sábado, fevereiro 19, 2005

Como definir o amor por um avião?

arquivo

Piper PA-18, inesquecível para quem teve o privilégio de pilotar

O cheiro é especial, melhor tratá-lo por aroma ou fragrância, mais apropriado. A mistura de gasolina, dope, couro dos bancos, é inconfundível. Nada evoca a memória afetiva como o olfato. O perfume do PA-18 é mágico, traz lembranças para as quais não há palavras que possam exprimir o sentimento que vem à tona. É o elo que une os pilotos, eles entendem.
Contato! magnetos ligados, freios calçados, manete levemente atacada e presto! Começa a rugir o motor. O taxi é lento, em curvas suaves para checar o trajeto, a visibilidade é pouca, quase nenhuma, devido ao trem convencional. Depois do cheque final, alinhado com a pista, manete toda a frente. A cauda logo levanta e pouco depois está na hora de dar uma leve puxada no manche. No ar, livres, talvez os únicos momentos realmente livres da existência. Nunca esquecerei do PA-18, ainda que viva mil vidas.

Sidney Borges

A COMTUR E A VOZ DO POVO

Ronaldo Dias - Acionista minoritário e sócio fundador
Pretendia manifestar-me, novamente, a respeito da COMTUR apenas após a “reunião” do próximo dia 24. Porém, devido as recentes declarações do Senhor Prefeito, representante da acionista majoritária quero, conforme ele mesmo recomenda, “pois o estatuto lhes faculta” manifestar-me agora, como, idealizador, fundador e acionista. Primeiramente, lembrar que é o estatuto o “contrato Social” da empresa quem rege todas as relações entre os sócios e, suas demais obrigações. Fazendo tabula rasa deste estatuto a majoritária nunca o respeitou. Sempre impôs sua vontade sobre os minoritários até, pelo poder coercitivo, que, mesmo veladamente a qualquer tempo, poderia exercer sobre qualquer um deles, pois são, em sua maioria, empregadores de empresas licenciadas por alvarás de funcionamento de sua emissão. Assim quem impôs deve responder, sozinho, pelo resultado desta sua imposição. Esse é o preço do poder. Chamar à responsabilidade os minoritários sobre os desmandos praticados e, pelo descumprimento da ordenação estatutária é estranho e me parece soar, novamente, “mais uma ameaça” da majoritária. Os minoritários deveriam ”Tomar ciência?” Será, que nestes anos todos a majoritária desconhecia a administração perigosa e temerária praticada pelos seus “indicados” impostos? De toda forma, vamos aguardar até a próxima reunião (ordinária ou extraordinária; também re-convocada sem obedecer a normas estatutárias) para, receber, novamente, quem sabe, mais umas, com todo respeito ao Sr prefeito, imposições da acionista majoritária. A saber: A extinção da empresa e a indicação de mais um “novo” presidente. Finalmente gostaria de esclarecer, que o cargo de Presidente da COMTUR é executivo, não deliberativo. Faz e cumpre apenas o que determina (e autoriza) o Conselho de Administração. Só. Este nome bonito “DIRETOR PRESIDENTE”, que acendeu vaidades é, nas empresas privadas, equivalente apenas ao Gerente administrativo financeiro. O salário do cargo, alto para nossos padrões, desperta disputas de “unhas e dentes” (equivalente a de secretário municipal aproximadamente R$ 3.500,00). Finalizando, com todo respeito ao Sr Marco Antonio Gilheta, (que não conheço) a COMTUR precisa, de imediato, não é da imposição justificada ou não, de mais um presidente, Precisa sim, é de uma Auditoria transparente e IDEPENDENTE. Esta, senhor prefeito, tenha certaza, é a voz do Povo.

Editorial

Na tarde de ontem, sexta-feira, 18 de fevereiro de 2005, um grupo de amigos do escritor Flávio Girão reuniu-se no café do shopping center próximo à Câmara Municipal para participar da entrega da Moção de Congratulações, ofertada pela Câmara Municipal por inspiração do vereador Charles Medeiros.
Charles usou como pretexto o aniversário do escritor, na verdade a premiação faz jus ao conjunto da obra.
Flávio Girão tem sido atuante na cultura ubatubense desde a época de Ciccillo Matarazzo. Foi presidente da Fundart e exerce papel de destaque na vida intelectual da cidade. Nada mais justo do que a homenagem.
Um dos assuntos que se seguiu à breve cerimônia foi a possível extinção da Comtur. O tema desperta paixões e como sabemos paixão não combina com razão.
Houve consenso quando se tocou na necessidade de resultados positivos, razão de ser das empresas, que devem apresentar lucros.
Também houve unanimidade quando se afirmou que nunca foi feita uma real avaliação dos motivos que levaram a Comtur ao descrédito que apresenta hoje.
É sabido que a empresa nasceu inspirada em similar de Florianópolis, que vai bem e presta bons serviços. Tudo foi copiado, até os estatutos.
Se lá funciona, qual seria a razão do fracasso local? Latitude diferente?
Sabemos que desde a criação a Comtur se transformou num cabide de empregos. Sua primeira finalidade sempre foi premiar aliados políticos dos diversos prefeitos que governaram a cidade. Sem exceção.
O prefeito Eduardo César, no comunicado que está postado abaixo, na seção “Notícias da Prefeitura” deixa claro que qualquer decisão a ser tomada será baseada em ampla discussão, mas é certo que mudanças virão.
Ele tem toda a razão, do jeito que está não dá para continuar. Está presente no ar a dicotomia extinção versus profissionalização. Que seja decidido o melhor para Ubatuba.

Sidney Borges

Câmara homenageia ciclista ubatubense

laura ennes

Ana Carolina recebendo a Moção das mãos do vereador Dr. Ricardo Cortez

Laura Valesi Ennes
Na última terça-feira, dia 15, o vereador Dr. Ricardo Cortez, em sessão ordinária da Câmara Municipal, homenageou, com uma Moção de congratulações, a atleta ubatubense Ana Carolina Ennes Houdjakoff, pelo título de tri-campeã do Vale do Paraíba e pela importante conquista do 2º lugar na Copa América, realizada no autódromo de Interlagos, com a participação de atletas das Américas do Sul, Central e do Norte.
Ana Carolina, que é integrante da Equipe de Ciclismo de Ubatuba, agradeceu ao vereador pela homenagem, “agradeço ao vereador Dr. Ricardo que com esta homenagem me incentiva a buscar cada vez mais resultados em nome de Ubatuba”, disse a atleta. “Ana Carolina é um exemplo de determinação, de saúde e não poderíamos deixar de reconhecer o seu talento, assim como os de todos os jovens que seguem o caminho do esporte”, enfatizou Dr. Ricardo.

Notícias da Prefeitura

Prefeito indica presidente transitório da Comtur

Novo presidente irá presidir a Companhia até que se prove a necessidade, ou não, de sua liquidação

Em reunião realizada com o Conselho de Administração da Comtur, o prefeito Eduardo César indicou o nome de Marcos Antônio Gilheta para ser o presidente transitório da Companhia. O novo presidente terá a missão de estudar a real situação da Comtur a fim de demonstrar para os acionistas se a empresa é de fato insolvente ou não, requisito essencial para o processo de liquidação.
Durante a reunião, o prefeito voltou a afirmar ao Conselho que o seu compromisso com a cidade não mudou. “Queremos o melhor para Ubatuba e por isso mesmo queremos romper com uma constante fonte de problemas, inclusive objeto de investigação pelo Ministério Público”, disse o prefeito lembrando que essa investigação poderá culminar numa Ação Civil Pública ou de Improbidade Administrativa.
“Não quero ser conivente, tampouco quero que os acionistas respondam por crimes na vigência de meu governo. Por isso, estudaremos juntos a melhor forma de resolver o problema, chamando os acionistas à responsabilidade, pois de forma direta, tanto a Prefeitura é responsável pelos débitos existentes, como todos os acionistas o são, pois o Estatuto lhes faculta, através dos Conselhos próprios, a exercer o papel fiscalizador dos atos da diretoria”, esclareceu o prefeito.

Resolução definitiva

O prefeito Eduardo César reafirmou aos conselheiros que não se trata de retaliação à atual presidente, a quem reputa ter feito uma boa administração. O que ocorre, do seu ponto de vista, é que os problemas a serem enfrentados são maiores e crescentes. Por isso, é que o processo de liquidação, em princípio, estancará o crescimento do mal, possibilitando uma resolução definitiva. “Não sou inconseqüente a ponto de brincar com pessoas que por anos vem investindo na cidade, gerando empregos e rendas, como ocorre com a maioria dos acionistas. Por isso quero um processo transparente, em que os números e a verdade é que prevalecerão”, disse.
O presidente interino da Comtur, Marcos Gilheta, deverá ser apresentado oficialmente no dia 24 de fevereiro, data da reunião do Conselho de Administração. "O primeiro passo é tomar ciência da real situação da empresa para depois tomar as atitudes necessárias”, disse Gilheta, formado em Ciências Contábeis, e há três anos a frente do clube residencial Ubatuba Country. “Vamos buscar todos os meios para que a cidade possa ter uma administração que visa o bem comum. Nosso governo está apenas começando, mas temos plena convicção que a vontade de acertar prevalecerá sobre aqueles que buscaram no Poder Público, no passado, seus próprios interesses”, finalizou o prefeito Eduardo César. PMU



Encontros reúnem dirigentes do turismo do Litoral Norte e Vale do Paraíba

Os secretários de turismo das quatro cidades do Litoral Norte paulista estiveram presentes em importantes reuniões sobre turismo na região. Estiveram presentes Paulo de Tarso, delegado regional da Secretaria Estadual de Turismo e Francine Del Pozzo, assessora da Secretaria Executiva de Turismo de São Paulo.
No primeiro encontro, que aconteceu em Ilhabela, no dia 17, firmou-se uma parceria entre as secretarias das quatro cidades do Litoral Norte e foi decidida a reativação do Circuito Costa Verde, que coloca o Litoral Norte como um importante pólo turístico no contexto nacional. Foram discutidas uma série de assuntos de interesse do desenvolvimento do turismo regional, tais como: sinalização, integração, pacotes turísticos e pontos fortes da região a serem explorados.
O Fórum Regional de Turismo do Vale do Paraíba, que aconteceu em Lorena, no dia 18, foi o segundo grande encontro, contando com a presença de mais de 30 secretários de turismo de todo o Vale do Paraíba e Litoral Norte Paulista, além do secretário executivo Marco Antônio Castello Branco. O encontro foi permeado pelas discussões acerca dos circuitos turísticos da região que estão sendo preparados pela Secretaria de Turismo do Estado. Roteiros como: Circuito Costa Verde, Circuito das Frutas, Estrada Real, Circuito de Tropeiros e Religioso estão sendo analisados
Todos os municípios que estiveram presentes no encontro ficaram com a incumbência de profissionalizar seus produtos turísticos, afim de estabelecer um padrão capaz de atrair o turismo de boa qualidade, com destaque internacional.
As secretarias de turismo do litoral norte, que compõem o circuito Costa Verde, definiram que o principal foco a ser trabalhado e o produto a ser oferecido é o ecoturismo. O Secretário de Turismo de Ubatuba, Luiz Felipe Azevedo explica que nossas maiores riquezas são as belezas naturais, que estão cada vez mais ligadas à preservação. “Temos produtos formatados e prontos, como o Núcleo Picinguaba, Parque da Serra do Mar e Ilha Anchieta. Agora, a profissionalização do turismo em Ubatuba passa a ser uma condição crucial e o nosso próximo passo para o desenvolvimento da cidade”. PMU



Ubatuba recebe comitiva chilena

Delegação é de Milipilla, cidade-irmã de Ubatuba

Uma delegação de 43 pessoas da cidade de Milipilla visita Ubatuba até o próximo dia 23. Entre os integrantes estão o prefeito, Don Fernando Pérez Villagrán, e seis vereadores, que são hóspedes oficiais do município. Mellipilla fica a 67 quilômetros da capital chilena, Santiago, e tem como lema a frase “Melipilla é Futuro”. A cidade chilena é muito conhecida pela realização de rodeios e provas eqüestres. Outra atração é a “rota do queijo”, que envolve distritos como San Manuel, Pahulimo, Esmeralda, entre outros, que produzem os queijos, tanto em escala artesanal, quanto industrial.
O prefeito Eduardo César esteve recepcionando a primeira parte dos visitantes e deu as boas vindas, na última quinta-feira. “É muito bom podermos estreitar esses laços com nossa cidade irmã. Espero que vocês desfrutem das belezas que Ubatuba tem a oferecer”, disse o prefeito aos membros da delegação. Eduardo manifestou ainda desejo de conhecer a cidade-irmã. “Espero retribuir em breve essa visita e desfrutar da hospitalidade melipillana”, disse.
O presidente da Câmara Municipal de Melipilla, Ivan Campos, agradeceu a recepção e cobrou a visita de Eduardo César. Outro vereador, Dario Jerez se interessou pelo sistema educacional de Ubatuba, pois o ensino municipal foi implantado há pouco tempo e acha que pode aprender muito com o trabalho desenvolvido em Ubatuba.
A delegação será recebida na próxima segunda feira,21, no Paço Anchieta, onde acontece uma cerimônia solene. Na terça-feira, 22, os chilenos acompanharão a sessão da Câmara Municipal. PMU

sexta-feira, fevereiro 18, 2005

Ficção científica

Numa cidade imaginária circula um nome para ocupar a “presidência” da certa empresa moribunda, prestes a ser liquidada. Tal cidadão seria guindado às delícias do poder após o término do mandato atual. Se o nome for confirmado será de causar estranheza, pois à frente de uma outra empresa pública o postulante revelou-se mau administrador, suas contas foram rejeitadas. Na cidade imaginária acredita-se que é boato plantado pelo próprio interessado, que teria a incumbência de liquidar a empresa, deixando campo aberto para a criação de uma agência poderosa, como era o plano do homem que veio da terra do grande rio. Com o advento da nova corporação, algumas dívidas antigas do rei seriam finalmente pagas. Qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência. Aguardem a continuação da novela.

Sidney Borges

Carta ao leitor

Ilmo Sr. Rodrigo Jorge Silva

Respeitado cidadão:

Não lembro ter tido o prazer de conhecê-lo e de saber quais seus conhecimentos da cidade de Ubatuba e de minha vida funcional, no município, durante os últimos trinta e dois anos.
Pela sua carta ao leitor – Litoral Virtual de 17-02-2005 - posso concluir que nada conhece de minha vida, de meus princípios, ideais, entusiasmo, dedicação e empenho dedicado aos cargos em comissão e de provimento efetivo que ocupei em Ubatuba.
Posso informá-lo que ocupei três cargos em comissão na Prefeitura de Ubatuba. Para os três fui buscado na minha casa. Nunca solicitei de nenhum prefeito cargo em comissão e não seria agora que estaria almejando secretarias ou quaisquer outros cargos. Trabalhei e estudei durante mais de cinqüenta anos para merecer o descanso e felicidade que posso usufruir agora.
Enquanto ao resgate de Ubatuba pela nova administração, não tenho percebido indícios de que venha a ocorrer de imediato. O termo é bastante vago e se presta a interpretações menos favoráveis à administração considerando que outros resgates de triste memória estão acontecendo. Vossa Senhoria poderá percebê-los se for observador crítico, conhecedor da administração pública de Ubatuba, dos requisitos necessários para ocupar cada um dos cargos em comissão, dos cidadãos que atualmente os ocupam assim como de seus currículos e vinculações, bem intencionado e não fanatizado.
Sobre seu conselho final posso dizer-lhe que tenho um conceito claro de cidadania e de minha liberdade democrática de me manifestar dentro das normas de respeito às pessoas e às instituições como sempre tenho feito. Ocorre que, boa parte de nossos homens públicos e seus áulicos, não gostam que a verdade pública seja publicada e comentada. É mais cômodo que ninguém incomode e publique as aberrações praticadas pelos homens ocupantes do poder. Tendo esse direito continuarei a exercê-lo. Minhas criticas visam evitar desastres e conseguir que nossa administração pública reúna as qualidades exigidas pela Constituição Federal e pela legislação complementar. Tenho imenso interesse no sucesso da administração.
Apresento-lhe cordiais cumprimentos.

Atenciosamente.

Corsino Aliste Mezquita.

Não fui eu, mãe!

Aline Carvalho Vendruscollo - Psicóloga
Uma das fontes de preocupação dos pais surge quando eles suspeitam que seus filhos estejam mentindo. Muitas vezes, não sabem bem como agir, pois é muito difícil, para os pais, lidar com o fato de que seus "anjinhos" não são tão inocentes quanto idealizavam.
O que os adultos esquecem, certas vezes, é que nem sempre as falsas afirmações das crianças têm a intenção de enganar alguém, mas são muito mais frutos da imaginação infantil, especialmente quando se trata de crianças em idade pré-escolar. É comum a criança pequena inventar histórias cheias de fantasias ou conversar com amigos que não existem, os famosos "amigos imaginários". Por volta dos 4-5 anos de idade, portanto, não podemos falar propriamente de mentira, já que a criança não adquiriu ainda as noções de verdadeiro e falso, de realidade e fantasia. Dessa forma, qualquer atitude repressiva por parte dos adultos pode prejudicar a capacidade de criação que está em pleno desenvolvimento nesta fase. Como podemos perceber durante as brincadeiras infantis, o faz-de-conta é muito habitual e deve ser respeitado por pais e professores, como uma atividade mental muito valiosa.
Porém, sabemos que a mentira está presente no comportamento de crianças que já distinguem o verdadeiro do falso, e é aí que devemos estar atentos, buscando entender o que levou a mesma a omitir a verdade. Inicialmente, não devemos acusá-la de imediato, evitando perguntas como: "Foi você?", "Por que você fez isso?". É mais eficaz dizer que não ficaremos bravos com ela, mas contentes caso consiga dizer a verdade. Se em algum momento, os pais duvidarem da veracidade de algo contado pela criança, é aconselhável que, ao invés de partirem para o interrogatório, aguardem algum tempo e, mais tarde, peçam que a criança conte novamente a história e, assim, comparem as versões.
Se a criança admitir que mentiu ou for descoberta, é importante que os pais ou professores se controlem e expliquem, com calma, que a mentira traz conseqüências negativas para as pessoas, podendo dar exemplos que como isso acontece. Jamais devem chamá-la de mentirosa ou submetê-la a punições excessivas, pois estas atitudes podem ajudar a instalar um ciclo de mentiras, em que a criança mente para fugir de castigos e repreensões. É essencial que os adultos demonstrem contentamento com a atitude da criança em confessar que mentiu, valorizando que a verdade é imprescindível para confiarmos nas pessoas.
Também lembremos que os adultos são exemplos para as crianças e que devem ser verdadeiros com ela e com as outras pessoas, jamais levando seus filhos a dizer inverdades, por menores que elas sejam. Finalmente, cabe dizer que a mentira infantil é uma resposta inadequada a problemas ambientais, em casa ou na escola, e que, assim sendo, crianças que recorrem muito a mentira, precisam de ajuda.

aline.vendruscolo@ig.com.br

Reflexões sobre Brasília

Agora que a poeira assentou, vamos raciocinar um pouco sobre a derrota do governo na Câmara. Houve de fato derrota? Aparentemente sim, na prática a coisa é um tanto diferente. Severino, o eleito, quer apenas um dinheirinho para comprar santinhos e ir para o céu. Grenhalgh se contentaria com tão pouco? Governo nenhum perde eleição como essa. Eu sei, nós sabemos, todos sabem, os trezentos picaretas aos quais um certo barbudo um dia se referiu, continuam os mesmos, gostam de dinheiro, se lhes for acenado com uma nota de cem abanam os rabinhos como filhotes de cão. O governo se omitiu, calou, preferiu não pagar. O adversário levou com um par de setes na mão, pouco, quase nada. Greenhalgh não é uma personalidade qualquer, vaidoso, personalista, teria, na presidência da Câmara a chance da vida. Quem o conhece sabe que logo iria achar a Câmara pequena. Seu imenso talento merece mais, o Universo por exemplo, como o Cérebro do desenho animado. Daria muita dor de cabeça ao presidente Lula. Derrotado vai continuar deputado, sem chances de pleitear nada. Junto com ele afunda o atrapalhado Pinky, desculpem Genoíno, artífice da candidatura e agora responsável indireto – indireto? – pela maior derrota do governo desde a posse de Lula. Ganham os que pretendem se candidatar para substituir Alckmin, em São Paulo, Genoíno está fora do páreo, só volta à ribalta se acontecer algo extraordinário. E o presidente Severino? Bem o presidente Severino é contra o aborto, o divórcio, detesta homossexuais e guarda dinheiro embaixo do colchão. Enfim, um homem moderno!

Sidney Borges

Notícias da Prefeitura

Copa Fonseca movimenta o Futebol de Mesa em Ubatuba

Torneio acontece neste sábado

O futebol de mesa de Ubatuba está a todo vapor. Neste sábado, 19, a Associação Ubatubense de Futebol de Mesa (AUFM), promove a décima edição da “Copa Fonseca”, em homenagem a Silvio Fonseca, um dos fundadores da entidade. O torneio acontece a partir das 14 horas na Escola Capitão Deolindo. Durante a semana, o presidente da AUFM, Ralph Solera, esteve reunido com o Secretário Municipal de Esporte e Lazer, Bittencourt Jr. e recebeu a notícia que toda a premiação dos torneios de 2005 será cedida pela Secretaria. “Esse apoio da Secretaria de Esporte foi bem vindo. São catorze competições no ano e vamos ganhar todos os troféus e medalhas”, comemorou Solera. “O Secretário já praticou o esporte e sabe como é importante essa ajuda”, completou.
A prática do futebol de mesa vem crescendo na cidade e o nível dos praticantes é muito bom. Em 2004 o resultado mais expressivo foi a conquista da medalha de prata, com André Rafael, nos Jogos Regionais, disputados em Caraguá. O Secretário de Esporte vê com satisfação o desempenho dos botonistas. “A Secretaria fará o que for possível para o fortalecimento do futmesa. Além da premiação, vamos disponibilizar toda nossa infra-estrutura para a realização de um torneio regional em breve”, garantiu Bittencourt. O Secretário ainda se comprometeu a solicitar junto aos organizadores dos Jogos Regionais 2005 a inclusão do futmesa na programação oficial. Os interessados em participar dos torneios devem entrar em contato através do telefone 9744-6745. PMU


Programa de Saúde da Família expande atuação para melhor atender à comunidade

A função do PSF é prestar assistência contínua à comunidade, acompanhando a saúde da criança, do adulto, da mulher e do idoso que vive no território sob sua responsabilidade

O Programa de Saúde da Família (PSF) está passando por uma reestruturação em Ubatuba, que visa melhor atender à comunidade e descentralizar o atendimento na Santa Casa. Esse ano, todas as equipes estão completas, ou seja, 100% dos bairros contam com clínico geral, enfermeiro e auxiliar de enfermagem. Os bairros dispõem também de agentes de saúde, com um número que varia de 4 a 6, de acordo com o tamanho e a necessidade.
Os agentes de saúde são o elo entre a equipe e o morador, realizando visitas domiciliares periódicas para informar-se sobre a saúde das pessoas. Caso alguém precise de atendimento médico, o encaminhamento é feito pelo agente. O médico, que é clínico geral, tem condições de atender todos os casos, encaminhando para especialistas as situações que fogem de seu campo de atuação. Quando o paciente não tem condições de se locomover, o médico pode ir visitá-lo pessoalmente.
A Secretaria de Saúde disponibiliza atendimentos especializados nas áreas de pediatria, cardiologia, ginecologia, dermatologia, infectologia e saúde mental. Para problemas crônicos, como diabetes e hipertensão, o tratamento está garantido, bem como a distribuição de remédios para as pessoas cadastradas. O acompanhamento, nesses casos, é feito periodicamente na casa do paciente. Exames diversos também estão sendo disponibilizados para a população.
O PSF é um serviço que integra e colabora com o sistema de saúde local. Atualmente, o grande obstáculo do PSF para um funcionamento mais eficiente, segundo a coordenadora de Serviços de Saúde, Cinthia Cristo, é a falta de informação da comunidade em relação a esse programa. “As pessoas ainda não sabem que a maior parte dos seus problemas de saúde pode ser resolvida ou encaminhada sem precisar sair do próprio bairro. Muita gente acaba procurando a Santa Casa sem necessidade. Isso compromete tanto o trabalho do hospital quanto o do PSF, além de representar um desgaste desnecessário para o paciente”.
Para a implantação deste serviço, é necessário disponibilizar profissionais capazes de orientar e cuidar da saúde das famílias. Em contrapartida, a participação da comunidade é fundamental para o bom funcionamento do programa. A chefe da assistência à saúde, Mirza Zanon ressalta ainda que: “O trabalho da equipe do PSF torna-se muito mais eficaz na medida em que a população participa e compreende o funcionamento da unidade”

Seguem os nomes de médicos e enfermeiros atuantes em cada região:

Bairro

Tabatinga
Enfermeira – Margareta / Médica - Solange

Maranduba
Enfermeira – Rita / Médico - Marcus Fabrício

Sertão da Quina
Enfermeira – Heydi / Médica - Sandra

Lagoinha
Enfermeiro – Daniel / Médico - Alexandre

Fortaleza / Praia Dura / Corcovado / Rio Escuro
Enfermeira – Maria Fernanda / Médico - Caio

Lázaro / Ribeira / Enseada
Enfermeira – Maria Alice / Médico - Wagner

Perequê-Mirim
Enfermeira – Fernanda / Médico - Cottini

Itaguá / Praia Grande e Toninhas
Enfermeira – Kátia / Médico - Camargo

Estufa I
Enfermeira – Priscila / Médico - Antônio Mauri

Estufa II
Enfermeira – Ana / Médica - Marcela

Sumaré
Enfermeira – Julia / Médica - Camila

Umuarama
Enfermeira – Karina / Médica - Graziela

Carolina / Ressaca
Enfermeira – Francesca / Médica - Maria

Sesmaria
Enfermeira – Andréia / Médico - Roberto

Bela Vista
Enfermeira – Beth Prado / Médica - Haydeé

Ipiranguinha
Enfermeira – Hiroko / Médico - Adauto

Vale do Sol
Enfermeiro – Loreto / Médico - Theófilo

Pé da Serra
Enfermeira – Sandra / Médico - Miguel

Perequê-Açu I
Enfermeira – Rhavena / Médica - Rosa

Perequê-Açu II
Enfermeira – Suely / Médica - Sandra Roncali

Taquaral
Enfermeira – Margarete / Médica - Diley

Norte I (até o Poruba)
Enfermeira – Maysa / Médico - Marcus Alexandre

Norte II (do Poruba até Sertão do Ubatumirim
Enfermeira – Leila / Médico - Marcus Alexandre PMU



Ubatuba é destaque em quatro emissoras de tevê

SBT, Record, MTV e Canção Nova gravam programas na cidade

Na próximo domingo, dia 20, desembarca em Ubatuba uma equipe do programa Domingo Espetacular, da Rede Record, para fazer uma grande reportagem para a “Série Praias Espetaculares”. A série já produziu matérias no Ceará, Bahia, Alagoas e Rio de Janeiro e segundo a produtora do programa, Lela Ribeiro, Ubatuba foi escolhida para representar o estado de São Paulo em função das suas belas praias.
Todo o apoio logístico – guias, lancha, veículo 4x4, helicóptero, ultraleve – está sendo montado pela Secretaria de Turismo, que tem conseguido envolver a comunidade e empresários da cidade nesse grande projeto de divulgar Ubatuba a nível nacional. “Desde já precisamos agradecer o apoio decisivo desses empresários que estão sendo fundamentais para que de fato nosso turismo possa ter o crescimento que merece”, diz Luiz Felipe Azevedo, secretário de Turismo.
“Pelo roteiro inicial, vamos apresentar à equipe as praias mais selvagens de Ubatuba – Brava de Almada, Brava do Camburi, Puruba, Prumirim -, algumas cachoeiras, as ilhas do Prumirim e do Mar Virado, além de vilas de pescadores e a aldeia indígena Boa Vista”, conta Luiz Felipe. Segundo ele, o programa quer mostrar também, como vive o povo da região, quais seus costumes, o que produzem, o artesanato local, seus personagens e curiosidades. A equipe ficará três dias em Ubatuba. Ainda não está definido quando o programa irá ao ar.

Ubatuba no Gugu

Na última quarta-feira, dia 16, quem esteve na cidade foi o Rodolfo, repórter do Programa do Gugu, do SBT. Rodolfo esteve na casa do Clodovil fazendo uma longa entrevista com o estilista e apresentador sobre vários assuntos, entre eles, a necessidade de se promover Ubatuba a nível nacional. Acompanhando a reportagem, a convite de Clodovil, esteve o secretário de Turismo, Luiz Felipe, que também foi entrevistado pelo programa.

MTV na Praia Vermelha

No último final de semana o agito ficou por conta da MTV, que aportou na Praia Vermelha do Norte com uma mega estrutura e transformou Ubatuba no ponto central da programação de verão da emissora durante esses três dias. No domingo, dia 13, o VJ Marcos Mion e a modelo Mariana Weickert comandaram o programa “Na Areia” e o público, que compareceu em massa, foi ao delírio com as brincadeiras e em especial com o show com o cantor Supla. Além da Secretaria de Esporte e Lazer de Ubatuba que apoiou o evento, a Secretaria de Turismo cuidou da parte logística da produção das reportagens, buscando parcerias para viabilizar guias especializados, helicóptero e ultra leve para as imagens aéreas.

Canção Nova

A tevê Canção Nova, de Cachoeira Paulista, também esteve fazendo uma série de reportagens em Ubatuba no último final de semana. Segundo o secretário de Turismo, Luiz Felipe, a equipe da emissora percorreu trilhas e praias do norte do município, visitou a Ilha Anchieta, além de várias cachoeiras. “Temos que agradecer, novamente, aos empresários da cidade que disponibilizaram helicóptero e ultraleve para as imagens aéreas e especialmente o Restaurante Ismael, que patrocinou a alimentação da equipe”. PMU



Prefeitura convida para Audiência Pública

A Prefeitura Municipal está convidando a população de Ubatuba para uma audiência pública para o próximo dia 24, a partir das 19 horas, na Câmara Municipal. A audiência é para apresentar a execução financeira e orçamentária do 3º quadrimestre de 2004, conforme prevê a lei federal de Responsabilidade Fiscal. PMU

Um pouco de História

Chacina de Unaí permanece sem condenações

Julgamento dos acusados ainda sem data marcada

O tempo passou e até agora nenhuma justiça foi feita sobre o assassinato dos quatro funcionários do Ministério do Trabalho. No dia 28 de janeiro de 2003, os auditores-fiscais Nelson José da Silva, João Batista Soares Lage, Eratóstenes de Almeida e o motorista Ailton Batista de Oliveira foram mortos a tiros por pistoleiros contratados enquanto investigavam denúncias de irregularidades trabalhistas na região.
Seis dos acusados estão presos na penitenciária Nelson Hungria, no município de Contagem (MG). Outros três, entre eles o atual prefeito de Unaí, Antério Mânica, aguardam a sentença final em liberdade, amparados por habeas-corpus.
O crime teve repercussão nacional e causou reações indignadas de vários ministros e até no presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que determinou empenho na solução do caso.

Suspeito por morte de fiscais foi eleito em Unaí (MG)


Antério Mânica (PSDB), um dos suspeitos de envolvimento no assassinato de três fiscais do Ministério do Trabalho em Unaí, no noroeste mineiro, foi eleito prefeito do município com 72,35% dos votos.
O novo prefeito é irmão de Norberto Mânica, o maior produtor de feijão do País, que também é acusado de participação no crime.
Antério Mânica é um dos principais suspeitos de ser o mandante do crime. Está livre, beneficiado por hábeas-corpus. Por ter sido eleito terá foro privilegiado, o que é um absurdo pois o crime ocorreu antes da eleição.

Justiça é a resposta para assassinato de freira, diz Jobim

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Nelson Jobim, disse nesta segunda-feira que o País tem de responder com Justiça ao assassinato da freira norte-americana Dorothy Stang, ocorrido no sábado em Anapu, no Pará.

"Sua morte reforça em nós a convicção de que solidariedade e respeito ao próximo são pressupostos para uma sociedade mais justa. E nos desafia a responder, com justiça, à brutalidade dos que atentam contra o curso da história", afirmou Jobim.

"O País pode ter certeza que não haverá impunidade para os pistoleiros e mandantes do assassinato da freira Dorothy Stang", prometeu o ministro José Dirceu.

Nota do editor - Não vamos lembrar do assassinato de Chico Mendes, que já foi amplamente discutido. Os conflitos fundiários vão continuar matando e as autoridades vão continuar manifestando indignação, o que dá espaço na mídia e garante votos. No caso de Unaí, há cheiro de pizza no ar. Só quando o caso estiver esquecido e que haverá o julgamento. Se o governo quisesse dar exemplo deveria ter dado proridade ao caso. O Brasil é um país estranho, condenou um médico pedófilo a 112 anos de cadeia, condenação exemplar e merecida, outros pedófilos colocaram as barbas de molho. Já quando se trata de condenar assassinos as penas são brandas, afinal de contas nasce muita gente neste país. Tivessem os assassinos – e mandantes - de Unaí sido condenados como foi o pedófilo e talvez a freira estivesse viva.


Sidney Borges

quinta-feira, fevereiro 17, 2005

Editorial

A sessão da Câmara Municipal de Ubatuba, de terça-feira, aconteceu num clima dos mais calmos e cordiais, apesar do pessoal da mesa ainda estar na fase do “tijolo quente”, denominação que os radioamadores davam ao microfone nas mãos de novatos.
Em poucas semanas a turma vai estar tinindo, começos são sempre difíceis.
Novidade mesmo é a nova empresa que faz a cobertura televisiva dos trabalhos, da qual faz parte o editor do Litoral Virtual, Emilio Campi, que pode ser visto no plenário empunhando bravamente a sua poderosa "Panasonic".
A cobertura radiofônica ainda não foi decidida, não aconteceu a licitação, embora a rádio Costa Azul esteja fazendo as transmissões através do vibrante repórter Jurabelo, que tudo sabe e tudo vê.
Na sessão desta terça, estava programado o depoimento da senhora envolvida na confusão ocorrida na prefeitura, divulgada pela própria prefeitura e que acabou resultando em ocorrência policial.
Como ela não apareceu para falar, resta apenas uma versão dos fatos. O UV se dispõe a ouvir o que ela tem a dizer. Desde que nos procure.
A extinção da Comtur está gerando bastante polêmica, é bom que seja assim, assuntos de interesse da cidade devem ser discutidos.
Com a exposição dos envolvidos fica claro quem é quem no jogo do poder, escrever é desnudar-se.
A disposição do Prefeito em abrir as cartas é extremamente positiva, pela primeira vez na cidade há divergências sendo debatidas num nível antes desconhecido.
Divergências são naturais e necessárias e assim devem ser encaradas. Sem uma visão crítica do processo o poder perde os parâmetros, primeiro passo para futuras derrotas nas urnas, como estamos nos acostumando a ver, inclusive no âmbito Federal.
Por falar em Comtur, já circulam nomes para ocupar a gerência executiva da empresa, impropriamente denominada presidência.
Num dia desses um dos acionistas, advogado de renome na cidade, foi visto almoçando com o ex-secretário de Turismo, Sérgio Carvalho.
Estavam em animada conversa ao pé do ouvido, que prolongou-se por muito tempo além dos comes e bebes. Qual seria o assunto?
Também é sabido que um assessor próximo do Prefeito anda com os planos da Adentur no carro.
Será que há fogo debaixo da fumaça? Costuma haver.

Sidney Borges

Ubatuba de Fé

Ronaldo Dias
Não é difícil ver a radiografia da nossa sucessão de erros e equívocos. Uma cidade com tanto potencial, inerte. Não se desenvolve. Não cresce. Só incha.
São centenas de oportunidades de melhoras perdidas pelos mais diferentes motivos. O maior deles é o oportunismo barato dos saqueadores das boas intenções de seu povo, que a todos acolhe e, em todos acredita. Dos "Uba-Shows" aos mais recentes cantos de sereia, tem sido enganado. A vantagem deste povo é a fé. Ela, não “costuma” falhar . Vamos em frente!

Notícias da Prefeitura

Secretarias Municipais colaboram com Show de Verão

Diversos setores colaboram para realização de evento da Aduba

A Associação dos Deficientes de Ubatuba (Aduba) realiza neste domingo, 20, o “Show de Verão 2005” . O evento visa arrecadar fundos para as ações promovidas pela entidade, criada em 1993 e que atende dezenas de deficientes da cidade. O “Show de Verão 2005” acontece na praça Bip, a partir das 3 da tarde.

Apoio da prefeitura

A Aduba solicitou junto à Prefeitura Municipal de Ubatuba uma série de ações para tornar possível a realização do evento, no que foi prontamente atendida. A Secretaria de Obras providenciou a iluminação da Praça, orçada em cerca de R$ 2.500,00, que servirá para futuros eventos no local. Também designou funcionários do setor de Limpeza Pública para fazer a limpeza da Praça antes e depois do evento, além do setor de Transporte que cedeu viatura, motorista e ajudantes para montagem e desmontagem da estrutura do show.
A Secretaria de Arquitetura e Urbanismo, através do Setor de Trânsito, organizará o tráfego da região no dia do evento.Já a Secretaria de Agricultura e Abastecimento cedeu as instalações dos sanitários e depósito na Praça Bip, que será utilizado como escritório e a Assessoria de Comunicação que está fazendo a divulgação do evento junto a mídia local e regional. Outra Secretaria que colaborou com a realização do evento foi a Administração, além da Guarda Municipal.. O “Show de Verão 2005” terá diversas atrações e também um bingo cujas cartelas antecipadas podem ser adquiridas no calçadão e também no dia e local do evento. PMU



Prefeito visita Corcovado e garante melhorias

Estrada poderá ser recapeada em parceria com o governo estadual

O prefeito Eduardo César participou, na semana passada, de uma reunião no bairro do Corcovado, com o objetivo de buscar soluções para os problemas enfrentados pelos moradores. Acompanhado do secretário de Obras, João Paulo Rolim e do vereador Romerson de Oliveira (Mico), o prefeito ouviu da população as principais reivindicações. Entre elas, a melhoria do asfalto e a iluminação da estrada que liga o bairro à rodovia SP-55. O secretário de Obras, João Paulo Rolim, entende as queixas dos moradores. “A população reclama com toda a razão, pois existem trechos intransitáveis. Segundo ele, isso se deve principalmente a baixa qualidade do material utilizado na obra”.
Ainda segundo Rolim, o secretário estadual de Transportes, Dario Rais Lopes, esteve analisando a situação da Estrada do Sertão da Quina na semana passada e atendendo a solicitação de prefeito Eduardo César, vai estudar a inclusão da Estrada do Corcovado nesse programa de melhorias. “A idéia é utilizar asfalto quente no recapeamento, pois a durabilidade desse material é bem maior e a qualidade do serviço também”, disse o secretário de Obras.

Regime de urgência

Enquanto o Estado estuda essa inclusão, o prefeito Eduardo César garantiu aos moradores do Corcovado que a estrada receberá, a partir da segunda quinzena de fevereiro, uma operação tapa-buraco. Segundo ele, essa operação irá, melhorar, temporariamente, as condições da estrada, devolvendo aos moradores do bairro maior segurança. PMU



Carta ao Leitor

Gostaríamos de utilizar esse espaço democrático e de grande alcance para reafirmar o nosso agradecimento a uma entidade que não mediu esforços para ajudar as vítimas dos deslizamentos e enchentes que assolaram Ubatuba na última quinzena de janeiro. Trata-se da Pastoral da Criança, que durante todos os dias em que mais de cem pessoas foram obrigadas a permanecerem no Ginásio de Esportes Tubão esteve ao nosso lado, cuidando, ajudando, se solidarizando com as vítimas. A todos os membros da Pastoral da Criança, o nosso muito obrigado e que Deus abençoe a cada um de vocês.

Atenciosamente,

Kátia R. Gomes Nunes
Secretária da Assistência Social
Prefeitura Municipal de Ubatuba PMU



Carta Aberta:

Ao Sr. Prefeito, Vice-Prefeito e Supervisores da Secretaria Municipal de Educação

Agradecemos à equipe do novo governo pelo empenho em nos devolver a dignidade de poder escolher nossos locais de trabalho, de acordo com a pontuação de cada professor, sem “casos especiais”.
Hoje, podemos dizer que a Secretaria da Educação segue rigorosamente as regras da constituição, que determinam quem são as pessoas que tem prioridade na escolha das salas de aula. Com uma equipe assim, será mais fácil resgatar a educação de Ubatuba.

Agradecemos e Parabenizamos!

Professores Adjuntos de Ensino Básico I PMU

quarta-feira, fevereiro 16, 2005

Caminho legal

O diário argentino El Clarín abordou este fim de semana a questão de legalizar drogas. Não usou, para isso, o argumento britânico da Economist – esta é uma questão de liberdade pessoal na qual o Estado não deve se meter; abordou pelo lado econômico, a partir dum estudo de Gary Becker, professor da Universidade de Chicago e Prêmio Nobel.
Becker defende que, fossem legais e acompanhadas de uma pesada carga de impostos, as drogas seriam menos consumidas. O estudo não é tão simples quanto a conclusão pode parecer indicar: leva em consideração pressões sociais, fluxos econômicos, violência etc.
Para o economista conservador, a ilegalidade barateia o preço de acesso e cria uma tensão na distribuição causadora de violência. É inevitável e não há operação policial que dê jeito. Por quê então mantê-las ilegais?
Por um motivo: são as elites econômicas que detém o poder político. Com drogas ilegais, os filhos da elite têm maior dificuldade de acesso, enquanto os pobres tem mais acesso. O maior acesso a drogas entre pobres, até por falta de informação, gera os maiores problemas das drogas: vício, morte, vidas destruídas.
Num mercado pesadamente regulamentado e taxado, por outro lado, drogas fogem ao poder aquisitivo dos pobres. Na elite, o consumo tende a aumentar, embora não muito além do que já existe. E os problemas diminuem. É certamente um argumento antipático. Se faz sentido são outros quinhentos.
Fonte: Pedro Doria – No Mínimo

Opinião

Com Greenhalgh fora de combate, o Governo Federal amargou uma derrota política de conseqüências ainda não mensuráveis. Desde que aconteceu a redemocratização é a primeira vez que o partido majoritário não tem representantes na mesa da Câmara. Eu nunca esquecerei da passagem de Greenhalgh pela prefeitura de São Paulo. Pelo jeito, assim como eu, muita gente não esqueceu, o caso "Lubecca" ainda paira, qual ave de mau agouro, sobre as cabeças envolvidas. De fato, apenas uma cabeça. E um bigode! O governo também errou ao não defenestrar o ministro José Dirceu por ocasião do "affair" Waldomiro. Engana-se quem pensa que o caso morreu. Na hora certa voltará à tona, ressucitará com a força devastadora das ondas de origem sísmica a arrasar o que há pela frente. Santo André, cujo prefeito foi assassinado em circunstâncias nunca totalmente esclarecidas também está no inconsciente coletivo. Some-se ao caldo de insensatez, a estranha condução da economia. Juros subindo, impostos subindo, miséria aumentando e a violência idem. Sabemos que parte disso é herança, entretanto, é perceptível que nada está sendo feito para desviar da rota do abismo. Apesar do otimismo de certos jornais e do presidente, o governo só mostra uma coisa, a cada dia que passa, incompetência, muita incompetência. Vai ter uma surpresa em 2006. Lula ainda tem tempo de mudar, senão perderá os brinquedinhos.

Sidney Borges

Insetos inesquecíveis

divulgação

Anthon Fischer, mosca verde do sexo masculino, natural da Ucrânia

Michael Jackson teve um peripaque!

divulgação

Michael Jackson, autêntico cara-pálida

Michael Jackson passa mal e é levado às pressas para o hospital
Agências Internacionais

SANTA MARIA, EUA - O cantor Michael Jackson passou mal a caminho do tribunal e foi levado às pressas para o hospital Marian Medical Center, em Santa Maria. De acordo com as primeiras informações, o cantor tem uma gripe, o que fez com que o julgamento no qual o astro é acusado de abuso sexual, retomado nesta segunda-feira, fosse suspenso até a semana que vem.
Em depoimento exclusivo ao Ubatuba Víbora o médico particular do astro disse suspeitar de um ataque de “branquite”. U.V.

Editorial

As frases comentadas abaixo são do prefeito Eduardo César. Fazem parte do comunicado da Prefeitura publicado no Ubatuba Víbora na seqüência deste editorial. A publicação está fora do padrão reservado habitualmente aos comunicados oficiais, por razões óbvias. O futuro da Comtur merece uma discussão ampla, trata-se de matéria de relevância, afinal de contas Ubatuba é uma cidade que precisa encontrar caminhos para tirar o melhor das condições excepcionais que a natureza oferece. O Turismo, já afirmei em outras ocasiões, precisa ser encarado como atividade multidisciplinar, não é matéria para ser entregue a uma única pessoa, prática habitual em Ubatuba. Vamos analisar e comentar o que disse o Prefeito.

E.C. “A Comtur, já há muito tempo, não vem atendendo os objetivos para os quais foi criada, ou seja, fomentar o turismo na nossa cidade”.
UV. A Comtur não tem diretrizes a serem seguidas, o primeiro mandamento de qualquer ação humana que se proponha à alguma finalidade. Não há metas, não há terras a descobrir, navega-se ao léu. A Comtur é uma empresa “Easy rider”, de seus gestores nada pode ser cobrado porque não há o que cobrar. (Conclusões tiradas dos autos da CPI, que investigou a empresa)

E.C. “Quando o administrador público se depara com ações que geram dúvidas e possibilidades de corrupção dentro da máquina administrativa, a única atitude aceitável é propor o seu estancamento. E é isso que queremos no caso da Comtur”.
UV. O Prefeito está absolutamente certo. Se há corrupção na Comtur, esta deve ser estancada. Seguindo o raciocínio, se há corrupção no Brasil, também deve ser estancada. Seria a extinção o melhor a fazer?

E.C. “A população de Ubatuba está cansada de saber que essa empresa é devedora, que o turismo da cidade não avança e que nenhum benefício é concedido ao usuário dos estacionamentos da praia”.
UV. A população ouviu apenas boatos, não foi devidamente informada. Ao contrário da atual administração que procura se comunicar, nunca houve tal fato anteriormente. Todos gostaríamos de ver os balanços da Comtur publicados. Sem maquiagem, com a chancela de uma empresa de auditoria confiável. Se há tantos gastos inúteis para cobrir prejuízos, não custa gastar um pouco mais contratando uma empresa competente para desenterrar definitivamente o sapo.

E.C. “Quando está em jogo o bem, os benefícios, as prioridades de investimento, a qualidade de vida, sou o primeiro a pedir pela presença da população nas discussões. Porém, nesse caso, estamos falando de algo que só tem prejudicado a nossa cidade e a nossa imagem perante ao turista. Isso sem contar nos vários milhões de prejuízo aos cofres públicos. É um mal que temos que estancar”.
UV. A cidade concorda com o prefeito, todos queremos o melhor. Acontece que no sistema democrático o que é público deve ser discutido publicamente, sem exceções. Volto a dizer que precisamos ter conhecimento real do tamanho do dragão antes de comprar o extintor. Jogar logo uma bomba atômica pode causar efeitos colaterais nocivos.

E.C. ...“sempre ofertada como brinde de campanha e se trata de um filme velho que todos já se cansaram de assistir”. É por isso mesmo que esse filme tem que ser extinto do nosso repertório, para que uma nova era no turismo de Ubatuba possa nascer, sem vícios, sem corrupções, sem máfia”.
UV. Nesse quesito o prefeito Eduardo César, com grande lucidez, demonstra que as coisas finalmente mudarão em Ubatuba. Nunca mais aventureiros serão guindados a postos de importância por terem sido companheiros de campanha. Quem abraça uma causa o faz por idealismo e não deve esperar recompensas materiais.

Em princípio, da discussão nasce a luz. Nada há que impeça que a solução drástica, apresentada pelo Prefeito, possa ser a melhor. O que queremos e parece ser o que a atual administração também quer é que as coisas públicas sejam o mais transparentes possíveis, já que a totalidade é utópica. O papel do Ubatuba Víbora é levar aos leitores a verdade. Seria importante publicar as contas da Comtur, com dados fornecidos por uma auditoria isenta. A partir daí, se for definitivamente comprovado não haver solução, que seja então fechada. Entretanto, isso deve ser feito somente se não houver alternativa. Conforme constatamos, nunca foi feito um projeto de atuação para a empresa. Quem sabe, se isso acontecesse, ela poderia ser rentável e util, sem a necessidade da criação da "Adentur".


Sidney Borges

Prefeitura pede extinção da Comtur

Assembléia com acionistas no próximo dia 24 irá discutir dissolução da empresa

A Prefeitura Municipal, acionista majoritário da Comtur – Companhia Municipal de Turismo de Ubatuba –, está convocando todos os acionistas da empresa para uma assembléia geral extraordinária no próximo dia 24. O objetivo é discutir a dissolução da Companhia, alvo de irregularidades e dívidas, já apontadas numa CPI realizada pela Câmara em 2002.
Segundo o prefeito Eduardo César, a extinção da Comtur é necessária e urgente para colocar fim às inúmeras irregularidades e enormes dívidas da empresa. “A Comtur, já há muito tempo, não vem atendendo os objetivos para os quais foi criada, ou seja, fomentar o turismo na nossa cidade”, explica Eduardo César, que participou ativamente, enquanto vereador, da CPI que apontou os graves problemas vividos pela empresa.
“Quando o administrador público se depara com ações que geram dúvidas e possibilidades de corrupção dentro da máquina administrativa, a única atitude aceitável é propor o seu estancamento. E é isso que queremos no caso da Comtur”, reforça o prefeito.

Dívidas de mais de 2 milhões


Ainda em defesa de sua extinção, o prefeito lembra que além dos mais de 2 milhões de reais em dívidas com tributos federais, a Companhia de Turismo de Ubatuba nunca recolheu o ISS – Imposto sobre Serviço – e o alvará não é pago desde 1999. O valor desses débitos já ultrapassa a casa dos 400 mil reais, isso sem incluir os valores devidos com ISS de 2001 a 2004.
“A população de Ubatuba está cansada de saber que essa empresa é devedora, que o turismo da cidade não avança e que nenhum benefício é concedido ao usuário dos estacionamentos da praia”, comenta o prefeito se referindo a comentários de que a dissolução da empresa deveria passar por uma ampla discussão com a comunidade. “Quando se está em jogo o bem, os benefícios, as prioridades de investimento, a qualidade de vida, sou o primeiro a pedir pela presença da população nas discussões. Porém, nesse caso, estamos falando de algo que só tem prejudicado a nossa cidade e a nossa imagem perante ao turista. Isso sem contar nos vários milhões de prejuízo aos cofres públicos. É um mal que temos que estancar”, afirma.

Brinde de campanha

Segundo o prefeito, a própria população reconhece que a Comtur tem sido “sempre ofertada como brinde de campanha e se trata de um filme velho que todos já se cansaram de assistir”. “É por isso mesmo que esse filme tem que ser extinto do nosso repertório, para que uma nova era no turismo de Ubatuba possa nascer, sem vícios, sem corrupções, sem máfia”, finaliza Eduardo César.

Histórico da Comtur

A Companhia de Turismo de Ubatuba foi criada em 1991 pelo então prefeito José Nélio de Carvalho, porém apenas em 95 ela passou a existir como empresa, a partir da integralização do capital dos sócios. Nesses 10 anos de existência vários presidentes se revezaram no seu comando. A Prefeitura Municipal é a acionista majoritária, com 51% das ações e os 49% restantes estão nas mãos de empresários, comerciantes e agentes políticos da cidade. Sua principal fonte de receita tem sido, nesses 10 anos, a cobrança dos estacionamentos das praias e dos ônibus e vans de turismo que chegam ao município. Nesses anos todos, não houve nenhum projeto de impacto com a assinatura da empresa, o que motivou a criação da Secretaria de Turismo, em 2003, pela administração anterior. PMU

"Caminhos para o resgate"

Corsino Aliste Mezquita – Professor *
Em artigo anterior falávamos que uma das causas de nossos males administrativos era a falta de estrutura organizacional e de política de recursos humanos de nossos poderes e das companhias e fundações deles dependentes.
Prova acabada dessa realidade está se vivenciando na administração que se iniciou no dia primeiro de janeiro passado. Portarias nomeando pessoas, sem formação adequada, para cargos vitais da administração municipal, outras que, exigem formação técnica específica em determinado setor, concedidas a cidadãos sem quaisquer graus de instrução, troca de portarias entre as diversas secretarias, nepotismo familiar, político e... (não conheço o termo adequado para o novo nepotismo) alem de outras novidades. Para quem passou os últimos quatro anos criticando e condenando a realidade anterior, mesmo que bem mais leve e sem algumas conotações que, a nosso ver de leigo, se apresentam como inconstitucionais, é um mau começo. Os desdobramentos posteriores não devem ser melhores. Seria oportuno que, os Chefes do Executivo relessem o que falaram, na Câmara, nos últimos quatro anos, e agissem em conseqüência do que eles proclamavam como ético, honesto, moral e legal.Afinal de contas nem a legislação, nem os princípios morais e éticos, que regem nossa sociedade, mudaram de 2004 para 2005.
O caminho para a solução dessa problemática está sendo indicado, já faz algum tempo, pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e, mais recentemente, pelo Tribunal Regional do Trabalho de Campinas ao exigir que, até 31 de dezembro de 2005, grande parte dos cargos nomeados em comissão deverão ser extintos, serem criados cargos de provimento efetivo e realizados concursos de provas e títulos para cada um dos cargos a serem criados. O Tribunal de Campinas determinou calendário para providenciar as ações necessárias com a finalidade de encerrar o processo até 31 de Dezembro de 2005.
É uma oportunidade ímpar, dada aos administradores municipais para fazer reformas abrangentes, no primeiro ano de mandato, que é o mais adequado para essas providências. A fortuna propiciou aos atuais administradores o que tanto almejavam quando quem nomeava os comissionados eram outros. Com essa determinação do Tribunal do Trabalho de Campinas e a colaboração do Sindicato que, de longa data vem reivindicando essa reforma, o Poder Executivo terá forças para vencer pressões políticas, clientelismo, corporativismos, interesses individuais e de grupos e reformar o Estatuto dos Funcionários (Lei n 341/71) que já completou trinta e três anos, criar uma escala justa de cargos e salários, planos de carreira para todas as profissões, enxugar o número de denominações dos cargos seguindo os modernos princípios de administração pública, estabelecer normas disciplinares e de avaliação e estruturar a prefeitura com firmeza, justiça e espírito público.
Querendo, esse clima favorável, facilitará o trabalho e permitirá organizar o quase caos existente e cada dia mais complicado. Entretanto exigirá dos administradores saírem das mentalidades provincianas, soluções domésticas, corrupção, concursos com cartas marcadas, outros costumes políticos de longa data arraigados em Ubatuba e pensar que o município possui aproximadamente cem mil habitantes e precisa profissionalizar sua administração.
Agindo com espírito público, grandeza, visão de futuro, guiados pelos interesses do município e contratando uma empresa especializada e idônea que coordene os serviços e os debates prévios com todos os funcionários, Sindicato, Câmara Municipal e comunidade poderemos ter um produto final que resolva os problemas do município de modo definitivo, satisfatório, sem traumas e promova o prometido resgate. O caminho está aberto.
* Ex-secretário da Educação de Ubatuba

Notícias da Prefeitura

Ubatuba manda equipe ao Caça Talentos do surf

Evento acontece no Guarujá e garantirá apoio aos melhores atletas

Ubatuba estará enviando uma equipe de 10 atletas para participar do Festival Caça Talentos Natural Art, que acontece na praia do Tombo, no Guarujá, nos dias 26 e 27 de março. A idéia dos organizadores é avaliar os atletas de todo Estado de São Paulo, sem a obrigatoriedade de uma vitória, pois os atletas serão avaliados em função de técnica e talento exibidos, linha de surf , ataque , leitura de onda , timing de bateria, etc.
Dessa forma, os jovens talentos podem mostrar todo potencial técnico, livre de pressões. Ao final serão escolhidos seis atletas que farão parte da equipe Natural Art de Competição, nas categorias Júnior, Mirim e Iniciante que participarão dos circuitos municipais e também dos circuitos estadual e brasileiro amador caso consigam vaga. Ubatuba enviará uma equipe composta por dez atletas sendo dois na Iniciante, cinco na Mirim e três na Júnior.
O Coordenador de Surf da Escolinha Municipal, Alberto Jacob, lembra que o evento já deu chance a um grande talento do surf de Ubatuba. “O Hizunomê Bettero conseguiu seu primeiro patrocínio nesse evento e ficou dois anos com esse apoio. Hoje ele é um dos grandes nomes do profissional”, frisa Jacob. O critério para a escolha da equipe que vai ao Guarujá é o ranking municipal 2004.
O Festival Caça Talentos Natural Art é aberto a surfistas que estejam sem patrocinador principal. Os atletas selecionados farão parte da Equipe Natural Art de Surf Amador , e terão toda a estrutura para participarem, em suas categorias, de todos as etapas de seus respectivos circuitos municipais, tais como pagamento da inscrição, despesas de viagem, alimentação e hospedagem quando as competições não forem na cidade de origem do atleta e também apoio técnico nas etapas do paulista e brasileiro. Não haverá o pagamento de salário durante a vigência do contrato. Os atletas de Ubatuba contam com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. PMU



Mercado de Peixe tem novo administrador

Edgard Marques assume posto e garante transparência no trabalho

O novo administrador do Mercado Municipal de Peixe, Edgard Marques, realizou sua primeira reunião, na última sexta-feira, com os produtores de pescado da cidade. Por mais de uma hora, cerca de 30 produtores ouviram atentamente as propostas que Marques pretende implantar em sua gestão. Marques fez questão de deixar claro que pretende trabalhar em conjunto não apenas com o setor produtivo, mas também com os comerciantes, além de abrir um canal de comunicação com os consumidores.
“Temos que ter transparência em todos os passos. O administrador não pode apenas ocupar um cargo, tem que colocar as idéias em prática”, avalia Marques. Uma das idéias é transformar o Mercado em atrativo turístico. Para isso está viabilizando parcerias com a Secretaria de Saúde, através da Vigilância Sanitária e também com a Fundart.
Edgard Marques pretende ainda promover reuniões quinzenais com os setores que atuam no Mercado, para estudar as adequações que serão deverão ser feitas. Aumentando o fluxo de turistas, Marques acredita que o comércio será beneficiado. “Queremos colocar sinalização que informe a origem do pescado que é comercializado, maneiras de conservação e a história do próprio mercado e dos pescadores que fizeram essa história”, conta Marques, que também tem projetos para a internet.
Para colocar todos projetos em prática Marques diz que conta com o apoio do setor empresarial da cidade. “Estivemos reunidos e expus minhas idéias. Eles gostaram e vamos tentar, juntos, chegar ao objetivo”. O novo administrador contará com uma equipe de dez auxiliares entre serviços gerais, fiscais e agentes administrativos para auxiliá-lo nos trabalhos. No início do ano, Marques participou do “Congresso para Novos Gestores”, em São Paulo, e espera em breve, colocar em prática algumas das estratégias que foram apresentadas. PMU



Fundart retoma projetos e movimenta a agenda cultural em fevereiro

A programação é aberta à comunidade e traz uma variedade que se propõe a agradar os gostos mais diferenciados

Em fevereiro, a Fundart (Fundação de Arte e Cultura de Ubatuba) está retomando o projeto Cine Clube, que traz para a população ubatubense os clássicos do cinema nacional e internacional. Shows e apresentações musicais também acontecem nesse mês, com músicas de diversos estilos, que vão desde o clássico até o rock, passando pelo chorinho, MPB e reggae.
No próximo sábado, dia 19, acontece também a cerimônia de posse do Presidente da Fundart, Martiniano Viana e dos coordenadores dos grupos setoriais. Várias atrações estão marcadas para esse dia. A festa acontecerá na praça, em frente ao Casarão do Porto, com apresentações musicais, performances, poesia e animação de bonecos.
A programação é aberta à comunidade e traz uma variedade que se propõe a agradar os gostos mais diferenciados. O coordenador de eventos da Fundart, Jorge Lee, diz que em 2005, a idéia é envolver cada vez mais a população nos projetos e eventos da cidade. “A participação da comunidade é muito importante, precisamos movimentar a vida cultural e social do cidadão ubatubense”. PMU

Anote na sua agenda e não deixe de comparecer!

Sábado – 12.02 – 21h00.

Musical
Quarteto De Cordas Caculé
Música Clássica E Popular.


Domingo – 13.02 – 16h00.

Cine Clube
“Tainá”
Ano De Produção: 2000.
Direção: Virgínia Limberger.
Com: Eunice Baya, Caio Romei, Taibo Mahos e Grande Elenco.

Quarta – Feira – 16.02 – 21h00.

Musical
Balaio De Gato – O Trio.
Reggae, Rock E Mpb.

Sexta-Feira – 18.02 – 20h00.

Cine Clube
“Deus É Brasileiro”
Ano De Produção: 2003.
Direção: Carlos Diegues.
Com: Antonio Fagundes, Paloma Duarte, Walmar Moura e Grande Elenco.

Sábado – 19.02 – 20h00.

Posse Da Presidência E Dos Grupos Setoriais.

Quarta – Feira – 23.02 – 20h00.

Musical
Noite Do Chorinho.
Música Instrumental “Olho D’água”.


Sábado – 26.02 – 20h30.

Musical
Serestas E Seresteiros.

Domingo – 27.02 – 16h00.

Cine Clube
“Lisbela E O Prisioneiro”
Ano De Produção: 2004.
Direção: Guel Arrais.
Com: Débora Falabela, Selton Melo e Grande Elenco.

Contato:
Jorge Lee - Coordenador De Eventos
(12) 3833-7000 / 7001
eventos@fundart.com.br PMU



Parceria leva alimentos à Comunidade Emaús

Secretaria de Esporte e Fundo Social entregam mais de 100 quilos de alimentos

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer repassou ao Fundo Municipal de Solidariedade cerca de 120 quilos de alimentos, que foram arrecadados durante o “Verão Nick”. Durante o evento quem contribuía com um quilo de alimento não perecível, recebia dois ingressos para assistir a sessões de desenho animado. O Fundo Social de Solidariedade escolheu a Comunidade Emaús para receber esse alimento devido ao fato de ser a única, nesse primeiro momento, a solicitar o apoio do Fundo.
O Secretário de Esporte, Bittencourt Jr., ficou emocionado durante a entrega. “Essa foi apenas a primeira de muitas ações sociais que o esporte fará durante essa administração. Sei que essa pequena ajuda foi bem recebida”, completou o secretário. A presidente do Fundo Social, Denise Montemor César, também ressaltou a importância dessas ações. “Sabemos o trabalho que a comunidade Emaús desenvolve, e ficamos contentes em ajudar”. “Sempre que a população necessitar o Fundo Social se fará presente”, afirmou Denise. PMU



“Ação Ambiental” encerra temporada com o plantio de mudas nativas na Praia Grande

O projeto “AÇÃO AMBIENTAL - VERÃO 2005” encerrou suas atividades de conscientização com os turistas nestes quatro dias de carnaval. O fim-de-semana de carnaval foi marcado pelo plantio de mudas nativas em seis canteiros nos arredores da Praia Grande. Ao todo, foram plantadas cerca de 40 mudas, entre coqueiros, pitangueiras, mulungus, cássias e jundus de espécies diversas.
O plantio foi planejado pelo técnico Antônio Devide, da Secretaria Municipal de Agricultura Pesca e Abastecimento (SAPA), e contou com a participação de aproximadamente 30 crianças, agentes ambientais da ASSU e SEIVA e voluntários. O Secretário Municipal de Meio Ambiente, Paulo Pires (Sri) também participou do plantio e disse que essa é uma ação que simboliza o contato direto com a terra, a valorização da natureza. “O envolvimento da nossa comunidade e dos turistas com as causas ecológicas gera uma mudança de conceitos. As pessoas passam a ver a ecologia como algo fácil de se praticar. Plantar uma árvore e separar o lixo reciclável, por exemplo, são atitudes simples que fazem muita diferença”.
O encerramento oficial da campanha acontecerá no casarão da Fundação de Arte e Cultura (FUNDART) dentro de 30 dias. A ambientalista Karina Sarilho, convida os ecologistas ubatubenses: “Contamos com a presença de todos os parceiros, assim como a comunidade ecologicamente consciente para celebrar com a gente o fim dessa etapa do “Ação Ambiental” .
Este é o segundo ano que o projeto Ação Ambiental atua no município, levando Educação Ambiental aos freqüentadores de Ubatuba. Com o lema “Ubatuba é uma festa, mas vamos cuidar da casa!”, foram desenvolvidas atividades como: oficinas interativas; mutirões de limpeza; pesquisas de opinião; informações turísticas; registro de denúncias e sugestões para encaminhamento. O artista e agente ambiental Carlos Alberto Piovesan, comenta que “gradativamente, o projeto cresce, conquistando novas parcerias que, assim como nós, buscam fazer de Ubatuba uma cidade que convive em harmonia com a natureza”. PMU

terça-feira, fevereiro 15, 2005

Fundart abre inscrições para cursos de 2005

A FUNDART abriu inscrições para o curso de pintura em tela, com o professor e artista plástico Pauli Gil e ballet clássico, com a professora Alessandra Penha.

Aos interessados nos cursos:


Pintura:

Re-matrícula: de 10 a 18/02/2005
Matrícula: de 21/02 a 01/03/2005, das 8h às 12h e das 14h às 18h.
Início das aulas: 02/03/2005 – quarta-feira
Local: Casarão do Porto - FUNDART

Ballet Clássico:

Iniciação: crianças de 7 a 8 anos / 9 a 11 anos de idade
3º ano: adolescentes até 12 anos
Matrícula: de 10/02 a 04/03
das 8h às 12h e das 14h às 18h.
Início das aulas: dia 28/02 – segunda-feira (as aulas começarão antes do término das inscrições para os alunos que já estiverem matriculados).
Local: Casarão do Porto - FUNDART

Não esqueça:

- 1 foto 3X4
- fotocópia da certidão de nascimento
- fotocópia de um comprovante de residência
Informações: (12)3833-7000 / 3832-4584 PMU

Acidente na Comtur

capop

Parece linho mas é linholene!

divulgação

Acredite, seus olhos enganam!

O Brasil é um país singular, durante muito tempo a "garota" da foto foi considerada uma das mulheres mais bonitas do país, que convenhamos é bem servido no quesito.
Acontece que na época ela era ele, a gata era homem.
Vocês lembram do nome dela(e)?
Uma dica: Roberta Close. Depois de ficar velha, após ter feito uma cirurgia para virar mulher, dizem que está a cara da Luiza Brunet, também velha.
Portanto cautela, as aparências enganam, ainda que você tenha cuidado, poderá apanhar gato por lebre e depois que a coisa começar, quem vai convencê-lo de que deve parar?

Sidney Borges

Editorial

Quando foi Secretário de Turismo de Ubatuba, o senhor Sérgio Carvalho manifestou a intenção de criar uma empresa que englobasse a Comtur e a Setur. Seria a Adentur, duramente criticada e finalmente execrada, juntamente com o seu proponente. Com a disposição do executivo de extinguir a Comtur, é possível que o projeto volte a ser cogitado. O que tudo indica é que a liquidação da Comtur não será tão simples, é o que tenho escutado de alguns acionistas. Sem saber a real situação da empresa, não há como tomar partido. A Comtur deve ser fechada dizem alguns, é um antro de roubalheiras. Quando escuto isso replico imediatamente. Prove! Ao acusador cabe o ônus da prova. Quero documentos que mostrem os desvios e, se existirem, quero saber quem prevaricou, isto é, sabendo da ação criminosa não denunciou o fato, fugiu ao dever de cidadão. Fala-se muito em Ubatuba, quase sempre palavras ao vento, sem fundamento na realidade. Também não há o devido apreço pelo esclarecimento, as decisões costumam ser tomadas à revelia da população. Isso precisa e deve mudar!

Sidney Borges

O outro lado dos fatos

A nota abaixo foi publicada ontem, no Ubatuba Víbora, enviada pela Assessoria de Comunicações da Prefeitura. As normas do bom jornalismo nos obrigam a ouvir a outra versão. A senhora Regina Alves Ferreira deverá se pronunciar na “Tribuna Livre” da Câmara Municipal, na sessão desta noite. Amanhã daremos detalhes para que cada um tire suas conclusões.

O Gabinete do Prefeito foi invadido na última quinta-feira pelo casal Regina Alves Ferreira Santos e João Alves dos Santos Filho causando um grande tumulto no Paço Municipal. Segundo o boletim de ocorrências registrado após a confusão, o casal teria ido na noite anterior até a casa do prefeito e feito ameaças. Na ocasião teriam dito que caso o prefeito não arrumasse emprego para um deles, que teria ajudado na campanha eleitoral, no dia seguinte invadiriam a prefeitura e quebrariam tudo.
Recebidos por um assessor do prefeito logo no início da manhã, Regina e João passaram a agredi-lo verbalmente e em dado momento tentaram esmurrá-lo, sendo impedidos por um policial militar que se encontrava nas proximidades.

Sidney Borges

Vá ao "Bingo da Aduba" e ganhe um carro!

A Associação dos Deficientes de Ubatuba (Aduba) finaliza os preparativos para o “Show de Verão 2005”, que acontece no próximo domingo, dia 20. Além de diversos shows com artistas locais, o público poderá participar de um bingo, que visa arrecadar fundos para a entidade. A Aduba aproveita as estações do ano para promover esse tipo de evento, que acontece pela sexta vez em Ubatuba.
A venda de cartelas continua a todo o vapor no calçadão da Av. Maria Alves e a expectativa dos organizadores é reunir mais de duas mil pessoas na praça BIP.
Para facilitar o atendimento, a Aduba dispõe de entrega de cartelas a domicílio, sem taxa extra, bastando solicitar através do fone 3833-4466 e 3832-0346. As cartelas adquiridas antecipadamente custam 10 reais e no dia do evento o valor será 15 reais. Quem colaborar com a Aduba estará concorrendo a um Fiat Tipo, aparelho de TV, DVD, Micro System e duas bicicletas. O “Show de Verão 2005”, terá início às 15 horas e a organização lembra que a chuva não será problema, pois a Praça BIP é coberta e o público poderá comparecer sem maiores preocupações.

Câmara dos Deputados tem novo presidente

Deu Severino!
Com 300 votos dos 498 deputados presentes, foi eleito nesta manhã o novo presidente da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti (PP-PE), azarão de um páreo que tinha Luiz Eduardo Greenhalgh (PT-SP) como franco favorito.
Greenhalgh, teve apenas 195 votos - 207 no primeiro turno.
Severino Cavalcanti vai presidir a Câmara dos Deputados no biênio 2005-2006.
Agora o comissariado vai tentar acabar com o voto secreto quando a opção seria procurar um bom articulador político. Com Dirceu e Genoíno na berlinda, disparando diatribes fora do contexto, outras derrotas virão.

Agora uma pergunta: Greenhalgh, de quem foi a idéia?

Sidney Borges

Ubatuba poderá ter linha aérea regular

Empresa aérea Fluminense tem interesse por aeroporto de Ubatuba

Continuando conversações visando ampliar o uso do aeroporto Gastão Madeira, o vereador Charles Medeiros recebeu do Comandante Antonio Donizete Sávio, Diretor de Operações da Team Linhas Aéreas, notícias de que a empresa considera com muito apreço a possibilidade de estabelecer uma conexão regular com Ubatuba.
Segundo Sávio, foi solicitado ao Diretor Comercial, Mauro Almeida, um amplo estudo sobre a possibilidade da empresa incluir em suas rotas regionais o aeroporto Gastão Madeira. Medeiros disse que para a Team será uma grande oportunidade, a empresa que faz a rota Rio de Janeiro – Angra – Paraty, poderá aproveitar a demanda reprimida por transporte aéreo que há no Litoral Norte. É uma aspiração não só de Ubatuba, mas de toda a região. Charles Medeiros tem consciência de que cidades como Caraguatatuba e São Sebastião também serão beneficiadas.

Fonte: Assessoria Charles Medeiros

segunda-feira, fevereiro 14, 2005

Notícias da Prefeitura

Setur faz balanço do carnaval 2005

A Secretaria de Turismo de Ubatuba, Setur, avaliou como positivo o resultado das festividades do Carnaval de 2005. Segundo o secretário Luiz Felipe Azevedo, apesar do pouco tempo disponível para a organização do evento, todo o roteiro previamente estabelecido foi cumprido, com apenas alguns previsíveis atrasos. “Os desfiles dos blocos aconteceram dentro das datas previstas, sem maiores incidentes”, comentou.

Presença massiva

Os foliões de Ubatuba compareceram em peso ao corredor turístico de Ubatuba, que esse ano se estendeu da rotatória do Itaguá à ponte do Perequê-açú. Os turistas puderam acompanhar a folia no Itaguá, com o E.C. Itaguá, que permaneceu em frente à Capela, além dos blocos do Guaruçá e Fio de Ouro, que desfilaram pela região. Na Av. Iperoig, área central da cidade, todos os presentes acompanharam e brincaram bastante com os blocos Recordar é Viver, Bloco do Funil e Bloco do Garça.

Marchinhas na praça

No coreto da Igreja Matriz, que contou com uma decoração especial preparada pelo carnavalesco Nei Martins, muitas famílias se divertiram com as marchinhas interpretadas pela Lira Padre Anchieta, além da participação do bloco do Guaruçá e do Recordar é Viver. A garotada também teve sua vez, pois as matinês (com entrada franca), ocorreram todos os dias por volta das duas da tarde, no Tubão, contando com a presença de dezenas de crianças e suas famílias.

Ponto alto x problemas

Segundo a Secretaria de Turismo, o ponto alto do Carnaval 2005 ficou por conta do desfile do Bloco do Garça no sábado, que acabou por reunir milhares de pessoas por toda a Avenida Iperoig. Por ser a única a contar com uma bateria com maior número de instrumentos e com uma estrutura mais organizada, foi a mais aclamada pela multidão que se espalhava pela avenida.
O desfile mais polêmico foi o do irreverente Bloco da Cachorrada, que acabou por causar inúmeros transtornos durante sua passagem. Os maiores problemas ficaram por conta de atos de vandalismo, carros amassados e avariados, bloqueio de vias públicas, brigas e enfrentamento com a Guarda Municipal.

Carnaval 2006

“O que vimos durante este ano servirá como base para o Carnaval de 2006, que já começou a se preparado”, afirma o secretário de turismo Luiz Felipe Azevedo. “Se tudo correr dentro do que estamos planejando, o próximo Carnaval contará com a volta das nossas escolas de samba, além do resgate do Carnaval de marchinhas, que foi tão bem aceito pelas famílias que nos prestigiaram neste ano”, completa.
A Setur agradece o apoio da Fundart, através de seu presidente, Martiniano Viana, e do assessor cultural Nei Martins, pela dedicação durante o evento. Também agradece aos efetivos da Guarda Municipal, da Polícia Militar e da equipe de Trânsito, que atuaram de modo efetivo durante todos os dias do Carnaval. PMU



Atenção, pais de alunos das Emeis Estufa II e Centro:

A Secretaria Municipal de Educação comunica aos pais de alunos que as aulas da Emei Estufa II e da Emei Centro começarão no dia 15 de fevereiro, por conta das reformas que estão sendo terminadas nos próximos dias. Em 2005, a Emei Centro funcionará no antigo prédio da Elektro. PMU



Secretaria de Esporte chama alunos para renovação de matriculas

A Secretaria de Esporte e Lazer de Ubatuba deu início no dia 10, às renovações de matriculas para as escolinhas de esportes. Os alunos que participaram das aulas de basquete, vôlei, surf, futebol e natação adulto em 2004 deverão comparecer ao ginásio de Esportes Tubão (Avenida Prof Thomaz Galhardo), das 9h às 17h, até o dia 17. Já os alunos da Melhor Idade serão atendidos em seus bairros, conforme cronograma abaixo, com exceção dos alunos da hidroginástica que deverão comparecer à Piscina Municipal. O período entre os dias 21 e 28 será reservado para quem pretende se iniciar em alguma área esportiva. É necessário levar duas fotos 3X4 e cópia da certidão de nascimento. Serão abertas vagas em dois períodos para futebol, vôlei, basquete e surf, este com aulas na Praia Grande, Perequê Açu e Maranduba. Maiores informações podem ser obtidas através do telefone 3833-3818.

Cronograma para Renovação de Matrículas para alunos da Melhor Idade:

21 a 25 /02 das 8 às 10:30 h.

Maranduba – Academia da Suzana
Estufa II – Sede da Sabe
Itaguá – Sede da Escola de Samba
Estufa I - Igreja São Benedito
Silop - Associação dos Aposentados Ubatuba

22, 24 e 28 das 8 às 10:30 h.

Praça Bip
Taquaral – Escola Hugo Simeão
Enseada – Igreja Santa Rita
Lagoinha – Salga

21, 23 e 25 das 8 às 10:30 h.

Ipiranguinha – Posto de Saúde
Lázaro – Escola Municipal do Saco da Ribeira
Centro – Salão da Igreja São Francisco
Perequê Açu - Terminal Turístico

21, 22 e 23 das 8 às 10:30 h.

Horto – Salão do Horto
22, 25 e 28 das 8 às 10:30 h.
Marafunda – Capela Santa Cruz PMU



Prefeitura sedia reunião sobre gerenciamento costeiro

Através da Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Pesca, Ubatuba sai na frente e realiza a primeira reunião envolvendo a Secretaria Estadual de Meio Ambiente para solucionar as dúvidas junto ao órgão fiscalizador, que é a polícia ambiental e os principais envolvidos, os pescadores. O encontro organizado pela Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca, contou com representantes do Instituto de Pesca, Colônia de Pescadores Z-10, Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Polícia Ambiental.
Para Valéria Cress Gelli, Secretária Municipal de Agricultura e Pesca, a reunião serviu para tirar algumas dúvidas antigas e também analisar outras que surgiram após a promulgação da lei. “Em breve faremos uma grande campanha de conscientização para que o setor produtivo desenvolva suas atividades de uma forma responsável. Estaremos encaminhando um relatório com todas as questões que ainda existem ao Governo Estadual para que sejam feitas as adequações necessárias”, salientou Valéria.
A secretária-executiva do Grupo Setorial de Coordenação do Litoral Norte, Marta Emerich, diz que a interpretação da lei de zoneamento marinho vem sendo a grande dificuldade dos setores envolvidos. “Pretendemos realizar reuniões nas quatro cidades do Litoral Norte, pois toda nova lei leva um certo tempo para ser assimilada”. Se necessário as revisões serão feitas posteriormente, através de decreto”, completou Marta. Entre as atribuições do Grupo Setorial estão a elaboração dos planos de ação e gestão, as ações prioritárias e a definição dos recursos e atividades necessárias para que sejam implementadas. PMU



Aterro Sanitário volta a operar normalmente

Transbordo do lixo não será necessário

O tempo colaborou e a Secretaria de Obras pôde dar continuidade à nova cava que estava com sua operacionalização comprometida devido às chuvas que assolavam a cidade. Com isso a coleta foi normalizada e o secretário João Paulo Rolim acha que até amanhã (12) tudo estará resolvido. “Acredito que todo o lixo será compactado e aí então vamos abrir uma nova etapa de obras no aterro, para conseguir uma vida útil de mais um ano”. A Secretaria lembra ainda que a melhor maneira para evitar acumulo de lixo no aterro é a separação do lixo nas casas. Para isso dá algumas dicas:

Reduza ao máximo o lixo produzido,
Não misture materiais recicláveis com o lixo orgânico,
Reutilize tudo o que for possível e facilite a reciclagem,
Papel velho não é lixo, é matéria prima,
Reciclar é preservar o Meio Ambiente !
Vale lembrar que não podem ser reciclados embalagens de pizza., lâmpadas e pilhas, papel de fax, papel higiênico e papéis metalizados e lixo orgânico em geral (restos de comidas).
Antes de jogar embalagens de comida e latinhas de bebida, lave bem com água. Como o lixo reciclável é estocado por mais tempo, os restos podem criar mau cheiro, e atrair insetos e ratos. E também os restos de bebida e comida atrapalham o processo industrial de reciclagem.

As pessoas interessadas em receber a visita do caminhão da Coleta Seletiva pode solicitar o serviço através do telefone 3833-2846. PMU



Casal invade gabinete do prefeito e faz ameaças a funcionários

Na noite anterior, o casal foi até a residência do prefeito e ameaçou quebrar tudo na prefeitura caso não conseguisse um emprego

O Gabinete do Prefeito foi invadido na última quinta-feira pelo casal Regina Alves Ferreira Santos e João Alves dos Santos Filho causando um grande tumulto no Paço Municipal. Segundo o boletim de ocorrências registrado após a confusão, o casal teria ido na noite anterior até a casa do prefeito e feito ameaças. Na ocasião teriam dito que caso o prefeito não arrumasse emprego para um deles, que teria ajudado na campanha eleitoral, no dia seguinte invadiriam a prefeitura e quebrariam tudo.
Recebidos por um assessor do prefeito logo no início da manhã, Regina e João passaram a agredi-lo verbalmente e em dado momento tentaram esmurrá-lo, sendo impedidos por um policial militar que se encontrava nas proximidades. Segundo o prefeito, que acabou conversando com o casal após o incidente, a questão do desemprego é realmente preocupante, porém, isso não justifica a forma agressiva com que pessoas da prefeitura foram tratadas.
“Não há vagas para contratação de pessoal e o nosso empenho hoje é de incentivar a instalação de novas empresas no município que possam gerar novos campos de trabalho. Além do mais, estamos trabalhando firme no desenvolvimento do turismo visando a geração de emprego e renda para a nossa comunidade, tão sofrida e carente de condições de trabalho”, enfatizou Eduardo César. PMU

O mais confortável dos aviões

JetSite

No anúncio da BOAC, todo o conforto do VC10

Esse avião esguio e silencioso foi o preferido dos passageiros. Havia muitos que preferiam adiar o vôo somente para viajar num deles. Com os motores situados na cauda, era o mais silencioso e confortável dos jatos transcontinentais. Perdeu na guerra do marketing, foi superado pelo Boeing 707, mais econômico. Os ingleses, que dominaram o mundo no século XIX, demoraram para aprender a competir. Quando acordaram era tarde, os americanos tinham tomado conta do mercado.

Sidney Borges

São Roberto, ou melhor São Dr. Roberto

arquivo

Roberto Marinho, general civil das comunicações, segundo Ibrahim Sued

Depois de muito tempo sem sintonizar a Globo, ontem, estando na casa de um amigo assisti a um trecho do Fantástico. Uma matéria com o Dr. Roberto, como era conhecido o empresário Roberto Marinho me chamou particularmente à atenção. Sem sombra de dúvida, a obra do "jornalista" é de tirar o chapéu. Ele construiu um império. Um império terreno, embora, pelo andar da carruagem e pelo teor das homenagens, vão acabar propondo que seja canonizado. Acho que ele próprio não gostaria de tal coisa. Vamos com calma pessoal, como não existe vácuo, logo haverá outros tycoons da mídia para terem o saco puxado.

Sidney Borges

Lula, Dirceu, Genoino

É o PT. Lula e o PT passaram 23 anos encomendando um governo à Igreja, aos sindicatos, aos trabalhadores, às universidades, aos professores e estudantes, aos intelectuais e artistas, ao povo, ao País. Quando ganhou, entregou tudo ao FMI, aos banqueiros, aos velhos exploradores, espoliadores e especuladores da Nação. Ao Diabo.
É o capítulo mais melancólico e constrangedor da história política do País nos últimos anos. Basta ler os jornais, as revistas, as entrevistas: a imensa maioria dos fundadores do PT, desolada, inconformada, denunciando a suprema traição de Lula e da corriola que ganhou o governo em nome do PT, usando o PT, e tem hoje seu principal retrato no melancólico e perplexo fantasma de Genoino, tentando defender o indefensável, a traição.
Sem argumentos, o Béria José Dirceu e o Brejnev Genoino ameaçam: "É necessaria uma atualização do estatuto do partido para dar mais unidade de ação." Para quê? "Para condenar imediatamente os dissidentes" ("Folha").
 
Free counter and web stats