sábado, dezembro 25, 2004

Em algum lugar!

Vocês já viram alguém com o mal de Alzheimer? Já tiveram a oportunidade de conviver com uma pessoa que aos poucos deixa de ser?
Em certos momentos, inesperados, acontecem lampejos de lucidez. Parece que tudo vai voltar a ser como antes.
Infelizmente não é assim, esses retornos são raros.
Minha sogra está acometida desse mal. Embora físicamente saudável, parece viver num universo paralelo. As dificuldades verbais são de monta, é muito difícil entender o que as palavras ditas por ela significam.
Foi o que aconteceu na última semana, quando acompanhou a minha mulher ao me buscar na Câmara, onde se discutia a nova lei do uso do solo.
Na chegada ela balbuciou coisas incompreensíveis, havia brilho em seus olhos, alguma visão produziu um efeito mágico.
Modunho, ela repetia modunho. O que seria modunho? Minha mulher, acostumada pela longa convivência, interpretou o que ela estava querendo dizer. Domenico Modugno.
Por alguma razão veio à sua mente o cantor italiano que tanto sucesso fez nos anos da década de 1960.
Na frente da Câmara estava o arquiteto Renato Nunes, para quem ela olhava fixamente e repetia modunho.
Foi então que entendemos, ela confundiu o nobre edificador com o cantor de outrora. Pensando bem há mesmo uma certa semelhança.
Em casa colocamos um CD de músicas italianas e ouvimos Renato Nunes, digo Domenico Modugno cantar "Volare". Ela sorriu satisfeita.

Sidney Borges

Tarde do dia 25...

sidney borges


Parece ficção, depois de tanto movimento a estrada que vai para Taubaté apresenta este aspecto. Mais calmo impossível, só falta pousar um ovni.
Na tarde do dia de Natal o melhor a fazer é jiboiar, isto é deitar e ficar observando o fluxo do tempo.
Mesmo porque, depois de tanta comilança, nada mais apetece.

O que fizeram do Natal?

Pedro Paulo Teixeira Pinto* - Professor
Não existe data que mais consagre a sociedade de consumo do que a do Natal, a ponto de ofuscar o seu verdadeiro sentido, que é o de homenagear um homem simples e sábio idealista, inconformado com as injustiças que infelicitavam (e infelicitam) a humanidade, contra as quais lutou até a morte, na cruz, decidida que foi por um tirano e pela aclamação popular.
E assim vem sendo conduzida a história, até hoje, pelas mãos dos poderosos que se sucedem, mas nunca se descuidam de incentivar a celebração dos grandes heróis populares que eles próprios cuidam de liquidar. Assim é, assim foi, assim será.
A celebração do Natal não é festa alegre nem triste. É acima de tudo de reflexão, de busca de sentido legítimo da vida, ancorada na simplicidade e na sabedoria e não nas formas da propaganda enganosa do consumismo cruel, que afasta o sentido cristão do Natal, impregnando de futilidade tudo aquilo que toca.
Mas, como reformar o mundo é tarefa que matou, mata e matará todo reformador autêntico, haja vista a crucificação de Jesus Cristo, resta-nos, entre outras coisas o recurso da poesia e da ironia. Mário Henrique Simonsen dizia que “o brasileiro costuma ser otimista entre dezembro e fevereiro”.
De seu lado, Manoel Bandeira, no poema “Versos de Natal”, assim se expressa.
“Espelho, amigo verdadeiro
Tu refletes as minhas rugas ...
... Mas se fosses mágico
Penetrarias até ao fundo desse homem triste,
Descobririas o menino que sustenta esse homem,
O menino que não quer morrer,
Que não morrerá senão comigo,
O menino que todos os anos na véspera de Natal
Pensa ainda em pôr seus chinelinhos atrás da porta”.
Tem também Quintana, o Mário, em seu poema Natal, que segue assim:
“No seu berço de palha o menino Jesus veio lembrar-te as pequeninas vidas que já levam no mundo a sua cruz. E o seu olhar parece que te implora: Tu já me viste e me adoraste... agora só te resta fazer o que puderes pelas outras crianças desvalidas”.
Do poema, Cartão de Natal, João Cabral de Melo Neto nos ensina: ... “pensam os homens reinaugurar a sua vida e começar novo caderno, fresco como o pão do dia; pois que nestes dias a aventura parece em ponto de vôo...”
Feliz Natal.

*Ex-prefeito de Ubatuba

Fique bem na fita...

sidney borges


O Ubatuba Víbora quer ver todo mundo feliz. O preço é o mesmo, então não vale à pena curtir amargores. A vida é muito curta para isso. No próximo ano vamos trabalhar bastante para fazer deste fotograma uma realidade cotidiana, vamos ser felizes todos os dias, inclusive naqueles em que chove e que não são poucos.

sexta-feira, dezembro 24, 2004

Utilidade Pública

O Governo Federal envia anualmente para Ubatuba
R$ 546.050,00 para serem distribuídos entre os que vivem em condições de pobreza e extrema pobreza.
Estamos publicando diariamente os nomes de 15 beneficiados.
Quem possui bens não deve aparecer.
Se estiver na lista é caso para o Ministério Público.
Para consultar de uma vez, clique aqui

Lista 23

DULCINEIA RODRIGUES DE SOUZA

DURVALINA ALECRIM RIOS

DURVALINA PIRES DE SOUZA

EDELMA CASTRO DA SILVA SANTOS

EDI RAMOS GOMES

EDILENE ALVES DOS SANTOS

EDILENE DA SILVA MATEUS

EDILEUZA FEITOSA DA SILVA

EDILU CRISTINA DA SILVA CONCEICAO

EDINA MARIA BERTO FERREIRA

EDINALVA GOMES DE MACEDO

EDINEIA APARECIDA LOPES DOS SANTOS

EDIVANETE DOS SANTOS

EDNA APARECIDA DOS SANTOS

EDNA DOS SANTOS MORAES


Editorial

O Ubatuba Víbora está de cara e casa novas. Já há algum tempo vínhamos recebendo reclamações de leitores pela dificuldade de acesso.
Quando optamos pela forma anterior, o fizemos pensando na agilidade. Infelizmente as regras do jogo do Blogger.com.br mudaram no meio da partida. Eles afirmam que eu tinha sido informado, não tenho lembranças.
Não seriam menos de vinte reais mensais que alterariam a minha disposição de continuar com a página, que tanto sucesso vinha tendo.
Quando me propus a pagar, fui informado que mesmo assim haveria a possibilidade da página ser tirada do ar.
Se é imperioso mudar, pensei, vou mudar para melhor.
Agora estou sob as asas do Google, que é uma empresa vitoriosa e não vai causar problemas a um pobre escriba do Litoral Norte.
Peço desculpas públicas pela não publicação completa das fotos e currículos dos novos secretários.
Nas mudanças perde-se sempre alguma coisa. Eu ainda estou aprendendo a lidar com os formatos do novo hospedeiro.
O que interessa, que é a vontade de informar, não mudou, tivemos um primeiro exemplo.
Bastou o Ricardo Faria dar uma nota sobre o aumento dos ônibus e veio a réplica. Em boa hora. Eduardo César está atento!
Dizem que o atual prefeito tem interesse especial no transporte coletivo de Ubatuba.
Teria sido essa a motivação do aumento absurdo e imoral. Não vai colar!
O turismo finalmente está completo.
A propósito do secretariado, vou usar algumas palavras do futuro presidente da Comtur, Josias Sabóia, Jija.
“Só se deve fazer críticas ao trabalho feito, não aos nomes escolhidos”.
Concordo em parte, os homens mostram sua capacidade ao longo da vida.
É só atentar para suas famílias, a educação que dão aos filhos, os relacionamentos com os mais próximos, para formar opinião.
As pessoas não são o que dizem, são o que fazem!
Fora isso, concordo que só depois do trabalho iniciado poderemos nos posicionar. Como muito bem sabe o Jija, faremos isso de forma isenta e responsável.
Bom Natal para todos e muito obrigado aos que nos enviaram mensagens de boas festas.
Sucesso ao novo governo, Ubatuba precisa!

Sidney Borges

Ao apagar das luzes...

Prefeito eleito de Ubatuba não aceita reajuste da tarifa de ônibus

Eduardo César espera que o atual prefeito cancele o reajuste de quase 12% no preço da passagem de ônibus urbano – mais que o dobro da inflação do período

Ao ser informado do reajuste na tarifa do ônibus urbano, ocorrido na última quarta-feira, dia 22, de R$1,70 para R$1,90, o prefeito eleito de Ubatuba, Eduardo César, ficou indignado: “Acho muito estranha esta elevação de tarifa bem no final do ano, há menos de dez dias de assumirmos a prefeitura.

Isso, sem contar, que o reajuste autorizado pelo atual prefeito foi bem acima da inflação do período.
“Espero que a prefeitura de Ubatuba reveja sua decisão e assuma a mesma posição da prefeitura de Caraguatatuba que decidiu suspender o aumento previsto”, disse Eduardo César.
Segundo notícias veiculadas na imprensa ontem (23/12), o prefeito de Caraguá, Antonio Carlos da Silva (PSDB), decidiu suspender o reajuste previsto para ontem. Em Caraguá, a tarifa também iria de R$ 1,70 para R$ 1,90. "Achei que a dez dias de encerrar minha administração não seria justo autorizar o reajuste", afirmou o prefeito de Caraguá em nota a imprensa.
Eduardo César disse ainda que se o rejuste não for revisto pela atual administração, logo que assumir estará solicitando da empresa de ônibus as planilhas de custo que definiram as tarifas em R$1,70 e agora em R$1,90.

“Com essas planilhas poderemos fazer uma comparação detalhada e caso seja comprovado um aumento abusivo determinarei imediatamente o cancelamento do reajuste”, concluiu o prefeito eleito de Ubatuba.
Fonte: Assessoria de Comunicação

Turismo completo!

Estão confirmados mais dois nomes na equipe de governo de Eduardo César, prefeito eleito de Ubatuba. Luiz Felipe de Azevedo, mais conhecido por Felipão e Josias Baltazar Nunes Sabóia, o Jija, aceitaram o convite de Eduardo para ocuparem, respectivamente a Secretaria Municipal de Turismo e a Companhia Municipal de Turismo, a Comtur.
Fonte: Assessoria de Comunicação

Bom dia

Ricardo Faria - Jornalista
A primeira vista, parece que o Eduardo César encontrou alguns nomes razoáveis para o secretariado. O Paulo Xirí eu conheço, é um cara sério, respeitavel e prendado no verdadeiro sentido da palavra, talhado para conduzir o nosso meio ambiente. Pelo menos três nomes grandes estão fazendo falta, um no turismo, outro no planejamento e um tipo Léo Lerro para a Secretaria de Arquitetura e Urbanismo. Estou falando de nomes grandes daí sugerir o do Marco Antonio Ruggiero, do hotel Sol e Vida para o turismo. Somente contando com grandes nomes teremos um grande governo que tanta falta nos faz, desde que conhecemos e usufruimos do saudoso Ciccillo Matarazzo. Também acho que o Eduardo poderia convocar uma meia dúzia para um conselho consultivo de colaboradores, sem despesas para a prefeitura, para opinar e sugerir sobre diversos assuntos. Se convidado, participaria com muito prazer. Hoje, com o advento da Internet e a rapidez das comunicações, ficou fácil realizar reuniões virtuais com resultados concretos. A criação desse conselho seria uma amostra da evolução dos políticos que ora assumem o poder por nós delegado. Mas, sempre existe o mas, é desnecessário considerar o esforço da máquina pública municipal em acompanhar em realizações as idéias e os projetos apresentados. Sem contar as naturais ciumeiras a serem vencidas. Que vale a pena experimentar, vale! Depende agora do nosso futuro prefeito Eduardo César em cujas mão estão depositadas as nossas esperanças. Quanto a Comtur, o melhor é acabar de vez com essa organização fraudulenta que somente lesou os cofres públicos e privados em benefício de meia dúzia de safados.

quinta-feira, dezembro 23, 2004

A saúde dos doentes...

No encontro com a imprensa o Prefeito eleito Eduardo César manifestou preocupação com o atendimento à saúde dos munícipes.
Não era o local adequado para aprofundar o tema, teremos certamente outra oportunidade quando o futuro Secretário, Dr. Marcos da Silveira Franco, receber a imprensa para expor seu plano de trabalho.
Há, no entanto, algumas providências que devem ser tomadas de imediato.
A compra de “Destros” é uma delas.
Para quem não sabe, Destro é o aparelho que mede a taxa de açúcar no sangue, fundamental quando o médico precisa avaliar um paciente diabético.
O artefato custa pouco, é pequeno e deveria estar presente em todos os locais de atendimento ao público.
Só existe na Santa Casa.
Causa um enorme transtorno para quem vive neste município alongado, perder horas dentro dos ônibus para fazer um exame que dura alguns minutos, usando um aparelho que custa menos da metade de um salário mínimo.
Se eu fosse o Boris Casoy, diria exatamente o que o leitor está pensando.

Sidney Borges, da Redação

Como enviar colaboração

Com a mudança brusca, ainda não deu tempo de aprender os mecanismos de publicação, diferentes da página anterior.

Quem quiser enviar colaboração, o e-mail é o seguinte:

sidneyborgesdacosta@yahoo.com.br

Sidney Borges, da Redação

Faz de conta!

Parece que os brasileiros têm apreço em enganar os outros, certamente advindo da época em que enganávamos os ingleses.
Eticamente discutível, a prática ainda apresenta o inconveniente de acabar se virando contra os praticantes.
Na cidade de Amsterdã há uma inscrição em latim, no frontispício de um edifício público.
"Homo sapiens non urinat in vento". Sábia precaução.
O salário dos secretários é um ponto a ser apreciado com a devida cautela. Paga-se pouco, pouco pode ser exigido.
O salário perde o significado e acaba se tornando simbólico.
Se for pensado como ajuda de custo é muito, como remuneração pela dedicação de um funcionário que carrega enorme responsabilidade nos ombros, é ridículo. Pela importância do qual se reveste, o assunto deveria ser amplamente discutido, de preferência sem a habitual hipocrisia que tanto mal causa a todos.

Sidney Borges, da Redação

CHEGA DE HIPOCRISIA!

CADÊ A SABIA? (Sociedade Amigos do Bairro do Itaguá)
Eu assisti uma mobilização muito bem articulada da SABIA, contra um grupode artesãos que queriam expor seu trabalho na praça da praia do Itaguá, Praça que dizem ser: UM LUGAR NOBRE.
Mobilização essa com direito a pressão nas seções da Câmara e tudo mais a que tiveram direito.
CADÊ A SABIA?
Eu faço minha caminhada COM OBSTÁCULOS todos os dias no calçadão, onde vejo quiosques tomarem conta ao seu BEL PRAZER, eles demarcam a área do tamanho e da cor que querem sem nenhum CRITÉRIO (CALÇADÃO ARCO-ÍRIS).
Hoje ao caminhar esbarrei numa placa no meio do transitável FEIJOADA SENZALA, pelo amor de Ubatuba e Itaguá vamos tomar providencias!
Esse calçadão não está na mesma área NOBRE da praça?
CADÊ A SABIA? QUAL SUA POSIÇÃO? O QUE ELA DEFENDE? ESTÁ A SERVIÇO DO BAIRRO (MORADORES) OU DE INTERESSES PARTICULARES?

Ciro Siqueira

Bom dia

Presente de Natal. Por incrível que possa parecer, nos últimos dias do seu governo o prefeito Paulo Ramos autorizou por decreto o aumento no preço das passagens de ônibus, que passam a custar R$ 1,90.

Mais um “presente de grego” que o malfadado prefeito impõe à população ubatubense.

Ao reajustar as tarifas por decreto, demonstra o seu perfil autoritário. Claramente atropelou a Câmara Municipal e os demais segmentos representativos do povo ubatubense.

Cabe agora aos vereadores se posicionarem em relação ao citado decreto lei que, antes de mais nada, deve passar por uma discussão legislativa para adquirir legalidade.

Mais uma vez o atual alcaide demonstra não ter nenhum compromisso com a cidade. Na defesa dos seus interesses, resta somente à comunidade ubatubense reagir contra mais esse ato insano e ditatorial do prefeito Paulo Ramos, Justiça com ele! Se nos oferece mais um presente maldito também lhe oferecemos o nosso:

Xô Paulo Ramos

Ricardo Faria - Jornalista

Como comentar?

Nesta página os comentários são diferentes da anterior, embora mais confiáveis tecnicamente. Para publicar o seu comentário você deve clicar em comments, e em seguida em post a comment. Na seqüência abrirá uma janela para você opinar.

Presentes para Ubatuba

1. Que o povo Ubatubano recorde sempre e passe de pai para filho o quanto foi péssimo o prefeito Paulo Ramos.
2. Que o atual prefeito Eduardo César não faça como Paulo Ramos, melhorando somente as ruas do centrinho da cidade aonde os turistas passam, que melhore também as periferias.
3. Impostos: (por sinal bem caros) sejam melhor aproveitados, arrumando pelo menos todas as ruas, que na verdade estão todas esburacadas (Ubatuba está um caos).
4. Deixem as praias livres de pagamento do estacionamento, afinal as praias são da natureza.
5. Que os terrenos baldios fossem feitos muros e calçadas, enviando os custos aos proprietários.
6. Sistema de esgoto: que todas as ruas fossem feito o prolongamento de esgoto, para que não existissem mais fossas.
7. Que a defesa civil olhasse também o outro lado, em primeiro lugar está a nossa segurança e depois a preservação, se querem preservar mesmo então que arrumem tempo para cuidar das árvores, arrancando o mato que a sufoca.
8. Violência: está demais a violência nesta cidade, temos que viver trancados, com medo de andar nas ruas.
9. Que todos os moradores e turistas ajudem a Santa Casa, pois precisamos muito.
10. Precisamos de uma pulverização para acabar com os pernilongos, borrachudos e etc... Está demais.

Magaly Zingaro
Itaguá - Ubatuba

Eduardo César anuncia secretariado

Em reunião acontecida ontem, no “Recanto das Toninhas”, o Prefeito eleito Eduardo César e seu vice, Domingos dos Santos, receberam a Imprensa do Litoral Norte para anunciar os nomes dos colaboradores do primeiro escalão.
Finalmente o tão comentado secretariado. Ou melhor, parte dele. Ainda falta a confirmação dos nomes relacionados ao turismo e às comunicações.
Segundo Eduardo, os convites foram feitos e estão sendo aguardadas as respostas. O empresário Josias Saboya, Jija, convidado para ocupar a presidência da Comtur, defende a tese que o setor deve ter apenas um nome no comando, ou então, se não for possível, que haja total entrosamento entre Setur e Comtur. É sabido que a cidade necessita de uma política de desenvolvimento do turismo que atenda aos anseios de todos os segmentos, esse é um dos problemas que o futuro governo terá de resolver. Sem saber que rumos dar ao turismo, como fazer planos para ocupar o solo? Fica faltando alguma coisa. Demonstrando sinceridade Eduardo César chegou a mencionar a possibilidade da extinção da Comtur, o que tem passado pelas cabeças pensantes do município com certa insistência.
No setor de comunicações a proposta do futuro governo é das mais interessantes, parece que a Assessoria de Imprensa vai finalmente funcionar como Assessoria de Imprensa e informar o que há. Até hoje tem sido um bom porto para ancorar naves amigas, infelizmente de outros ramos. Eduardo César afirmou ainda que o atendimento à saúde dos munícipes será a prioridade número um do futuro governo.

A seguir a equipe de colaboradores:

Secretaria de Administração: Sizenando Cristo;
Secretaria de Agricultura e Abastecimento: Valéria Cress Gelli;
Secretaria de Educação: Isabel Roseli de Souza Leite;
Secretaria de Esportes e Lazer: José Luiz Bittencurt Junior;
Secretário de Finanças: Gilson Ferreira da Silva;
Secretaria de Meio Ambiente: Paulo Roberto Pires;
Secretaria de Obras: João Paulo Rolim;
Secretaria de Promoção Social: Kátia Regina Gomes Nunes;
Secretaria de Saúde: Marcos da Silveira Franco;
Procurador Chefe: Anderson de Souza;
Coordenador de CPD: Alessandro Terra Palhares;
Assessor de Governo: Mauro Gilberto de Freitas;
Assessoria para Assuntos Externos: Denise Martins Silveira;
Assessor de Expediente de Gabinete: Silvio Bonfiglioli Neto;
Assessor para Assuntos Comunitários: René Nakaya;
Chefe de Gabinete: Silvana Maria Monteiro Niel;
Fundo Social de Solidariedade: Denise Maria Barbosa Montemor César;
Administração Regional Sul: Mário Clarassoti

Como dá para notar, ainda faltam alguns nomes. Deverão ser anunciados até o fim da próxima semana.


Sidney Borges, da Redação.

Voltando ao ar

O Ubatuba Víbora volta ao ar depois de um pequeno percalço. Fomos indevidamente bloqueados pelo provedor num dia em que havia enorme expectativa sobre nosso trabalho. Para que todos saibam, o Blogger.com.br, que nos abrigava, pertence às organizações Globo. De um dia para o outro mudaram as regras do jogo, sem dar a mínima para os prejudicados. Felizmente encontramos uma nova possibilidade de existir. Continuaremos como blog por algum tempo, já estamos confeccionando a página definitiva.
 
Free counter and web stats