissão de ética do partido. Ele deverá depor neste domingo, a partir das 10h, aos membros da comissão de ética, que devem analisar a punição que ele deve ter por estar envolvido em denúncias de irregularidades de "caixa dois" para o financiamento de campanhas eleitorais petistas e compra de votos no Congresso para a sustentação do governo Lula.
O pedido de afastamento de Delúbio foi bastante negociado dentro do PT. Boa parte da ala esquerda do partido queria que Delúbio ou fosse expulso sumariamente ou fosse suspenso cautelarmente enquanto a comissão de ética não conclui o processo que deverá levar à expulsão do ex-tesoureiro.
Mas mesmo nessa ala não havia consenso. O deputado Chico Alencar (PT-RJ) defendeu, logo após a pausa para o almoço na reunião, que Delúbio fosse apenas suspenso. Isso porque, segundo ele, uma expulsão poderia dificultar esclarecimentos no conselho de ética. Segundo Alencar, a execução sumária não é uma boa medida.
- Tem que esclarecer tudo. Se expulso, Delúbio pode desaparecer do partido e não informar adequadamente sobre o esquema. O Delúbio ainda tem um compromisso final com o PT e todos os outros que são acusados de erros - disse Alencar.

Fonte: O Globo - Soraya Aggege e Ricardo Galhardo

Charles solicitou retomada do saneamento

divulgação

Governador Geraldo Alckmin ao lado do vereador Charles Medeiros

Na recente visita do governador Geraldo Alckmin à comunidade da Caçandoca, Charles Medeiros usou da oportunidade para solicitar a retomada das obras de saneamento básico em nosso município. Alckmin, em conversa com Charles e com o prefeito Eduardo César, afirmou que fará novas licitações para que as obras tenham continuidade, pois as considera de estrema importância para nosso município. Aproveitando o ensejo o Governador afirmou que considera Ubatuba um dos mais belos lugares do Mundo.
Os bairros de Ubatuba onde os trabalhos foram iniciados têm grande parte da rede de esgotos pronta, porém faltam as estações elevatórias para fazer o bombeamento para a estação de tratamento.
Ubatuba carece de urgência nas obras de saneamento.“A retomada das obras é um grande desejo da comunidade, e compromisso da Sabesp com o povo e visitantes de Ubatuba”, afirmou Medeiros.
Fonte: Assessoria Charles Medeiros

Edilson Félix em ação

divulgação

Vereador Edílson Félix com a diretoria da Associação dos Caminhoneiros

Edílson Félix Apóia a criação da Associação dos Caminhoneiros de Ubatuba

A Associação dos Caminhoneiros de Ubatuba, criada em 20 de junho de 2005, tem o objetivo de defender os interesses da categoria, buscando maior desenvolvimento, organização e apoio para a classe, dentro e fora do município. Entre as metas da Associação estão a execução de projetos sociais em parceria com órgãos públicos relacionados com o transporte rodoviário de cargas e angariar recursos humanos, materiais e financeiros para atender as necessidades da categoria.
Idéias com um diferencial novo, como criar, desenvolver e angariar investimentos, doações e subvenções para a construção de um espaço para estocagem própria, também fazem parte dos objetivos da nova Associação.
Segundo a Secretária Executiva, Geruza Ribeiro da Rocha, já existem vários contatos para trazer eventos para a nossa cidade, como a festa do caminhoneiro.
O Diretor presidente da nova Associação, José Pereira dos Santos, o Zé Prefeito, explicou que já está sendo providenciada a inscrição da nova entidade na Associação Brasileira dos Caminhoneiros e nos demais órgãos da categoria.
O vereador Edílson Félix, PSC, esteve reunido com a diretoria da nova Associação para apoiar a iniciativa e conhecer as principais reivindicações da categoria. Para Edílson Félix, é importante a organização de todos os setores da sociedade civil, para que suas vozes sejam ouvidas: “Não adianta ficar gritando sozinho. É preciso estar organizado, articulado para alcançar os objetivos”, disse.
A diretoria é formada por José Pereira dos Santos, Diretor Presidente, Carlos Alfredo Rodrigues, vice-presidente, Nelson de Paula Leite, primeiro Tesoureiro, Laércio de Paula Santos, segundo Tesoureiro, Luiz de Oliveira, primeiro Secretário e Jairo Leite Santos, segundo Secretário.
O Conselho Deliberativo é formado por Pedro Machado (presidente) e tem como membros Manoel Ferreira Breves e José Santana.
Em seu jurídico, a Associação dos Caminhoneiros conta com o Dr. Ivair Pinto de Moura.
Para maiores informações, os caminhoneiros de Ubatuba podem procurar a sede provisória da Associação, que está funcionando na Rua Frei Tarcísio Correa, 361 – Ipiranguinha. Os telefones para contato: 3845-3430, 9108-2360 e 3833-7796. O endereço eletrônico é:
acaubatuba@yahoo.com.br.

Edilson Félix acompanha Comissão de Areeiros em São Paulo

Os areeiros de Ubatuba querem a liberação de documentos da Cooperativa. Em apoio à categoria, o vereador Edílson Félix, PSC, no dia 26 de julho, esteve em São Paulo, no Departamento Nacional de Proteção Mineral. Ele foi acompanhando a comissão de trabalho da COOPAREIA formada por José Pereira do Espírito Santo, presidente da Cooperativa, Gerson Florindo de Souza, Jorge Luiz Gomes da Silva, geólogo e a Secretária de Assuntos Externos da Prefeitura de Ubatuba, Denise Martins Silveira.Eles se reuniram com Enzo Luiz Nico Júnior, chefe de Distrito de São Paulo e Mato Grosso do Sul, do DNPM. Já está agendada uma reunião entre o vereador Edílson e os areeiros para este sábado, 06 de agosto, a partir das 3 horas da tarde, na fábrica de blocos do Mane Cipó, no Ipiranguinha. Eles vão discutir os próximos passos da luta pela liberação dos portos de areia.
Fonte: ASCOM

Osmar de Souza em ação

divulgação

Vereadores Osmar, Mico e Jairo ao lado dos vitoriosos atletas do Karatê

Moção de Congratulações

O vereador Osmar de Souza, PFL, entregou, na última sessão de Câmara, dia 2 de agosto, Moção de Congratulações à Associação Nunes de Karatê, orientada pelo professor Antenor Nunes. De acordo com o vereador a Associação representou Ubatuba, em vários torneios, com excelente desempenho, trazendo um número expressivo de medalhas. Os destaques foram os atletas Weider Nunes, Marlúcio Teixeira, Edinaldo de Oliveira e Victor Vital que conquistaram as melhores classificações de campeões e vice-campeões, nas respectivas categorias, nos torneios regionais e estaduais. Osmar considerou ainda, que “o Esporte, tanto quanto a Educação e a Cultura, é um poderoso alicerce para a formação do homem, portanto, deve ser estimulado e reconhecido”.


Vereador Osmar de Souza quer a presença de funcionários no cemitério da Maranduba, nos fins de semana e feriados.

O vereador Osmar de Souza, PFL, encaminhou ao Executivo de Ubatuba pedido de informações sobre a falta de funcionários que prestem serviços no cemitério da Maranduba, nos finais de semana e feriados. De acordo com ele, os moradores têm encontrado dificuldades para enterrar os mortos neste dias em que a Regional Sul não funciona. “Os familiares ficam sem um local de referência, tendo de abrir a cova, eles mesmos, em qualquer lugar do cemitério, como aconteceu no dia 31 de julho, quando os familiares e os amigos de um falecido fizeram todo o trabalho de sepultamento. É uma situação dolorosa e constrangedora para a família que já está sofrendo pela perda”, afirmou Osmar.
O vereador lembrou ainda que o problema é antigo e que já vem de outras gestões. “Além disso, não há iluminação no cemitério e nas imediações, o que dificulta ainda mais o trabalho das famílias”, explicou.
Para facilitar a vida dos moradores, no momento, Osmar de Souza sugere que, nos fins de semana e feriados, seja afixado na porta da Regional, ou na Unidade Mista de Saúde, vizinha da Regional, o nome, o telefone e o endereço de algum responsável pelo setor.
Fonte: ASCOM

Exposições no espaço da Setur

divulgação

Motocicletas clássicas. Vá ver a exposição. Quem nunca desejou ter uma?

Carlos Rizzo
Os artistas que normalmente participam das exposições temáticas da Secretaria de Turismo estão com diversas exposições para cumprirem este mês, diante disso solicitaram que se fizesse a mudança do tema que era “Paz de Iperoig” para “Paisagens”.
Mesmo assim, a Setur conseguiu inovar mais uma vez. Junto com a exposição dos artistas teremos a exposição das motocicletas clássicas que compõe o acervo do colecionador Silvinho Brandão.
Estão expostas seis motos com mais de vinte anos e com suas características originais mantidas desde a mecânica até a ciclística. Temos uma DT 180 Yamaha 1985, preparada para trilha; RD 350 Yamaha, 1974, também conhecida como viúva negra pela velocidade incompatível com seu sistema de freios; Suzuki GT380, 1974, com 3 cilindros e admirada pelo barulho inconfundível do motor; GT50 Yamaha, mini enduro 1976, a coqueluche dos colecionadores; TY 125 Yamaha, 1974 no Brasil só existem dois exemplares desse modelo e uma RX 80 Yamaha 1980.
A exposição tem atraído muitas pessoas para o Centro de Informações na Av. Iperoig desde o simples curioso aos fanáticos, do morador ao turista, é constante a admiração que as máquinas provocam.
As motos ficarão expostas até o começo de setembro, vale a pena visitar.

Luciana Machado em ação

divulgação

A vereadora Luciana Machado ladeada pelos voluntários homenageados

Comissários voluntários recebem homenagem da vereadora Luciana Machado

A vereadora Luciana Machado, PDT, prestou homenagem aos comissários de menores que, voluntariamente, cuidam das crianças e adolescentes abandonados, que ficam dia e noite nas ruas, ou em estabelecimentos comerciais de Ubatuba. De acordo com a vereadora, os voluntários dedicam parte de seu tempo para atender os menores, dando apoio, orientação e encaminhando e, com isso, prestam serviços não só para as crianças, como para os familiares e toda a sociedade. Luciana entregou Moção de Congratulações aos comissários voluntários, Luiz Carlos Castilho Júnior, Newton Sérgio de Oliveira, Ângela Maria Faria, César Augusto Prates, Moacir dos Santos, Adão Alves Coelho, Durval Moassab e José Marcos de Brito Oliveira.


Cursos de bordado e tricô para geração de renda. Uma promoção da Associação de Mulheres de Ubatuba com o apoio da vereadora Luciana Machado.

Com o objetivo de melhorar a renda das famílias de Ubatuba, a Associação de Mulheres do Município promove cursos de bordado e tricô, gratuitamente, entre os dias 20 e 27 de agosto e 3 e 10 de setembro, das duas às quatro horas da tarde, na Escola Idalina do Amaral Graça, no Ipiranguinha. As interessadas podem pedir informações pelo telefone 3833-4625, ou ir até a sede da Associação, à rua Raoni, número 74.
A iniciativa conta com o total apoio da vereadora Luciana Machado, PDT, que sempre incentivou as Associações comunitárias e de classe. Para Luciana, qualquer trabalho feito em conjunto tem mais força e facilidade para se obter bons resultados.

Fonte: ASCOM

Notícias da Prefeitura

divulgação

A cantora gospel Ludmila Ferber será a principal atração do Festival da Paz

Ludmila Ferber é a grande atração do Festival da Paz de Ubatuba

O Festival da Paz de Ubatuba, que será realizado na avenida Iperoig, de 11 a 13 de agosto promete agradar a todos.Reunindo o que há de melhor na música gospel e no artesanato e culinária caiçara, o evento deverá trazer visitantes do Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira e Sul de Minas.
A culinária de todas as regiões de Ubatuba estará representada: Camarão, banana e mandioca, em combinações típicas do Norte do município. Os pratos de mexilhão e a culinária quilombola vêm da Região Sul, enquanto o Centro e a região Oeste da cidade, trazem delícias feitas com gengibre e a tainha. O artesanato fica por conta dos índios da Aldeia Guarani e os artesãos, mestres em esculpir madeira, da Casanga.
A música terá no dia 11 os grupos de louvor das Igrejas Nova Aliança e Videira. No dia 12 a Pastora Ludmila Ferber é a atração do evento. No dia 13 o encerramento da festa ficará a cargo do Ministério Vento do Espírito, da Igreja Ágape e grupo de louvor da Igreja Beulah.

Ludmila Ferber - O nome Ludmila Ferber não pode ser traduzido apenas como "cantora gospel", vai bem além disso. Respeitada por líderes não só do Brasil, como também de diversos países, a Pastora Ludmila Ferber tem sido, carinhosamente apelidada por alguns destes líderes como "a profetiza que canta". Esta tem sido uma marca que a cada dia se evidencia mais em seu ministério. Ludmila é Pastora-presidente juntamente com seu marido, Pr. José Antônio Lino, da Igreja Celular Internacional, em Copacabana - RJ
Compositora de fortes canções de cunho profético como, "Sopra Espírito", "Os Sonhos de Deus", "Faz Chover", "Ouça e tome posse”, “Unção sem limites”, canções estas que têm sido instrumento de Deus para ganhar, curar, libertar e restaurar vidas, Pra. Ludmila também tem compartilhado com o povo de Deus o que antes era cantado apenas em suas tão preciosas madrugadas.
Em 1996, gravou seu primeiro CD solo, Marcas. Em 1998, gravou o CD "O Verdadeiro Amor", e em 1999 "Deus é bom Demais”.
Dando início a uma nova fase em sua vida, em outubro de 2001 nasce o Ministério Adoração Profética, tendo como marca inicial o primeiro CD da série Adoração Profética (Os sonhos de Deus, Unção sem limites e Tempo de cura). Em abril de 2002, iniciou-se mais uma série, Para Orar e Adorar (O coração de quem adora, O segredo de ser feliz, Ouço Deus me chamar, 24 horas por dia). Ludmila lançou também o CD Uma Estória, Uma Estrada, Uma Vida - álbum comemorativo dos 10 Anos de Louvor e Adoração de carreira. PMU

sexta-feira, agosto 05, 2005

CPI dos Correios

Relator da CPI diz que Jefferson operava corrupção nos Correios

O relator da CPI dos Correios, Osmar Serraglio (PMDB-PR), disse hoje já estar convencido de que o deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) operava um esquema de corrupção nos Correios.
Apesar da convicção, o deputado argumentou que suas conclusões precisam da anuência dos demais integrantes da comissão parlamentar de inquérito. 'Eu até poderia dizer que tenho convicção, mas não acho adequado me manifestar num momento como este', afirmou. 'Estamos num juízo político, mas temos de submetê-lo ao plenário', acrescentou.
Jefferson, em depoimento à CPI e ao Conselho de Ética, negou que participasse do esquema e disse ter se encontrado com Marinho apenas em duas ocasiões, tese referendada pelo ex-funcionário dos Correios.
(Leia na íntegra)

Em homenagem a Silvinho Land Rover

Deliciosa história publicada ontem pelo jornal "O Estado de São Paulo" na sua primeira edição. Nas edições seguintes foi retirada.

"As 23 moças eram muito formosas e atraentes, atesta quem as viu naquela tarde/noite de outubro de 2003, uma terça-feira, pegando um vôo de fim de tarde, em Congonhas, no rumo de Brasília. Ao desembarcarem na capital, o séquito de belas podia parecer uma matilha de modelos a caminho de um desfile de modas; mas não pareceu. Tanto foi assim que o condutor das moças, incomodado com a atenção que elas atraíam no aeroporto, tentou levá-las rapidamente para o micro-ônibus fretado.
No caminho, o grupo se encontrou com o advogado Antônio Carlos Almeida Castro, o Kakay, amigo dileto do então poderoso ministro José Dirceu. Contam que um constrangido Kakay cumprimentou uma por uma e, ao final, bateu em retirada.
As moças foram conduzidas à suíte presidencial do Hotel Gran Bittar, como a principal atração de uma comemoração especial em homenagem ao então secretário-geral do PT, Silvio Pereira.
A festa tinha dois estilos, cada uma delas postado num andar da suíte presidencial.
No andar de baixo, o 13º do hotel, funcionava a festa light, que contava, inclusive, com a presença de circunspectas petistas do sexo feminino, onde eram servidos drinques e se falava de poder, de política e do partido; no de cima, a cobertura do prédio, rolava a festa heavy, com as 23 formosas e atraentes moças, indicadas pelos gêmeos Gustavo e Flávio, que se notabilizaram no programa Casa dos Artistas, do SBT. Na porta da escada para o 14º andar, um segurança filtrava quem podia passar.
A festa ameaçava ir bem mais longe do que prometia uma modorrenta terça-feira brasiliense. O formalismo do 13º andar foi quebrado repentinamente pelo toque do telefone celular do homenageado, o então secretário-geral Silvio Pereira. Era um chamado urgente do 4º andar do Palácio do Planalto. "O ministro vai falar", disse a secretária. Quem estava perto de Silvio não ouviu a parte de lá do curto diálogo, mas conta que o interlocutor gritava e que o secretário ficou roxo.
Incontinenti, Silvinho pegou pelo braço o então tesoureiro Delúbio Soares, obrigou-o a deixar o charuto Cohiba no primeiro cinzeiro, e voou com ele da festa, elevador abaixo. Para eles, a festa, mal começada, chegava ao fim. A versão "de dentro" conta que, tão logo constatou a presença das formosas e atraentes 23 convidadas, Kakay dedurou tudo a quem de direito. E "quem de direito" ligou para Delúbio e pôs o trem nos trilhos: "Saiam daí já, seus malucos".
Fonte: Blog do Noblat

O povo não odeia Lula

Não há como comparar a crise de hoje com aquela que tirou o poder das mãos de Fernando Collor de Mello. A diferença pode ser encontrada nos ensinamentos de Maquiavel, que Collor seguramente leu, mas esqueceu. Ou não levou a sério. Collor fez o que nenhum governante deve fazer. Isto é nenhum governante onde há alternância de poder. Fidel Castro pode fazer o que quiser. Se alguém reclamar ele prende ou mata e José Dirceu e Frei Betto aplaudem. Collor praticou a maior das heresias. Mexeu na propriedade. Invadiu a privacidade dos cidadãos, tocou na parte mais sensível do corpo humano. O bolso. Collor confiou. Deu ouvidos à tresloucada ministra Zélia Cardoso de Mello e seus assessores esquisitos. Um deles, gringo, começou um discurso na televisão falando “nas critérias” para confiscar os trocados do povo. Zélia e seus maluquetes tiraram a esperança de gente pobre, sofrida. O dinheiro dos ricos deram um jeito de devolver. O povo, como bem sabe a Rede Globo, não é bobo, nunca esqueceu e quando teve chance foi às ruas e mandou Collor para o ostracismo, lugar de onde jamais sairá. Lula nunca tocou na grana do povão, portanto não é odiado, a massa não o tem como inimigo. O que acontece nas CPIs foge ao entendimento da maioria dos brasileiros. Por isso não acredito que haverá movimentos como o dos caras pintadas. Mudando um pouco, mas sem mudar o foco. Situação de inimizade eterna é aquela que pode ser encontrada no núcleo do PT. Talvez fosse melhor falar em ódio visceral. Tarso Genro jamais esqueceu o que fizeram com a sua filha, expulsa, ou melhor, escorraçada do partido. Chegou a hora de comer o prato que se degusta frio. Vingança. Delúbio, Silvinho, Genoino e Dirceu sabem do que estou falando. Eles conhecem Tarso Genro muito bem. Não haverá perdão.

Sidney Borges

Quanto mesmo?

A Polícia Civil do DF investiga há muito a cafetina Jeany Mary Córner. Sabe que ela mora na SCLN 202, a mesma quadra de muitos deputados, tem seus telefones, as placas dos seus quatro carros e suspeita que ela alicia até adolescentes. O valor do programa varia entre R$ 1,5 mil e R$ 2 mil. Há aqui uma controvérsia. Esta nota saiu na coluna de Cláudio “Bateu Levou” Humberto, jornalista collorido. Ontem, outro site, também de um jornalista, afirmava que os programas variam de R$ 200 a R$ 500. Fica, portanto, no ar a pergunta. Quanto custa uma bimbadinha por fora no Planalto Central do país? Com os dólares saltando das cuecas petistas, Cláudio Humberto deve estar mais próximo da verdade. Estão inflacionando o amor caixa dois. O caso é grave. Merece uma CPI.

Sidney Borges

No andar da carruagem...

Se a coisa continuar do jeito que vai, nos comícios vindouros o presidente Lula usará da sensual voz rouca para sensibilizar e entreter o povo. Cantará, com dó de peito, o velho hit do companheiro Teixeirinha, com acompanhamento de Gilberto Gil ao violão.
"Vinha vindo da escola, quando de longe avistei, o rancho em que nóis morava, cheio de gente encontrei, e antes que alguém me dissesse eu logo imaginei, que o caso era de morte da mãezinha que eu amei".
Até o frio Tarso Genro verterá uma furtiva lágrima.

Sidney Borges

Que saco!

web

Jefferson nega evidências e se contradiz

Ao negar mais vez que o PTB tenha recebido mesadas do PT em troca de votos, o deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) não convenceu durante seu depoimento ontem na CPI do Mensalão. Ele confirmou a denúncia de que dirigentes do PL e do PP receberam dinheiro do ex-tesoureiro Delúbio Soares, por intermédio do empresário Marcos Valério, como forma de manter a aliança com o governo. Já sobre o PTB, Jefferson admitiu que o partido recebeu recursos, mas afirmou que se destinavam a outro fim: pagar dívidas de campanha, exatamente o mesmo discurso usado por quase todos os acusados de receber dinheiro de Valério. Jefferson entrou em contradição várias vezes.
Fonte: Globo Online

A espera e a doação

Cristovam Buarque*
Graças à sua biografia e à história do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva teve a rara chance de ser o presidente capaz de pedir aos ricos que doassem e aos pobres que esperassem. Sua credibilidade entre a população pobre lhe dava o direito de pedir paciência nas mudanças. E a força com que chegou lhe permitia cobrar dos ricos que aceitassem as mudanças.

Mas a chance foi perdida. Aos pobres, a oferta foi de administrar melhor e de forma assistencial os programas antigos; aos ricos, de manter os privilégios intactos. Foi uma chance perdida, sobretudo pela história do Brasil. Dificilmente teremos um momento histórico mais favorável e um presidente mais habilitado para promover um encontro de diversas classes para construir a Nação.

Lamentavelmente, um fator impediu que isso acontecesse: Lula e o PT nunca explicitaram um projeto de Nação. Partido e líder se formaram a partir de uma visão corporativa que divide o país em pedaços, a serem atendidos separadamente. Nunca perceberam que a Nação é um ente diferente de uma soma de suas partes, e que nos momentos de crise é preciso reorientar o destino nacional com um projeto transformador. Essa é a diferença entre a Bolsa-Escola e a Bolsa Família. A primeira ajuda a reorientar o destino nacional pela educação, a outra ajuda no presente as famílias que a recebem.

No governo, Lula e o PT não perceberam que a doação de uns e a espera de outros trariam ganhos a todos. Transferir recursos dos que têm para investir nos serviços necessários aos que não têm teria como o resultado um Brasil melhor para todos. Essa é uma grande diferença entre o estadismo e o sindicalismo.

Pena que Lula e a equipe que ele manteve ao seu redor não conseguiram ver o Brasil na sua totalidade, nem perceberam seu papel de reorientar o destino nacional. Não tinham um cenário de para onde queriam e poderiam levar o País; não quiseram ou não souberam pedir paciência aos pobres nem doação aos beneficiados pela política fiscal e orçamentária. Ao contrário, pediram que o povo comemorasse a pequena esmola dos programas assistenciais, e comemoraram com os ricos as vantagens não perdidas, ao contrário do que se dizia durante as eleições.

Além de não perceberem a necessidade de um projeto para reorientar o futuro do País, o PT e o governo foram corrompidos pelas facilidades do marketing na manipulação da opinião pública. E acreditaram que, no governo, isso funcionaria durante quatro anos. E depois mais por mais quatro, até eleger o sucessor.

Não podia dar certo, e assim alertaram várias pessoas, diversas vezes, algumas do próprio governo, mas fora do núcleo central. Os escândalos de corrupção são parte de um jogo de política superficial, retratam a arrogância do publicitário que passa a acreditar na veracidade da publicidade que faz.

O pior é que toda vez que surgiram problemas, causados pelo descompasso entre realidade e imagem, chamaram o marqueteiro para ajustar a imagem, em vez de mudarem a realidade de erros e omissões do governo.

Até que ficou tarde. O político Lula pode até continuar popular, ser reeleito e bem-sucedido até o final de um segundo mandato, perpetuando a omissão, evitando a mudança. Mas acabou o líder que poderia mudar o Brasil, capaz de fazer o País obedecer sem usar nenhum autoritarismo, e de reorientar o nosso destino. Ele abandonou a espera e a doação. Preferiu a encenação à transformação, ficar na esquina que herdou, em vez de nos conduzir no caminho da mudança, como todos esperavam.

* Cristovam Buarque é professor da Universidade de Brasília e Senador pelo PT/DF
cristovam@senador.gov.br
www.cristovam.com.br

“OBVIEDADES HISTÓRICAS E ATUAIS”

Corsino Aliste Mezquita - Professor*
Caderno especial, publicado pela Folha de São Paulo, no dia primeiro de agosto passado, sob o título: “7 SOLUÇÕES PARA A ESCOLA PÚBLICA”, pode representar caminho orientador para governantes e administradores sérios, nos três níveis de governo (União, Estados e Municípios). São sete tópicos óbvios que conduzem ao mapa da mina e aportam informações interessantes para tirar a educação das carências em que se encontra na maior parte dos municípios do país.
Será promissor se os governantes e responsáveis pela educação lerem o documento e tenham força e disposição para colocar seus ensinamentos em prática.
A seguir enunciamos as sete soluções e garimpamos algumas idéias em cada um desses princípios básicos apresentados por 24 especialistas em educação.

1- FINANCIAMENTO.
“Para garantir qualidade à escola pública, seria preciso um investimento de 8% do PIB, diz estudo; o gasto atual é de 4,3%”.
O gasto atual é insuficiente e mal aplicado. É necessário aplicar mais e melhor. As Secretarias de Educação de Estados e Municípios não podem continuar gastando recursos da educação com programas que não atendem as necessidades do aluno, na escola, e que desviam os recursos para outros investimentos comunitários que, mesmo sendo importantes, nada tem a ver com os processos educacionais. Essa dispersão costuma dizimar a educação, deixando as escolas sem condições mínimas para atender suas funções fundamentais.

2 - GOVERNO.
“Criar políticas de longo prazo e dar continuidade por muitas gestões”.
As metas do Plano Decenal Nacional de Educação e dos planos estaduais e municipais devem ser seguidas e suas diretrizes cumpridas. Infelizmente esses planos estão esquecidos tanto em nível de União como em boa parte dos Estados e Municípios. Dois terços dos especialistas consultados pela Folha dizem que a educação é um processo que precisa da manutenção de metas. É necessário acabar com a tradição “novidadeira” que tem infelicitado a educação brasileira no transcorrer de nossa história.

3 - PROFESSORES.
“Capacitar continuamente e avaliar o desempenho dos professores”.
Mais de 40%, dos docentes, da Rede Pública de Ensino Básico, não tem curso superior.
A formação continuada ajuda o professor a ter práticas de ensino mais eficientes e a manter-se atualizado, mas não basta apenas capacitar o professor. Para termos qualidade de ensino o professor deverá ser valorizado, tanto nos níveis salariais, quanto no respeito social. Propiciar-lhe boas condições de trabalho, equipamentos e materiais suficientes, apoio nas práticas pedagógicas e integração na equipe com tratamento respeitoso são ações necessárias. Não teremos qualidade educacional com os professores isolados, desprestigiados, tratados como coisa e desamparados.

4 - ENSINO.
“Melhorar a base do aprendizado para avançar com qualidade”.
Ensino fundamental e bem aplicado evita a evasão, fortalece o nível médio e democratiza a universidade. A universalização do ensino básico, com qualidade, é fundamental. Educação de massa e qualidade não são termos opostos.

5 - PAIS E SOCIEDADE.
“Envolver os pais e a comunidade na gestão da escola pública”.
“Sem a participação das famílias de classe média o ensino público não vai melhorar, afirmam especialistas”.
A escola não pode fechar as portas aos pais.Infelizmente na maior parte das escolas públicas a presença dos pais só é solicitada quando o aluno tem problemas.

6 - AS ESCOLAS.
“Melhorar infra-estrutura e adequar os espaços escolares à aprendizagem”.
Dados revelam falhas na construção e manutenção escolar; especialistas mencionam degradação e salas superlotadas.
As escolas deverão possuir espaços adequados para fornecer alimentação balanceada aos alunos durante os períodos que se encontra na escola. “A merenda é necessária porque falta qualidade na alimentação da população de baixa renda”.
A qualidade dos prédios, da merenda, dos equipamentos e das práticas pedagógicas são estímulos ao desenvolvimento da auto-estima do aluno e favorecem a disciplina e a conservação da escola.

7 - MÉTODOS.
“Adaptar pedagogia ao aluno do século 21”.
Adequar os métodos pedagógicos à era digital é imperativo e desafio da educação brasileira. Direção e professores deverão usar a criatividade para superar as carências existentes na maior parte das escolas públicas brasileiras e adaptar as práticas pedagógicas à superação dos problemas existentes no ambiente social e econômico que vivencia o aluno.

O estudo também analisa experiências bem sucedidas e alguns problemas que dificultam o trabalho, na escola pública, e seu bom funcionamento.
Administradores da educação, diretores de escola e professores podem encontrar nas: “7 SOLUÇÕES PARA A ESCOLA PÚBLICA”, elementos para reflexão e orientações profissionais.

* Ex-secretário da Educação de Ubatuba

Notícias da Prefeitura

Lendas do surf deslizam nas ondas de Itamambuca

Torneio reúne principais nomes do esporte das décadas de 80 e 90

A Praia de Itamambuca recebe neste final de semana, 6 e 7, o 1º Campeonato Brasileiro Profissional Master. O evento acontece em comemoração aos 18 anos da ABRASP (Associação Brasileira de Surf Profissional), e reunirá os surfistas que mais brilharam no país nas décadas de 80 e 90.
As categorias em jogo são Master (64 vagas, para nascidos até 1970), com premiação de R$ 20 mil e Gran Master (32 vagas, para nascidos até 1964), distribuindo R$ 5 mil.
Ubatuba estará representada na competição com atletas que podem levar o título: Tadeu Pereira, Ricardo Toledo e Sílvio Nomura na categoria Master e Zecão na Gran Master.
Ricardo Toledo é o atual campeão paulista open e também passa seus segredos para os alunos da Escolinha Municipal de Surf de Ubatuba. Ricardo estréia no torneio disputando a segunda bateria, enfrentando Zé Paulo, Piola e Rafael Neto.
Tadeu Pereira, que ocupa atualmente a 33ª posição do ranking do Supersurf (Campeonato Brasileiro Profissional), cai na água na quinta bateria, enfrentando Carlos Burle, Paulo Zulu e Picuruta Salazar. “Sei que a bateria é difícil. O Burle se especializou em ondas grandes e o Picuruta manda bem no longboard, mas vamos definir mesmo é nos vinte minutos da bateria”, analisa Tadeu.
Zecão é o atual campeão ubatubense Master, e acha que o evento é, além de tudo, uma grande homenagem. "Eles estão demonstrando um grande respeito e reconhecimento com a galera que começou tudo isso. É uma bela e inteligente atitude, estão todos de parabéns", disse Zecão, que faz sua estréia no torneio na sétima bateria do Gran Master, enfrentando Luis Neguinho, Paulo Rabelo e Luis Feio.
O evento começa no sábado às 8h, no canto direito da Praia de Itamambuca.

Reabertura

Como a Fênix, que renasce das cinzas, a Escolinha de Surf do Zecão será reinaugurada neste sábado, 6. Após ter sofrido um incêndio em fevereiro, onde todos os equipamentos foram perdidos, a Escolinha reabre com força total, pois mesmo sem sede, os garotos tem demonstrado garra, tanto que voltaram com a terceira colocação da segunda etapa do campeonato paulista de escolinhas.

Prefeito na prancha

A reinauguração contará com a presença do prefeito Eduardo César, que fará uma aula com os garotos. O 1.o Campeonato Brasileiro Profissional Master tem a organização: ABRASP (Associação Brasileira de Surf Profissional) e patrocínio da South to South. Apoio: Prefeitura de Ubatuba, Associação Ubatuba de Surf, Sky Artes Gráficas, Adina, Sticle. Divulgação: Revista Hardcore, Alma Surf e Jornal Drop. PMU
Ubatuba recebe Jogos Regionais da APECEF

Ubatuba será sede dos Jogos Regionais da Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal de 25 a 28 deste mês. O Secretário de Esporte e Lazer, Bittencourt Jr. recebeu nesta quarta-feira, 3, uma comissão que cuida dos últimos preparativos para o evento, que deve trazer cerca de 650 pessoas (400 atletas), dos quatro estados da Região Sudeste a Ubatuba.
“Ficamos lisonjeados com a escolha de Ubatuba para sediar os jogos e daremos todo o apoio necessário para garantir o sucesso do torneio”, disse Bittencourt.
Serão treze modalidades em disputa e os jogos acontecerão no Tubão, Piscina Municipal, Praia Grande e Taquaral. A prova pedestre será realizada na orla, entra a Praia do Cruzeiro e o Itaguá. Outras reuniões devem acontecer nos próximos dias para acertar os últimos detalhes do evento. PMU
Campeonato da categoria Dentinho começa neste sábado em Ubatuba

A bola rola pra valer neste sábado, 6, para a primeira rodada do campeonato da Escolinha Municipal Rubens Salles categoria Dentinho (93/94/95).
O torneio movimenta cerca de 380 alunos da escolinha municipal e a primeira fase termina no dia 1º de outubro. Os dois melhores colocados de cada grupo passam à semifinal.
Os jogos da chave “A” acontecem no estádio Municipal Ciccillo Matarazzo, à partir das 10h: Chaveiro Ligeirinho X Pousada Paradise, Casa Globo X Ubadesklimp, Kutelak X Ismael Comida Caseira, Porto Marina X Quiosque Pica Pau.
A primeira rodada da chave “B” acontece no Horto, à partir das 9 h. com os jogos: O Madeireiro X Restaurante Baleia Branca, Papelaria do Estudante X Calçados Fernandes, Mercado 24 Horas X Smidi Calçados. A Secretaria de Esporte e Lazer colocará um ônibus à disposição dos jogadores e familiares para as partidas que acontecerão no campo do Horto. A saída do ônibus está marcada para as 8h em frente ao ginásio de Esportes Tubão. PMU
Prefeitura no Bairro chega ao Perequê Açu neste sábado

O Perequê Açu é o terceiro bairro visitado pela ação conjunta das Secretarias Municipais de Ubatuba

O bairro do Perequê Açu recebe o programa “Prefeitura no Bairro” no Terminal Turístico, neste final de semana. O “Prefeitura no Bairro” é uma ação conjunta de todas as secretarias municipais de Ubatuba, que busca um contato mais próximo da Administração com a comunidade e já esteve no Perequê Mirim e Estufa II.
Neste sábado, dia 6, a diversão fica por conta da exibição do filme “Sherk 2”.O filme recebeu duas indicações ao Oscar, nas categorias de Melhor Filme de Animação e Melhor Canção Original. A sessão de cinema está marcada para as 17h30.
No domingo, dia 7, a partir das 9h, diversas secretarias estarão em contato com a comunidade, apresentando trabalhos e prestando serviços à população.
Um dos destaques do Prefeitura no Bairro tem sido as hortas suspensas apresentadas pela Secretaria de Agricultura Pesca e Abastecimento (SMAPA). Ideal para quem tem pouco espaço disponível. A técnica desenvolvida dispensa a necessidade de canteiros de terra, embora não dispense o uso da terra. As hortas suspensas permitem que famílias produzam suas próprias hortaliças com economia, higiene e satisfação, pois, além de tudo, trata-se de uma atividade saudável onde todos são beneficiados, pois não há utilização de agrotóxicos.
Os técnicos da SMAPA darão dicas de montagem e cuidados para os interessados em ter uma horta suspensa, alem de outras informações nas áreas de pesca e maricultura.
Outra atração do final de semana é a brinquedoteca, montada pela Secretaria de Educação em parceria com o Fundo Social de Solidariedade. A brinquedoteca é uma oficina com tendas de interesses diversos, para crianças de 2 a 12 anos. Dez profissionais estarão trabalhando na monitoração, acompanhamento pedagógico, manutenção dos brinquedos e desenvolvimento de atividades.
A Banda Lira Padre Anchieta fará a trilha sonora do evento que terá ainda teatro, exposição de artes, orientação médica, corte de cabelo gratuito e atividades esportivas e recreativas, entre outros serviços.

Programação Prefeitura no Bairro Perequê Açu

Sábado 6/8
Cinema - Sherk 2, desenho animado, que conta a continuação a história do Ogro que se casou com uma princesa. Agora Shrek vai conhecer a família da esposa, com momentos que vão garantir boas gargalhadas a crianças, jovens e adultos. O filme será apresentado à partir das 17h30

Domingo 7/8 – 9h
Fundart
Malabarismo, teatro, palhaço Pebolim, artes plásticas – exposição de obras e artistas pintando no local
Lira Padre Anchieta

Educação
Casa do Brinquedo, atividades de desenho e sala de jogos.

Saúde
Aferição de pressão arterial, avaliação de Índice de Massa Corpórea (IMC), testes de glicemia
Prestação de orientação médica e enfermagem, exposição de ações desenvolvidas pelo PSF

Agricultura, Pesca e Abastecimento,
Palestra sobre Nutrição Funcional, hortas caseiras suspensas, informações técnicas na área agrícola, pesqueira e maricultura.

Meio Ambiente
Exposição dos programas “Adote o Verde” e “Esporte na Praça”.

Assistência Social
Segunda via de documentos, como RG, Certidão de Nascimento e Antecedentes Criminais, corte de cabelo gratuito

Esporte e Lazer
“Recreando em Seu Bairro”, com diversas atividades esportivas e recreativas. PMU
CIPA da Prefeitura de Ubatuba tem novos membros

A CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) apurou na última quarta-feira, 3, o resultado da eleição ocorrida na terça-feira, durante todo o dia na Prefeitura de Ubatuba. Foram eleitos quatro titulares e quatro suplentes, sendo o resultado o seguinte: 1º Elizabeth Teixeira Leite Isnard Santos ( Professora Beth (Ex-APAE) ), com 546 votos, 2º Vitalina Maria de Arruda (Vitalina), com 110 votos, 3º Manoel Gomes Barbosa (Baixinho Lavador), com 88 votos, 4º Ana Rita dos Passos Silva Amaral ( Ana Rita Guarda Municipal), com 83 votos, que elegeram-se como titulares a membros da CIPA. Como suplentes, elegeram-se: 5º Cristiane Gonçalves Reis Santos ( Cristiane - Almoxarifado), com 79 votos, 6º Almendes Ernesto Alves (Almendes Quito), com 75 votos, 7º Francisco Carlos Messias (Chico Eletricista), com 39 votos, 8º Marcello Siegfried Sandvoss (Marcello do Trânsito), com 21 votos. Dos 1068 votos, 1041 foram válidos, 13 votos em branco e 14 votos nulos. A apuração ocorreu na sede da Secretaria de Educação.
O papel da CIPA é identificar os riscos no processo de trabalho, contando com a participação do maior número de funcionários e, a partir daí, elaborar um plano de trabalho focado na prevenção. “O servidor trabalha em benefício dos demais, desempenha o importante papel da prevenção que, muitas vezes, elimina a necessidade de remediar”, avaliou George Azevedo, presidente da Comissão Eleitoral Especial para escolha dos representantes na CIPA. PMU
Guarda Municipal localiza suspeito de furto

No dia 1º de agosto o funcionário público aposentado O.P.M. solicitou apoio da Guarda Municipal para ajudá-lo na detenção de um indivíduo que havia lhe passado vários cheques sem fundo. Os guardas municipais Vanderlei Conrado de Oliveira e Osiel Hecher, em investigações, localizaram V.L.S.D., funcionária pública municipal, que alegou ter sido vítima de furto, onde foram levados alguns objetos e um talão de cheques do Banco Banespa.
Ainda durante as investigações, os guardas municipais chegaram ao indivíduo C.S.A., morador do Perequê-Açu, onde apreenderam com o mesmo três folhas de cheques com valores variados e com numeração seqüencial do talão furtado de V.L.S.D., além de vários cartuchos calibre 38 e diversos objetos de procedência duvidosa.O mesmo foi conduzido à Delegacia de Polícia onde a autoridade de plantão lavrou auto de prisão em flagrante por estelionato, receptação e posse de material explosivo. C.S.A. já possui várias passagens por órgãos policiais, sendo 11 por estelionato e um por furto. PMU
Centro Cultural do Ipiranguinha tem obras reiniciadas

Após um ano de paralisação, o Centro Cultural do Ipiranguinha teve suas obras reiniciadas. O trabalho se deve a uma parceria entre a Prefeitura de Ubatuba, SABI Ipiranguinha, AMOPAM, MDM Marafunda, vereador Claudinho Gulli, Igreja Católica e funcionários municipais da Secretaria de Obras. O Centro Cultural é constituído por um palco de eventos na parte superior e abaixo funcionará a cantina da Igreja Nossa Senhora de Fátima e está localizado na praça Madre Sophia. “Trata-se de uma reivindicação antiga da comunidade e que agora, graças a essa parceria com as associações, com a Igreja e com o vereador, está sendo possível levar essa obra adiante”, lembra o prefeito Eduardo César. PMU
Caso Alvelino
Juíza quer ouvir envolvidos antes de conceder liminar

Prefeitura pede também que inquérito policial passe a ser tramitado em Ubatuba

Foi publicado nesta quinta-feira, 4, no Diário Oficial do Estado, a decisão da juíza Ana Lia Beall, da 2ª Vara Cível de Ubatuba, sobre o pedido de liminar da ação civil pública ajuizado pela Prefeitura de Ubatuba sobre o caso envolvendo o desvio de quase R$700 mil dos cofres municipais supostamente pelo ex-funcionário Alvelino Almeida da Cruz Júnior. Diz o texto da juíza: “antes de apreciar o pedido de liminar, determino a notificação dos requeridos para apresentação de manifestação por escrito, no prazo de quinze dias”.
Isso significa que o pedido feito pela prefeitura de quebra do sigilo bancário dos envolvidos (Alvelino Almeida da Cruz Nunior, Carolina Mikie Suguimoto, Adriana Almeida de Moura, Raquel Almeida dos Santos, Maria das Graças dos Santos e Auto Clean Litoral norte Serviços Automotivos Ltda Me) somente será apreciado pela juíza após a manifestação dos mesmos, o que causa estranheza, pois Alvelino sequer está sendo encontrado no munícipio.

Medida cautelar

Anteriomente a essa ação civil pública, a Prefeitura, tão logo tomou conhecimento dos fatos, entrou com uma medida cautelar pedindo o bloqueio dos bens dos supostos envolvidos assim como a expedição de ofícios a todas as intituições financeiras locais e ao Banco Central, pedindo informações sobre a existência de contas bancárias ou investimento em nome dos envolvidos. Também pediu que se oficiasse o Detran/SP indagando sobre a existência passada e presente de veículos em nome dos Requeridos, da Empresa e dos sócios, determinando também os bloqueios dos mesmos; e também a expedição de ofício à Delegacia da Receita Federal para que apresentasse as cinco últimas declarações de imposto de renda da co-requerida Adriana, da Empresa Auto Clean e de suas representantes.

Polícia Civil

A Secretaria de Assuntos Jurídicos da Prefeitura fez também, na tarde de ontem, 3, um pedido à Delegacia Seccional de São Sebastião, para que o inquérito policial passa a ser conduzido pela Delegacia de Ubatuba, já que os fatos aconteceram nesta cidade e todos os envolvidos nela residem. “Essa medida irá facilitar a instrução do procedimento”, lembra o advogado Emerson Vilela. PMU

Paulo Ramos e a Justiça

O ex-prefeito de Ubatuba, Paulo Ramos de Oliveira, que pretende ser candidato a deputado estadual, terá contratempos pela proa. Maus ventos. O Tribunal de Justiça manteve suspensos por cinco anos seus direitos políticos. Paulo foi condenado por improbidade administrativa ao contratar empresas sem licitação em 96. Como sempre cabem recursos, tentou anular a sentença. Os desembargadores julgaram improcedentes os recursos impetrados pelo ex-prefeito. O processo tem origem na contratação sem licitação das empresas Incresco e Asplan, com a finalidade de executar 540 mil metros quadrados de obras, além de 70 quilômetros de pavimentação. A ação foi proposta em 97 pelo então prefeito, Zizinho Vigneron (PDT). O ex-prefeito foi condenado em Ubatuba e recorreu ao TJ, que manteve a decisão da primeira instância.
Foram dois os recursos no TJ, julgados improcedentes pela 8ª Câmara de Direito Público. A decisão deve ser publicada ainda esta semana no Diário Oficial.
Além da perda dos direitos políticos, Ramos foi condenado ao pagamento de uma multa equivalente a dez vezes o salário que recebia na época, devidamente corrigido. O Ubatuba Víbora abre espaço para que o ex-prefeito se manifeste.

Foto: Litoral Virtual

Sidney Borges

quinta-feira, agosto 04, 2005

Eduardo Jorge

Nota de Eduardo Jorge, vítima de acusações de José Dirceu, que agora pede desculpas.
"O reconhecimento do Sr. José Dirceu de que errou e me prejulgou chega de forma e em circunstância impróprias.
Na verdade, desde o início Jose Dirceu, Lula e os demais detratores sabiam que eu era inocente mas mentiram seguindo apenas suas conveniências político-eleitorais.
Vieram as provas de minha inocência e não apenas não se retrataram mas prosseguiram com sua campanha, esta sim, de linchamento público.
Agora, que indícios se avolumam contra eles, o ex chefe da Casa Civil ostenta o "arrependimento" de ter me acusado com calúnias deixando a impressão de que busca proteger-se de suas culpas atrás da minha inocência.
O Presidente Lula, que em suas parlapatices investe contra pré-julgamentos e culpa a imprensa, perguntou, certa vez: “quem tirará da cruz aquele que lá foi posto injustamente?”
Triste país aquele cuja palavra e conduta do Presidente não podem ser levadas a sério. Lula me acusou de forma mentirosa, de corrupção, mas não foi lá, como cobra aos outros nos palanques, assumir a responsabilidade de “tirar da cruz” quem ele mesmo pôs.
Sabia e sabe que mentiu mas jamais se retratou. Agora, pigmeu da ética, usa o falso discurso de que sempre esperou provas antes de condenar seus adversários políticos.
Mente e nos enoja mais uma vez. É o mais hipócrita de todos e o que mais precisa levar intensivas lições de honestidade, responsabilidade e ética, coisas que desde sua infância sua mãe, ainda que analfabeta, tentou incutir-lhe, sem sucesso."

Fonte: Noblat

Alguém está mentindo

Comentário da cientista política Lucia Hippolito na CBN:
As últimas revelações das estripulias financeiras da dupla Marcos Valério-Delúbio Soares continuam ajudando a desvendar o mapa da corrupção, ao mesmo tempo em que jogam por terra algumas estratégias jurídicas construídas para livrar os acusados de penas maiores.
A descoberta do jornal O Estado de São Paulo de que as contas de Marcos Valério pagaram 545 mil reais ao escritório do advogado e ex-procurador da República Aristides Junqueira joga definitivamente no chão a história mirabolante de que toda esta dinheirama que vinha jorrando das contas de Marcos Valério era dinheiro para pagar dívidas de campanha do PT e de partidos aliados.
O pagamento a Aristides Junqueira foi por serviços de advocacia prestados ao PT para defender o partido no caso das investigações sobre o assassinato do prefeito de Santo André, Celso Daniel. Nada tinha a ver com campanha eleitoral, e muito menos com pagamento de dívidas. Eram, pura e simplesmente, honorários pagos a um escritório de advocacia.
Da mesma maneira, a descoberta de que o publicitário Duda Mendonça recebeu, das mesmas contas de Marcos Valério, pagamentos que ultrapassaram 15 milhões de reais, no início de 2003, tornam muito suspeita a história contada por Delúbio Soares de que não houve caixa 2 na campanha do presidente Lula.
Fica cada vez mais forte a impressão de que o dinheiro pago a Duda Mendonça era parte do pagamento pelos serviços do marqueteiro prestados durante a campanha presidencial de 2002. Isto, independentemente do fato de que suas agências abocanharam gordas contas de publicidade no governo Lula.
Finalmente, a revelação do Jornal Nacional de que Marcos Valério encontrou-se, sim senhor, com o ex-ministro José Dirceu e com o presidente do Banco do Espírito Santo, grupo português que é o maior acionista da Portugal Telecom, encontro confirmado por uma agenda do próprio José Dirceu, demonstra que o ex-ministro não se comportou bem no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, quando declarou que jamais teve qualquer relação com a Portugal Telecom.
E se José Dirceu tiver faltado com a verdade sobre este assunto tão grave, mesmo estando sob juramento durante seu depoimento, isto pode significar que o deputado pode ser cassado sim, por quebra de decoro, por mentir ao Conselho de Ética da Câmara dos Deputados.
Como muito bem diz o sábio senador Jefferson Peres, está na hora de acabar com os depoimentos individuais e começar as acareações. Quem sabe assim, frente a frente, os mentirosos param de mentir, e os desmemoriados começam a se lembrar.

Fonte: Blog do Noblat

Cientistas sul-coreanos clonam cachorro

Há algo suspeito no ar. O que eles pretendem? Para quem não sabe, um dos pratos preferidos dos coreanos é cachorro assado. Também apreciam canja de cachorro, que dizem ser ótima contra as doenças. Já salvamos as tartarugas, vamos salvar os totós clonados. Será que a Petrobras dá uma forcinha? Eis a oportunidade para fundar uma ONG. Ou uma igreja, cujo lema seria: “você encontrou a salva cão”. Dízimo baratinho, só três por cento. Com direito a terreno no céu de frente para a nuvem.

Sidney Borges

Quem brinca com fogo...

arquivo ubaweb

O muro avança sorrateiramente. Ninguém sabe, ninguém vê...

Pode se queimar...

Luiz Moura
Há muito tempo vejo as administrações municipais sucumbirem aos argumentos apresentados por empresários inescrupulosos que na ânsia de lucros fáceis e em detrimento a toda uma população, praticam os mais descabidos desmandos em nosso município.

Um dos argumentos preferidos por estes nefandos é que se se adequarem a legislação e/ou desfazerem o ato ilícito praticado serão obrigados a dispensarem parte de seus funcionários ficando assim várias famílias em difícil situação. Ameaças para manter estados ilegítimos, inexplicavelmente acolhidos por nossos governantes, já fazem parte do expediente desta malta.

O e-mail intimidador enviado ao nosso colaborador, Cristiano Crato, em razão da publicação de matéria intitulada
Quiosques retomam obras? reforça as suspeitas de estar o poder público municipal sendo, no mínimo, engambelado na execução de avanço sobre a praia do Itaguá. Aproveito para informar que também recebi e-mail com intenção de me intimidar quando publiquei De olho em Ubatuba - 26/07/05.

O avanço é tecnicamente desnecessário e importuno pelos motivos já expostos nas matérias mencionadas acima. Além disso, a "obra" não apresenta na placa existente no local o nome, número do CREA-SP e ART do responsável pela sua execução, exigências mínimas do órgão responsável pela fiscalização do exercício profissional e tão duramente exigido pelos fiscais da Prefeitura nas obras que não são públicas. Devo alertar que, obviamente, as obras públicas devem ser cercadas de cuidados ainda maiores que os das particulares. Os valores gastos nas obras públicas devem constar nas placas para que a população saiba onde está indo o montante que lhe é espoliado, digo cobrado.

"Onde há fumaça, há fogo." e "O dono da casa é o último que sabe." são dois provérbios populares que apresento para o senhor prefeito na reflexão sobre o caso: "construção do muro de arrimo na praia do Itaguá avançando sobre a praia".

Panorama

Há no Brasil práticas consuetudinárias. Quem trabalhou para políticos, qualquer um, de qualquer partido, sabe que o dinheiro corre por fora. “Caixa dois”. Cheguei até a pensar que com o PT no poder a coisa ia mudar. Foi um flash, logo voltei à realidade. No entanto, sou obrigado a me render aos fatos. Alguma coisa mudou. Aumentou o por fora. Acuado pela cornucópia de denúncias o presidente Lula tem afirmado em seus brilhantes pronunciamentos que fez mais em dois anos do que o governo anterior em oito. É verdade. Fez mais trapalhadas. Acompanhadas de discursos horrorosos. Horripilantes.

Sidney Borges

Agosto na Fundart

Mês de Ópera na Fundart

Em agosto, o Cine Clube da Fundart (Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba) traz um diferencial em sua programação. Para os amantes da música erudita, serão apresentadas quatro óperas em DVD: Aida, La Gioconda, O Guarani e Otello. Para quem não conhece, esse evento é uma oportunidade imperdível para ampliar os horizontes culturais. A série de apresentações tem como objetivo trazer ao conhecimento da população os mistérios e encantamentos de uma grande ópera.
Além da sessão das grandes óperas, o mês de agosto está recheado de atividades e festas. Confira abaixo a programação completa da Fundart para este mês:

PROGRAMAÇÃO FUNDART - AGOSTO/2005
01 a 31
9h às 18h - Espaço Cultural Eloyna Salgado Ribeiro.
Rua Hans Staden, 342 - (Papelaria do Estudante)

EXPOSIÇÃO DE ARTISTAS PLÁSTICOS E ARTESÃOS DA FUNDART

05 - SEXTA
18 às 19h - Espaço Cultural Eloyna Salgado Ribeiro.
Rua Hans Staden, 342 - (Papelaria do Estudante)
DANÇA CIGANA

06 - SÁBADO
17h30 - Perequê-Açu
Cinema para a garotada no Programa “Prefeitura no Bairro”
Parceria com a Secretaria de Educação
Terminal Turístico - EMEI Marina Salete - Filme: “SHREK 2”
Apoio Cultural: Hollywood in House Vídeo Tel.: 3832 7842

07 - DOMINGO
09h às 14h - Perequê-Açu
Participação da Fundart no Programa “Prefeitura no Bairro”,
no Terminal Turístico do Perequê-Açu - EMEI Marina Salete

* TEATRO (ESQUETES DE HUMOR E OFICINA)
* MALABARISMO (BRINCADEIRAS E EXERCÍCIOS COM MALABARES)
* ENTALHE EM MADEIRA (EXPOSIÇÃO E PEÇAS ENTALHADAS NO LOCAL)
* PALHAÇO PIMBOLIM (RECREAÇÃO EDUCATIVA)
* ARTES PLÁSTICAS (EXPOSIÇÃO DE OBRAS E TELAS PINTADAS NO LOCAL)
GRUPO SETORIAL DE ARTES PLÁSTICAS DA FUNDART
* BANDA LIRA PADRE ANCHIETA

12 - SEXTA
18h às 19h - Espaço Cultural Eloyna Salgado Ribeiro.
Rua Hans Staden, 342 - (Papelaria do Estudante)
SERESTAS E SERESTEIROS
20h - Praça Anchieta
SHOW MUSICAL - REVIVENDO ELIS, com Beth Viana e Rodrigo Harfiel

13 a 28
14h às 22h - Casarão do Porto
III EXPOSIÇÃO DO GRUPO SETORIAL DE ARTES PLÁSTICAS
Homenagem ao Dia dos Pais

13 – SÁBADO
18h - Casarão do Porto
PEQUENAS HISTÓRIAS - Grupo Setorial de História e Geografia
PALESTRA - “Ciccillo Matarazzo: um mito caiçara”
Palestrante: Joice Fernandes (graduanda do curso de história da UNITAU)
20h - Praça Exaltação da Santa Cruz
APRESENTAÇÃO DOS GRUPOS FOLCLÓRICOS ITAPOÁ E GUARUÇÁ

17 - QUARTA
20h - Casarão do Porto
FUNDART JOVEM
Espaço Livre de Expressão da Juventude Ubatubense

18 - QUINTA
20h - Praça Anchieta
PARCEIROS DA CULTURA - Fundart e Bar do Pirata
Show Musical - Washington Garcez - Violão e Voz

19 - SEXTA
18h às 19h - Espaço Cultural Eloyna Salgado Ribeiro.
Rua Hans Staden, 342 - (Papelaria do Estudante)
Apresentação Musical - SEXTETO CAIÇARA
19h30 - Casarão do Porto
ATENEU ANTENADO - Encontro cultural - Grupo Setorial de Literatura

19 a 21 - SEXTA, SÁBADO E DOMINGO
VII FESTSABE - FESTA DA TAINHA DA ESTUFA II
Shows Musicais, Barracas Típicas e grande festa.
Exposição dos Artistas do Grupo Setorial de Artes Plásticas da Fundart.

20 - SÁBADO
20h30 - Praça Anchieta
Apresentação do Grupo de Dança Sala Azul Marinho, coreografia que
estará representando Ubatuba no MAPA CULTURAL PAULISTA.

21 - DOMINGO
20h - Casarão do Porto
TEATRO NA FUNDART - “Ladrão que pega ladrão não é ladrão”
Texto e Direção: Adriano Corrêa

24 - QUARTA
20h - Casarão do Porto
FUNDART JOVEM - Espaço Livre de Expressão da Juventude Ubatubense

26 - SEXTA
19H30 - Casarão do Porto
CINE DEBATE - “MOÇA DOS BRINCOS DE PÉROLA”

27 - SÁBADO
20h - Casarão do Porto
SERESTAS E SERESTEIROS
Apresentações de cancioneiros da música genuinamente popular
Apresentação: Sérgio e Regina

28 de Agosto a 4 de setembro
Festival da Cultura Popular – CAIÇARADA

CINE CLUBE ÓPERA

02 - TERÇA
20h - Casarão do Porto
CINE CLUBE ÓPERA - “AIDA”

04 - QUINTA
20h - Casarão do Porto
CINE CLUBE ÓPERA - “LA GIOCONDA”

09 - TERÇA
20h - Casarão do Porto
CINE CLUBE ÓPERA - “O GUARANI”

10 - QUARTA
20h - Casarão do Porto
CINE CLUBE ÓPERA - “OTELLO”

CINE CLUBE

03- Quarta
20h00 – Casarão do Porto
CINE CLUBE “Olga”

05 – Sexta
20h00 – Casarão do Porto
CINE CLUBE “Querido Estranho”

16 – terça
20h00 – Casarão do Porto
CINE CLUBE “Onze Homens e um segredo”

30 – terça
20h00 – Casarão do Porto
CINE CLUBE “Olhos Azuis”

26 – sexta-feira

19h30 – Casarão do Porto
CINE DEBATE “Moça dos Brincos de Pérola”

CINE CLUBE INFANTIL

07 – Domingo
16h00 – Casarão do Porto
CINE CLUBE INFANTIL - “Shrek 2’

14 – Domingo
16h00 – Casarão do Porto
CINE CLUBE INFANTIL - “Garfield”

21 – Domingo
16h00 – Casarão do Porto
CINE CLUBE INFANTIL - “Peter Pan”

A cultura de Ubatuba pode crescer com a sua colaboração.
Divulgue esta programação para a comunidade.

PRESTIGIE O ARTISTA DE UBATUBA.

Adquira e indique obras da Praça das Artes Plásticas.
DE 5ª A DOMINGO, A PARTIR DAS 15H00
Praça do Cruzeiro - Av. Iperoig - Centro
Grupo Setorial de Artes Plásticas Fundart

PARTICIPE DAS REUNIÕES DOS GRUPOS SETORIAIS DA FUNDART.

DIA 02 TERÇA - 18h30 - Folclore
DIA 03 QUARTA - 18h as 19h30 História e Geografia
DIA 06 SÁBADO - 10h - Literatura
DIA 08 SEGUNDA - 18h - Artes Cênicas e Dança
DIA 27 SÁBADO - 17h30 - Cine/Foto/Vídeo
DIA 26 SEXTA - 18h - Artes Plásticas
DIA 31 QUARTA - 18h - Artesanato

Os grupos setoriais são a melhor oportunidade da comunidade participar da política cultural da cidade. São portas que se abrem à participação do cidadão. Participe.

Fonte: FUNDART/PMU

Notícias da Prefeitura

Ubatuba se prepara para a segunda dose da vacina contra poliomielite

No próximo dia 15 de agosto, começa a Campanha Antecipada da segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite. Essa campanha leva a gotinha da vacina para os postos e unidades dos bairros mais distantes da cidade. Em Ubatuba, 90% das crianças de 0 a 5 anos já tomaram a primeira dose no mês de junho, em diversos postos e unidades de saúde do município. Agora, é preciso tomar a segunda dose, para imunizar totalmente as crianças. As demais vacinas também estarão disponíveis para crianças menores de cinco anos.
Essa doença está sendo erradicada no mundo, mas o vírus ainda existe em alguns lugares, por isso, é fundamental que todas as crianças sejam vacinadas.
A poliomielite, ou paralisia infantil, como também é conhecida, é uma doença contagiosa, transmitida pelo poliovírus através das vias aéreas superiores, caracterizada por causar uma paralisia de início súbito, geralmente em membros inferiores. Os sintomas da poliomielite são: febre, mal estar, dor de cabeça, acompanhada ou não de paralisia.
No início da década de 80, houve uma grande incidência da doença no Brasil, deixando milhares de deficientes físicos por ano. No fim dos anos 80, a doença foi controlada na maior parte do mundo, devido às ações de imunização. Ainda hoje, pode-se observar um grande número de pessoas com a síndrome pós-pólio, seqüelas deixadas pela infecção. O objetivo das campanhas de vacinação em massa é produzir uma extensa disseminação do vírus vacinal, que competirá com a circulação do vírus selvagem, interrompendo a cadeia de transmissão da doença. A coordenadora da vigilância epidemiológica, Eliana Arantes, diz que, “embora não tenhamos mais a doença em nosso país, a vacinação é o único meio de manter ausente a circulação do vírus no meio-ambiente.” PMU
Ubatuba – Espaço, Memória e Cultura: Um livro em homenagem à cidade

O livro é uma viagem pelo tempo e pelo cenário ubatubense, desde o tempo do povos primitivos e seus costumes, até os dias de hoje, com seu grande potencial turístico

Um livro que conta a trajetória de Ubatuba, com toda a sua riqueza cultural, histórica e natural será lançado em breve, pela editora Arte e Ciência. O livro se chama Ubatuba – Espaço, Memória e Cultura e une duas perspectivas diferentes: a visão de um estrangeiro e o olhar de um caiçara legítimo. Os autores do livro, Juan Droguett e Jorge Otávio Fonceca fizeram essa pesquisa, com o objetivo de sistematizar informações sobre grupos humanos que formaram Ubatuba, por considerar que a memória de um povo é um direito social.
São 310 páginas de uma leitura leve e descontraída, que conduz o leitor a uma viagem interessante. Os cenários são muitos, as épocas e os assuntos variam, desde o primitivismo, passando pela mitologia indígena e os ritos antropofágicos, até os dias de hoje, abordando o potencial turístico e seus atrativos culturais. O livro mostra a esplendorosa época do porto e do açúcar, a distribuição de terras e os imigrantes. Nessa viagem entra também a chegada e o desenvolvimento dos meios de comunicação na cidade e a conseqüente mudança de comportamento e da cultura caiçara. O lançamento está marcado para o mês de outubro, quando a cidade completa seus 369 anos.

Os autores

Jorge Otávio Fonseca nasceu e vive até hoje em Ubatuba, é estudante de Administração em Hotelaria e Turismo da Universidade de Taubaté. Segundo ele, essa idéia surgiu como forma de contribuir com a cidade onde nasceu e dar a Ubatuba a visibilidade que ela merece.
“Ubatuba tem uma história riquíssima, uma cultura popular expressiva e um grande potencial turístico. Precisamos valorizar, preservar e registrar essas características”.
Juan Droguett, espanhol, é professor titular de Mestrado em Comunicação da Universidade Paulista - Unip e líder do Grupo de Pesquisa em Cultura Midiática e Turismo. Pós-doutor pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Ele publicou diversos livros na área de comunicação, educação e psicanálise no Brasil e Espanha. Droguett conta que foram dois anos de pesquisa para reconstruir a história e a imagem de Ubatuba no cenário nacional. “Consultamos uma vasta bibliografia, colhemos depoimentos de caiçaras, fizemos comparativos com a experiência e o referencial do turismo estrangeiro”. PMU
Prefeitura faz replantio de árvores

As Secretarias de Meio Ambiente e de Obras promoveram nos últimos dias o replantio de árvores que foram retiradas do canteiro central da avenida Guarani, em frente ao Aeroporto Gastão Madeira. Segundo a Secretaria de Meio Ambiente, foram replantadas mudas frutíferas e nativas, entre elas flamboyant, baulínea, cibipirúna, ypê e mudas de cerca viva. O replantio já ocorreu na praça que fica na rua Marechal Pilsudsky, no Perequê-Açu, uma parte das mudas foi levada para um viveiro para serem recuperadas e agora será iniciado o replantio na rua Liberdade. PMU

quarta-feira, agosto 03, 2005

Bronca na Puruba

Existe na Região Norte de Ubatuba um caso onde os moradores não conseguem entender a forma como é tratado o bem público. Numa mesma área da prefeitura existem dois prédios, a Escola Municipal José Belarmino Sobrinho e ao lado o PAS do Puruba que é de referência regional. O primeiro encontra-se em perfeitas condições de uso, já o segundo a comunidade teme a perda do prédio pela falta de manutenção e reparo. O portão está caindo, o forro é criadouro de morcegos e a área toda está cercada de mato, isto é apenas o que a comunidade vê todos os dias. Na localidade é visível a satisfação da comunidade referente ao perfeito estado de conservação da escola. Neste primeiro semestre já foi construída uma fossa, o prédio está pintado, o pátio devidamente capinado, portão em perfeito estado de conservação. Segundo integrantes da Saprapu, a Secretaria de Educação está de parabéns, um ótimo serviço foi oferecido à população. Já no PAS do Puruba, referência regional em saúde, o caso é bem diferente. Existem inúmeros problemas no prédio. Dentre eles podemos citar alguns. Vazamento da fossa, que é inadequada, maçanetas danificadas, panes hidráulicas, pátio abandonado, portão caído, entre outros. “A comunidade está à disposição da Secretaria de Saúde para colaborar no que for necessário para realizar melhorias”, comentou Dimas Ferreira morador e Presidente da Associação do bairro.
Fonte: Saprapu

Blogs

Nestes dias de CPIs, em que as notícias são aguardadas com ansiedade, em que depoimentos e listas de suspeitos de corrupção tiram o sono dos poderosos, a imprensa via Internet começa a ganhar o espaço que um dia deverá ser primordialmente seu. Aos jornais de papel restarão as resenhas e os ensaios. Não consigo me situar no mundo anterior à rede. Como eu viveria sem o “Blog do Noblat”? Sempre me vem à cabeça a luta do século, uma das inúmeras do século XX. Aconteceu em abril de 1985, em Las Vegas. Defrontaram-se pelo título dos médios Marvin “Marvelous” Hagler e Thomas Hearns. Na época eu trabalhava na TV Globo, na praça Marechal Deodoro, em São Paulo, debaixo do minhocão. Na redação só dois jornalistas tinham interesse em boxe, Enio Pesce e eu. Ah! Quase ia me esquecendo do Tonico Duarte. Apesar de ser a luta mais importante do ano e a que mais dinheiro movimentou, não foi transmitida para o Brasil. O resultado chegou pelo teletipo da chefia de reportagem, às duas horas da manhã. Hagler venceu por nocaute no segundo round. Hoje a luta estaria disponível em diversos sites, em tempo real, com texto e fotos. No último sábado tive uma surpresa que só confirmou minha convicção do papel da mídia eletrônica. Ao abrir a Folha, (1º clichê) dei com a notícia da continuidade do impasse entre o Real Madrid e o Santos, tendo Robinho como pivô. Ao acessar a Internet, a notícia era outra, os clubes tinham entrado em acordo. Até o fechamento do jornal a notícia do impasse era verdadeira. Meia hora depois das rotativas iniciarem a aceleração angular para atingir a velocidade constante de impressão, deu-se o desfecho. Robinho vai finalmente jogar ao lado de “Ronaldinho Gordo”. O jornal chegou às bancas com uma notícia falsa. Sinal dos tempos, o jornalismo mudou. Sei por experiência que haverá resistência. Os velhos jornalistas continuarão renitentes. Foi assim quando os terminais de computadores substituíram as velhas e barulhentas máquinas de escrever. Mas uma coisa é certa, com o advento da Internet ficará mais difícil fugir à verdade. Os jornalões já não têm o privilégio de decidir o que deve ser informado. Estamos nos aproximando da tão sonhada democratização das informações. Mas ainda há muito para caminhar.

Sidney Borges

DIREITO DE RESPOSTA

A Prefeitura Municipal de Ubatuba e o Prefeito Eduardo César, vêm a público exercer o direito de resposta, prévio à ação de indenização pelos danos morais, provocados pela publicação de matéria de responsabilidade do Vereador Edílson Félix, intitulada:

“PEDIDO DE INFORMAÇÕES SOBRE EMPRESAS TECEIRIZADAS É RESPONDIDO DE FORMA INCOMPLETA PELO EXECUTIVO”.

O referido "Pedido de Informações”, que o autor do citado artigo deixou de identificar, leva o número 66/05 e está à disposição de qualquer interessado, na forma da lei.

As informações àquele pedido foram prestadas pela Prefeitura, através da assessoria do Prefeito Eduardo César, com base no que estava explanado no pedido, sem nenhuma forma de tergiversação ou omissão.

Como Chefe do Poder Executivo, ao longo de sua vida pública , na qual acumulou o exercício de três legislaturas na Câmara Municipal dessa Cidade e a eleição para o cargo de Prefeito Municipal, em início de mandato (menos de 15% de sua duração), Eduardo César sempre pautou suas atividades em cuidadosa análise técnica, sem desatender, jamais, aos interesses públicos e a defesa dos direitos não somente de seus eleitores, mas de todos os cidadãos de Ubatuba.

Cumpre esclarecer a você, leitor e morador da cidade de Ubatuba, bem como ao público, em geral, que a expressão “terceirização” (sinônimo que se incorporou ao vernáculo doutrinário do Direito para identificar as contratações decorrentes de exploração de serviços públicos essenciais), mal empregada pelo autor daquele pedido de informações, posto que consignada juntamente com as expressões “concessão” e “permissão”, provocou a resposta da Prefeitura Municipal no sentido de encaminhar o que estava de fato ali solicitado: informações sobre o contrato de concessão de serviços públicos existentes no Município, que é o de transporte público. Os contratos administrativos de execução de serviços em geral, não podem ser classificados como “terceirização” em concessão ou permissão de serviços públicos essenciais.

É importante entender, portanto, que o vereador não solicitou corretamente o que pretendia. (“... mapear os contratos terceirizados feitos pela Administração...”) e, por isso, ficou insatisfeito. Todavia, essa insatisfação não lhe atribui o direito de vir a público, em veículo de comunicação, fora dos limites de sua atividade e âmbito legislativo para denegrir a imagem do Poder Executivo, bem como do Prefeito Municipal, na medida em que emprega termos como “... deixou muito a desejar.” e “incompleta”, para adjetivar a resposta encaminhada pela assessoria do Prefeito Eduardo César, impingindo a esse a pecha de mau administrador, na medida em que declarou que “A atual administração está engessada, sem planejamento e sem direção”.

A ordem democrática que rege o papel das instituições e Poderes da União, Estados e Municípios foi mal empregada pelo vereador que, diferentemente de você, cidadão que lhe delegou, através de seu voto, o dever de exercer as funções inerentes ao seu mandato, gozaria de mecanismos próprios para solicitar a complementação às respostas encaminhadas pela Municipalidade ou, como o fez no artigo, esclarecer o objetivo de seu pedido de informações.

A manifestação pública na forma em que apresentada pelo vereador através de artigo próprio e pela imprensa, além de política e, portanto, oposicionista, desvirtua o importante papel que foi conquistado pela sociedade brasileira através da liberdade de imprensa e de expressão.

Compreendemos que este órgão de comunicação não compactua com a expressão daquele vereador, que realizou naquele artigo não uma atividade inerente a seu cargo, mas uma (o) posição pessoal.

Agradecemos a oportunidade de exercer nosso constitucional direito de resposta e esperamos, com isso, encerrar, na esfera pública, a discussão meritória das atribuições funcionais e de cada um dos agentes políticos eleitos pela população que deveria ser poupada de qualquer prática promocional, população esta para a qual pedimos nossas mais sinceras desculpas pela necessidade de vir a público tratar do assunto.

Ubatuba, 29 de julho de 2005

PREFEITURA MUNICIPAL DE UBATUBA
PREFEITO EDUARDO DE SOUZA CÉSAR

QUEM SÃO ELES?

Gerson Florindo*
O momento é de esclarecimento e reflexão, pois, o país vive em processo de banalização política como pretensiosa disputa eleitoral para o ano de 2006.
A corrupção no Brasil não é algo novo, vem desde a sua origem quando os primeiros portugueses aqui chegaram com a idéia única da ganância através da exploração, do extrativismo para o enriquecimento e abastecimento da metrópole, usando da desinformação e ignorância dos nativos. O que acontece hoje não é diferente, muda apenas os personagens, em vez de índios e escravos a população brasileira levadas pelo império da imprensa articuladas com alguns beneficiados esclarecidos num esquema articulado por sistemas e mecanismos da burguesia nefasta que insiste em voltar ao poder.
Representantes o PSDB e PFL capitaneado pelo Deputado Toninho Malvadeza Neto mais Denise Frossard já pensam em impeachman de LULA, numa postura oportunista de que querem apurar as denúncias de corrupção, quando a moralidade do país começou em 2002 com o governo LULA e o PT que defende que as CPIs instaladas investigue os contratos e privatizações suspeitas como as das Telecomunicações e da Vale do Rio Doce, o SIVAM (Sistema de Vigilância da Amazônia), os processos que envolviam doações ilegais para a base de sustentação de FHC, as gravações que revelaram compra de votos para aprovar a reeleição por R$ 200.000,00, as acusações contra Ricardo Sergio, caixa das Campanhas de FHC e Serra citado como responsável por pedir propina no valor de 15 Milhões de reais a empresários, por exemplo.
Nunca se combateu tanto a corrupção como neste governo. A Policia Federal realizou nos últimos dois anos 75 operações que resultaram na prisão de mais 1200 pessoas, entre elas Juizes, Empresários, políticos, policiais e outros servidores. Na época do Governo Fernando Henrique e do PSDB o Ministério Público e a PF não apurava nada, a política era do “abafa” nada de CPI, nada de investigação, o procurador geral da Republica era conhecido como “Engavetador Geral”.
Entretanto o PFL e o PSDB estão atirando no que é errado para atingir o que esta correto, com a estratégia de precarizar a política brasileira e derrubar um projeto popular de um país institucional que busca ser mais justo e democrático com interesses voltados para a maioria da população.
Tentam o linchamento moral do PT e reduzir a credibilidade do partido e dos petistas que já afastou os seus envolvidos do caso para melhor apuração das denúncias e quer punir com rigor os corruptos e devolver a credibilidade à política e aos partido. A população se vê preocupada com a situação de bombardeio de ofensivas e tentativas de golpes e sabe que o Brasil vai bem com Lula e será pior sem ele.
* Diretor do Sindicato dos Bancários de Taubaté e Região e membro da Executiva do Diretório do PT de Ubatuba.

Notícias da Prefeitura

divulgação

No início da prova o espetáculo dos nadadores entrando na água
Feras do Triathlon se preparam para mais um desafio em Ubatuba

Ubatuba se prepara para o Circuito de Inverno TriPaulista, que está programado para o dia 21 de agosto. Com um percurso de 1,5 km natação / 40 km ciclismo / 10 km corrida (distância olímpica), o evento deverá contar com a participação de 250 triatletas. Na primeira etapa do Circuito de Inverno TriPaulista , realizado na USP, em São Paulo, o vencedor geral masculino foi Antonio Mansur Filho, que finalizou o percurso em 01:02:13, enquanto Carla Moreno venceu entre as mulheres com o tempo de 01:13:29. Em uma reunião realizada quarta-feira, 2, entre a Secretaria de Esporte e Lazer, Cia de Eventos, promotora do circuito, Guarda Municipal, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros e Serviço Municipal de Trânsito, começaram a ser definidos os esquemas para segurança em terra e na água para os triatletas e público em geral que deverá acompanhar a prova. A maior preocupação da organização é quanto ao trecho de ciclismo que será percorrido pelos triatletas na rodovia Gov. Mário Covas (BR 101), do trevo de entrada da cidade até o bairro do Prumirim. Grande parte dos atletas que participam das provas de triatlon em Ubatuba considera a parte do ciclismo uma das mais seletivas, pois inclui várias subidas e descidas que dão valor à disputa da prova, porém a segurança é o item que mais preocupa, segundo Célio Balieiro, organizador da prova. “A prova é realizada em um trecho urbano da rodovia e o número de veículos e bicicletas de moradores é grande. A idéia dessa reunião é buscar soluções para evitar qualquer tipo de acidente que possa apagar o brilho da festa”, disse. A etapa terá um total de dezessete categorias, sendo nove no masculino, sete no feminino e uma no revezamento. No sábado, 20, os kits serão entregues aos atletas, no Ginásio de Esportes Tubão, a partir das 15h. No domingo, 21, a partir das 7h acontece a abertura da área de transição para os atletas. As 8h45 ocorre o fechamento da área de transição, para a largada, às 9h. A premiação deverá ocorrer por volta das 10h30. PMU

Notícias da Prefeitura

Treinamento para feirantes busca melhorar qualidade no atendimento

Exposição, manipulação e conservação de alimentos foram os principais temas abordados

O “Treinamento para Manipulador de Alimentos”, promovido através da parceria entre a Secretaria de Saúde e a Secretaria de Agricultura e Pesca reuniu 59 feirantes de Ubatuba e teve a condução do chefe do serviço de saúde coletiva Dr. Antonio Jorge.
“Foram abordados os aspectos atuais da feira livre, como exposição, manipulação e conservação dos alimentos, que ainda deixam a desejar no aspecto sanitário”, disse Antonio. Outro tema em que houve concordância foi a dificuldade que o consumidor tem para se localizar nas feiras. “A setorização da feira também foi discutida, pois atualmente há uma grande confusão para o consumidor. Deveremos também padronizar barracas e uniformes”, disse o médico.
Durante o treinamento os feirantes também tiveram espaço para explanar suas opiniões quanto a atual situação das feiras livres da cidade. Ao final ficaram estabelecidas algumas metas que serão estudadas para implantação a curto e médio prazo:
Estabelecer um programa de educação permanente para manipuladores de alimentos
Controlar a saúde do manipulador
Realizar ampla divulgação, junto aos consumidores, dos cuidados higiênicos ao adquirir alimentos Incentivar os produtores a regularizar seus produtos no tocante ao registro nos órgãos competentes (SIM, SISP, SIF)
Padronizar barracas e uniformizar manipuladores conforme a atividade desenvolvida
Orientação e assessoramento técnico aos feirantes
Divulgar a feira como atrativo turístico de Ubatuba.
No próximo dia 8 acontece um novo treinamento, dessa vez para a associação dos feirantes de Ubatuba. PMU

Notícias da Prefeitura

Ubatubanas vence torneio de Beach Soccer

A equipe da Ubatubanas venceu o torneio de Beach Soccer disputado na praia da Enseada, no último domingo, 31, ao derrotar a equipe As Marrentas na final por 3 a 2. Com 16 participantes o evento levou um bom público às duas quadras montadas no canto direito da à Praia da Enseada. O time das Ubatubanas chegou a final depois de disputar três partidas onde obteve bons marcadores ( 6X0 contra o Marissol, 6X1 contra o Ubatuba F.C. e 3X1 contra o Novo Cruzeiro). Já As Marrentas marcaram mais gols até chegar a final (10X0 contra o Supimpa, 11X1 contra o Lagoinha e 3X1 contra o Poiares). Na final, o time das Ubatubanas, comandadas pelo técnico Miltinho ficou com titulo após uma virada sensacional. O time As Marrentas abriu boa vantagem marcando logo dois a zero, com Meire e Juliana, mas Ludmila fez a diferença, marcando três gols, virando o jogo e dando a vitória ao time das Ubatubanas. Com o resultado da final, o Novo Cruzeiro ficou com o bronze.
As Ubatubanas venceram o torneio jogando com Pituca, Ludmila, Kelen, Mirian, Andréia, Rafaela, Mariana e Gabriela. A comissão técnica contou ainda com a professora Cássia.
As artilheiras do torneio foram Meire e Tati, com oito gols e a goleira menos vazada foi Pituca.
As partidas serviram para a comissão técnica da modalidade observar atletas para compor a seleção permanente de Ubatuba. As três equipes melhor classificadas receberam troféus e medalhas e a equipe campeã ganhou tambem uma "Noite da Pizza" na Pizzaria Tortilhão.
O evento contou com o apoio do Vereador Mico, Image Estética, Drª Daniela Fuchs e Esquina das Modas, Varejão Santa Rita e Pizzaria Tortilhão. PMU

terça-feira, agosto 02, 2005

O filho do rei

O caso do filho da jornalista Miriam Dutra – correspondente da Rede Globo na Espanha – com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso volta a ganhar as páginas de raríssimos órgãos da imprensa nacional, além de despertar interesse descomunal na esfera da Justiça. A jornalista decidiu ingressar judicialmente contra FHC, na tentativa de garantir ao menor Thomaz, os mesmos direitos que os outros filhos do ex-presidente têm como herdeiros. Para complicar a situação de FHC, o seu filho menor pode obrigá-lo, mesmo que indiretamente, a se indispor com a Receita Federal. Nem tudo o que FHC arrecada em suas palestras é declarado ao fisco brasileiro. Ou seja, o assunto volta a fervilhar nas reuniões dos Cardoso.
Fonte: Internet
 
Free counter and web stats